Página 1 dos resultados de 5793 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

"Avaliação dos serviços de atenção primária à saúde no município de Uberaba: acessibilidade, utilização e longitudinalidade da atenção" ; "Evaluation on Primary Care Services in the municipality of Uberaba: acessibility, utilization and longitudinaly."

Martins, Gisele Paula
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/09/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.62%
A atenção primária é recomendada como um princípio organizador para os sistemas de saúde, preconizando, dentre outros aspectos, a acessibilidade, a utilização e longitudinalidade nos serviços de atenção primária, que este trabalho buscou conhecer no município de Uberaba. Para tanto, foram avaliadas: a acessibilidade dos serviços de atenção primária; a utilização do serviço de referência de atenção primária pela população adstrita; a capacidade de a população adstrita identificar qual é o serviço de referência de atenção primária da área onde mora; a opinião do usuário sobre a capacidade dos profissionais de saúde em identificar a população adstrita à área de atuação de seu serviço de saúde; a percepção do usuário sobre a existência de laços interpessoais (vínculo) entre os usuários dos serviços de saúde e os profissionais da equipe. Propôs-se a avaliar, ainda, se a estratégia adotada para o processo assistencial nos serviços de atenção primária estudados, influenciou na acessibilidade, utilização e longitudinalidade da atenção ofertada. Este é um estudo do tipo quantitativo, descritivo e transversal realizado por meio da aplicação de um questionário em domicílios selecionados aleatoriamente no Distrito Sanitário II (DSII)...

Construindo as competências do cirurgião-dentista na atenção primária em saúde; Building dental surgeon competencies in primary health care

Gontijo, Liliane Parreira Tannús
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/02/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.55%
Esta pesquisa tem como enfoque central a especificidade do trabalho do cirurgiãodentista (CD), na atenção primária em saúde e, como objeto de estudo, a construção de suas competências gerais e específicas e sua contribuição para a construção do Sistema Único de Saúde (SUS). Os referenciais de competência e atenção primária em saúde, articulados aos princípios do SUS e da estratégia de Saúde da Família, fundamentaram teoricamente este trabalho. A definição dos municípios do estudo e da escolha dos sujeitos deu-se em função da utilização da técnica Delphi, como método de investigação. Foram selecionados 12 municípios da Região do Triângulo Mineiro/ Alto Paranaíba e a totalidade dos 509 cirurgiões-dentistas da rede básica do SUS. Participaram da pesquisa 11 municípios e 337 cirurgiões-dentistas. Os resultados em relação ao perfil dos CD apontaram que a maioria é de mulheres (69,5%); tem a idade de mais de 36 anos (70%); casados (65%); estão a longo período trabalhando na atenção básica de saúde (53% acima de 10 anos); e em busca da diferenciação neste contexto de mercado, a partir da realização da pósgraduação (especialização), sendo que 55,8% cursaram ou estão cursando a especialização e 3...

Avaliação da atenção primária à saúde prestada a crianças e adolescentes na região oeste do município de São Paulo; Evaluation of primary health care provided to children and adolescents in western region of São Paulo

Ferrer, Ana Paula Scoleze
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.57%
Introdução: A Atenção Primária à Saúde (APS) é considerada pela Organização Mundial da Saúde como o componente essencial para a organização da assistência à saúde. Muitas evidências dos benefícios da APS são descritas, entretanto, verifica-se uma grande heterogeneidade na assistência oferecida, o que repercute nos resultados em saúde. Dessa forma, os estudos que avaliam a qualidade da APS têm sido considerados fundamentais para identificar como o cuidado tem sido oferecido, em que pontos estão ocorrendo falhas e quais são as prioridades para a atuação, buscando aumentar a efetividade e a eficiência da atenção prestada. O Brasil passa, atualmente, por um momento de reestruturação do sistema e de organização da APS. As avaliações realizadas em nosso meio, até o momento, têm verificado alguns impactos positivos, porém os resultados ainda são inconsistentes. Um desses resultados é a manutenção de taxas elevadas de Internações por Condições Sensíveis À Atenção Primária (ICSAP) além da constatação de aumento dessas condições no município de São Paulo. Esse estudo partiu da hipótese de que as altas porcentagens de ICSAP devem estar relacionadas a uma baixa orientação aos princípios norteadores (atributos) da APS dos serviços de atenção básica oferecidos à população infantil. Objetivo: Avaliar os atributos da atenção primária oferecida às crianças moradoras da região oeste do município de São Paulo e que foram internadas por condições sensíveis à atenção primária. Métodos: Estudo de corte transversal de abordagem quanti-qualitativa. A população alvo foram as crianças internadas na enfermaria pediátrica do Hospital Universitário da USP...

