Página 1 dos resultados de 196 itens digitais encontrados em 0.023 segundos

"Validade da ultra-sonografia para o diagnóstico do deslocamento do disco da articulação temporomandibular (ATM) com redução" ; Validity of ultrasonography for the diagnosis of temporomandibular joint (TMJ) disc displacement with reduction

Elias, Fernando Melhem
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
36.03%
O objetivo deste estudo foi o de contribuir para a validação da ultra-sonografia como um exame complementar para o diagnóstico do deslocamento do disco da articulação temporomandibular com redução. Os padrões ultra-sonográficos encontrados em articulações com deslocamento foram comparados com os encontrados em articulações normais, valendo-se de critérios objetivos e da ressonância magnética como padrão-ouro. Foram estudados prospectivamente 36 pacientes na faixa etária de 18 a 60 anos de idade, com média de 31 anos, sendo 31 do sexo feminino e 5 do masculino, perfazendo um total de 69 articulações (39 com deslocamento do disco com redução e 30 livres de deslocamentos). As ultra-sonografias foram realizadas com um transdutor linear de 6-12 MHz, orientado para a obtenção de imagens estáticas e dinâmicas, nos planos coronal e axial inclinado (plano de Camper). O diagnóstico de deslocamento do disco foi firmado de acordo com critérios objetivos e mensuráveis, baseados em dois sinais ultra-sonográficos indiretos. O primeiro deles foi o aumento da distância entre o ponto mais anterior da cápsula da articulação temporomandibular e o ponto mais anterior do côndilo mandibular (distância cápsula anterior-côndilo)...

Avaliação das guias condilar e incisal em função da curva de compensação e da altura das cúspides - Releitura das Leis de Articulação de Hanau; Evaluation of condylar guidance and incisal guidance according to the compensating curve and cusp heights. A review of Hanaus laws of articulation

Nishyama, Roger
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.21%
Este estudo teve como objetivo avaliar a variação das guias sagitais (guia condilar e guia incisal), em função do plano de orientação (curvatura e inclinação) e da altura das cúspides, no movimento protrusivo mandibular, in vitro, buscando as relações entre esses fatores, tanto de forma analógica como digital. No estudo analógico foram avaliadas as inclinações das guias condilares, inclinações da guia incisal, proeminência da curva de compensação e inclinação do plano oclusal. Para isso foram utilizados planos de orientação prototipados com a proeminência da curva de compensação pré definidas por calotas de esferas de 7, 8 ou 9 polegadas de diâmetro. Para cada proeminência da curva de compensação haviam 3 inclinações antero-posterior também pré definidas em: planos iniciais, ou planos 0, planos com um aumento da inclinação de 5 graus em relação ao primeiro, ou plano +5, e planos com uma inclinação 5 graus menor que o primeiro, ou plano -5. Com um par planos de orientação montados no articulador não arcon Bio-art EVA Plus ajustou-se as guias condilares e incisal, após isso foi aumentada a inclinação da guia condilar e observadas as alterações necessárias nos outros três fatores, inclinação da guia incisal...

As alterações posturais relacionadas com a disfunção da articulação temporomandibular e seu tratamento

Renata Cristina Di Grazia
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/02/2003 PT
Relevância na Pesquisa
36.08%
A disfunção temporomandibular é multifatorial e inclue em seu diagnóstico e tratamento, diferentes especialidades como: odontologia, fisioterapia, medicina, psicologia e educação física (Okeson, 1993). Esta articulação realiza um trabalho que atua como um par aliado em movimentos coordenados. Quando esta coordenação não é feita em harmonia, diversos problemas podem ocorrer, entre eles a má postura e diversos tipos de dores (Kapandji, 1990). Atualmente, os problemas posturais têm sido considerados como um sério problema de saúde pública, tendo em vista a sua grande incidência sobre a população, incapacitando-a, definitivamente ou temporariamente, de suas atividades profissionais. Neste estudo utilizou-se o exercício físico e a eletroterapia como meios de tratamento. O exercício físico quando executado em harmonia, equilibrado, planejado, trás benefícios para o ser humano, tanto em nível físico como mental. Ele age diretamente no sistema músculo-esquelético contribuindo para a melhora da postura corporal e de sua qualidade de vida. O objetivo desse estudo foi de analizar a postura, especialmente as colunas cervical e dorsal, tensões musculares e desalinhamentos posturais nos pacientes com disfunção da articulação temporomandibular. Como tratamento foram realizadas 10 sessões de fisioterapia utilizando exercícios de alongamento e fortalecimento musculares...

