Página 1 dos resultados de 525 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

A gestão intermédia num agrupamento de escolas da Terra Quente Transmontana: os Coordenadores de Departamento Curricular da Educação Pré-Escolar e do 1º Ciclo do Ensino Básico

Gonçalves, Maria Gil Fernandes Braga
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança Publicador: Instituto Politécnico de Bragança
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.74%
O presente trabalho analisa a integração/participação da Educação Pré-Escolar e do 1º Ciclo do Ensino Básico (CEB) num Agrupamento, as suas implicações a nível organizacional nos departamentos curriculares e na ação/participação dos coordenadores de departamento curricular. Igualmente, analisa a influência desta integração no clima de escola, na compatibilização de culturas e de práticas profissionais. As permanentes alterações e pressões a que a escola tem estado sujeita pelas orientações nacionais (produção contínua de legislação), pelos mass-média (pressões sobre os professores, pais, alunos), pelos próprios agentes educativos, pela comunidade educativa e pelos avanços tecnológicos, tornam pertinente analisar os efeitos da integração/associação de escolas na gestão da Educação Pré-Escolar e do 1º CEB. Assim, estabelecemos quatro eixos de análise que consideramos essenciais para este estudo: 1) nova identidade do Agrupamento organizacional e culturalmente integradora; 2) autonomia relativa dos professores da Educação Pré-Escolar e do 1º CEB; 3) articulação e integração do trabalho docente e curricular; 4) motivação profissional dos docentes. A metodologia utilizada nesta investigação é de natureza qualitativa...

Resposta das lideranças para a articulação curricular, do pré-escolar ao secundário, num Agrupamento de Escolas

Dourado, Maria da Graça da Cruz
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.65%
As constantes evoluções da realidade social e consequentes exigências demandam à escola uma readaptação permanente e uma constante busca de sentido, na tentativa de adequação a novos públicos e a novos papéis. Partindo do pressuposto, que o objetivo central de qualquer organização escolar é o de preparar os seus alunos para uma plena e efetiva inserção na sociedade, cabe à mesma encontrar mecanismos que garantam as condições de sucesso a todos eles. Nesta lógica, uma vez que a ausência da articulação curricular pode constituir-se como um obstáculo ao sucesso educativo, coloca-se a seguinte questão: em que medida as lideranças dos agrupamentos verticais de escolas poderão contribuir para uma articulação curricular mais eficaz, do pré-escolar ao secundário? Conscientes desta problemática, apresentamos um trabalho de projeto, cuja abordagem temática se centra no papel que o diretor escolar pode ter na coordenação e liderança das estruturas de topo e intermedias, de forma a promover entre os vários departamentos, uma articulação curricular mais eficaz. A estrutura deste trabalho vai afunilando na construção de um projeto de intervenção destinado ao agrupamento, baseado na análise de conteúdo do relatório elaborado pela inspeção geral de educação (IGE)...

Articulação curricular na educação básica : discursos e práticas dos professores

Martins, Ana Maria de Sousa
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.63%
Dissertação de mestrado em Estudos da Criança (área de especialização em Integração Curricular e Inovação Educativa); Na sua prática os profissionais da educação defrontam-se com numerosos problemas. Entre estes contam-se o insucesso de seus alunos, relativamente a objectivos de aprendizagem curricular e até a objectivos básicos de socialização. Por vezes, a desadequação na aplicação dos currículos e programas em relação às necessidades e condições dos públicos diversos a que se destinam constituem um entrave ao desenvolvimento escolar, social e pessoal do aluno. Por isso, quanto maior e mais alargado for o leque de conhecimentos que o professor possuir acerca da criança e do seu contexto desenvolvimental, melhor será a sua acção profissional no processo de adequação que deve realizar, tendo como princípio básico o sucesso de todos e de cada um dos seus alunos. Este conjunto de informações – fontes do currículo (Alonso, 1992) - servirá de orientação e permitirá que o processo de adequação e modificação da sala de aula transformando-a em ambientes de aprendizagem promotores de aquisição e desenvolvimento de competências básicas e essenciais, de adopção de estratégias e de actuação respondam eficazmente às necessidades físicas...