A violência e os profissionais da saúde na atenção primária; Violencia y profesionales de la salud en la atención primaria; Violence and health professionals in primary health care

Kaiser, Dagmar Elaine; Bianchi, Fabiana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
Os profissionais que atuam na atenção primária em saúde são afetados pela violência por lidarem com uma clientela muito diversificada. Foi realizado um estudo, do tipo qualitativo exploratório descritivo, que teve como objetivo conhecer as situações em que se dão as agressões aos profissionais de saúde na atenção primária em saúde. A coleta dos dados ocorreu em 2007, com a totalidade de uma equipe de saúde de uma unidade básica, por meio de entrevista semi-estruturada. A análise de conteúdo destacou sete diferentes categorias de respostas: o processo de trabalho na atenção primária; as necessidades de saúde da população; o risco de exposição à agressão; o agressor; os tipos de agressão sofridos; o papel da gestão; e do profissional da saúde no contexto da atenção primária. O estudo permitiu evidenciar os fatores associados ao risco de exposição à violência e suas implicações, contribuindo com informações e conhecimentos que podem atenuar estes eventos.; Los profesionales que se desempeñan en la atención primaria a la salud son afectados por la violencia al enfrentar pacientes de muy diferentes extracciones. Se realizó un estudio de tipo cualitativo exploratorio descriptivo, que tuvo como objetivo conocer las situaciones en que se dan las agresiones a los profesionales de salud en la atención primaria en salud. La recolección de los datos tuvo lugar en 2007...

Prevalência de hipertensão arterial sistêmica no brasil e manejo usual da doença na atenção primária

Picon, Rafael da Veiga Chaves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
Introdução Hipertensão arterial sistêmica (HAS) é atualmente definida pela média de pressão arterial (PA) de consultório maior ou igual a 140/90 mmHg em ao menos duas aferições rea-lizadas em duas ou mais consultas. É conhecido fator de risco para doença cardiovascular, explicando cerca de metade dos casos de acidente vascular encefálico e de doença arterial coronariana. Também é notório contundente o acúmulo de evidências que apontam para correlação positiva entre os níveis pressóricos arteriais e o risco para eventos cardiovascula-res. Estimativas internacionais revelam o aumento na prevalência de HAS no mundo, apesar de, paradoxalmente, ter ocorrido aparente redução na média de PA sistólica nas úl-timas décadas. Segundo projeções publicadas, até 2025, 1,17 bilhão de pessoas serão por-tadoras de HAS, sendo que três quartos delas viverão em países em desenvolvimento e os idosos serão os mais acometidos. Mesmo assim, há carência de dados de prevalência da doença no mundo em desenvolvimento, inclusive no Brasil, e, sobretudo entre os idosos. Em nosso país, não existem estudos com amostras representativas da nação que tenham avaliado a frequência de HAS por meio de aferição de PA. O impacto da HAS sobre a saúde da população e seus desdobramentos econômicos...

Análise da relação entre internações por condições sensíveis à atenção primária, hospitais de pequeno porte e estratégia saúde da família no âmbito de uma regional de saúde

Soleiman, Aliciana Paulo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.61%
A assistência à saúde no Brasil tem apresentado dificuldades na efetividade da Atenção Primária, sobretudo em sua distribuição básica ofertada aos usuários, sendo possível questionar, desta forma, a resolutividade desta assistência. Baseado nisso, a Atenção Primária demonstra sua fragilidade quando ocorrem internações que deveriam ser evitadas através de ações oportunas e eficazes, mas que acabam por ser agravos à saúde, cuja morbidade e mortalidade poderiam ser reduzidas em sua totalidade ou em parte pela presença de serviços efetivos em um dado período histórico. Quando a Atenção Primária não garante a eficácia da assistência, eleva a demanda dos níveis de média e alta complexidade, implicando em altos custos desnecessários. Essa demanda excessiva inclui um percentual de Internações por Condições Sensíveis à Atenção Primária - ICSAP, indicador que vem sendo utilizado para avaliar os serviços de saúde e a capacidade de resolução da gestão diante da Atenção Primária. É nesse sentido que este trabalho vem analisar as relações dos coeficientes de internações por condições sensíveis à atenção primária, vista por local de residência, no âmbito da 4ª Coordenadoria Regional de Saúde...

