Página 1 dos resultados de 80 itens digitais encontrados em 0.025 segundos

Famílias no museu de arte: lazer e conhecimento: um estudo sobre o programa educativo Interar-te do MAC USP; Families in the museum of art : leisure and knowledge : a study about the Interar-te Educational Program from MAC USP

Biella, Andrea Alexandra do Amaral Silva e
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
76.18%
A pesquisa Famílias no museu de arte: lazer e conhecimento um estudo sobre o programa educativo Interar-te do MAC USP teve como objetivo investigar as motivações dos adultos que optam por proporcionar a crianças e jovens, nos momentos de lazer de sua família, atividades de cunho cultural e educativo e, com isso, observar os desdobramentos destas iniciativas na formação e na criação do hábito de frequentação de museus de arte de todos os envolvidos. Foi selecionado para estudo de caso o programa Interar-te do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo. Este programa uma das ações de extensão universitária da Divisão Técnico-Científica de Educação e Arte do MAC USP tem como público-alvo famílias e é realizado aos sábados, uma vez ao mês, entre janeiro e novembro; foi criado a partir de uma demanda institucional para a sede do Museu no Parque Ibirapuera, que é muito frequentado aos finais de semana pelas opções de lazer que oferece. Para compreensão do contexto da pesquisa, foram delimitados os conceitos de lazer e de família e abordados princípios sobre educação em museus de arte. Utilizou-se metodologias de análise qualitativa de pesquisa e outras informações complementares foram obtidas através de instrumentos quantitativos direcionados à amostra selecionada para estudo. Constatou-se que há influências da família de origem sobre os adultos na criação de seus hábitos de frequentação de programações artístico-culturais...

Exposição e texto na arte contemporânea; Exhibition and text on contemporary art

Gurgel, Thais Macedo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/09/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.05%
Os textos apresentados nas exposições de arte são importantes recursos de mediação nesse ambiente. Este trabalho faz uma aproximação a essa produção textual, usualmente desenvolvida pela curadoria e que se constitui como o principal canal de comunicação entre o realizador da mostra e o seu público. Em especial, há a preocupação em compreender a dinâmica de relações proporcionada pelo uso de textos em exposições de arte contemporânea, cuja recepção estética pressupõe a participação do espectador. A partir de exposições e textos tomados como exemplares, busca-se delinear as formas mais comuns desses escritos, bem como regularidades em termos de conteúdo. Um panorama histórico do uso de textos em museus de diferentes partes do mundo também ajuda a situar as demandas por essas produções textuais e o seu emprego ao longo do tempo. Propõe-se, por fim, o texto de exposição em interação com os demais elementos do espaço expositivo como a expressão de um entendimento sobre a função educativa da exposição, a julgar pela forma de endereçamento assumida em relação ao visitante.; The texts shown in art exhibitions are important resources for mediation. The present thesis overlooks this textual production...

Ensino de arte em museus da cidade de São Paulo: tópicos modernos e contemporâneos; Teaching art in the museums of the city of São Paulo: modern and contemporary topics

Pinheiro, Maria de Paula
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
106.35%
Considerando que a arte-educação em museus é uma área de atuação recente no Brasil (as experiências iniciais datam da primeira metade do século passado), este estudo investiga e discute a influência dos pressupostos teóricos e didáticos da educação em arte associados à livre expressão modernista e à perspectiva contemporânea do fazer e ler influenciados pela cultura na mediação entre arte e público em dois museus da cidade de São Paulo. A partir de considerações históricas sobre as tendências pedagógicas do ensino de arte, analisamos as proposições práticas e reflexivas trabalhadas por dois destacados arteeducadores que foram coordenadores das ações educativas de museus da cidade de São Paulo ao longo da década de 1980: Paulo Portella Filho, coordenador do Serviço Educativo da Pinacoteca do Estado de São Paulo, entre os anos de 1976 e 1987; e Denise Grinspum, coordenadora da Área de Ação Educativa do Museu Lasar Segall, entre os anos de 1985 e 2001. A presente pesquisa se insere no campo das investigações qualitativas, sendo os dados coletados predominantemente descritivos. Ressalta o levantamento de fontes primárias documentais produzidas na época, como relatórios, artigos de jornais e revistas que fazem referência aos projetos que são objeto de estudo dessa pesquisa o curso Laboratório de Desenho (1976-1987)...

