Página 1 dos resultados de 1034 itens digitais encontrados em 0.023 segundos

Os desafios de uma avaliação inclusiva :Estudo exploratório sobre a opinião dos docentes face à avaliação das aprendizagens no ensino básico

Lemos, Marco António Moniz de
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.21%
Este trabalho visou a apresentação e discussão dos princípios que regulam a avaliação do ensino básico, instituídos no Sistema Educativo Português, contextualizandoos historicamente e enquadrando-os nas problemáticas atuais da escola. Este estudo centrou-se na necessidade de construção/legitimação de uma escola inclusiva, adaptável às necessidades de aprendizagem de cada aluno ou grupo de alunos, delegando na avaliação, esse poder de intervenção através da sua capacidade incontornável de monotorização do sistema educativo, das escolas e em particular das aprendizagens realizadas. A análise efetuada baseou-se na sistematização de vários conceitos, concepções e modelos de avaliação, que ao longo das últimas décadas, têm suscitado inúmeras reflexões que continuam a constituir o tema de artigos e estudos recentes. Estas reflexões permitiram enunciar algumas premissas sobre uma avaliação inclusiva, contextualizada e legitimadora das finalidades que se exigem da escola, permitindo averiguar sobre o seu grau de exequibilidade. No seguimento do enquadramento teórico, procedemos a um estudo exploratório, com base num questionário, cujo principal objetivo pretendeu conhecer as opiniões dos docentes acerca das concepções e práticas de avaliação de alunos em três escolas com 2.º e 3.º ciclos...

Projeto TurmaMais: importância da formação em avaliação das aprendizagens

Cid, Marília; Cristóvão, Ana; Salgueiro, Hélio
Fonte: Educación Cubana Publicador: Educación Cubana
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
96.08%
Neste texto, os autores apresentam o Projeto TurmaMais – o qual visa promover a melhoria dos resultados escolares no ensino básico (alunos entre 6 e 15 anos), com o objetivo de reduzir as taxas de retenção e de elevar o nível de sucesso dos alunos – e descrevem a formação em avaliação das aprendizagens realizada com os docentes participantes no programa. São ainda apresentados resultados que evidenciam o grau de satisfação com a formação e o contributo para a prática profissional dos professores envolvidos.

Avaliação das aprendizagens: perceções e práticas de professores do 3º ciclo do ensino básico

Branco, Ana Margarida do Cabo Marques Loução Vilhena
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.19%
Este estudo de natureza qualitativa teve como objetivos a caracterização das perceções dos professores acerca de avaliação, a identificação das estratégias e instrumentos de avaliação que os professores dizem utilizar e indagar a existência de relação entre essas perceções e as suas práticas avaliativas. Baseou-se em dados empíricos obtidos a partir da aplicação de três técnicas de recolha de dados: entrevistas, observação direta e análise documental. Constatou-se alguma influência da tradição clássica de avaliação nas suas perceções, que se enquadram nas primeiras gerações da avaliação, onde prevalece a orientação para a classificação/ certificação em detrimento da orientação para a regulação/ melhoria das aprendizagens, sugerindo práticas avaliativas características da avaliação da aprendizagem e não da avaliação para a aprendizagem, destacando-se a tentativa das participantes em diversificar e modificar as suas estratégias e instrumentos avaliativos o que parece uma aproximação à quarta geração de avaliação; ### ABSTRACT: The purpose of this study, as far as quality aspects are concerned, was the characterization of teachers’ perceptions about assessment, strategies identification and assessment instruments theoretically used by teachers...

Avaliação das Aprendizagens: Perceções e Práticas de professores do 3ºciclo do Ensino Básico

Branco, Ana Margarida
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.19%
Este estudo de natureza qualitativa teve como objetivos a caracterização das perceções dos professores acerca de avaliação, a identificação das estratégias e instrumentos de avaliação que os professores dizem utilizar e indagar a existência de relação entre essas perceções e as suas práticas avaliativas. Baseou-se em dados empíricos obtidos a partir da aplicação de três técnicas de recolha de dados: entrevistas, observação direta e análise documental. Constatou-se alguma influência da tradição clássica de avaliação nas suas perceções, que se enquadram nas primeiras gerações da avaliação, onde prevalece a orientação para a classificação/ certificação em detrimento da orientação para a regulação/ melhoria das aprendizagens, sugerindo práticas avaliativas características da avaliação da aprendizagem e não da avaliação para a aprendizagem, destacando-se a tentativa das participantes em diversificar e modificar as suas estratégias e instrumentos avaliativos o que parece uma aproximação à quarta geração de avaliação.

