Página 1 dos resultados de 2365 itens digitais encontrados em 0.016 segundos

Regulação dos Afetos e Expressão Facial das Emoções em Arteterapia

Cruz, Paula Maria Marta Ribeiro da
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.13%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para a obtenção do grau de Mestre em Psicologia, Ramo de Psicologia Clínica e da Saúde; O presente trabalho procura articular três eixos de pesquisa: a arteterapia, a regulação dos afetos e a expressão facial das emoções, e divide-se em três partes: uma introdução teórica, a metodologia e a conclusão. Na primeira parte, apresenta-se, num primeiro momento, a arteterapia como contexto do estudo, pois é no contexto de um processo de intervenção arteterapêutico que irá decorrer o nosso estudo. Referem-se as principais contribuições de Freud, de Jung, de Klein, de Winnicott e de Milner, o inconsciente, o inconsciente coletivo e os arquétipos, as relações de objeto, o espaço potencial e o brincar, o modelo de intervenção arteterapêutica. Num segundo momento, denominado por enquadramento teórico, reflete-se sobre a regulação dos afetos, a contribuição do modelo de vinculação, apresenta-se o modelo de biofeedback social do espelhamento parental dos afetos, e analisa-se ainda a relação entre regulação dos afetos, o processo de mentalização e o desenvolvimento do self. Finalmente, a expressão facial das emoções é apresentada como objeto de estudo do presente trabalho...

Os efeitos da arteterapia na aprendizagem: uma análise do desempenho de alunos concluintes do Ensino Fundamental de uma escola pública

Assis, Aida Maria Martins de
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.11%
A Arteterapia é um novo campo do conhecimento que se utiliza de recursos artísticos com o objetivo de promover o crescimento global e saudável do ser humano. No campo da aprendizagem, a Arteterapia promove a reordenação e reestruturação mental do aluno, sensibilizada com as suas emoções, questões e dificuldades, objetivando resgatar não só a dimensão integral, mas também os processos de autoconhecimento e de transformação pessoal. Ao participar das oficinas de Arteterapia, é possível o desenvolvimento das potencialidades criativas do aluno, permitindo a descoberta e o reconhecimento de suas habilidades, enriquecendo, consequentemente, o seu universo interior. Com o referencial teórico da Psicologia Analítica de Carl Gustav Jung, e o estudo do desenvolvimento humano de Jean Piaget, apoiados nos Parâmetros Curriculares Nacionais e no texto da UNESCO – Os quatros pilares da Educação, foi possível constatar como resultado desta pesquisa que a utilização de recursos artísticos pode auxiliar no processo de apresentação dos conteúdos pedagógicos, possibilitando a ampliação do olhar do educando sobre si mesmo e sobre a realidade a sua volta.; Art therapy is a new field of knowledge that uses artistic resources in order to promote healthy growth and overall human being. In the field of learning...

A Influência da Arteterapia no Bem-Estar em Idosos Institucionalizados : um estágio na Associação Casapiana de Solidariedade

Cabaço, Ana Sofia Martins Avelar de Carvalho
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.2%
Este relatório de estágio que agora se apresenta, tem como tema “A influência da arteterapia no bem-estar em idosos institucionalizados". Como tal pretendeu-se compreender e aferir junto da Associação Casapiana de Solidariedade (ACS) o modo como a arteterapia influencia o bem-estar dos idosos institucionalizados. Considerando que o bem-estar está relacionado com a qualidade de vida pois são ambos conceitos da psicologia que estão ligados, torna-se bastante importante aliá-los os mesmos com a arteterapia, e foi deste pensamento que surgiu este estágio. Nesse sentido o estágio desenvolveu-se no contato com a realidade de uma estrutura residencial para pessoas idosas com idades compreendidas entre os 65 e os 94 anos, sendo estes, na sua maioria mulheres viúvas e com pouca ou nenhuma escolaridade. O grupo que participou neste projeto de estágio, desenvolveu atividades de arteterapia. A participação nas atividades permitiu estudar as reações, os comportamentos e as opiniões expressas durante todo o processo. O método empregue foi a investigação-ação devido ao facto de se investigar e de se provar se a arteterapia promove o bem-estar e a qualidade de vida dos idosos no contexto da institucionalização. No fim de todo o processo de estágio conclui-se que a hipótese levantada no início da investigação “Os idosos institucionalizados ao usufruírem da arteterapia...