Museus e educação em museus - história, metodologias e projetos, com análises de caso : Museus de Arte Contemporânea de São Paulo, Niterói e Rio Grande do Sul

Bemvenuti, Alice
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.28%
Neste trabalho de mestrado realizou-se o estudo do histórico de museus e da educação nos museus brasileiros ao longo dos séculos XIX e XX, observando estratégias que incentivaram a aproximação do público com a obra de arte original. As ações educativas isoladas do início da história museológica permanecem até hoje, embora atualmente existam setores organizados desenvolvendo ações educativas sistematizadas, utilizando metodologias atuais de ensino da arte, leitura dos códigos visuais, atitudes pedagógicas de recepção e mediação de público e estratégias utilizando a experiência estética proporcionada pelas próprias obras de arte. Registra-se a análise de casos: MAC-USP, MAC-Niterói e MAC-RS, com a apresentação do universo de cada um desses três museus, desde a história de sua formação até a as metodologias e programas educativos desenvolvidos por eles. Aborda-se também o contexto histórico da transformação da função dos museus desde a Antigüidade até os de arte moderna e contemporânea no Brasil onde se nota que os fatos históricos não apresentam linearidade suficiente que conduza a resultados ou conseqüências previsíveis. Finalmente, faz-se uma reflexão sobre o papel político da ação educativa na instituição...

A gente aprende a fazer artes ! um estudo sobre o programa educativo da Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, RS

Fernandes, Aline Portella
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.15%
Este trabalho faz uma reflexão em torno das práticas educativas da Fundação Iberê Camargo em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, com o objetivo de estabelecer suas premissas e conceitos, para relacioná-los ao cotidiano da Instituição. A investigação, realizada sob abordagem qualitativa, elucida concepções e métodos utilizados pela Fundação em suas ações educativas em contrapartida com o que pode ser analisado ao acompanhar seu trabalho. À luz de entrevistas, depoimentos e observação de atividades estabelece conexões com conceitos como comunicação, educação e acessibilidade em museus, destacando a relevância e utilidade das pesquisas de público nestas instituições. As principais referências teóricas foram Paulo Freire, educador brasileiro de relevância nacional, e Ana Mae Barbosa, arte/educadora de destaque, tanto no país quanto internacionalmente. Levanta questões acerca do ensino de arte através dos museus, utilizando a união dos termos arte/educação. Ressalta a importância da formação de mediadores no processo de produção de conhecimento e na preparação necessária antes do contato com o público. Conclui fazendo um apanhado das considerações tecidas ao longo da narrativa, já que, a cada assunto abordado...

Educação, visualidade e informação em materiais gráficos educativos

Orloski, Christiane de Souza Coutinho
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 169 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
56.16%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Artes - IA; A pesquisa tem como foco a análise de materiais gráficos educativos referentes a exposições de artes visuais, produzidos por setores educativos de museus e instituições culturais da cidade de São Paulo. Para fundamentar tal análise busquei referências teóricas na área de arte-educação, principalmente com textos que abordam a leitura de imagens e a educação visual, e na área de design gráfico. Para a escolha dos materiais a serem analisados foi feito previamente um levantamento sobre quais materiais educativos são oferecidos por diversos museus e centros culturais da cidade. Foram realizadas entrevistas com coordenadores dos setores educativos das instituições pesquisadas. Os dados coletados durante essa pesquisa de campo possibilitaram um entendimento de como tais instituições culturais percebem a importância da produção e distribuição de materiais educativos. A partir desse levantamento e da pesquisa teórica foram desenvolvidos alguns critérios que permitiram uma análise detalhada dos materiais gráficos educativos produzidos por seis instituições culturais. Foram analisados os conteúdos teóricos referentes à arte e/ou educação inseridos nos materiais educativos...