Do pensamento às práticas de articulação : educação pré-escolar e 1º ano do EB

Coelho, Rosa Maria Cruz Fernandes
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
56.83%
Dissertação de mestrado em Estudos da Criança (área de especialização em Integração Curricular e Inovação Educativa); O projecto de dissertação desenvolvido iniciou com a necessidade de uma pesquisa bibliográfica, no âmbito da educação pré-escolar e educação básica 1º ciclo, com base numa possível articulação, integração e inovação curricular entre estes dois níveis de educação. As motivações para a escolha do tema passaram pela pertinência e a importância de investigar, para mais tarde verificar, se na realidade existe pensamento e acção docente, no sentido de uma preocupação consciente, da necessidade de conhecer a realidade e o conhecimento anterior do aluno, bem como de uma abordagem curricular interdisciplinar e transversal. Aquando a revisão bibliográfica neste domínio, os autores encontrados e referenciados deram um grande contributo no apuramento de conceitos. Entre outros, temos Serra (2004), Alarcão (2008) e Vasconcelos (2005) pelo contributo das suas respectivas investigações, nomeadamente da importância da continuidade e sequencialidade pedagógica e consequentemente da necessidade de articulação curricular. Por outro lado o contributo de Alonso (1999), Marques e Roldão (1999) e Beane...

Articulação curricular e (in)sucesso educativo na disciplina de Inglês : um estudo exploratório

Barbosa, Elsa de Jesus Monteiro Magalhães
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.84%
Dissertação de mestrado em Ciências da Educação (área de especialização em Desenvolvimento Curricular); O presente estudo incide em concepções e percepções de professores sobre (in)sucesso na disciplina de Inglês e a sua relação com a articulação curricular horizontal e vertical, intradisciplinar e interdisciplinar. Pressupondo-se que a articulação curricular pode promover o sucesso educativo dos alunos, auscultou-se um conjunto de professores de uma escola sobre as suas representações de (in)sucesso e as suas percepções sobre a presença e importância de um conjunto de práticas de articulação curricular, assim como sobre o papel dos projectos de escola e do plano anual de actividades na promoção do sucesso. O estudo, de carácter exploratório e de índole quantitativo e qualitativo, foi efectuado numa escola EB 2,3 da região Norte e reporta-se ao ano lectivo de 2008/2009. A recolha de informação foi feita através de um questionário administrado às 14 professoras de Inglês dos 2º e 3º ciclos da escola, e ainda uma entrevista efectuada a quatro actores-chave: Director do Agrupamento, Coordenadora do Departamento de Línguas e Sub-Coordenadoras de Inglês do 2º e 3º ciclos. Foi ainda realizada a análise documental de cinco documentos orientadores do agrupamento-alvo: o Plano Anual de Actividades...

Importância da articulação curricular nos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico : um estudo exploratório

Carvalho, Conceição de Fátima Gomes Tinoco de
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.79%
Dissertação de mestrado em Ciências da Educação (área de especialização em Desenvolvimento Curricular); Esta dissertação desenvolveu-se em torno da importância da articulação curricular nos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico. Trata-se de uma temática actual e pertinente, que tem vindo a ganhar centralidade no debate curricular dos últimos tempos, constatando-se que a articulação curricular é um imperativo fundamental para o sucesso educativo dos alunos, além de poder ter um efeito preventivo tanto em termos de retenção como de abandono escolar. Trata-se de um estudo de carácter exploratório, de cariz quantitativo, desenvolvido num agrupamento de escolas do Distrito de Braga. A amostra representativa da população em estudo foi constituída por 74 professores, dos 2º e 3º ciclos do Ensino Básico, que exerceram funções no agrupamento no ano lectivo de 2008/2009. Para recolha dos dados foi aplicado um questionário a todos os elementos da população, tendo todos tido a mesma oportunidade de integrar a amostra. Além disso, procedeu-se à análise de 15 Projectos Curriculares de Turmas (PCTs) do Agrupamento, elaborados no ano lectivo de 2008/2009, e seleccionados de forma aleatória, tendo apenas o cuidado do número de projectos analisados ser representativo do número de turmas do agrupamento. Os dados obtidos pela aplicação do questionário foram tratados estatisticamente e os PCTs foram sujeitos a uma análise de conteúdo. O estudo circunscreveu-se à importância da articulação curricular vertical e horizontal no (in)sucesso educativo dos alunos...