Os Recursos hídricos e os planos diretores municipais na Bacia do Rio Itajaí-Açu

Grando, Taiana Vieira
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 203 p.| il., mapas
POR
Relevância na Pesquisa
36.09%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Geografia, Florianópolis, 2011; A Política Nacional de Recursos Hídricos - Lei nº 9.433/1977 - enfatiza nas diretrizes gerais a necessidade da articulação entre gestão de recursos hídricos com a do uso do solo. O Estatuto da Cidade - Lei nº 10.257/2001 - incorpora conteúdos relacionados ao debate ambiental no desenvolvimento urbano. Ambas se articulam e formam um cenário com duas unidades de planejamento, os territórios municipais e as Bacias hidrográficas, e dois importantes instrumentos, os Planos Diretores e os Planos de Bacia. Esta pesquisa analisa a importância de discutir-se a água (localização dos mananciais, captação, qualidade e tratamento) e demais aspectos de saneamento básico (esgotamento sanitário, manejo de águas pluviais e de resíduos sólidos) nos Planos Diretores Municipais, bem como de articular a gestão municipal no âmbito da Bacia hidrográfica, através de vínculos fortes com o Comitê de Bacia Hidrográfica e seu respectivo Plano de Recursos Hídricos, com vistas à construção de uma gestão integrada. Foram estudados os municípios de Rio do Sul...

Política pública de saúde do trabalhador : análise da relação entre a agenda nacional e a do Distrito Federal; Public Health Policy for Workers : analysis of the relationship between the national agenda and the Federal District agenda; La Política Pública de Salud de los Trabajadores : análisis de la relación entre la agenda nacional y la agenda del Distrito Federal

Souza, Joseane Prestes de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.24%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, 2013.; Em 2012, foi publicada a Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora, com a proposta de desenvolver, de forma descentralizada nos estados e municípios, ações de promoção, prevenção, atenção à saúde e controle de agravos relacionados ao trabalho. Esta pesquisa investigou a inclusão da Saúde do Trabalhador (ST) nas políticas públicas do Brasil e do Distrito Federal (DF), com os objetivos de: analisar a relação entre as agendas nacional e do DF no desenvolvimento da política pública de ST; analisar como foi instituída a ST como política pública de saúde no Brasil; reconhecer as recomendações relacionadas à ST nas conferências de saúde nacional e distrital; identificar como este tema se insere nos planos de saúde do governo federal e do governo do DF. Foi realizada pesquisa qualitativa descritiva e exploratória, cuja coleta de dados deu-se por entrevistas com atores-chaves do Ministério da Saúde, da Secretaria de Saúde do DF e do Controle Social, e pela análise documental de portarias, resoluções, planos de saúde, relatórios de conferências nacionais e distritais. O tratamento dos dados foi por análise de conteúdo...

Da avaliação do impacte à articulação da investigação - práticas - o caso da articulação na formação didáctica pós-graduada de professores de ciências e desafios futuros