Dez anos de investigação em avaliação das aprendizagens : reflexões a partir da análise de dissertações de mestrado

Martins, Carla Maria Lopes, 1969-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
96.27%
Tese de mestrado em Ciências da Educação (Avaliação da Educação), apresentada à Universidade de Lisboa através da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2008; A partir dos anos 1990, assiste-se, a nível internacional, a uma significativa produção de trabalhos de reflexão e de investigação centrados na avaliação das aprendizagens, fruto de uma tomada de consciência da sua importância na melhoria das aprendizagens dos alunos. No nosso país, a importância crescente da avaliação das aprendizagens verificou-se, essencialmente, a três níveis: políticas educativas, produção de materiais e investigação. No presente estudo fez-se uma caracterização de dissertações de mestrado produzidas em Portugal entre 1993/94 e 2002/2003, sobretudo ao nível dos contextos em que se realizaram, dos problemas e questões de investigação, bem como das estratégias e dos procedimentos metodológicos utilizados. A nível metodológico, seguiram-se os processos de uma síntese de investigação, na linha de Suri e Clarke (1999), utilizando-se critérios de inclusão/exclusão de carácter conceptual e não valorativos, com recurso a categorias de análise, leitura focada e sínteses. Os resultados desta investigação evidenciam que a maioria dos estudos tiveram como objectivo o estudo das concepções e práticas de avaliação de professores ou apenas as práticas de avaliação. No entanto...

Avaliação das aprendizagens nos Cursos de Educação e Formação de Adultos de nível secundário

Gaspar, Andreia Carina Mourato, 1983-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
96.25%
Relatório de estágio de mestrado, Ciências da Educação (Avaliação em Educação), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2010; A avaliação das aprendizagens continua a ser um tema muito actual e é ainda alvo de inúmeros estudos. Este relatório descreve o estágio curricular, realizado na Agência Nacional para a Qualificação I.P, em que foi desenvolvido um estudo sobre a avaliação das aprendizagens nos Cursos de Educação e Formação de Adultos de Nível Secundário. O objectivo principal era conhecer e compreender as práticas de avaliação das aprendizagens nos referidos cursos. Para isso, criaram-se e aplicaram-se três questionários, um a cada grupo de stakeholders envolvidos no estudo (Mediadores, Formadores e Formandos). As respostas obtidas indicam que as concepções dos profissionais de formação já estão mais orientadas para o processo que para os resultados de aprendizagem. No entanto, as práticas de avaliação ainda estão muito associadas ao ensino “tradicional”. Isto é, à procura da quantificação e da objectividade no pressuposto de que a avaliação é uma ciência exacta.; The learning evaluation remains a very typical issue and is still the subject of numerous studies. This report describes a study of learning and training evaluation in a secondary level. The main objective was to know and understand the practices of learning evaluation in those courses. For this...

Vinte e cinco anos de avaliação das aprendizagens: Uma síntese interpretativa de livros publicados em Portugal

Fernandes, Domingos
Fonte: EDUCA Publicador: EDUCA
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2007 POR
Relevância na Pesquisa
96.3%
Nos últimos 25/30 anos foram publicados, por autores portugueses, algumas centenas de trabalhos de natureza diversa no domínio da avaliação das aprendizagens dos alunos. Este facto, em si mesmo, torna clara a necessidade de se desenvolver investigação que sintetize o que é que, em Portugal, tem vindo a ser produzido no domínio da avaliação das aprendizagens e que seja capaz de: a) caracterizar globalmente o que tem sido produzido pelos investigadores e estudiosos portugueses; b) identificar e discutir os problemas e os temas que mais têm merecido a sua atenção; c) analisar como é que esses problemas têm sido abordados; e d) contribuir para o desenvolvimento teórico e prático de um domínio científico e pedagógico de reconhecida importância. A investigação foi desenvolvida tendo em conta as seguintes questões orientadoras: 1. Como é que se poderão caracterizar globalmente os livros analisados? 2. Como é que se poderão caracterizar as abordagens utilizadas pelos autores em áreas tão relevantes como a avaliação formativa ou a avaliação sumativa? 3. Que sínteses e reflexões se poderão elaborar relativamente à literatura revista? Esta síntese interpretativa mostrou que muito há ainda a fazer no domínio da avaliação das aprendizagens e...