Arte, vida e formação de professores

Pereira, Eliana
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 95 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
56.08%
Pós-graduação em Artes - IA; Esta pesquisa inicia com uma narrativa autobiográfica, na qual a pesquisadora relata sua prática pedagógica, conta histórias sobre ensinar/aprender e sobre a formação de professores. No decorrer da dissertação, a investigação vai-se adensando, fios vão sendo tecidos para articular as dimensões da vida, da arte, da educação e da práxis política. A narrativa da história de vida, uma das modalidades da pesquisa qualitativa, parte da prática, que é uma forma interessante de pesquisar quando se banha na teoria, porque permite ser revista, superada e propor soluções à luz de novos estudos, que podem trazer ideias renovadas, se submetidas à teorização. O ideário de Paulo Freire, Ana Mae Barbosa, Rejane Coutinho, John Dewey, Jorge Larrosa, Imanol Aguirre e Vigostski balizaram a pesquisa. A autora, atuando como Supervisor Escolar da Rede Municipal de Educação de São Paulo, descreve dois processos de formação de gestores educacionais mediados pelas artes visuais em momentos distintos: visitas a museus e a exposições de arte e um encontro de formação com uma imersão na arte contemporânea. Estabelecer ligações entre a vida e a escola, promover reflexões e significação no ato de ensinar e aprender são urgências que se colocam aos educadores. A intenção dessas mediações com arte foi alimentar os sentidos...

Processos avaliativos em mediação cultural: a postura reflexiva das ações educativas

Pinto, Júlia Rocha
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 125 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
46.26%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Artes - IA; Esta pesquisa tem como foco as práticas avaliativas realizadas por setores educativos de museus de arte e instituições culturais. A fundamentação teórica parte da intersecção dos campos da educação e da arte-educação, sobretudo no que tange à educação não formal realizada em espaços expositivos. Foram realizadas visitas e entrevistas com coordenadores de setores educativos de quatro instituições da cidade de São Paulo: Paço das Artes, Museu de Arte de São Paulo, Museu Lasar Segall e Pinacoteca do Estado de São Paulo. Esta pesquisa exploratória possibilitou um entendimento de como os setores educativos estão realizando a reflexão de suas ações educativas e como estas práticas podem influenciar o processo de atendimento ao público. A experiência da avaliação como reflexão do processo educativo realizado em espaços culturais foi também vivenciada pela pesquisadora junto à equipe do Pavilhão das Culturas Brasileiras em São Paulo, onde foram pensadas estratégias articuladas através de relatos da mediação cultural por parte dos sujeitos envolvidos. Como resultados da pesquisa, aprendi que a avaliação das ações educativas deva ser reflexiva no seu processo...

O mediador cultural: considerações sobre a formação e profissionalização de educadores de museus e exposições de arte

Alencar, Valéria Peixoto de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 97 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
66.11%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Artes - IA; A pesquisa cerne dessa dissertação foi desenvolvida a partir de inquietações advindas de minha experiência profissional como mediadora cultural de exposições de Artes. Com formação inicial em História, Bacharelado e Licenciatura, surgiu meu interesse pela educação não-formal, especialmente a mediação cultural. Com base na própria experiência procuro verificar a importância da formação inicial e contínua para este trabalho, a partir da prática, orientada pelas questões: quem é o mediador cultural? Qual sua formação? Como este campo de trabalho é percebido? Para responder as questões foi elaborado um questionário como instrumento de coleta de dados entre os educadores que estavam atuando em exposições de Artes Visuais, temporárias ou de longa duração, na cidade de São Paulo, entre setembro de 2006 e fevereiro de 2007. Com cem questionários respondidos, representando um terço do total de profissionais atuantes no período, o trabalho apresenta uma análise dos dados que permite tecer considerações sobre o perfil do mediador cultural no tocante à idade, gênero, formação inicial e atuação profissional. À luz de bibliografia existente sobre formação e profissionalização docente...