Cruz, Eliane de Souza
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.25%
A linha de investigação deste estudo é a ‘articulação da Investigação em Didáctica das Ciências e Práticas de Ensino dos Professores de Ciências’. O seu enquadramento teórico e metodológico inicial assentou nos estudos das áreas ‘Relações entre Investigação e as Práticas’ e ‘Avaliação da Formação Pós-Graduada – vertente impacte/articulação’. Inicialmente, fez-se uma análise histórico-epistemológica da Didáctica desde a sua génese até aos dias de hoje, para se compreender quer as raízes do gap entre académicos e práticos em geral, quer a crescente necessidade de articulação. Posteriormente, avançou-se para a primeira área, partindo da polémica despoletada por Hargreaves, ao defender que o ensino deveria ser uma profissão baseada na investigação. Em seguida, partiu-se de uma análise mais geral sobre a Investigação e as Práticas no contexto educacional em vários países antes se centrar especificamente no contexto da Didáctica das Ciências (impacte da IDC nas Práticas e constrangimentos na articulação). Analisou-se também brevemente as relações entre a IDC e Práticas no contexto da Formação de Professores, e não a área da Formação de Professores, para mantermos sempre o foco nas questões inerentes à articulação. Culminou-se na análise das culturas e epistemologias da acção e da investigação...

Instrumentos para a sustentabilidade ao nível municipal: articulação entre a Agenda 21 Local e a Avaliação Ambiental Estratégica

Tamborino, Patrícia Andreia Dias, 1987-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
56.23%
Tese de mestrado. Biologia (Ecologia e Gestão Ambiental). Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2011; A sustentabilidade pressupõe o desenvolvimento económico e social assegurando a preservação do meio ambiente e dos recursos naturais. Ao nível municipal, as autarquias dispõem de várias ferramentas para fomentarem a sua própria sustentabilidade, nomeadamente a Agenda 21 Local (A21L) e a Avaliação Ambiental Estratégica (AAE). A dissertação centra-se nesses instrumentos, pretendendo responder a questões como: De que forma estão relacionados? São processos complementares? Existe uma metodologia para a sua correcta articulação? Deste modo pretende, como objectivo último, propor uma metodologia de articulação entre a A21L e a AAE da Revisão dos Planos Directores Municipais (PDM), criando uma ferramenta prática que agiliza a elaboração de ambos os processos. De forma a atingir objectivos definidos, foram realizadas três actividades distintas – acompanhamento do processo de elaboração da A21L de Ourique; avaliação da implementação, em Portugal, da A21L e AAE; e análise da articulação dos dois processos em 4 municípios portugueses. Através destas actividades, aferiu-se que existe a necessidade de uma maior integração dos instrumentos municipais que orientam o desenvolvimento concelhio. Por outro lado...

A linguagem escrita no processo de transição entre a educação pré-escolar e o 1.º ciclo do ensino básico: representações de educadores e de professores

Horta, Maria Helena
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.04%
Dissertação de mestrado, Universidade de Huelva, Departamento de Educação, especialidade de Ciências da Educação, mestrado em Educación Intercultural.; Estudos desenvolvidos por diferentes especialistas atestam da importância de que o processo de transição/articulação entre a educação pré-escolar e o 1.º ciclo da educação básica deve ser realizado de forma contínua e integrada. As transições entre os diferentes níveis de ensino são sempre momentos marcantes na vida social das crianças/alunos, das famílias e dos educadores/professores que lhes assistem, assim como pontos delicados na morfologia dos sistemas educativos. O peso da instituição de educação pré-escolar, quer queiramos, quer não, é diferente do da escola do 1.º ciclo e o facto das crianças se verem confrontadas com novos problemas e desafios cada vez mais complexos, com a responsabilidade de terem de aprender um conjunto de conteúdos condensados no tempo e com o esforço que lhes é exigido na aprendizagem da escrita e da leitura (Ballús, 2010; Rodrigues, 2005; Serra, 2004), poderão fazer com que este processo nem sempre seja fácil e pacífico. No presente estudo, de natureza qualitativo-interpretativa, tentámos compreender as concepções sobre o processo de transição/articulação da educação préescolar para o 1.º ciclo do ensino básico...

