Página 1 dos resultados de 3265 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

A estrutura a termo das taxas de juro e a trajetória futura de inflação e atividade econômica : um estudo sobre o caso brasileiro

Souza Filho, Edison Ticle de Andrade Melo e
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Relevância na Pesquisa
66.15%
O objetivo deste trabalho é examinar a hipótese de que a estrutura a termo das taxas de juros é um bom indicador antecedente das trajetórias futuras da inflação e da atividade econômica, especificamente para o caso brasileiro, no período de 1999 a 2006. As evidências empíricas, examinadas através de regressões da inclinação da curva de juros realizadas contra a variação futura da produção industrial (IBGE) apresentaram resultados pouco robustos, porém coeficientes significativos a 5% (para prazos de projeção de 3 a 18 meses). Quando controlada para outras variáveis explicativas, manteve seu poder de previsão, sugerindo que há conteúdo informacional relevante na inclinação da curva de juros para previsão da produção industrial futura. As regressões realizadas contra a variação futura do PIB a preços constantes (IBGE) apresentaram resultados bastante fracos e coeficientes pouco significativos. Por outro lado, os resultados empíricos das regressões do spread da curva de juros contra a variação futura da inflação (IPCA) mostraram-se robustos, para todas as especificações de diferencial de curva de juros. Novamente, quando controlada para outras variáveis explicativas, manteve seu poder de previsão. As conclusões deste trabalho permitem sugerir aos bancos centrais estar atentos à informação contida na estrutura a termo de juros...

Causalidade entre crédito bancário e nível de atividade econômica na região metropolitana de São Paulo: algumas evidências empíricas

Reichstul,Daniel; Lima,Gilberto Tadeu
Fonte: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE Publicador: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.19%
Este artigo contribui para o entendimento da causalidade entre crédito bancário e atividade econômica na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). Questões têm sido levantadas quanto à direção da causalidade, à Granger, prevalecente em economias nacionais, e uma ênfase local ainda não contemplada na literatura é dada aqui. Analisa-se a relação entre diferentes modalidades de crédito bancário e um indicador de atividade econômica na RMSP entre janeiro de 1992 e dezembro de 2003, com um modelo de Vetores Auto-regressivos bivariado tendo detectado uma causalidade bidirecional.

Incerteza e atividade econômica no Brasil

Costa Filho,Adonias Evaristo da
Fonte: Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
56.04%
Este artigo estuda a relação entre incerteza e atividade econômica no Brasil. A incerteza é aproximada por um índice baseado na frequência da palavra "incerteza" nas seções econômicas de jornais, pelo desvio-padrão das expectativas de crescimento econômico e pela volatilidade do mercado acionário. A incerteza é contra-cíclica, e choques de incerteza produzem efeitos negativos e rápidos na economia brasileira, quando comparados com choques na taxa de juros. Os resultados estão em linha com os encontrados para outros países.

Dignidade da pessoa humana e atividade econômica : considerações sobre a aplicação dogmática constitucional emancipatória sobre a ordem econômica

Bauer, Alyson Carlos Kley
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.21%
Analisa a dignidade humana como objetivo final de toda atividade econômica, seja ela desenvolvida como serviço público ou como atividade econômica em sentido estrito. Trata de temas como a heterogeneidade funcional dos princípios da ordem econômica e a dignidade humana e a ordem econômica à luz da dogmática constitucional emancipatória.