A articulação curricular no ensino básico no âmbito da disciplina de Inglês

Lima, Marta Sofia de Almeida Fontes e
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 24/09/2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.78%
Este Relatório Reflexivo parte de uma experiência profissional de 18 anos, marcada por sucessivas reformas e mudanças profundas no sistema de ensino português e, consequentemente, na forma de se encarar o ensino, o processo de ensino/aprendizagem, a própria prática pedagógica. Coincide com a entrada em vigor da Lei de Bases do Sistema Educativo, mais concretamente com o alargamento da escolaridade obrigatória a nove anos, novos programas das diferentes disciplinas e novo regime de avaliação dos alunos. Mais tarde, o novo regime de Autonomia e Gestão das Escolas e a Reorganização Curricular, tornaramse marcos importantes ao nível da gestão das escolas e da reorganização da rede escolar, mas também do desenvolvimento do currículo nacional em contexto escolar e, posteriormente, de agrupamentos de escolas. O alargamento da escolaridade obrigatória exige maior atenção aos momentos de transição dos alunos dentro do sistema de ensino. Tal aspeto coloca novos desafios à escola e aos docentes visando a continuidade dentro do mesmo sistema, implicando uma maior articulação entre os diferentes níveis de ensino e, consequentemente, um trabalho mais colaborativo entre os docentes. A Articulação Curricular vertical e horizontal...

As atividades de enriquecimento curricular : o papel dos professores titulares de turma na supervisão pedagógica e articulação curricular

Morais, Marta Sofia Pimentel Alves de
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 11/11/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.68%
Num momento em que as transformações na nossa sociedade ocorrem a um ritmo extremamente rápido, com reflexos decisivos em todos os setores de atividade, necessário e urgente se torna, que a escola tenha a capacidade de lhes dar resposta, sob pena de, se não o fizer, se transformar numa instituição isolada, incapaz de cumprir o seu papel na formação de cidadãos livres e autónomos. Assim, procurou-se colaborar na compreensão das Atividades de Enriquecimento Curricular, tendo em consideração que as instituições educativas têm de se adaptar continuamente às novas realidades da sociedade. Desta forma, o prolongamento do horário de funcionamento das escolas do 1º ciclo do ensino básico, no âmbito do programa “Escola a Tempo Inteiro”, é, para inúmeras famílias, uma medida socialmente relevante. O presente relatório foi elaborado no âmbito do Mestrado em Supervisão Pedagógica e Avaliação de Desempenho e decorre das ações de acompanhamento ao Programa das Atividades de Enriquecimento Curricular nos anos letivos de 2009/2010 e 2010/2011, promovidas pela Comissão de Acompanhamento do Programa enquadrada na atividade desenvolvida pela Equipa de Apoio às Escolas de Leça e Baixo Ave da Direção Regional de Educação do Norte. Centrado na temática das Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC) na área de abrangência da referida equipa (Matosinhos...