Um estudo de planos, cilindros e quádricas, na perspectiva da habilidade de visualização, com o software Winplot

Mota,Janine Freitas; Laudares,João Bosco
Fonte: UNESP - Universidade Estadual Paulista, Pró-Reitoria de Pesquisa; Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática Publicador: UNESP - Universidade Estadual Paulista, Pró-Reitoria de Pesquisa; Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
45.99%
Este artigo é resultado de uma dissertação de Mestrado em Ensino de Matemática, cuja temática foi: estudo de planos, cilindros e quádricas. A metodologia utilizada contemplou os parâmetros da sequência didática, com exploração da habilidade de visualização. As sequências didáticas articulam teoria e prática, privilegiando o tratamento gráfico, utilizando seções transversais e curvas de níveis, com o objetivo de possibilitar ao estudante o esboço de gráficos com as mídias lápis e papel e o software Winplot. Foram propostas a estudantes do primeiro período do curso de licenciatura em Matemática. A análise qualitativa dos resultados evidenciou a forma como os estudantes realizaram as representações gráficas, suas reflexões, dúvidas e resultados, e também se verificou uma melhora significativa na postura dos mesmos, pois esses se manifestaram mais ativos no processo de aprendizagem. Foi observado que a articulação entre a equação (álgebra) e a figura (geometria) promoveu uma abordagem integrada entre Álgebra e Geometria, que é o foco da Geometria Analítica.

Padrões e mudanças no financiamento e regulação do Sistema de Saúde Brasileiro: impactos sobre as relações entre o público e privado

Bahia,Ligia
Fonte: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública. Publicador: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
45.96%
O trabalho sistematiza as matrizes interpretativas envolvidas no debate sobre o sistema de saúde brasileiro e avança hipóteses sobre as extensas e dinâmicas fronteiras de interseção público-privadas que o caracterizam. Considerando que o hiato entre as concepções sobre o sistema de saúde baseadas em modelos puros e a realidade brasileira, na qual predominam as formas híbridas de prestação e organização de redes de serviços, constitui, per se, um foco permanente de tensões, o estudo destaca e dimensiona: a utilização de fontes públicas de financiamento à demanda e a oferta dos planos de saúde; o afluxo de clientes de planos a uma capacidade instalada de recursos físicos e humanos constituída e reproduzida com recursos públicos; a inserção público-privada de profissionais de saúde e as franquias para dirigentes de empresas privadas assumirem cargos públicos e vice-versa. Os reflexos da estrutura e formas de articulação entre o público e o privado nas agendas dos mais importantes fóruns de debate e formulação de diretrizes para o sistema de saúde, as Conferências de Saúde (previstas pela Lei 8142-90 como instâncias de avaliação e elaboração de diretrizes para a saúde nas três esferas de governo)...

Indivíduos que apresentam diferença estática entre os joelhos também apresentam diferença durante a marcha?

Poletto,PR; Sato,TO; Carnaz,L; Lobo da Costa,PH; Gil Coury,HJC
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Fisioterapia Publicador: Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Fisioterapia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.23%
CONTEXTUALIZAÇÃO: A articulação do joelho destaca-se por ser uma estrutura comumente afetada por alterações degenerativas, lesões e síndromes. Avaliações clínicas objetivas e precisas são necessárias para estabelecimento de diagnósticos adequados e, conseqüentemente, melhores resultados tanto das cirurgias como dos programas de reabilitação. OBJETIVO: Verificar a presença de diferença entre os joelhos durante a marcha e sua relação com a diferença estática, nos planos sagital e frontal. MÉTODO: Foram avaliados 45 sujeitos saudáveis, sendo 21 do sexo masculino e 24 do sexo feminino. Mediu-se a amplitude de movimento da articulação do joelho, na marcha, por meio da eletrogoniometria. A avaliação da postura estática do joelho foi feita por meio de fotogrametria. Os dados foram analisados descritivamente e aplicou-se o coeficiente de correlação de Pearson. RESULTADOS: Os indivíduos apresentaram valores médios similares para os lados direito e esquerdo (diferença de aproximadamente 0,5º) no registro estático dos planos sagital e frontal. No entanto, o desvio-padrão foi alto, indicando grande variabilidade entre os sujeitos. Para o registro dinâmico, a diferença entre os joelhos foi de 0,4º para o plano sagital e 1º para o plano frontal. No entanto...