Política fiscal, dívida pública e a atividade econômica

Dill, Helena Cristina
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.15%
Resumo: O objetivo desta dissertação é contribuir para o debate acerca da relação entre política fiscal, dívida pública e atividade econômica através de dois métodos: modelo macrodinâmico e aplicação empírica utilizando a abordagem de Vetores Auto Regressivos em seu formato estrutural. Considerando a função atribuída à política fiscal de garantir um orçamento público equilibrado e, desse modo, manter a estabilidade da dívida pública, ambos os métodos buscam identificar a forma mais adequada de condução da política fiscal bem como os efeitos desta sobre o produto da economia. O modelo macrodinâmico busca analisar a relação de longo prazo entre gastos públicos, produto e dívida pública por meio de duas situações. Inicialmente, dado um comportamento anticíclico da política fiscal, é imposta a condição de que o governo apresenta um orçamento equilibrado no curto prazo, de modo que a dívida pública está em sua trajetória de steady-state. Uma vez constatada a estabilidade do sistema, relaxa-se o pressuposto de equilíbrio do orçamento público no curto prazo, no intuito de verificar se a estabilidade é mantida. O resultado obtido aponta para a instabilidade do sistema de equações, o que é contornado quando é suposto um comportamento pró-cíclico para a política fiscal. Assim...

Política tributária, nível de atividade econômica e bem-estar: lições de um modelo de equilíbrio geral inter-regional; Tax policy, economical activity level and welfare: lessons of a interregional general equilibrium model

Santos, Cárliton Vieira dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.15%
Este trabalho analisa os impactos sobre a economia brasileira, em nível nacional e regional, de três diferentes políticas no campo da tributação indireta: a redução dos tributos indiretos sobre os principais produtos alimentícios consumidos pelas famílias, a redução dos tributos indiretos sobre os principais insumos empregados na atividade agropecuária e a redução de tributos indiretos sobre todos os bens e serviços no Estado de São Paulo. A análise foi realizada por meio de exercícios de simulação com o uso de um modelo aplicado de equilíbrio geral inter-regional estático, do tipo bottom-up, que foi denominado TERM-BR (The Enourmous Regional model for Brazilian Economy). Ele especifica 42 setores produtivos e 27 regiões (os 26 estados e o Distrito Federal) e foi calibrado para o ano de 2001. As simulações de redução dos tributos indiretos sobre alimentos (Experimento 1) e de redução dos tributos indiretos sobre insumos agropecuários (Experimento 2) tiveram pouco impacto para o Brasil como um todo. Em termos regionais, seus resultados sinalizaram aumento no nível de atividade econômica, no emprego, no salário real, no consumo das famílias e no investimento nas regiões mais pobres do País: Norte e Nordeste. Ambas as simulações revelaram ainda que políticas como estas têm o potencial de melhorar o bem-estar dos grupos de rendas mais baixas...

A personalidade jurídica dos exercentes da atividade empresarial e a questão da separação patrimonial do empresário individual

Pedroso, Ruth Marlen da Conceição
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.22%
O presente trabalho versa sobre a personalidade jurídica dos exercentes da atividade empresarial e a questão da separação patrimonial do empresário individual. A personalidade jurídica é o nascimento da pessoa mediante registro no Cartório, ou, também, da sociedade através da inscrição no Registro Publico de Empresas Mercantis. Ao se formar uma sociedade empresária, nasce uma nova pessoa, a pessoa jurídica, a qual possui personalidade própria, distinta da pessoa dos sócios que a compõe. Entretanto, para o exercente individual da atividade econômica, existe apenas a sua própria personalidade jurídica, sendo este considerado para todos os efeitos, pessoa física, ainda que haja o devido registro. Possui, ainda, inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica, pois somente para o Direito Tributário, a pessoa física do empresário e o exercente da atividade empresarial, são pessoas distintas, sendo este último considerado pessoa física. Se ao empresário individual é atribuída personalidade jurídica somente a pessoa física deste, responderá ilimitadamente com seus bens particulares, às dívidas contraídas no exercício de sua atividade econômica, o mesmo não ocorre com os sócios da sociedade empresária...