Articulação curricular pré-escolar/1º ciclo do ensino básico : práticas colaborativas

Aniceto, José Manuel Torres Abrantes
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.91%
O estudo que se apresenta emerge de um projecto de investigação que tem como eixo estruturador a temática da Articulação Curricular entre o Pré-Escolar e o 1º CEB, integrando dois estudos organizados em rede: o Estudo 1, o que agora se desenvolve pretende perceber de que forma o trabalho colaborativo entre docentes destes dois níveis de educação contribui para a efectivação de reais estratégias e práticas de articulação curricular; o Estudo 2 pretende perceber em que medida a articulação curricular entre estes dois níveis de escolaridade contribui para o sucesso educativo, na perspectiva dos participantes. Assim, no presente estudo, a ênfase é colocada na análise e compreensão dos conceitos que se movem em torno das novas concepções de currículo, principalmente, à luz da actual visão paradigmática e como é concebida, nesse enquadramento, a articulação curricular, tendo, também, por base os normativos legais e orientações provenientes de estudos e relatórios sobre a temática. São participantes deste estudo Educadores de Infância e professores do 1º CEB, pertencentes a um Agrupamento de Escolas do Distrito de Aveiro, bem como, Educadores de Infância a exercerem a sua actividade profissional nas I.P.S.S.’s...

O director de turma e a articulação curricular: estudo de caso sobre o ensino das línguas no 3º CEB

Lopes, Maria Luísa Silva
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.79%
O presente projecto tem duas temáticas centrais: por um lado, as múltiplas funções, atribuições e papéis do Director de Turma; por outro, a articulação curricular no ensino das línguas no 3º CEB, situando-se esta no domínio da gestão curricular. Assim, procuramos revelar a importância do Director de Turma, enquanto órgão de gestão intermédia, na promoção e reforço da articulação curricular ao nível das Línguas. No âmbito da crescente autonomia das escolas, a gestão curricular vem dar um contributo e um sentido diferente às práticas docentes, obrigando a assumir uma postura distinta face ao desenvolvimento curricular. O aprofundamento da temática seleccionada poderá vir a contribuir para a sua compreensão e para o seu consequente uso, na medida em que qualquer professor, em exercício, poderá assumir este cargo e poderá representar um momento propiciador e estimulador de reflexão no e sobre esse desempenho, para além de possibilitar a manutenção e enriquecimento dos processos de conhecimento. Foi adoptada uma metodologia tipo estudo de caso, com recolha de dados eminentemente qualitativos, com o objectivo de apurar se existe uma relação entre as duas temáticas em estudo e se a articulação curricular é uma prática presente na Escola Azul. Foi possível concluir que o Director de Turma é...

O problema da falta de articulação curricular entre níveis de ensino: o papel das "culturas docentes" para a sua facilitação

Favinha, Marília; Charréu, Helena
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.63%
Resumo: O presente texto, consciente da sua dimensão de “esboço”, procura responder, preliminarmente, a uma das grandes preocupações profissionais da sua autora. Aliada a uma primeira tentativa de organização narrativa, procurou-se sobretudo sistematizar e analisar fontes e referências bibliográficas mais enfocadas na temática da articulação curricular, seguindo-se aliás os conselhos de algumas das obras sobre metodologia da investigação consultadas que recomendam uma organização e análise preliminar da informação (bibliografia, recursos, dados). Ela constitui um importante passo a dar em qualquer pesquisa. Neste artigo não se descarta a própria experiência docente da sua autora, que permanece como pano de fundo a partir do qual se toma consciência daquilo que, num grande número de escolas, parece não funcionar muito bem: a articulação curricular entre ciclos. As estatísticas relativas aos resultados dos exames nacionais na área das ciências experimentais podem prová-lo.