As pesquisas sobre educação em museus e centros de ciências no Brasil: estudo descritivo e analítico da produção acadêmica

Ovigli, Daniel Fernando Bovolenta
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 376 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
76.17%
Pós-graduação em Educação para a Ciência - FC; Ao longo das últimas quatro décadas ocorreu um grande crescimento da área de pesquisa em educação em ciências no Brasil. Frente ao volume da produção científica da área, são necessários estudos de caráter inventariamnte e descritivo, denominados pesquisas de estado da arte, ainda pouco encontrados na literatura científica brasileira, em especial no campo da educação em ciências. Nesse contexto, o objetivo desta tese reside na identificação e descrição das principais características e tendências das pesaquisas desenvolvidas em uma subárea da educação em ciências, a educação em museus e centros de ciências. Foram mapeadas investigações produzidas por pesquisadores brasileiros e divulgadas sob a forma de teses e dissertações, no período de 1970 a 2010. Trata-se e uma pesquisa de natureza qualitativa e quantitativa, que realiza uma análise documental histórico-bibliográfica a qual congrega 153 trabalhos, sendo 122 dissertações e 31 teses. Seis categorias de análise foram construídas a partir do material empírico: (i) programas, ações e exposições; (ii) aprendizagem; (iii) formação de professores e outros agentes educacionais; (iv) história dos museus e exposições; (v) organização e funcionamento dos museus de ciências e (vi) tecnologias da informação e comunicação nos museus de C&T. As defesas ocorreram predominantemente no eixo Rio-São Paulo...

O design como mediador da arte-educação nos materiais didáticos de museus

Santos, Laércio Carlos Ribeiro dos
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 144 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
56.19%
Pós-graduação em Design - FAAC; The teaching of art is part of our lives in many places, school, studios, museums etc. in the case of museums they often worth of educational materials created for specific exhibitions or the site itself. This material is designed primarily for teachers and students who attend these places in school activities. Thus, we sought in this study to understand how the design of these artifacts relate to the different approaches to teaching art. As well as understand how they fit into these spaces. It is concluded that the design is of fundamental importance in art education and should be valued in this process; O ensino de artes insere-se na vida das pessoas em diversos lugares: escola, ateliês, museus etc. No caso dos museus, eles se valem frequentemente de materiais educativos criados para exposições especifícas ou para o próprio local. Esses materiais são voltados, sobretudo, para professores e estudantes que frequentam esses locais em atividades escolares. Assim, buscou-se neste trabalho, compreender de que modo o design artefatos relaciona-se com as diferentes metodologias de ensino de arte, bem como compreeender de que modo eles se inserem nesses espaços. Como resultados nota-se uma relação direta do design com a metodologia de ensino empregada na visualidade do material. Assim...

Os Museus de Arte e a Educação : Discursos e Práticas Contemporâneas

Fróis, João Pedro, 1957-
Fonte: Instituto dos Museus e da Conservação Publicador: Instituto dos Museus e da Conservação
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
76.23%
Neste artigo procura-se situar conceptualmente a problemática da educação nos museus de arte. Procede-se ao mapeamento de autores e teorias que representam o pensamento contemporâneo das teorias do ensino e aprendizagem em contexto de museu. Propõe-se o estabelecimento de várias distinções conceptuais e enunciam-se algumas das práticas mais evocadas na bibliografia da problemática em análise. No encerramento sugerem-se algumas áreas de interesse para investigação. This article looks out to the conceptual point of the problematic on education in the art museums. The method utilized regards mapping from authors and theories that represent the contemporary thought of the theories of education and learning in museum context. The establishment of some conceptual distinctions is discussed as some of the evoked practices on the bibliography. Finally, some areas of interest for inquiry are suggested.

O educação estética de Schiller na contemporaneidade: o uso da arte para uma educação moral

Nunes, Ana
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.14%
Tese de mestrado, Filosofia, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2014; A Europa vivia os dias da Revolução Francesa, da promessa de uma República, da procura de um indivíduo livre e iluminado, capaz de fazer um uso dos seus pensamentos. No entanto, aquilo que parecia promissor tornou-se numa luta violenta pelos ideais, o que acabou por desagradar a muitos. Esse desânimo fazia-se sentir em especial entre os filósofos da Alemanha do século XVIII, até entre os que tinham inicialmente proclamado o movimento da Aufklärung (Iluminismo alemão). Os ideais manifestavam-se de várias formas e em várias frentes, e é neste contexto que chegamos a Friedrich Schiller um filósofo que começa por apoiar o Iluminismo, mas desilude-se com estes ideais quando começa a constatar a onda de violência que acaba por gerar. Schiller crê ser essencial arranjar uma solução para a sua sociedade e acredita que a educação é a base de tudo, e defende uma educação através da arte. Schiller entendia que através da arte era possível atingir um indivíduo capaz de harmonizar os seus impulsos (sensível e formal), ser um homem livre, um bom cidadão e fazer um uso pleno da moral, nas palavras do autor, um ser humano absoluto. Schiller escreveu...