Obrigatoriedade das empresas estatais exploradoras de atividade econômica seguirem o estatuto de licitações (lei 8.666/93); Obrigatoriedade das empresas estatais exploradoras de atividade econômica seguirem o estatuto de licitações Lei n o 8.666, de 21 de junho de 1993

Santos, Marcelo Alves dos
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.25%
O presente trabalho tem o escopo de permitir a compreensão de tópicos atinentes à Administração Pública, tratados pela doutrina clássica de forma superficial. Verifica-se no âmbito do direito público, principalmente pelos autores mais renomados, a abordagem de diversos temas, entre eles, a obrigatoriedade das empresas estatais exploradoras de atividade econômica seguirem o Estatuto de Licitações (Lei n° 8.666/93). A Administração Pública para buscar seus objetivos, precisa contratar bens, obras e serviços, fazendo-a em regra, por meio do procedimento denominado licitação, regido pela Lei n.° 8666.93 principalmente. Sempre se questionou sobre a aplicação do Estatuto das Licitações às empresas estatais exploradoras de atividades econômicas e às empresas estatais prestadoras de serviços públicos, em virtude do disposto no art. 173, § 1º, III, da CF, que prevê, por meio de lei, um procedimento simplificado de licitação às empresas estatais (empresa pública e sociedade de economia mista), exploradoras de atividade econômica. Ocorre que jamais foi editada tal lei, gerando assim, diversos posicionamentos da doutrina e dos tribunais. Exemplo, o decreto da Petrobras n.° 2.745/98, o qual criou um procedimento simplificado de licitação...

Monetary policy, inflation and the level of economic activity in Brasil after the Real Plan : stylized facts from SVAR models; Discussion Paper 149 : Monetary policy, inflation and the level of economic activity in Brasil after the Real Plan : stylized facts from SVAR models; A política monetária, a inflação e o nível de atividade econômica no Brasil após o Plano Real : fatos estilizados a partir de modelos SVAR

Céspedes, Brisne J. V.; Lima, Elcyon C. R; Maka, Alexis
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Discussion Paper
EN-US
Relevância na Pesquisa
56.04%
Este artigo investiga as relações estocásticas e dinâmicas de um grupo de variáveis macroeconômicas brasileiras (índices de preços, produção industrial, taxa de câmbio nominal, taxas de juros de curto e médio prazo, e M1) para o período após o Plano Real (1996-2004). Adota, como é usual na literatura, vários modelos SVARs (VAR estruturais) para determinar os fatos estilizados relativos aos impactos de curto prazo das fontes exógenas de flutuação identificadas para esse grupo de variáveis. O artigo inova ao empregar Grafos Acíclicos Direcionados (DAG) na obtenção das relações causais contemporâneas entre as variáveis e ao considerar que as alterações da política monetária, ocorridas após o Plano Real, tornam essencial a divisão da nossa amostra em dois subperíodos (1996/07-1998/08 e 1999/03-2004/12). Os resultados principais são: a) em resposta a uma inovação positiva na taxa de juros de curto prazo (Selic), durante o subperíodo 1999-2004, a produção e o nível de preços caem — porém, a resposta da produção é mais rápida que a do nível de preços, que só acontece com uma defasagem de aproximadamente quatro meses; b) para o período 1996-1998, o efeito mais provável de uma inovação positiva na taxa de juros de curto prazo é a redução do nível de preços - também com uma defasagem de quatro meses...

Risco das instituições financeiras e o impacto sobre a atividade econômica: uma análise com dados em painel para o Brasil; Risk of financial institutions and the impact on economic activity: an analysis with panel data for Brazil

Mendonça, Helder Ferreira de; Galvão, Délio José Cordeiro; Loures, Renato Falci Villela
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Pesquisa e Planejamento Econômico (PPE) - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
56.04%
Este artigo apresenta evidências empíricas para a presença do trade-off entre a atividade econômica e o risco que as instituições financeiras estão dispostas a correr em suas atividades. Por meio da aplicação da metodologia de dados em painel para 66 firmas bancárias brasileiras, foi observado que a adoção de estratégias de maior risco no mercado está associada a maiores índices de lucratividade. Além disso, as evidências empíricas revelam a existência de uma relação positiva entre o hiato do produto e o risco das firmas bancárias.; p. 05-27 : il.