Reflexões acerca das relações entre os estudos internacionais de avaliação das aprendizagens e as políticas educativas

Fernandes, Domingos
Fonte: Conselho Nacional de Educação Publicador: Conselho Nacional de Educação
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
96.19%
Os estudos internacionais de avaliação das aprendizagens dos alunos têm vindo a ganhar uma importância e uma notoriedade crescentes a partir dos anos 80 do passado século. Em particular, houve um claro incremento destes estudos com o Third International Mathematics and Science Study (TIMSS) da International Association for the Evaluation of Educational Achievement (IEA), em meados dos anos 90, e o Programme for International Student Assessment (PISA) da Organisation for Economic Cooperation and Development (OECD), na primeira década deste século. Pelo menos três razões podem justificar este facto. As sociedades de hoje são bem mais interdependentes dos pontos de vista económico, social, político e tecnológico, são mais abertas e as pessoas têm uma capacidade muito maior de mobilidade. As sociedades são mais multiculturais, mais competitivas e mais exigentes a todos os níveis. Os sistemas educativos confrontam-se com populações de estudantes que nada têm a ver com as populações, essencialmente homogéneas, de há 30 ou 40 anos atrás. O incremento de estudos de avaliação terá um pouco a ver com tudo isto, pois os países precisam que os seus sistemas educativos respondam melhor às necessidades de formação...

Dez Anos De Práticas De Avaliação Das Aprendizagens No Ensino Superior: Uma Síntese Da Literatura (2000-2009)

Fernandes, Domingos; Fialho, Nuno
Fonte: Centro de Investigação e Intervenção Educativas da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto Publicador: Centro de Investigação e Intervenção Educativas da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
96.31%
Avaliação, Ensino e Aprendizagens no Ensino Superior em Portugal e no Brasil: Realidades e Perspetivas; O problema desta pesquisa consistiu em sintetizar literatura publicada num período de 10 anos (2000- 2009), no domínio da avaliação das aprendizagens dos alunos, para identificar práticas associadas à melhoria do que, e como, se aprende. As sínteses de literatura constituem investigações cuja relevância é amplamente reconhecida, porque promovem a integração de trabalhos de natureza teórica e/ou de natureza empírica realizados por outros, resultando num conjunto de asserções que, em princípio, vão mais além do que a mera soma das partes analisadas. Tal como é mencionado por vários autores (e.g. Cooper, 2003; Slavin, 2004; Suri, 1999, 2002), as sínteses de literatura constituem investigações relevantes para conhecer o estado da pesquisa num dado domínio e para o “fazer avançar”. No espaço Iberoamericano e muito particularmente em Portugal, a investigação neste domínio é escassa e, por isso mesmo, pensou-se que este ponto de situação pode contribuir para informar e ajudar a desenvolver pesquisas futuras. Assim, o principal propósito desta investigação consistiu em produzir uma síntese de literatura que integrasse o que de mais essencial se pudesse afirmar acerca das práticas de avaliação das aprendizagens que se desenvolvem em contextos do ensino superior. Numa primeira fase foram identificados 63 artigos mas apenas 30...

Dez anos de investigação em avaliação das aprendizagens (2001-2010): uma síntese de teses de doutoramento

Fernandes, Domingos; Gaspar, Andreia
Fonte: Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais (CIED) Publicador: Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais (CIED)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
96.3%
Este trabalho integra-se numa linha de pesquisa cujo propósito é produzir sínteses do que, no domínio da avaliação das aprendizagens, se vai realizando em Portugal. A relevância de sintetizar literatura, resulta da escassez de investigações que integrem os seus resultados para construir conhecimento. Assim, sintetizaram-se conteúdos de oito teses de doutoramento, concluídas entre 2001 e 2010 em universidades portuguesas, cujo objeto de pesquisa era a avaliação das aprendizagens em contextos do ensino não superior. Uma análise de literatura sobre avaliação das aprendizagens permitiu identificar alguns dos temas mais discutidos neste domínio do conhecimento (e.g. avaliação formativa e avaliação sumativa; auto e heteroavaliação; feedback; participação dos alunos) e linhas de orientação que permitissem produzir uma reflexão sistematizada sobre o conteúdo das teses e não uma mera revisão de literatura. Assim, o propósito deste trabalho foi identificar os problemas e questões selecionados pelos investigadores, as suas opções metodológicas e as suas conclusões para, a partir daí, produzir uma síntese da investigação realizada no âmbito das teses analisadas.Para cada tese foram construídas sínteses verticais e horizontais...