A articulação curricular entre a educação pré-escolar e o 1º ciclo do ensino básico

Cruz, Ana Raquel Lourenço da
Fonte: Instituto Politécnico de Portalegre - Escola Superior de Educação Publicador: Instituto Politécnico de Portalegre - Escola Superior de Educação
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.55%
O presente relatório decorreu do trabalho desenvolvido na Prática de Ensino Supervisionada do Mestrado em Educação Pré-Escolar e apresenta a descrição e reflexão do percurso que vivemos num Jardim de Infância da cidade de Portalegre. “A Articulação Curricular entre a Educação Pré-Escolar e o 1.º Ciclo do Ensino Básico” dá título ao nosso relatório, no qual pretendemos investigar e refletir os discursos e as práticas de articulação entre Educadores e Professores, a exercer funções no mesmo Agrupamento, para que a transição entre ciclos se torne um processo harmonioso e promova a sequencialidade do processo de ensino-aprendizagem. Neste enquadramento desenvolvemos algumas atividades com as crianças e pretendemos averiguar as opiniões dos encarregados de educação sobre o processo de transição e a articulação entre a Educação Pré-Escolar e o 1.º Ciclo do Ensino Básico, assim como as perspetivas das crianças sobre a sua entrada no 1.º ciclo. Para desenvolvermos este trabalho, recorremos à linha metodológica de Investigação-Ação pois esta metodologia permite aos profissionais promover mudança nas práticas e procurar a melhoria da qualidade da educação no estabelecimento onde exercem funções.

O trabalho colaborativo e as práticas curriculares na articulação vertical do currículo de matemática do Ensino Básico

Sancho, Luís Andrade Correia
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
56.6%
Dissertação de mest., Observação e Análise da Relação Educativa, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Univ. do Algarve, 2010; O processo de articulação curricular desenvolvido num agrupamento de escolas deve considerar sempre em primeira instância a natureza do trabalho do professor. O trabalho colaborativo, a gestão curricular, as concepções que cada um tem da disciplina de matemática e o modelo de organização condicionam/promovem um processo transparente, de partilha e de desenvolvimento profissional que conduzirão invariavelmente a que, os jovens alunos beneficiem de processos de educação que estejam bem ligados entre si, cujas influências não se neutralizem, mas que se complementem mutuamente, conduzindo, no seu conjunto a oportunidades educativas ricas e polivalentes. Um dos objectivos da nossa reflexão consiste em efectuar um diagnóstico da situação actual relativamente ao trabalho já desenvolvido ou que se prevê desenvolver nas escolas/agrupamentos, no que concerne à problemática da articulação curricular da matemática ao longo dos três ciclos do ensino básico. O nosso modelo inicial passou então por várias etapas. Com recurso aos testes estatísticos respectivos, as hipóteses de trabalho foram confirmadas...

Trabalho colaborativo e articulação curricular: a biblioteca escolar e o programa de português do ensino básico.

Martins, Isabel Maria Seixas
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.57%
Este estudo tem como principal objetivo refletir sobre o contributo da Biblioteca Escolar na implementação dos novos Programas de Português do Ensino Básico e no processo de ensino e aprendizagem, tendo como base um estudo empírico sobre o trabalho colaborativo entre a Biblioteca Escolar e os professores de Português, realizado em três agrupamentos de escolas do distrito de Viseu. A Biblioteca Escolar é um meio facilitador do processo de ensino e aprendizagem, através da dinamização de todos os recursos nela existentes, da promoção de atividades conducentes ao desenvolvimento da competência leitora dos discentes, da formaçã o para as diferentes literacias e uso das tecnologias de informação e comunicação , com vista à formação de leitores competentes e críticos e de forma a facultar a necessária aprendizagem ao longo da vida. O trabalho colaborativo, concretizado na articulação curricular entre a Biblioteca Escolar e os professores de Português, de acordo com a nossa opinião, poderá desempenhar um papel preponderante nas mudanças de que o ensino do Português exige, sobretudo ao nível da leitura e das linhas orientadoras relativas a este domínio consignadas nos Programas de Português do Ensino Básico...