"Arteterapia com crianças hospitalizadas" ; Art therapy with hospitalized children.

Valladares, Ana Cláudia Afonso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
66.17%
A hospitalização institui uma crise na vida da criança e afeta tanto seu lado orgânico como o psíquico, determinando distúrbios comportamentais diversos e interrompendo seu desenvolvimento normal. Assim, o trabalho junto às crianças hospitalizadas torna-se fundamental para amenizar os efeitos negativos da doença, hospitalização e tratamento, que ameaçam seu desenvolvimento psicossocial normal. A arteterapia, meio de expressão e criação, restabelece uma maneira natural da criança comunicar-se com as outras pessoas; através dela a criança amplia seu conhecimento sobre o mundo e se desenvolve emocional e socialmente, motivo pelo qual não deve faltar na vida de qualquer criança, especialmente daquelas hospitalizadas. O objetivo deste trabalho é analisar os efeitos da utilização da arteterapia com crianças hospitalizadas. Trata-se de uma pesquisa com a abordagem quase-experimental, baseada em estudos quantitativos, fundamentados na mudança de comportamento e desenvolvimento das crianças hospitalizadas, bem como das imagens configuradas. Participaram do estudo 20 crianças, distribuídas em dois grupos: grupo experimental (n=10) e grupo controle (n=10). Crianças pertencentes ao grupo experimental submeteram-se às intervenções em arteterapia...

A arterapia com criança hospitalizada: uma análise compreensiva de suas produções; Art therapy with hospitalized child: a comprehensive analysis of their productions

Valladares, Ana Cláudia Afonso
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.04%
A hospitalização pode desencadear na vida da criança adversidades e estresse no curso do seu desenvolvimento natural. Diante da preocupação com a saúde mental da criança hospitalizada e na busca de atendimento às suas necessidades vitais, vê-se a possibilidade da inserção da Arteterapia, com suas atividades lúdicas, no ambiente hospitalar pediátrico, tendo em vista que favorece o desenvolvimento da expressão e criação infantil, bem como o crescimento global da criança, motivo pelo qual deve fazer parte da vida delas, especialmente daquelas hospitalizadas. Este estudo objetivou realizar uma análise compreensiva das produções plásticas de uma criança hospitalizada, a partir da Psicologia Analítica, buscando apreender as transformações das representações plásticas que ocorreram ao longo do processo arteterapêutico. Escolheu-se como percurso metodológico a pesquisa qualitativa, que privilegiou analisar o conteúdo e a evolução das produções plásticas da criança hospitalizada. Compôs o estudo o corpus das produções plásticas de uma criança de oito anos de idade, com diagnóstico de meningite, internada em um hospital público de Goiânia/GO, a qual passou por intervenções breves de Arteterapia. A análise de dados evidenciou que...

Arteterapia com famílias e psicanálise winnicottiana: uma proposta de intervenção em instituição de atendimento à violência familiar; Art therapy with families and Winnicotts psychoanalysis: a proposal of intervention in an institution for cases of family violence

Sei, Maíra Bonafé
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.18%
A Psicanálise Winnicottiana baseia-se na crença de que o viver criativo está ligado à saúde. Winnicott propôs as Consultas Terapêuticas, quando a psicoterapia não era possível e a pessoa poderia ser ajudada com poucos encontros. Criou o Jogo do Rabisco, no qual o contato entre terapeuta e paciente ocorre por meio de desenhos. Entende-se que a soma destas características permite uma articulação desta teoria à prática da Arteterapia, intervenção terapêutica que oferece recursos artísticos para facilitar expressão e comunicação. Objetivou-se com esta investigação, construir uma proposta de intervenção com famílias, em uma prática da Artepsicoterapia pautada na Psicanálise Winnicottiana, para aplicação no contexto institucional. Trata-se de uma pesquisa qualitativa em Psicologia Clínica, por meio da qual foram atendidas 10 famílias clientes de uma instituição de atenção à violência familiar. O processo psicoterapêutico familiar foi empreendido com a oferta de recursos artísticos disponíveis em uma caixa artística composta por diferentes materiais expressivos e presente nas sessões. Escolheu-se três famílias para aprofundamento da compreensão do processo, com foco na importância dos encontros iniciais na construção do processo terapêutico familiar...