Avaliação das aprendizagens: Uma síntese de teses de doutoramento realizadas em Portugal (2001-2010)

Fernandes, Domingos; Gaspar, Andreia
Fonte: Fundação Cesgranrio/Rio de Janeiro/Brasil Publicador: Fundação Cesgranrio/Rio de Janeiro/Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /08/2014 POR
Relevância na Pesquisa
96.28%
Neste artigo sintetizaram-se conteúdos de oito teses de doutoramento, realizadas em universidades portuguesas entre 2001 e 2010, cujo objeto de pesquisa era a avaliação das aprendizagens no ensino não superior. A pesquisa identificou problemas e questões, opções metodológicas e conclusões de cada uma das teses para, a partir daí, produzir uma síntese das pesquisas realizadas. A análise teve em conta os temas mais discutidos na literatura no domínio da avaliação das aprendizagens (e.g., avaliação formativa; avaliação sumativa; auto e heteroavaliação; feedback) e as recomendações de Wolcott (1994) para a transformação de dados qualitativos. A maioria das pesquisas analisadas era de natureza qualitativa, estudou concepções e práticas de professores sem observar aulas e abordou sobretudo questões da avaliação formativa. Apesar dos progressos observados recentemente em Portugal, discutem-se fragilidades que caraterizam a produção de conhecimento no domínio da avaliação das aprendizagens.

Dez Anos de Investigação em Avaliação das Aprendizagens (2001-2010): Uma Síntese de Teses de Doutoramento.

Domingos, Fernandes; Andreia, Gaspar
Fonte: Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais (CIED) da Escola Superior de Educação de Lisboa Publicador: Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais (CIED) da Escola Superior de Educação de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
96.27%
Este trabalho integra-se numa linha de pesquisa cujo propósito é produzir sínteses do que, no domínio da avaliação das aprendizagens, se vai realizando em Portugal. A relevância de sintetizar literatura, resulta da escassez de investigações que integrem os seus resultados para construir conhecimento. Assim, sintetizaram-se conteúdos de oito teses de doutoramento, concluídas entre 2001 e 2010 em universidades portuguesas, cujo objeto de pesquisa era a avaliação das aprendizagens em contextos do ensino não superior. Uma análise de literatura sobre avaliação das aprendizagens permitiu identificar alguns dos temas mais discutidos neste domínio do conhecimento (e.g. avaliação formativa e avaliação  sumativa; auto e heteroavaliação; feedback; participação dos alunos) e linhas de orientação que permitissem produzir uma reflexão sistematizada sobre o conteúdo das teses e não uma mera revisão de literatura. Assim, o propósito deste trabalho foi identificar os problemas e questões selecionados pelos investigadores, as suas opções metodológicas e as suas conclusões para, a partir daí, produzir uma síntese da investigação realizada no âmbito das teses analisadas.

Avaliação das aprendizagens e políticas educativas: o difícil percurso da inclusão e da melhoria

Domingos, Fernandes
Fonte: Almedina Publicador: Almedina
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
96.36%
Os resultados da investigação, em geral, mostram que a utilização sistemática de avaliações internas de natureza formativa produz benefícios (e.g., melhoria clara das aprendizagens) mas também tem limitações (e.g., questões de validade, de fiabilidade e de credibilidade). Por seu lado, as avaliações externas apresentam vantagens, algumas das quais acima referidas, e desvantagens relacionadas com os efeitos que podem ter no ensino e na aprendizagem, nomeadamente através do chamado “estreitamento” do currículo que resulta do facto dos professores se sentirem “obrigados” a “treinar” os seus alunos para resolverem um espetro relativamente reduzido de questões. Apesar disso, as políticas públicas investem tradicionalmente muito mais nas segundas do que nas primeiras, talvez devido à forte aceitação que têm nas sociedades as ideias de “rigor”, “qualidade”, “controlo” e “prestação de contas”, tacitamente aceites como estando associadas às avaliações externas. Mas também porque administrar avaliações externas permite recolher grandes massas de dados em relativamente pouco tempo e de forma mais barata do que, por exemplo, investir em programas de apoio à formação dos professores e/ou à organização pedagógica das escolas. Além do mais...