O processo de articulação entre a educação pré-escolar e o 1º ciclo do ensino básico : um estudo avaliativo; The articulation process between elementary and middle school : an evaluation study

Mesquita, Ana Maria Dias
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.68%
Dissertação de mestrado em Ciências da Educação (área especialização em Avaliação); Esta dissertação foi desenvolvida no âmbito do Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Avaliação, tendo como objeto de estudo a articulação curricular entre a Educação Pré-escolare o 1º Ciclo do Ensino Básico. Pretende aferir se as práticas pedagógicas implementadas pelas educadoras de infância e pelos professores do 1º ciclo, no processo de articulação curricular desenvolvido num agrupamento de escolas, contribuem para uma sequencialidade educativa promotora do sucesso dos alunos. Considerando a literatura científica e nos normativos enquadradores e reguladores do Sistema Educativo Português, a articulação curricular entre ciclos de Educação e ensino é cada vez mais assumida como relevante e é entendida como condição facilitadora das transições entre os vários níveis de Educação e ensino, promotora da sequencialidade educativa progressiva e do sucesso educativo. Este projeto de investigação tem um carácter exploratório, pretendendo fazer uma aproximação a um estudo avaliativo do modo como se desenvolve o processo de articulação e que importância lhe é atribuída...

Articulação curricular e continuidade educativa : um estudo exploratório sobre a realidade cabo-verdiana

Évora, Lídia Margarida dos Santos
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.78%
Dissertação de mestrado em Ciências da Educação (área de especialização em Desenvolvimento Curricular); O estudo, que a seguir se apresenta tem como eixo estruturante a Articulação Curricular. A sua realização permitiu-nos reflectir sobre a importância desta temática quer no momento de transição entre o ensino Básico (3ª Fase) e o ensino Secundário (1º ciclo), quer ao longo do ano lectivo, entre os professores do mesmo ano de escolaridade. O presente estudo, intitulado “ Articulação curricular e continuidade educativa – um estudo exploratório sobre a realidade cabo-verdiana”, teve como participante uma amostra da população de professores de nove escolas secundárias da via geral e de professores da 3ª fase de seis escolas do ensino básico, localizadas nas proximidades das escolas secundárias, todas sediadas no concelho da Praia, em Cabo Verde. Neste trabalho de investigação de cariz exploratório, utilizámos o inquérito por questionário que aplicámos à generalidade dos professores referidos, e o inquérito por entrevista, que aplicamos a uma amostra de professores que desempenham cargos de direcção pedagógica nas escolas básicas e secundárias. Com a realização do estudo procurámos conhecer as representações dos professores sobre a articulação curricular vertical e/ou horizontal...

Articulação curricular entre a EB1 e o jardim-de-infância : práticas docentes

Cruz, Maria de Lurdes Moutinho da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.71%
A educação de infância é considerada desde 1973 (com a reforma de Veiga Simão), como um nível do sistema educativo, muito embora envolta numa certa ambiguidade quanto à definição do seu papel. Hoje reconhecida como 1ª etapa de um processo de formação integral da criança com influências positivas no seu sucesso educativo é por demais importante perceber os meandros da articulação que existem ou devem existir entre esta e o nível subsequente numa lógica de continuidade educativa. Neste projecto pretende-se reflectir sobre as práticas dos professores do 1º Ciclo e Educadores de Infância quanto à articulação entre estes dois ciclos. Se o facto de pertencerem a uma organização cujos princípios de acção são, entre outros promover a articulação entre ciclos, facilita o estabelecimento de relações profícuas de trabalho e ainda compreender o processo de apropriação e execução das escolas aos normativos legais. Estabelecer a articulação e promover a continuidade, pressupõe que os professores (principalmente os que vão receber a primeira classe), e educadores, programem conjuntamente o currículo, desenvolvam actividades conjuntas e estabeleçam comunicação (formal ou informal), tanto no que diz respeito ao desempenho das crianças como às metodologias e estratégias de acção. É mediante o entendimento dessas práticas...