Planos diretores municipais e o zoneamento urbano: uma análise da (des)articulação entre os instrumentos de planejamento territorial no entorno do reservatório de Salto Grande (SP)

Fonseca,Marcelo Fernando; Matias,Lindon Fonseca
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.1%
A demanda por instrumentos que auxiliem no trato das tensões sociais no espaço urbano se torna cada vez mais latente ao passo em que as cidades se configuram em palco de embates entre os diversos agentes sociais, o que origina, muitas vezes,marcantes desigualdades socioespaciais.No intuito de compreender esta relação no entorno do reservatório de Salto Grande (SP), em área localizada nos municípios de Americana, Nova Odessa e Paulínia, Estado de São Paulo, faz-se neste trabalho uma análise dos Planos Diretores Municipais vigentes dessas cidades, através de seus aspectos institucionais e da política de zoneamento urbano pré-definida para cada município, avaliando a sua condição de articulação e integração, enquanto hipótese de constituição de um instrumento norteador do planejamento de uma área comum. Para o desenvolvimento de tal proposta e,como suporte analítico, foram utilizadas técnicas de geoprocessamento para omanuseio de uma base de dados geográficos egeração de mapas temáticos.Os resultados apontam para a existência de uma desarticulaçãonas diretrizes do zoneamento urbano, particularmente quando avaliadosno âmbito regional do planejamento da área, o que poderá ocasionar, em um curto espaço de tempo...

Imaginologia da articulação temporomandibular durante o tratamento ortodôntico: uma revisão sistemática

Machado,Eduardo; Grehs,Renésio Armindo; Cunali,Paulo Afonso
Fonte: Dental Press International Publicador: Dental Press International
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.05%
INTRODUÇÃO: a evolução da Imaginologia na Odontologia propiciou uma série de vantagens para o diagnóstico e elaboração de planos de tratamento em diversas especialidades. Exames como ressonância magnética nuclear, tomografia computadorizada e tomografia volumétrica Cone Beam, bem como métodos de reconstrução em 3D, permitiram analisar de forma precisa estruturas orofaciais.Aliado a esse fato,com a realização de estudos clínicos com metodologias e desenhos adequados, pode-se avaliar os efeitos do tratamento ortodôntico sobre a articulação temporomandibular (ATM). OBJETIVO: esse trabalho, através de uma revisão sistemática de literatura, teve como objetivo analisar a inter-relação entre o tratamento ortodôntico e a ATM, verificando se a Ortodontia acarreta alguma alteração das estruturas internas da ATM. MÉTODOS: levantamento em bases de pesquisa (MEDLINE, Cochrane, EMBASE, Pubmed, Lilacs e BBO), entre os anos de 1966 e 2009, com enfoque em estudos clínicos randomizados, estudos longitudinais prospectivos não randomizados, revisões sistemáticas e meta-análises. RESULTADOS: após a aplicação dos critérios de inclusão, chegou-se a 14 artigos, sendo que 2 eram estudos clínicos randomizados e 12 eram estudos longitudinais sem critérios de randomização. CONCLUSÕES: pela análise da literatura...

A integração entre os níveis de planejamento de recursos hídricos estudo de caso: a bacia hidrográfica do rio São Francisco

Silva, Simone Rosa da
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.31%
A elaboração desta tese visou contribuir com informações no âmbito da gestão de recursos hídricos nacional, tendo como objetivo avaliar o grau de integração existente entre os planos de recursos hídricos, em seus distintos níveis, propondo elementos e estratégias que contribuam para o aperfeiçoamento do processo de planejamento e gestão dos recursos hídricos no Brasil. Com a finalidade de obter contribuições ao tema no Brasil, foram selecionados países que guardam um grau de semelhança física e/ou institucionais, relativas aos recursos hídricos com o nosso país (Portugal, Espanha e França). Foram analisados os papéis dos componentes do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos. Abordou-se os desafios à implementação dos Planos de Recursos Hídricos e a importância da integração entre os níveis de planejamento de recursos hídricos. A metodologia empregada na parte correspondente às normas de recursos hídricos foi constituída por dois tipos de avaliação: entre as políticas de recursos hídricos (nacional e estaduais) e a respeito do conteúdo dos planos estaduais e de bacias. Na avaliação sobre os planos em relação à norma brasileira vigente, foi realizada uma análise prática da observância dos critérios estabelecidos nas normas brasileiras pelos planos estaduais de recursos hídricos e planos de bacia hidrográfica existentes...