Uma abordagem à avaliação das aprendizagens na formação de professores no contexto de Bolonha

Ferreira,Carlos Alberto Alves
Fonte: Universidade de Sorocaba Publicador: Universidade de Sorocaba
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
96.21%
Com o Processo de Bolonha no ensino superior europeu, o ensino centra-se na aprendizagem e no trabalho autónomos dos futuros professores do 1º ciclo do ensino básico, de que decorre a necessidade da prática da avaliação formativa dos seus diferentes percursos de aprendizagem. Com a finalidade de caraterizarmos as práticas de avaliação das aprendizagens de futuros professores do 1º ciclo do ensino básico, fizemos uma análise dos pontos sobre a avaliação das aprendizagens dos programas das unidades curriculares dos cursos de 2º ciclo de formação daqueles professores da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. Foi-nos possível concluir que as práticas de avaliação programadas são, sobretudo, de natureza sumativa, apesar de nalgumas unidades curriculares se encontrarem alguns elementos da prática da avaliação formativa.

A avaliação das aprendizagens no Sistema Educativo Português

Fernandes,Domingos
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
96.25%
A principal finalidade deste artigo é a de discutir as principais características do sistema de avaliação das aprendizagens dos alunos dos Ensinos Básico e Secundário, tal como é proposto no currículo português. Os elevados índices de reprovação são analisados e suscitam reflexões várias tendo em conta que o referido sistema de avaliação apresenta três características que, em princípio, deveriam contribuir para que os alunos progredissem e não reprovassem. Tais características são: a) o predomínio da avaliação formativa, destinada a regular e a melhorar as aprendizagens; b) o predomínio da avaliação interna, com as escolas e os professores a desempenharem um papel muito relevante no processo de avaliação dos alunos; e c) o facto de as decisões referentes à progressão, ou não, dos alunos deverem ser tomadas apenas nos finais de cada ciclo da escolaridade obrigatória. São ainda discutidas as avaliações internas, da integral responsabilidade das escolas e dos professores, e as avaliações externas, nomeadamente as que se têm realizado sob os auspícios de organizações internacionais. De modo geral, parece poder afirmar-se que o sistema de avaliação das aprendizagens previsto no currículo português possui uma natureza progressiva e até inovadora...

A avaliação das aprendizagens na prática docente de professores de história de 5ª à 8ª séries do sistema estadual de ensino: concepções e práticas

Cristine Camelo Farias, Danielle; Batista Neto, José (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.27%
O objetivo da pesquisa consiste em analisar as concepções de avaliação das aprendizagens e a prática avaliativa de professores de História de 5ª à 8ª séries do Sistema Estadual de Ensino de Pernambuco. O trabalho traz como aporte teórico as discussões sobre prática pedagógica, prática docente e avaliação das aprendizagens na perspectiva formativa-reguladora. O referencial teórico fundamenta a análise das informações coletadas a partir da análise documental, da observação da prática docente, enquanto procedimentos, e a entrevista e o memorial como instrumentos de coleta. Utilizou-se como abordagem metodológica a pesquisa qualitativa que teve como campo empírico, três escolas da Gerência Regional de Ensino Sul (GRE Sul). A pesquisa contou com a participação de três sujeitos que atenderam aos nossos critérios de seleção: ser professor/a das séries finais do Ensino Fundamental, independente do vínculo empregatício, graduado/a em História e que estivessem exercendo o magistério dessa disciplina. A análise e apresentação dos dados fundamentaram-se na perspectiva de análise de conteúdo de Bardin. Os resultados foram categorizados por temas. Primeiramente, tratou-se das informações obtidas por meio do memorial. Essas informações foram compreendidas como hipóteses explicativas da prática avaliativa dos sujeitos da pesquisa. Diante disso...

Avaliação de aprendizagens: retrato traçado por alunos e professores do ensino regular e profissional de uma escola

Araújo, Lígia
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.19%
Não obstante um universo rico e vasto de trabalhos de investigação e um referencial teórico diversificado e cada vez mais especializado da avaliação educacional, a avaliação das aprendizagens assume cada vez mais um papel dominante não só aquando das reformas educativas, mas também no quotidiano de alunos, encarregados de educação, professores, investigadores e outros agentes educativos que no seu dia a dia se debatem com problemáticas avaliativas tanto inquietantes quanto incontornáveis. Perante um contexto educacional que paradoxalmente se tem regido, por um lado, pela ideologia formativa e, por outro lado, pela tendência da accountability, facto que suscita cada vez mais constrangimentos e desafios, sobretudo na vida de alunos e professores, é legítimo concluir que a avaliação é uma área ainda a clarificar e a reajustar. Foi deste pressuposto que emergiu a presente investigação: "Avaliação de aprendizagens: retrato traçado por alunos e professores do Ensino Regular e Profissional de uma escola". Este estudo averigua a forma como professores e alunos percecionam a avaliação, tentando aferir divergências e/ou pontos de contacto entre estes intervenientes. Deste modo, a investigação empírica baseou-se...