A arteterapia como instrumento de promoção humana na saúde mental

Vasques, Márcia Camargo Penteado Corrêa Fernandes
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 87 f.
POR
Relevância na Pesquisa
46.13%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Saúde Coletiva - FMB; O presente estudo, com abordagem qualitativa, insere-se no contexto das investigações científicas sobre a Arteterapia e suas aplicações no cenário da Saúde Mental, através de revisão histórico-bibliográfica e entrevista com profissional da área de arte-reabilitação, utilizando a técnica da história oral, com vistas a aprofundar o conhecimento sobre Arteterapia e seu campo de atuação. Foi possível constatar que, dentro de uma abordagem sistêmica, existem várias possibilidades de atuação da Arteterapia na prevenção, recuperação e tratamento da Saúde Mental, contribuindo para uma melhoria na qualidade de vida.; This is a scientific qualitative study approaching Art-Therapy theories and practices, focusing on possible applications in the field of Mental Health assistance. It contains two parts, the first one a Review of the history and literature on the subject, and the second one is an interview with one professional who has developed an extensive practice of Art-Therapy in Brazil. The interview is interpreted by means of an Analysis of Discourse using the techniques of Oral History. The objective of the study is to gather knowledge about Art-Therapy and its applications in the prevention...

Suporte social como prevenção em saude mental e obesidade : intervenções atraves de atividades ludicas no cenario escolar; Social support as mental health and obesity prevention : interventions through school setting play activities

James Jose de Novaes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
46.19%
Várias pesquisas mostram que nos próximos 20 anos metade da população mundial terá sobrepeso em função da crescente prevalência deste distúrbio e da carência de medidas preventivas eficazes para a coletividade. Este contínuo aumento da obesidade tem levado a um crescimento de problemas orgânicos na população, além de problemas na esfera psíquica relacionados a auto-estima e a imagem corporal. Alguns pesquisadores indicam como principal fator do aumento da obesidade, a compulsão alimentar em decorrência de ansiedade. Por outro lado, a ausência de medidas preventivas na área de saúde mental, tem levado os distúrbios mentais a tornarem-se o maior problema em saúde coletiva atualmente nos países desenvolvidos. Foi verificado que intervenções através de atividades lúdicas como suporte social, possibilitam uma diminuição no risco de desenvolvimento de psicopatologia e um aumento dos fatores de proteção em um período curto de aplicação, o que aumenta a possibilidade desta intervenção promover resultados preventivos ao longo prazo. Foram escolhidas 2 categorias de atividades lúdicas como programa de prevenção primária para este estudo: a Arte Terapia e a Arte Capoeira. As crianças foram dividas em 3 grupos de intervenção...

Art Therapy: An Underutilized, yet Effective Tool

Bitonte, Robert A.; De Santo, Marisa
Fonte: PAGEPress Publications, Pavia, Italy Publicador: PAGEPress Publications, Pavia, Italy
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 03/07/2014 EN
Relevância na Pesquisa
46.24%
Art therapy has been recognized as beneficial and effective since first described by Adrian Hill in 1942. Even before this time, art therapy was utilized for moral reinforcement and psychoanalysis. Art therapy aids patients with, but not limited to, chronic illness, physical challenges, and cancer in both pediatric and adult scenarios. Although effective in patient care, the practice of art therapy is extremely underutilized, especially in suburban areas. While conducting our own study in northeastern Ohio, USA, we found that only one out of the five inpatient institutions in the suburban area of Mahoning County, Ohio, that we contacted provided continuous art therapy to it’s patients. In the metropolitan area of Cuyahoga County, Ohio, only eight of the twenty-two inpatient institutions in the area provided art therapy. There could be many reasons as to why art therapy is not frequently used in these areas, and medical institutions in general. The cause of this could be the amount of research done on the practice. Although difficult to conduct formal research on such a broad field, the American Art Therapy Association has succeeded in doing such, with studies showing improvement of the patient groups emotionally and mentally in many case types.

Mural art therapy for young offenders hospitalised with a mental illness

George, O.; Kasinathan, J.
Fonte: SAGE Publications Publicador: SAGE Publications
Tipo: Artigo de Revista Científica
Relevância na Pesquisa
66.17%
OBJECTIVE To describe a mural art therapy project completed within an adolescent unit of a secure forensic psychiatric hospital. METHOD The planning, implementation and consecutive stages of the mural art therapy project are described. Pertinent themes are identified. RESULTS A cohort of adolescent forensic inpatients was engaged in a group therapeutic process involving collaboration, design and the completion of an art mural. The participants generally approved of the project and identified themes of gaining a sense of achievement, empowerment, teamwork, involvement and ownership. The art mural transformed and improved the visual and spatial environment of the Adolescent unit courtyard. CONCLUSIONS Mural art therapy was acceptable to young offenders hospitalised with mental illness, which has relevance for adolescent psychiatric units and youth detention centres.