As Agências Federais de Crédito: um exame da distribuição espacial e setorial das aplicações: 1995-1999; Texto para Discussão (TD) 1127: As Agências Federais de Crédito: um exame da distribuição espacial e setorial das aplicações: 1995-1999; Federal Agencies Credit: an examination of the spatial and sectoral distribution of investments - 1995-1999

Vasconcelos, José Romeu de; Rodrigues, Alberto Alves
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
56.04%
As ações do governo no mercado financeiro são múltiplas, como seus efeitos sobre as condições do crédito também são os mais variados. Influenciando o mercado financeiro, o governo pode também influir sobre o volume de investimentos e sobre a demanda agregada. Além dessa influência indireta, convém notar que as autoridades podem agir sobre o mercado através da regulamentação dos intermediários financeiros. A pesquisa analisa o comportamento dos financiamentos concedidos pelas Agências Federais de Crédito (AFCs) às diversas unidades da federação (UFs) e aos diversos setores da atividade econômica brasileira, no período 1995-1999. O estudo permitiu a construção de um diagnóstico das operações de crédito das AFCs em nível de UFs. Dessa forma, no corpo do trabalho analisou-se a evolução da distribuição dos financiamentos das AFCs por UF e agregado regionalmente ao longo do período em análise, bem como o comportamento dos desembolsos das AFCs em nível de UFs, tomando por base o Produto Interno Bruto (PIB) das UFs. A pesquisa foi conduzida pela Diretoria de Estudos Regionais e Urbanos do Ipea (Dirur/Ipea), com colaboração das AFCs, exigindo, ainda, um processo de harmonização dos dados disponíveis...

Saída do mercado de trabalho : qual é a idade?

Camarano, Ana Amélia; Kanso, Solange; Fernandes, Daniele
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Mercado de trabalho: conjuntura e análise - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
56.15%
Este trabalho estuda o processo de saída dos trabalhadores brasileiros da atividade econômica. Busca entender em que momento da vida os indivíduos deixam o mercado de trabalho e passam a receber o benefício da aposentadoria. Apresenta as tendências observadas entre 1992 e 2010 para a concessão do benefício da aposentadoria por idade, segundo os vários regimes. Analisa a dinâmica de saídas do mercado de trabalho, por morte e por aposentadoria. Mede o tempo despendido na atividade econômica e na condição de aposentadoria. A análise foi feita utilizando-se os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) de 1998, 2003 e 2008 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e os registros administrativos do Ministério da Previdência Social (MPS), contemplando os vários regimes de aposentadoria: invalidez, idade avançada (urbana e rural), tempo de contribuição, regimes próprios do setor público, bem como os benefícios de prestação continuada (BPC), que são não contributivos.; p. 19-28 : il.

Oferta monetária, nível de atividade econômica e inflação; Textos para Discussão Interna (TD) 188: Oferta monetária, nível de atividade econômica e inflação; Money supply, economic activity and inflation

Rossi, José W.
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
76.22%
O estudo mostra que é muito forte no longo prazo a relação entre as variáveis inflação e taxa de variação na oferta monetária (vários conceitos). Essa relação é também forte no curto prazo para os agregados monetários mais amplos. Não há, entretanto, seja no curto ou longo prazo, relação entre a variação na oferta monetária e o nível de atividade econômica. O teste de causalidade de Granger entre a oferta monetária e a inflação sugere que as variações nesta última se antecipam temporalmente às variações na primeira.; 14 p.

Efeitos dinâmicos dos choques de oferta e demanda agregada sobre o nível de atividade econômica do Brasil; Texto para Discussão (TD) 267: Efeitos dinâmicos dos choques de oferta e demanda agregada sobre o nível de atividade econômica do Brasil; Dynamic effects of supply shocks and aggregate demand on the level of economic activity in Brazil