Elementos para uma política de avaliação das ações de saúde mental na atenção primária : contribuições de uma pesquisa qualitativa avaliativa; Elements for an evaluation policy on mental health iniciative in primary care : contribution of a qualitative evaluation research

Karime da Fonseca Pôrto
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.66%
A inclusão de ações de saúde mental junto às equipes de Atenção Primária tem importante relevância se considerada a magnitude epidemiológica dos transtornos mentais e a necessidade de ampliação do acesso aos cuidados em saúde mental na rede SUS. Esta tem sido uma prioridade da Política Nacional de Saúde Mental para Atenção Primária do Ministério da Saúde e muitos municípios brasileiros têm experiências consolidadas neste campo. Entretanto, constata-se que a avaliação das ações de saúde mental na atenção primária no SUS ainda estão voltadas para experiências locais e não há estudos sobre estratégias de avaliação de alcance nacional, de forma a apontar as diretrizes das políticas que orientam este campo e as evidências quantitativas e qualitativas que devem orientar as equipes da rede básica. Este estudo visou construir subsídios para uma política de avaliação e monitoramento das ações de saúde mental na atenção primária, em diálogo com a Reforma Sanitária, Reforma Psiquiátrica e da Atenção Primária. A pesquisa se caracteriza como qualitativa avaliativa, com a utilização de diferentes técnicas para coleta de dados: análise documental, revisão narrativa da literatura e a realização de Painel de Especialistas para construção de consensos sobre indicadores e parâmetros de saúde mental para a atenção primária. A partir da análise de documentos da Política Nacional de Saúde Mental e da Política Nacional de Atenção Primária...

A Acessibilidade do idoso com deficiência física na Atenção Primária em Saúde

Girondi, Juliana Balbinot Reis
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
66.66%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; O crescente envelhecimento da população mundial tem provocado alterações profundas na sociedade, com grande impacto na área da saúde. Entre várias possibilidades, uma das condições que os indivíduos podem levar para a velhice ou que podem vir a se instalar nessa etapa da vida são as deficiências físicas. O problema da incapacidade e da deficiência em idosos tem relevância no âmbito da saúde pública, embora a assistência dessa população se insira marginalmente no sistema de saúde. A situação da assistência a pessoa idosa com deficiência no Brasil ainda apresenta um perfil de fragilidade, desarticulação e descontinuidade de ações na esfera pública e privada. Diante desse contexto surgiu a seguinte questão de pesquisa: Como está sendo o processo de acessibilidade de idosos com deficiência física aos serviços de saúde na Atenção Primária no município de Florianópolis? O presente estudo, de abordagem qualitativa e de caráter descritivo, teve como objetivo principal: investigar a acessibilidade de idosos com deficiência física aos serviços de saúde na Atenção Primária...

Avaliação da implantação do plano diretor da atenção primária à saúde em Unaí-MG

Arantes, Luciano José
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
66.55%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciêndcias da Saúde, 2011.; O objetivo deste estudo foi avaliar a implantação do Plano Diretor da Atenção Primária à Saúde no município de Unaí, localizado no Estado de Minas Gerais, Brasil. O estudo foi realizado nas Equipes de Saúde da Família com a aplicação de um questionário para a avaliação da Atenção Primária à Saúde quanto à estrutura, processos e resultados. O teste de Kruskal-Wallis foi utilizado para analisar as diferenças na implantação do Plano Diretor da Atenção Primária à Saúde entre as Equipes de Saúde da Família, com significância de 5%. A implantação do Plano Diretor da Atenção Primária à Saúde em Unaí foi incipiente. A estrutura foi caracterizada como incipiente e os processos e os resultados como avançados. Houve diferenças no grau de implantação, principalmente, no que tange aos processos entre as Equipes de Saúde da Família. Os avanços estiveram relacionados ao cadastramento da população; classificação de risco das famílias; estratificação de risco para hipertensos, diabéticos, gestantes, crianças, adultos e idosos; implantação do contrato de gestão; alimentação do sistema de informação; ações para a saúde da mulher e da criança; e organização para atenção aos hipertensos e diabéticos. Observou-se focalização dos processos na atenção à saúde da mulher e da criança...