Der Seele eine Stimme geben : Analysen der Lyrik Vjaceslav Ivanovs im Rahmen eines Symbolmodells der klinischen Psychologie; Analytical interpretations of poems by Vyacheslav Ivanov based on a psychological theory of symbolization

Staudacher, Diana
Fonte: Universidade de Tubinga Publicador: Universidade de Tubinga
Tipo: Dissertação
DE_DE
Relevância na Pesquisa
46%
„Dein Gesicht ist das Symbol meiner inneren Welt. Was in diesem Moment in mir vorgeht, sehe ich in Deinem Gesicht. Es spiegelt mir mein Inneres“ – so beschreiben die Entwicklungspsychologen Peter Fonagy und Mary Target, wie Kinder seit ihren ersten Lebenstagen Symbole verinnerlichen. Das feinfühlige Spiegeln der kindlichen Psyche durch eine reifere Psyche gilt in der Neuro-wissenschaft und in der Entwicklungspsychologie als Ursprung menschlicher Symbolbildung. Den eigenen innerseelischen Zustand mit einer „Repräsentation“ dieses Zustandes auf dem Gesicht der Fürsorgeperson in Verbindung zu bringen – das heißt ein „Symbol“ oder eine „innerseelische Repräsentanz“ bilden. Der Mensch wird geboren mit dem Bedürfnis, seine momentane psychische Situation im Gesicht seines Gegenübers repräsentiert und symbolisiert zu sehen. Wer feinfühlig gespiegelt wird, fühlt sich verstanden, lebendig und empfindet eine tiefe seelische Sicherheit. Denn seine innere Welt und die Außenwelt sind im Einklang miteinander. Dieses harmonische Erleben wird im Gehirn des Kindes gespeichert. In seelisch belastenden Situationen können die früh verinnerlichten Symbole wieder aktiviert werden – und verleihen dann einen starken psychischen Rückhalt. In kreativen Gestaltungsprozessen greift ein Mensch auf seine früh verinnerlichten Symbole zurück. Wer schreibt...

Despatologización trans y práctica arteterapéutica; Trans depathologization and art therapy practice

Suess, Amets
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
66.08%
En los últimos años, se puede observar la presencia creciente de un activismo internacional por la despatologización trans, cuyas demandas principales son la retirada de las categorías de “disforia de género” / “trastornos de la identidad de género” de los manuales diagnósticos DSM y CIE, así como la garantía de los derechos sanitarios trans, incluyendo la cobertura pública de la atención sanitaria trans-específica. Asimismo, el movimiento por la despatologización trans reivindica la sustitución del modelo actual de evaluación y autorización hacia un enfoque basado en la autonomía y decisión informada. Ante la observación de un proceso de cambio desde una conceptualización de las expresiones, trayectorias e identidades trans como enfermedad hacia su entendimiento como derecho humano, el presente artículo plantea la pregunta acerca del lugar de procesos de tránsitos de género en la escena psicoterapéutica, incluyendo la práctica arteterapéutica. En el marco de una reflexión sobre las posibilidades de construcción de un espacio arteterapéutico abierto a una diversidad de expresiones, trayectorias e identidades de género, se propone un ejercicio autorreflexivo sobre la influencia de valores...

Arteterapia y Museos. Puntos de encuentro; Art Therapy and Museums. Points of Convergence

López Martínez, María Dolores
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
66.2%
La literatura muestra numerosos estudios de casos que evidencian el arteterapia como un medio con grandes posibilidades terapéuticas. Su carácter multidisciplinar y su efecto integrador permite extender su uso a todo tipo de población: niños, adolescentes, adultos, ancianos, con cualquier tipo de problemática o patología, así como a cualquier individuo con deseos de crecimiento personal. Por otra parte, uno de los grandes retos de la Museología del S.XXI es la atención e integración de los sectores sociales más desfavorecidos y desvinculados con los museos. Por lo tanto, los intercambios entre los profesionales de ambas disciplinas pueden enriquecer enormemente su práctica. La reciprocidad entre Arteterapia y Museología posibilita ampliar el campo de la investigación e innovación con la creación de nuevas técnicas y enfoques metodológicos que impliquen la colaboración de un público más amplio y una mejora social a través del arte.; ABSTRACT: Art Therapy is a science which provides a great deal of therapeutic possibilities. Literature often shows many examples of how useful Art Therapy might be to heal and improve the lives of all kind of population: Children, teenagers, adults, and the elderly people with any kind of disability or pathology and also any individual who wish to grow in a personal level. This is possible due to the multidisciplinary and integrative nature of Art Therapy. On the other hand...