A natureza da pedagogia nos museus: a realidade portuguesa - procura e identificação de modelos

Ascenção, Viviane Gonçalves
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.19%
A importância e o interesse da educação nos museus, para a formação dos indivíduos, justificam a necessidade de ser abordada de forma sistemática e através da experiência metódica a questão da educação nos museus, também referida como educação museal. Tomar conhecimento daquilo que já foi realizado na área da educação museal, parece-nos imprescindível para melhor se determinar a que ponto se chegou neste campo da educação e o que está ainda por realizar. Ao longo do século XX, até à década de 80, foram sendo estabelecidas estratégias de comunicação pelos serviços educativos dos museus, algumas das quais serviram de modelo a outros serviços educativos. No entanto, o trabalho desenvolvido por estes serviços de educação parece depender da intuição dos técnicos da educação nos museus e menos, assentar num conhecimento explícito. Tal facto baseia-se em várias razões, nomeadamente devido a não se recorrer a modelos teóricos para a concepção dos projectos educativos nos museus, a falta de cursos superiores específicos para a formação de técnicos de educação naquelas instituições, a precariedade da profissão daqueles que se dedicam à educação nos museus, a posição de subalternidade da educação museal face a outras funções do museu...

Educação da Sensibilidade - informação em arte e tecnologias para inclusão social; Education of sensitiveness - information on art and technologies for social inclusion

Pinheiro, Lena Vania Ribeiro
Fonte: Ibict Publicador: Ibict
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
56.08%
Discute-se o potencial da informação em arte, educação pela arte, educação da sensibilidade, competência informacional e tecnologias de informação e comunicação (TICs), embasada nas idéias e conceitos de Fisher (necessidade da arte), de Read (educação pela arte e educação da sensibilidade) e de Silva (consciência). São considerados a sociedade da informação, as políticas públicas e o papel de museus e bibliotecas de arte neste processo. É preciso reconhecer que a convergência dos componentes estudados pode conduzir à inclusão social.; Abstract: This paper discusses about resourcefulness of information on Art, Education through Art, education of sensitiveness, informational competency and technologies of information and communication (TICs), based on Fisher’s ideas and concepts (need of Art), Read’s (education through Art and education of sensitiveness), and Silva’s (consciousness). Information society, public policies, and the role of Art museums and libraries are taken into consideration in this process. It is necessary to have in mind that convergence of the components studied can lead to social inclusion.

O museu histórico Augusto Casagrande e o ensino da arte

Silva, Nádia Candiotto Casagrande da
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.21%
Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado para obtenção do grau de Licenciada no curso de Artes Visuais da Universidade do Extremo Sul Catarinense, UNESC.; Este trabalho de conclusão de curso insere-se na linha de pesquisa Educação e Arte do curso de Artes Visuais – Licenciatura da UNESC. Realizou-se no período de agosto a novembro de 2012. Teve como tema: O Museu Histórico Augusto Casagrande e o Ensino da Arte. A pesquisa traz como objetivo entender se os professores vêem os espaços museais como metodologia de ensino nas aulas de artes e o que essa relação pode acrescentar no desenvolvimento crítico e cultural da criança e do adolescente. A problemática instiga a compreender a relação entre museu e educação e de que forma podemos trabalhar o ensino da arte nesse espaço, bem como se os professores estão preparados para desenvolver trabalhos voltados às experiências de contato com a cultura, arte e história da sua região. Interrogamos também o que essas visitas podem proporcionar tanto para os alunos quanto para os professores e se os professores tem algum apoio da Secretaria de Educação do Município para realizá-las. Pensando nisso, formulo o problema deste estudo perguntando: os professores de arte realizam visitas ao Museu Augusto Casagrande com seus alunos como metodologia no ensino de artes? É uma pesquisa básica e foi escolhida a abordagem qualitativa como opção metodológica. Apresenta uma pesquisa de campo fundamentada em referenciais teóricos que tratam dos temas: museu...