Programa Saúde da Família e condições sensíveis à atenção primária, Bagé (RS)

Nedel,Fúlvio Borges; Facchini,Luiz Augusto; Martín-Mateo,Miguel; Vieira,Lúcia Azambuja Saraiva; Thumé,Elaine
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.56%
OBJETIVO: Condições sensíveis à atenção primária (CSAP) são problemas de saúde atendidos por ações do primeiro nível de atenção. A necessidade de hospitalização por essas causas deve ser evitada por uma atenção primária oportuna e efetiva. O objetivo do estudo foi estimar a probabilidade do diagnóstico de CSAP em pacientes hospitalizados pelo Sistema Único de Saúde. MÉTODOS: Estudo transversal com 1.200 pacientes internados entre setembro/2006 e janeiro/2007 em Bagé (RS). Os pacientes responderam a questionário aplicado por entrevistadoras, sendo classificados segundo o modelo de atenção utilizado previamente à hospitalização. As CSAP foram definidas em oficina promovida pelo Ministério da Saúde. Analisaram-se variáveis demográficas, socioeconômicas, de situação de saúde e relativas aos serviços de saúde utilizados. A análise multivariável foi realizada por modelo de Poisson, seguindo modelo teórico hierárquico de determinação da hospitalização segundo sexo e modelo de atenção. RESULTADOS: O total de 42,6% das internações foi por condições sensíveis à atenção primária. A probabilidade de que o diagnóstico principal de internação seja por uma dessas condições aumenta com as características: ser do sexo feminino...

Internações por condições sensíveis à atenção primária: a construção da lista brasileira como ferramenta para medir o desempenho do sistema de saúde (Projeto ICSAP - Brasil)

Alfradique,Maria Elmira; Bonolo,Palmira de Fátima; Dourado,Inês; Lima-Costa,Maria Fernanda; Macinko,James; Mendonça,Claunara Schilling; Oliveira,Veneza Berenice; Sampaio,Luís Fernando Rolim; Simoni,Carmen de; Turci,Maria Aparecida
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.57%
As internações por condições sensíveis à atenção primária representam condições de saúde que podem ter o risco de hospitalização desnecessária diminuído, por meio de ações efetivas da atenção primária. Essas internações vêm sendo usadas como indicador do acesso e qualidade da atenção básica, mas não existe consenso quanto às doenças que devem fazer parte desse indicador. Apresenta-se uma descrição das etapas seguidas para a construção da lista brasileira de internações por condições sensíveis à atenção primária. A lista final é composta por vinte grupos de diagnósticos, que representavam 28,3% das hospitalizações realizadas pelo Sistema Único de Saúde em 2006, em um total de cerca de 2,8 milhões de internações. Gastroenterites e complicações, insuficiência cardíaca e asma corresponderam a 44,1%. De 2000 a 2006, as internações por condições sensíveis à atenção primária caíram 15,8% no país, e o declínio dessas hospitalizações foi maior do que as internações não-internações por condições sensíveis à atenção primária. São discutidas as aplicações e limites da lista nacional de internações por condições sensíveis à atenção primária.

Internações por condições sensíveis à atenção primária no estado de São Paulo

Rehem,Tania Cristina Morais Santa Barbara; Egry,Emiko Yoshikawa
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.54%
Internações Sensíveis à Atenção Primária se constitui num novo indicador, utilizado em alguns países, para medir indiretamente o funcionamento e a capacidade de resolução da Atenção Primária. Este estudo tem como objetivo apresentar o panorama das internações sensíveis à atenção primária no Estado de São Paulo. Trata-se de um estudo descritivo ecológico, realizado no período de 2000 a 2007. Os dados foram gerados por município de residência do paciente e agregados por Departamentos Regionais de Saúde. Para obtenção dos mesmos foram utilizados os Sistemas de Informação do Ministério da Saúde e estimativa populacional do IBGE. As internações sensíveis à atenção primária no Estado seguem uma tendência de redução sugerindo relação com a adoção da Estratégia de Saúde da Família. Observa-se redução nas internações por diabetes e chama atenção o aumento de internações por doenças relacionadas ao pré-natal e parto. Considerando a publicação recente da Lista Brasileira de Diagnósticos, os estudos que se utilizem dela podem ser de grande valia para os gestores envolvidos com a atenção primária, podendo funcionar como balizadores de sua qualidade contribuindo para avaliação da implantação das políticas de saúde no Brasil.