El Arte como un lenguaje posible en las personas con capacidades diversas; Art as a Possible Language for People with Disabilities.

Ballesta, Ana M.; Vizcaíno, Onil; Mesas, Eva Cristina
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
46.02%
El presente artículo pretende fundamentar, realizando un recorrido histórico por las nuevas sensibilidades del arte a partir del siglo XX y el inicio del Arte como terapia, un espacio común para el arte y la discapacidad. Asimismo se pretende documentar el resultado de 20 años de investigación y trabajo con las artes, principalmente artes plásticas y danza contemporánea, dentro de un colectivo de personas con síndrome de Down y otras discapacidades intelectuales pertenecientes al centro de día ocupacional de ASSIDO (Asociación para personas con síndrome de Down y otras discapacidades intelectuales); ABSTRACT: This magazine article tries to base and realize a historical tour across the new sensibilities of the art from the 20th century and the beginning of the Art as therapy, a common space for the art and the disability. Likewise it tries to document the result of 20 years of research and work with the arts, and principally the plastic arts and the contemporary dance, with a group integrated by persons with Down’s syndrome and other mental disabilities belonging to ASSIDO’s labour center (Association for persons with Down’s syndrome and other intellectual disabilities)

Influencing and moderating factors analyzed in the group art therapy of two schizophrenic inpatients

Hung, Chung-Chieh; Ku, Yung-Wen
Fonte: China Medical University Publicador: China Medical University
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 28/11/2015 EN
Relevância na Pesquisa
46.13%
Art therapy has been considered a guideline treatment for schizophrenia. Due to difficulty in the outcome measurement, the research is difficult and controversial. Here, we presented two schizophrenic patients receiving the regular art group therapy. We compared their characteristics and different outcome. Art therapy is difficult to quantify. However, we could qualify the improvement from the individual case. Further study might be focus on how to make appropriate qualification of art therapy and individualized difference instead of enrollment of huge data bank.

In memory of trauma

Johnston, Amber
Fonte: Rochester Instituto de Tecnologia Publicador: Rochester Instituto de Tecnologia
Tipo: Tese de Doutorado
EN_US
Relevância na Pesquisa
46.04%
This thesis delves into the psyche of a survivor of sexual molestation, exploring defense mechanisms, PTSD, and elusive memory in an audio and visual context. Three photographic gazes appear in this work, the dissociative gaze, the experiential gaze and the metaphoric gaze. These gazes are shown in the series In Memory of Trauma which consists of ten large Photographic prints on the gallery wall. Disarticulation is a book of images that discuss the dissociation between mind and body happening after a traumatic experience. There is also a confrontational sound installation, Confessional, that speaks to denial and self-hatred. Work by artists including Tracy Emin, Sue Williams, Harriet Hosmer, Krzysztof Wodiczko, Alfredo Jaar, Joe Spence and Rosie Martin on the subject of sexual abuse and trauma in general are discussed along with the few examples in pop culture such as David Lynch's Twin Peaks and Law and Order, SVU showing the media's portrayal of victim hood. This thesis also addresses some early ideas of Freud and his contemporaries Jean-Martin Charcot and Pierre Janet on the psychology of trauma survivors. Other theories explored are Susan Sontag's and Ulrich Baer's ideas on re-witnessing and traumatic images and Dora Apel on validation and witness...