Cultura e inclusão na educação em museus: processos de formação em mediação para educadores surdos; Culture and inclusion in museum education: professional training for deaf museum educators

Oliveira, Margarete de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/09/2015 PT
Relevância na Pesquisa
56.02%
Esta dissertação de mestrado tem por objetivo apresentar a formação dos educadores surdos que atuam em programas de acessibilidade cultural em três museus da cidade de São Paulo: Pinacoteca do Estado, Museu de Arte Moderna e Museu Afro Brasil. Para isso, apresento seu perfil profissional, como também os programas de acessibilidade e instituições culturais nos quais eles atuam. Exponho as propostas educativas em Libras (Língua Brasileira de Sinais) que são realizadas no atendimento da comunidade surda nesses ambientes culturais, bem como defendo a presença de uma proposta bilíngue e bicultural que seja norteadora na formação e atuação de tais educadores. Nesse sentido, proponho um olhar baseado na visão socioantropológica da surdez, que vê o ser surdo como uma pessoa que possui cultura e identidade cultural própria, devendo, portanto, ser incluído na sociedade por essa diferença linguística.; The purpose of this master\'s thesis is to present the professional training of deaf educators who work in cultural accessibility programs in three museums in São Paulo city: Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu de Arte Moderna and Museu Afro Brasil. For this, I present the educators\' professional profile, as well as the accessibility programs and cultural institutions where they work. In addition...

Coleções, museus e memórias de uma arte em fluxo permanente

Bulhões, Maria Amélia
Fonte: PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG Publicador: PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 28/11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
55.97%
O texto comenta as práticas artísticas on-line- web-arte -, des-tacando as especificidades da e-imagem e seus problemas depreservação e memória. Apresenta alguns exemplos de açõesna internet de museus como ferramenta de difusão e preser-vação dessa produção. Analisa o blog Territorialidade comobanco de dados, e sua atuação na conservação da memóriadesses trabalhos, destacando suas estruturas conceituais emetodologias organizacionais.

O que sabemos sobre a pesquisa brasileira voltada à educação em museus de ciências?

Ovigli, Daniel Fernando Bovolenta; Universidade Federal do Triângulo Mineiro; Caluzi, João José; Universidade Estadual Paulista
Fonte: UFSC Publicador: UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 12/11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
106.17%
Os últimos quarenta anos evidenciam grande crescimento da pesquisa em educação em ciências no Brasil (TEIXEIRA, 2008). Diante do volume de produção científica da área, são necessários estudos de caráter inventariante e descritivo, denominados pesquisas de estado da arte, ainda pouco encontrados na literatura científica brasileira, em especial no campo da educação em ciências. Nesse contexto, o objetivo principal da pesquisa que originou este artigo residiu na identificação e descrição das principais características e tendências das pesquisas brasileiras desenvolvidas em uma subárea da educação em ciências, a educação em museus de ciências. O estudo considerou trabalhos divulgados sob a forma de dissertações e teses no período de 1970 a 2010, analisando o quantitativo desta produção ao longo do tempo, sua procedência e seu conteúdo. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa e quantitativa, que realiza uma análise documental, caracterizando-se como estudo de revisão bibliográfica. Foram mapeados 153 trabalhos, defendidos predominantemente no eixo Rio-São Paulo, em sua maioria na última década, evidenciando que a área em questão caracteriza-se emergente no campo da educação em ciências. 

“Educação da Sensibilidade - informação em arte e tecnologias para inclusão social

Pinheiro, Lena Vania Ribeiro
Fonte: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia Publicador: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion;
Publicado em 25/03/2006
Relevância na Pesquisa
56.04%
Discute-se o potencial da informação em arte, educação pela arte, educação da sensibilidade, competência informacional e tecnologias de informação e comunicação (TICs), embasada nas idéias e conceitos de Fisher (necessidade da arte), de Read (educação pela arte e educação da sensibilidade) e de Silva (consciência). São considerados a sociedade da informação, as políticas públicas e o papel de museus e bibliotecas de arte neste processo. É preciso reconhecer que a convergência dos componentes estudados pode conduzir à inclusão social. Acesso ao texto completo (HTML)