Lima, Elcyon Caiado Rocha; Migon, Hélio S.; Lopes, Hedibert Freitas
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
76.22%
O resultado mais importante e controverso da pesquisa recente sobre ciclo real de negócios é a tese de que os impactos acumulados dos choques permanentes de oferta são responsáveis pela maior parte da flutuação no nível da atividade econômica. Neste artigo utilizamos uma versão bayesiana da metodologia desenvolvida em Blanchard e Quah (1989) para investigar se o ciclo de negócio no Brasil pode ser interpretado como resultante, principalmente de choques permanentes de oferta. Nós, como Blanchard e Quah, interpretamos as flutuações no PIB e no desemprego com sendo causadas por dois tipos de choques: um, que tem impacto permanente na produção, e outro, que não apresenta efeito permanente. O primeiro é interpretado como um choque de oferta e o segundo com um choque de demanda. Utilizando dados trimestrais de 82.3 a 90.1, nossos principais resultados são: as estimativas dos choques de oferta corroboram a visão de que uma fração substancial das flutuações da produção no Brasil podem ser atribuídas a choques de oferta; e há também evidências de que os choques de demanda são importantes para explicar flutuações na taxa de desemprego.; 32 p. : il.

Análise da matriz por atividade econômica do comércio interestadual no Brasil - 1999; Texto para Discussão (TD) 1159: Análise da matriz por atividade econômica do comércio interestadual no Brasil - 1999; Matrix analysis by economic activity in interstate commerce in Brazil - 1999

Vasconcelos, José Romeu de; Oliveira, Márcio Augusto de
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
56.11%
Este documento analisa a pauta das exportações do comércio por vias internas, através da qual foi possível compreender e avaliar as relações comerciais entre os estados, a utilização dos produtos importados pelos estados, a natureza das atividades econômicas exportadoras, a intensidade de fatores e/ou definidores de competição das referidas atividades, os encadeamentos existentes entre suas estruturas produtivas, bem como o grau de (in)dependência econômica dos estados. Essas e outras questões permitem avaliar, por exemplo, os impactos de políticas industriais ou tributárias (isenções ou renúncias fiscais) nas regiões ou mesmo definir políticas de promoção de investimentos em determinadas atividades econômicas nos estados. A importância das informações sobre os padrões comerciais existentes no país refere-se à definição de políticas públicas, que podem abranger diversas áreas: tributárias e fiscais, de planejamento e de desenvolvimento regional.; 206 p. : il.

Considerações sobre a evolução recente do investimento no Brasil

Bahia, Luiz Dias
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Radar - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
56.18%
Este trabalho tem como objetivo, na medida do possível, a partir da limitação de dados e da ainda muito recente evolução da crise, considerar, de forma mais detida, o comportamento do investimento no Brasil, elaborando aspectos prováveis de sua trajetória para 2009. Constatamos que ainda é cedo para afirmar sobre e mudança mais prolongada ou não do patamar dos investimentos, apesar de ser certo afirmar que a FBKF de 2009 será menor que a de 2008. Além disso, o que se poderia esperar de iniciativas para se reduzir tal queda? A redução da taxa Selic, mesmo que aprofundada, provavelmente terá influência apenas em 2010, dados por um lado, o clima de incerteza atual e, por outro, a variação do nível de atividade econômica, que será pouco maior ou igual durante 2009, em relação a 2008. Assim, resta manter o nível interno de atividade, pois o externo provavelmente será reduzido, apesar da desvalorização cambial, já que a retração do comércio internacional será significativa - principalmente será significativa - principalmente quanto aos EUA e a União Européia, nossos principais mercados. Para tanto, são variáveis-chave o emprego e o consumo das camadas de menor poder aquisitivo - que poupam menos.; p. 6-9 : il.

Indicadores coincidentes de atividade econômica e uma cronologia de recessões para o Brasil

Duarte, Angelo J. Mont’alverne; Issler, João Victor; Spacov, Andrei
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Pesquisa e Planejamento Econômico (PPE) - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
76.22%
Este trabalho discute três índices alternativos de atividade econômica para o Brasil e, a partir deles, busca estabelecer uma cronologia de recessões para o passado recente da economia brasileira. Isso é feito incorporando à nossa pesquisa parte da experiência americana de quase um século de pesquisas sobre ciclos de negócios — do NBER e do TCB. Decidiu-se considerar aqui uma gama de possíveis indicadores coincidentes e antecedentes — uns fundamentados em métodos heurísticos e outros, em sofisticadas técnicas estatístico-econométricas —, de forma a poder comparar seus resultados vis-àvis a nossa pouca experiência de cronologia de recessões. Além disso, houve um grande esforço de construção de séries coincidentes à atividade econômica, pois nem todas estavam disponíveis na abrangência e extensão necessárias. A partir dos resultados de uma bateria de testes estatísticos, e também levando em conta a simplicidade de cálculo, concluímos por sugerir que o índice brasileiro deva seguir a metodologia do TCB.; p. 1-38 : il.