A (des)articulação entre os níveis de atenção à saúde dos Bororo no Polo-Base Rondonópolis do Distrito Sanitário Especial Indígena de Cuiabá-MT

Vargas,Karem Dall'acqua; Misoczky,Maria Ceci; Weiss,Maria Clara Vieira; Costa,Wildce da Graça Araujo
Fonte: IMS-UERJ Publicador: IMS-UERJ
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.01%
Este artigo se origina de uma pesquisa cujo objetivo foi avaliar as estratégias locorregionais de articulação entre os níveis de cuidado à saúde, considerando tanto a adequação às normas existentes (estratégia deliberada), quanto os desenvolvimentos criativos (estratégias emergentes) realizados nos contextos locorregionais estudados. A referência para julgamento (ato inerente à pesquisa avaliativa) foi a coerência com os princípios constitucionais definidores do SUS. Na realização do estudo de caso aqui relatado, foram obtidas informações através de documentos secundários, observação direta extensiva, questionários e entrevistas em profundidade com informantes-chave. Os resultados mostraram, com relação à articulação da atenção básica com os demais níveis de atenção à saúde dos Bororo no Polo-Base Rondonópolis, o predomínio de um modelo de organização dos serviços voltado para ações especializadas e de alto custo, em detrimento da valorização dos conhecimentos populares e das práticas de saúde tradicionais. Além disso, a estratégia deliberada para os Distritos Sanitários Especiais Indígenas foi transformada, tendo emergido uma estrutura como a preconizada pela noção de distrito sanitário sem atenção às especificidades da saúde indígena. Confirmou-se a suposição geral que orientou este estudo...

O mercado de planos de saúde no Brasil: uma criação do Estado?; Texto para Discussão (TD) 1094: O mercado de planos de saúde no Brasil: uma criação do Estado?; The market for health plans in Brazil: a state creation?

Ocké-Reis, Carlos Octávio; Andreazzi, Maria de Fátima Siliansky de; Silveira, Fernando Gaiger
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
46.17%
Neste artigo se procurou demonstrar a existência de uma articulação entre o padrão de financiamento público e o mercado de planos de saúde. De um lado, a partir de evidências teóricas, encontramos argumentos que explicam os motivos dessa articulação, em especial no campo do financiamento setorial. De outro, em um primeiro exame, observa-se que, historicamente, determinadas ações governamentais acabaram patrocinando os planos e seguros privados no Brasil, reforçando, em termos concretos, a percepção da presença de uma relação sistemática entre o mercado e o Estado, na área da saúde.; 20 p.

O ordenamento e gestão do espaço marítimo português: a articulação com o regime terrestre e o contexto europeu

Casimiro, Daniela Filipa Marques Antunes Tomás
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
46.37%
Tese de mestrado em Ecologia e Gestão Ambiental, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2015; O mar desempenha um papel muito importante para a civilização humana, sendo utilizado para diversos fins, tais como meio de transporte, fonte de alimento e de recursos naturais vivos e não vivos, lazer, turismo, entre outras atividades e usos. A exploração, aumento do conhecimento e desenvolvimento de novos meios de aproveitamento dos recursos marítimos difundiu o interesse no oceano enquanto vetor de desenvolvimento estratégico económico, social e ambiental. A crescente procura do espaço marítimo para o desenvolvimento de diversas atividades e usos e o aparecimento da política da União Europeia para o “Crescimento Azul” impulsionaram a criação de instrumentos legais que acomodassem a nova visão do mar, de modo a garantir um espaço marítimo saudável, eficaz e sustentável. Consequentemente, vários países iniciaram o processo de desenvolvimento de instrumentos legais que incorporassem as diretrizes europeias, incluindo as políticas para o ordenamento do espaço marítimo, indicado na estratégia para o crescimento azul como uma das vertentes essenciais em matéria de política marítima integrada. Portugal tem sido um país líder no processo de ordenamento do espaço marítimo...