As ações de controle da tuberculose na atenção primária à saúde: a visão do doente

Cirino, Illa Dantas
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.58%
Tuberculosis is a disease of great impact on the world context today. In Brazil, the disease management was directed to the Primary Health Care, due to the determination of the Ministry of Health to decentralize health actions for primary care. Thus, since the actions of diagnosis, treatment and control of the disease should happen in this context, however, there are still many barriers that may hinder the realization of these determinations. This study aims to analyze the development of tuberculosis control activities conducted in the services of primary health care from the patient's vision. This is a descriptive, cross-sectional and quantitative study. The population consists of 517 tuberculosis patients treated in units of Primary Health Care in the city of Natal-RN; the sample consists of 93 TB patients. The collect instrument is structured, based in The Primary Care Assessment Tool (PCAT), validated in Brazil and adapted to assess attention to TB in Brazil, with modifications. This instrument was divided into blocks: the first one describes the socio-demographic information of patients with TB and the second one describes the health services working in control, diagnosis and treatment of TB, and includes issues related to the dimensions of primary care: access...

Enfermagem na atenção primária à saúde e o enfrentamento da violência contra a mulher; Nursing primary care and the combating of violence against woman

Daniela Valentim dos Santos
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/07/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.58%
A temática da violência contra a mulher está contemplada em diversas políticas públicas, conferindo visibilidade a este agravo. Entretanto, a efetivação dessas políticas passa por uma ampla rede de serviços, que para dar suporte à mulher deve ser integrada. Entre os pontos de atenção desta rede está a Atenção Primária à Saúde, que é a porta de entrada preferencial do Sistema Único de Saúde e principal estratégia para oferecer acesso, atenção integral e impactar na situação de saúde das pessoas, como é o caso da violência. O objetivo deste estudo foi caracterizar a força de trabalho da enfermagem na Atenção Primária à Saúde, em município de grande porte do interior paulista, e descrever as práticas dessa equipe no cuidado com mulheres em situação de violência. Constitui-se em pesquisa quantitativa, descritiva, transversal, com amostra aleatória, realizada com auxiliares e técnicos(as) de enfermagem e enfermeiros(as) de todas as unidades básicas de Sorocaba. Foi utilizado formulário com questões semiestruturadas, com informações sociodemográficas e sobre detecção de situações de violência. A coleta de dados ocorreu no mês de fevereiro de 2014. O software SAS, versão 9.2, foi utilizado para realizar os testes estatísticos Mann-Whitney...

Internações hospitalares por causas sensíveis à atenção primária no Distrito Federal, 2008; Internaciones hospitalarias por causas sensibles a la atención primaria en el Distrito Federal, Brasil, 2008; Hospitalizations due to ambulatory care-sensitive conditions in the Federal District, Brazil, 2008

Junqueira, Rozania Maria Pereira; Duarte, Elisabeth Carmen
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
OBJETIVO: Analisar coeficientes de internações por causas sensíveis à atenção primária. MÉTODOS: Foram utilizados dados do Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde no Distrito Federal em 2008. O diagnóstico principal da internação foi analisado com base na Classificação Internacional de Doenças e foram calculados frequência absoluta, proporção e coeficiente segundo causas, faixas etárias e sexo. RESULTADOS: As causas sensíveis à atenção primária (CSAP) representaram cerca de 20% das internações no Sistema Único de Saúde. As causas mais frequentes foram: gastroenterites (2,4%), insuficiência cardíaca (2,3%) e infecção do rim e trato urinário (2,1%). Constataram-se coeficientes de internações por causas sensíveis à atenção primária relevantes no grupo infantil (< 1 ano), redução importante nos grupos etários seguintes (um a 29 anos) e aumento gradativo até as idades mais avançadas. Comparados aos dos homens, os coeficientes de internações foram discretamente maiores em mulheres jovens (20 a 29 anos) e menores em mulheres com mais de 49 anos. CONCLUSÕES: As internações por CSAP representaram 19,5% do total de internações ocorridas no Distrito Federal (2008), e as principais causas de internações foram gastroenterites...