Articulação curricular pré-escolar / 1º ciclo do ensino básico: contributos para o sucesso educativo

Carvalho, Ana Paula Hipólito de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.82%
O propósito central de qualquer instituição de ensino será o de preparar os seus alunos para uma plena e efectiva inserção na sociedade. As constantes evoluções da realidade social e consequentes exigências demandam à Escola uma readaptação permanente e uma constante busca de sentido, na tentativa de adequação a novos públicos, novos paradigmas de formação e novos papéis. Esta busca constante pressupõe a preocupação em encontrar mecanismos que garantam as condições de sucesso a todos os alunos. Nesta lógica, a articulação curricular entre níveis e ciclos de ensino tem suscitado a preocupação de inúmeros investigadores nacionais e internacionais, uma vez que a sua ausência pode constituir-se como um obstáculo a percursos escolares securizantes e coerentes. A possibilidade de realizar um estudo em rede, desenvolvido por um Professor de 1º CEB e uma Educadora de Infância, suscitou o interesse em abordar a articulação curricular entre Pré-Escolar e 1º CEB. Esta abordagem é feita em duas perspectivas distintas, sendo que no caso do estudo 1 se abordam os contributos do trabalho colaborativo para a articulação curricular e no caso do presente estudo, estudo 2, são abordados os contributos da articulação curricular para o sucesso educativo. Centrando a sua abordagem na articulação curricular enquanto pressuposto para a construção de uma gestão curricular efectiva que dê resposta a todos os alunos...

Articulação curricular como problema da gestão escolar : estudo do trabalho colaborativo em dois departamentos numa escola básica 2-3 com ensino secundário da lezíria do Tejo

Braz, José Joaquim de Jesus, 1957-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
56.78%
Trabalho de projecto de mestrado, Ciências da Educação (Administração Educacional), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2009; O presente estudo interroga-se sobre o que se passa no seio da escola enquanto organização e pretende conhecer e compreender o tipo de trabalho que os professores realizam nos seus grupos, nos departamentos curriculares a que pertencem e qual o papel do gestor na promoção da articulação curricular. O estudo decorreu ao longo do ano lectivo de 2008/2009 numa Escola da Lezíria do Tejo. A investigação desenvolve-se a partir de três grandes eixos de análise: os departamentos curriculares, como lugar de múltiplas interacções entre professores; o trabalho colaborativo; e a articulação curricular. O estudo fundamenta-se em estudos sobre os grupos disciplinares e os departamentos curriculares como unidades básicas de coordenação dos professores, sobre as culturas colaborativas, e acerca do papel da articulação curricular na promoção do sucesso educativo. O estudo utiliza como instrumentos de recolha de dados o questionário e a entrevista semi-estruturada. No questionário abordam-se as relações interpessoais, relacionadas com a prática profissional nos departamentos e os factores que influenciam o trabalho colaborativo. Nas entrevistas abordam-se as percepções de gestores escolares (de topo e intermédios) sobre os conceitos de articulação curricular...

O estudo do meio como unidade curricular Integradora

Sá, Clementina Alexandra Batista de
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
56.52%
Relatório Final apresentado à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Ensino do 1.º e 2.º Ciclo do Ensino Básico; Este relatório é apresentado sob a forma de um trabalho de investigação, refletindo-se sobre a importância da articulação curricular no ensino-aprendizagem dos alunos, tendo como ponto de partida a área curricular de Estudo do Meio. Esta investigação pretende demonstrar que através da área curricular de Estudo do Meio é possível trabalhar, não só as competências específicas desta área curricular, mas também as competências relacionadas com as restantes áreas, nomeadamente, a área da Matemática e do Português. Neste sentido, são apresentadas evidências práticas que comprovam e justificam a problemática aqui equacionada, evidenciando-se a descrição e avaliação de duas atividades relacionadas com o Estudo do Meio, onde são, também, trabalhadas as áreas do Português, Matemática e das Artes Plásticas. O presente estudo foi elaborado no contexto de estágio da Prática de Ensino Supervisionada no âmbito do Curso de Mestrado em Ensino do 1º e 2º Ciclos do Ensino Básico, realizado em maio e junho de 2015. Para a concretização deste relatório foi fundamental a recolha e tratamento de dados. Esta recolha foi realizada através de diversos métodos...