Causalidade entre crédito bancário e nível de atividade econômica na região metropolitana de São Paulo: algumas evidências empíricas

Reichstul, Daniel; Lima, Gilberto Tadeu
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2006 POR
Relevância na Pesquisa
66.19%
This study contributes to the understanding of the causality between banking credit and economic activity in the Metropolitan Region of São Paulo (MRSP). Questions have been raised as to the prevailing Granger-causality for national economies, and a local approach that has not yet been followed in the empirical literature is pursued here. It is dealt with the relationship between several banking credit modalities and an indicator of economic activity in the MRSP from January 1992 to December 2003, with a bivariate Autoregressive Vector model having found a birectional causality.; Este artigo contribui para o entendimento da causalidade entre crédito bancário e atividade econômica na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). Questões têm sido levantadas quanto à direção da causalidade, à Granger, prevalecente em economias nacionais, e uma ênfase local ainda não contemplada na literatura é dada aqui. Analisa-se a relação entre diferentes modalidades de crédito bancário e um indicador de atividade econômica na RMSP entre janeiro de 1992 e dezembro de 2003, com um modelo de Vetores Auto-regressivos bivariado tendo detectado uma causalidade bidirecional.

Índice Paranaense de Atividade Econômica: metodologia e resultados

Porsse, Alexandre Alves; Prof. Assistente da Universidade Federal do Paraná - UFPR; Pereima, João Basilio; Prof. Adjunto da Universidade Federal do Paraná - UFPR; Madruga, Felipe Gomes; UFPR; Vieira, Pedro Américo; UFPR
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 26/08/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.19%
O objetivo deste estudo é construir um índice de atividade econômica para monitorar, trimestralmente, a evolução da economia paranaense. A estrutura do índice contempla as atividades agrícola, pecuária, indústria e comércio. A metodologia de cálculo faz uso de dados de pesquisas secundárias do IBGE e das Contas Regionais para formação da estrutura de ponderação. O Índice Paranaense de Atividade Econômica (IPAE-RET/UFPR) consiste em um indicador antecedente trimestral que permite avaliar, ao longo do ano, o comportamento da economia paranaense

Elaboração de um indicador de atividade econômica municipal para a análise de conjuntura econômica do Município de Rondonópolis – MT

Luís Otávio Bau Macedo; Universidade Federal de Mato Grosso; Ricardo Alves de Olinda; Universidade Estadual da Paraíba; Franscisca Nathalia de Sousa Leite; Universidade Federal de Mato Grosso
Fonte: Revista de Administração e Negócios da Amazônia Publicador: Revista de Administração e Negócios da Amazônia
Tipo: Artigo Avaliado por Pares; estudo de caso; modelo estatístico Formato: application/pdf
Publicado em 28/09/2015 PT
Relevância na Pesquisa
56.2%
O presente artigo visa desenvolver uma metodologia de análise de conjuntura em nível municipal utilizando como referência o Município de Rondonópolis – MT. A avaliação de conjuntura é realizada por meio do cálculo de um Índice de Atividade Econômica mediante o emprego da técnica multivariada de componentes principais, com o objetivo de se estimar o indicador de atividade, e uma análise de séries temporais para a projeção da evolução do índice no período de dois anos (2015/2016). Para a análise de séries temporais empregou-se o método autorregressivo integrado de média móvel (ARIMA) com o intuito de se projetar os resultados para a atividade econômica de Rondonópolis nos anos de 2015 e 2016. Os resultados do estudo indicam que o município de Rondonópolis após um período de elevado crescimento tende a apresentar estabilidade da atividade econômica no período de 2015 e 2016.