Programa Saúde da Família e condições sensíveis à atenção primária, Bagé (RS); Programa Salud de la Familia y condiciones sensibles a la atención primaria, Sur de Brasil; Family Health Program and ambulatory care-sensitive conditions in Southern Brazil

Nedel, Fúlvio Borges; Facchini, Luiz Augusto; Martín-Mateo, Miguel; Vieira, Lúcia Azambuja Saraiva; Thumé, Elaine
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2008 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
66.63%
OBJETIVO: Condições sensíveis à atenção primária (CSAP) são problemas de saúde atendidos por ações do primeiro nível de atenção. A necessidade de hospitalização por essas causas deve ser evitada por uma atenção primária oportuna e efetiva. O objetivo do estudo foi estimar a probabilidade do diagnóstico de CSAP em pacientes hospitalizados pelo Sistema Único de Saúde. MÉTODOS: Estudo transversal com 1.200 pacientes internados entre setembro/2006 e janeiro/2007 em Bagé (RS). Os pacientes responderam a questionário aplicado por entrevistadoras, sendo classificados segundo o modelo de atenção utilizado previamente à hospitalização. As CSAP foram definidas em oficina promovida pelo Ministério da Saúde. Analisaram-se variáveis demográficas, socioeconômicas, de situação de saúde e relativas aos serviços de saúde utilizados. A análise multivariável foi realizada por modelo de Poisson, seguindo modelo teórico hierárquico de determinação da hospitalização segundo sexo e modelo de atenção. RESULTADOS: O total de 42,6% das internações foi por condições sensíveis à atenção primária. A probabilidade de que o diagnóstico principal de internação seja por uma dessas condições aumenta com as características: ser do sexo feminino...

Redução das internações por condições sensíveis à atenção primária no Brasil entre 1998-2009; Reducción de las internaciones por condiciones susceptibles a atención primaria en Brasil entre 1998-2009; Reduction of ambulatory care sensitive conditions in Brazil between 1998 and 2009

Boing, Antonio Fernando; Vicenzi, Rafael Baratto; Magajewski, Flávio; Boing, Alexandra Crispim; Moretti-Pires, Rodrigo Otávio; Peres, Karen Glazer; Lindner, Sheila Rubia; Peres, Marco Aurélio
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2012 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
66.58%
OBJETIVO: Descrever a tendência de hospitalizações por condições sensíveis à atenção primária entre 1998 e 2009 no Brasil. MÉTODOS: Estudo ecológico de séries temporais com dados secundários referentes às internações hospitalares por condições sensíveis à atenção primária no Sistema Único de Saúde. Os dados foram obtidos do Sistema de Informações Hospitalares. As taxas de internações por 10.000 habitantes foram padronizadas por faixa etária e sexo, considerando a população brasileira masculina recenseada em 2000 como padrão. A análise de tendência da série histórica foi realizada por regressão linear generalizada pelo método de Prais-Winsten. RESULTADOS: Houve redução média anual de internações por condições sensíveis à atenção primária de 3,7% entre homens (IC95% -2,3;-5,1) e mulheres (IC95% -2,5;-5,6) entre 1998 e 2009. A tendência variou em cada unidade federativa, porém em nenhuma houve aumento das internações. No sexo masculino e feminino as maiores reduções foram observadas nas internações por úlceras gastrintestinais (-11,7% ao ano e -12,1%, respectivamente), condições evitáveis (-8,8% e -8,9%) e doenças das vias aéreas inferiores (-8,0% e -8,1%). Angina (homens)...