Relatório de estágio: que desafios(s) para a avaliação das aprendizagens? uma análise a partir de um mestrado em educação pré-escolar numa Escola Superior de Educação

Simões, Ana
Fonte: CIED – Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais/Escola Superior de Educação de Lisboa Publicador: CIED – Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais/Escola Superior de Educação de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
96.29%
A formação profissional, nomeadamente a formação profissionalizante (2ºCiclo de Estudos no âmbito de Bolonha) tem vindo a ser alvo de discussão entre as diferentes áreas do conhecimento, nomeadamente no que respeita às possíveis metodologias de avaliação a adotar (práticas profissionais supervisionadas, elaboração de portefólios individuais, realização de trabalhos de grupo com acompanhamento tutorial, redação de Relatórios de Estágio, entre outras). A presente comunicação tem como principal objetivo discutir e analisar as conceções dos educadores de infância recém-formados acerca da educação de infância e das aprendizagens realizadas no âmbito da Prática Profissional Supervisionada (PPS), através da análise dos Relatórios de Estágio elaborados no âmbito do Mestrado em Educação Pré-Escolar de uma escola superior de educação, especificamente os que dizem respeito a um grupo de mestrandos dos anos letivos 2010-2011, 2011-2012 e 2012-2013. Nesta análise, serão privilegiados os seguintes eixos: i) a caracterização reflexiva do contexto socioeducativo; ii) a análise reflexiva da intervenção; iii) as considerações finais realizadas. Pretende-se, a partir desta análise, identificar e compreender os potenciais desafios (que elementos e critérios de avaliação? Como caracterizar...

As conceções de alunos dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico sobre a avaliação das aprendizagens

Silva, Ana Maria Ferreira da
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.18%
Dissertação de Mestrado em Psicologia da Educação; O principal objetivo deste trabalho centrou-se na forma como o processo de ava-liação das aprendizagens é entendido por alunos do ensino básico, de uma escola pública de Vila Real, ou seja, que conceções apresentam sobre o processo de avalia-ção a que são sujeitos. Os dados espelham a conceção da avaliação da aprendizagem, nesta escola do ensino público que pode servir de ponto de referência para o estudo de outras realidades próximas. A investigação, a nível quantitativo, possibilitou a análise dos resultados dos questionários referente a uma amostra que envolveu alunos do 5º ao 9ºano de escola-ridade. Os resultados obtidos apontam no sentido de que os alunos percecionam a avalia-ção das aprendizagens, como resultado da «verificação» dos conteúdos programáti-cos lecionados nas diferentes disciplinas, profundamente, associado à mensuração da aprendizagem que se traduz numa matriz classificatória de cariz quantificador, dessa mesma aprendizagem.; The main objective of this work has focused on how the evaluation process of learning is understood by elementary school students two public schools, Vila Real, namely that concepts presented on the evaluation process to which they are subjected. The data reflect the design of the evaluation of learning...

A avaliação das aprendizagens no Sistema Educativo Português; The evaluation of learning in the Portuguese Education System

Fernandes, Domingos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2007 POR
Relevância na Pesquisa
96.25%
A principal finalidade deste artigo é a de discutir as principais características do sistema de avaliação das aprendizagens dos alunos dos Ensinos Básico e Secundário, tal como é proposto no currículo português. Os elevados índices de reprovação são analisados e suscitam reflexões várias tendo em conta que o referido sistema de avaliação apresenta três características que, em princípio, deveriam contribuir para que os alunos progredissem e não reprovassem. Tais características são: a) o predomínio da avaliação formativa, destinada a regular e a melhorar as aprendizagens; b) o predomínio da avaliação interna, com as escolas e os professores a desempenharem um papel muito relevante no processo de avaliação dos alunos; e c) o facto de as decisões referentes à progressão, ou não, dos alunos deverem ser tomadas apenas nos finais de cada ciclo da escolaridade obrigatória. São ainda discutidas as avaliações internas, da integral responsabilidade das escolas e dos professores, e as avaliações externas, nomeadamente as que se têm realizado sob os auspícios de organizações internacionais. De modo geral, parece poder afirmar-se que o sistema de avaliação das aprendizagens previsto no currículo português possui uma natureza progressiva e até inovadora...