Padrões e mudanças no financiamento e regulação do Sistema de Saúde Brasileiro: impactos sobre as relações entre o público e privado; Patterns and changes in the financing and regulation of Brazilian Health System: impacts on public and private relationships

Bahia, Ligia
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2005 POR
Relevância na Pesquisa
45.96%
O trabalho sistematiza as matrizes interpretativas envolvidas no debate sobre o sistema de saúde brasileiro e avança hipóteses sobre as extensas e dinâmicas fronteiras de interseção público-privadas que o caracterizam. Considerando que o hiato entre as concepções sobre o sistema de saúde baseadas em modelos puros e a realidade brasileira, na qual predominam as formas híbridas de prestação e organização de redes de serviços, constitui, per se, um foco permanente de tensões, o estudo destaca e dimensiona: a utilização de fontes públicas de financiamento à demanda e a oferta dos planos de saúde; o afluxo de clientes de planos a uma capacidade instalada de recursos físicos e humanos constituída e reproduzida com recursos públicos; a inserção público-privada de profissionais de saúde e as franquias para dirigentes de empresas privadas assumirem cargos públicos e vice-versa. Os reflexos da estrutura e formas de articulação entre o público e o privado nas agendas dos mais importantes fóruns de debate e formulação de diretrizes para o sistema de saúde, as Conferências de Saúde (previstas pela Lei 8142-90 como instâncias de avaliação e elaboração de diretrizes para a saúde nas três esferas de governo)...

A intersetorialidade entre saúde e Assistência Social no município de Vitória/ES

Pansini, Ana Lúcia de Lima
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES Publicador: Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.03%
A proposta deste estudo é analisar se (e como) as equipes do Programa de Atendimento Integral à Família – Centro de Referência de Assistência Social - e da Estratégia Saúde da Família – Unidade Básica de Saúde da Família -, no território de São Pedro (Vitória/ES), estruturam suas ações dentro da lógica intersetorial e refletir como o tema da intersetorialidade se coloca como desafio aos técnicos na operacionalização das políticas de Assistência Social e de Saúde. Realizou-se pesquisa qualitativa englobando pesquisa documental e entrevistas (individual e grupal). As entrevistas individuais foram realizadas com a coordenação do CRAS, território I e com a coordenação da UBSF de São Pedro V e os grupos focais envolveram os profissionais do CRAS e das equipes da ESF. Os dados foram analisados utilizando-se a técnica de análise de conteúdo. Na revisão da literatura e dos documentos das políticas de saúde e assistência social após 1988, o princípio da articulação entre as políticas não se materializou, entre outras razões, face à não criação de um orçamento próprio, que favoreceria articulação das políticas que compõem a Seguridade Social. Estas permanecem setorializadas. No entanto...

Programa Nacional de Patrimônio Imaterial e Museu:apontamentos sobre as estratégias de articulação entre processos de Patrimonialização e Musealização

Mendonça, Elizabeth
Fonte: Revista Museologia & Interdisciplinaridade Publicador: Revista Museologia & Interdisciplinaridade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 09/12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
56.08%
No âmbito do Programa Nacional de Patrimônio Imaterial, observam-se a utilização de procedimentos de Musealização como instrumento de Patrimonialização. Nos Planos de Salvaguarda executados ou vigentes, entre 2002 e 2013, dentre os processos de Patrimonialização de 29 bens dez resultaram em ações de cunho museológico – dentre elas a proposta de criação do Museu do Samba (em andamento). O objetivo é analisar as estratégias de articulação entre os processos de Patrimonialização e de Musealização na proposta inicial de criação desse Museu, visando refletir sobre o papel dos museus no âmbito das políticas destinadas a bens imateriais. Tal reflexão torna-se relevante porque, em última instância, aborda os museus como equipamento cultural no cenário das políticas públicas federais para bens imateriais