HOSPITALIZACIÓN DE NIÑOS POR CONDICIONES SENSIBLES A LA ATENCIÓN PRIMARIA; CHILD HOSPITALIZATION DUE TO PRIMARY CARE SENSITIVE CONDITIONS; HOSPITALIZAÇÃO DE CRIANÇAS POR CONDIÇÕES SENSÍVEIS À ATENÇÃO PRIMÁRIA

Santos, Ingrid Leticia Fernandes dos; Gaíva, Maria Aparecida Munhoz; Abud, Simone Mourão; Benevides Ferreira, Silvana Margarida
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 31/03/2015 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
66.55%
The objective in this research was to characterize hospitalizations of children under five years of ago due to primary care sensitive conditions in Cuiabá, Mato Grosso, between 2007 and 2011. Descriptive study of hospitalization records obtained from the Hospital Information System of the Unified Health System, analyzed per sex, age range, causes and year. In total, 16,156 hospitalizations were registered. Of these, 6,258 (38.7%) were due to primary care sensitive conditions, with a larger number of children between one and four years of age (3,697). The main causes were bacterial pneumonias, pulmonary diseases, infectious gastroenteritis and complications. The hospitalization coefficients remained stable in the study period, with a slight reduction in 2010 and 2011. Despite a reduction in the hospitalization coefficient due to primary care sensitive conditions, the results may indicate deficiency in the quality of care in the city studied.; Esta investigación tuvo como objetivo caracterizar las hospitalizaciones de niños menores de cinco años por condiciones sensibles a la atención primaria, en Cuiabá, Mato Grosso, entre 2007 y 2011. Estudio descriptivo de los registros de las hospitalizaciones obtenidas del Sistema de Informaciones Hospitalares del Sistema Único de Salud...

Internações por condições sensíveis à atenção primária: a construção da lista brasileira como ferramenta para medir o desempenho do sistema de saúde (Projeto ICSAP - Brasil)

Alfradique,Maria Elmira; Bonolo,Palmira de Fátima; Dourado,Inês; Lima-Costa,Maria Fernanda; Macinko,James; Mendonça,Claunara Schilling; Oliveira,Veneza Berenice; Sampaio,Luís Fernando Rolim; Simoni,Carmen de; Turci,Maria Aparecida
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.57%
As internações por condições sensíveis à atenção primária representam condições de saúde que podem ter o risco de hospitalização desnecessária diminuído, por meio de ações efetivas da atenção primária. Essas internações vêm sendo usadas como indicador do acesso e qualidade da atenção básica, mas não existe consenso quanto às doenças que devem fazer parte desse indicador. Apresenta-se uma descrição das etapas seguidas para a construção da lista brasileira de internações por condições sensíveis à atenção primária. A lista final é composta por vinte grupos de diagnósticos, que representavam 28,3% das hospitalizações realizadas pelo Sistema Único de Saúde em 2006, em um total de cerca de 2,8 milhões de internações. Gastroenterites e complicações, insuficiência cardíaca e asma corresponderam a 44,1%. De 2000 a 2006, as internações por condições sensíveis à atenção primária caíram 15,8% no país, e o declínio dessas hospitalizações foi maior do que as internações não-internações por condições sensíveis à atenção primária. São discutidas as aplicações e limites da lista nacional de internações por condições sensíveis à atenção primária.

Programa Saúde da Família e condições sensíveis à atenção primária, Bagé (RS)

Nedel,Fúlvio Borges; Facchini,Luiz Augusto; Martín-Mateo,Miguel; Vieira,Lúcia Azambuja Saraiva; Thumé,Elaine
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.56%
OBJETIVO: Condições sensíveis à atenção primária (CSAP) são problemas de saúde atendidos por ações do primeiro nível de atenção. A necessidade de hospitalização por essas causas deve ser evitada por uma atenção primária oportuna e efetiva. O objetivo do estudo foi estimar a probabilidade do diagnóstico de CSAP em pacientes hospitalizados pelo Sistema Único de Saúde. MÉTODOS: Estudo transversal com 1.200 pacientes internados entre setembro/2006 e janeiro/2007 em Bagé (RS). Os pacientes responderam a questionário aplicado por entrevistadoras, sendo classificados segundo o modelo de atenção utilizado previamente à hospitalização. As CSAP foram definidas em oficina promovida pelo Ministério da Saúde. Analisaram-se variáveis demográficas, socioeconômicas, de situação de saúde e relativas aos serviços de saúde utilizados. A análise multivariável foi realizada por modelo de Poisson, seguindo modelo teórico hierárquico de determinação da hospitalização segundo sexo e modelo de atenção. RESULTADOS: O total de 42,6% das internações foi por condições sensíveis à atenção primária. A probabilidade de que o diagnóstico principal de internação seja por uma dessas condições aumenta com as características: ser do sexo feminino...