Modified art curriculum for deaf students with secondary disabilities

Hartman, Laural
Fonte: Rochester Instituto de Tecnologia Publicador: Rochester Instituto de Tecnologia
Tipo: Capstone Project
EN_US
Relevância na Pesquisa
46.02%
This capstone project focuses on creating a modified art curriculum for deaf students with secondary disabilities. From personal experiences, there are art curriculums designed for special education students in general and art curriculums for deaf students, but there is no art curriculum for deaf students with disabilities. Since deaf students with disabilities at residential schools already face a limitation by not being able to hear, they shouldn't face more limitations due to another disability. This paper will present what researchers have said about teaching art to both special education students and deaf students. This paper will also include how deaf and special education students' benefit from creating art and what needs to be done to modify or create a curriculum for deaf students with disabilities. Art is an education area where there is a need for improvement. Coming from a strong art background I chose the idea of establishing a curriculum for deaf students with disabilities, also known as "Deaf plus" because I had first hand experience and some struggle finding resources for teaching art to this specialized population. I know this same issue will continue without a proper resource. During my first internship in Canada...

Encouraging communication with deaf children through visual art activities

Riscili, Kamila
Fonte: Rochester Instituto de Tecnologia Publicador: Rochester Instituto de Tecnologia
Tipo: Masters Project Formato: 26642022 bytes; application/pdf
EN_US
Relevância na Pesquisa
56.25%
An educational product has been developed based on a review of the literature in the field of art therapy with a focus on how art therapy may affect the communication of deaf children. A literature review has indicated that art therapy, when conducted with hearing and deaf children, has facilitated expression and communication. This has occurred through transference of feelings from the right, visualspatial and creative hemisphere of the brain to the left hemisphere, which includes conceptual and intellectual thinking as well as the 'language function.' Based on these findings, it is projected that art therapy may alleviate some of the common communication problems that exist among deaf children, especially those who have not acquired a full language. It is also projected that it may have expressive benefits when used outside of formal therapy situations such as in an art classroom. This product discusses previous case studies and the outcome of art therapy primarily with hearing children. It then suggests adaptations that may be made for using these different therapies with deaf children. It also makes recommendations on how individuals who are not art therapists may begin using art therapy exercises.

A arterapia e o desenvolvimento do comportamento no contexto da hospitalização; El arteterapia y el desarrollo del comportamiento en el contexto de la hospitalización; Art therapy and behavior development in the context of hospitalization

Valladares, Ana Cláudia Afonso; Carvalho, Ana Maria Pimenta
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2006 POR
Relevância na Pesquisa
66.08%
A hospitalização pode ter efeitos negativos sobre o desenvolvimento e comportamento infantil. Assim, objetivou-se avaliar, neste trabalho, o comportamento de crianças com idade de 7 a 10 anos internadas, antes e após intervenção de arteterapia. Utilizou-se, para esse fim, um esquema quasi-experimental com grupo controle (n=10) e um grupo experimental (n=10). Os resultados mostraram que as intervenções de arteterapia foram eficazes, por promoverem a melhoria das respostas comportamentais de seus participantes. Conclui-se, então, que os hospitais podem ser ambientes estimulantes para a criança, implementando práticas de cuidados para além da doença.; La hospitalización puede tener efectos negativos sobre el desarrollo y comportamiento infantil. Así, se tuvo como objetivo evaluar, en este trabajo, el comportamiento de niños con edad de 7 a 10 años internados, antes y después de la intervención de la arteterapia. Se utilizó, para este fin, un esquema cuasi -experimental con grupo control (n=10) y un grupo experimental (n=10). Los resultados mostraron que las intervenciones de arteterapia fueron eficaces, por promover la mejora de las respuestas de comportamiento de sus participantes. Se concluyó, entonces, que los hospitales pueden ser ambientes estimulantes para el niño...

PACTO adolescentes: arte e corpo na invenção de dispositivos em terapia ocupacional para produção de vida e saúde na adolescência; The youth group of PACTO: art and body on the invention of devices in occupational therapy to the production of life and health in adolescence

Lima, Elizabeth Maria Freire de Araújo; Canguçu, Daniela Figueiredo; Moraes, Christiana; Inforsato, Erika Alvarez
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.15%
O artigo apresenta o trabalho desenvolvido no grupo de adolescentes do Programa Permanente de Composições Artísticas e Terapia Ocupacional (PACTO), que se constituiu em campo de experimentação e pesquisa em intervenção grupal com população heterogênea, com jovens advindos de realidades sócio-econômicas diversificadas e apresentando diferentes necessidades e problemáticas. A discussão focaliza a proposta desenvolvida nos anos de 2002 e 2003, numa parceria entre terapeutas ocupacionais e artistas plásticos e/ou arte-educadores, que participaram da concepção, planejamento e invenção de um dispositivo de acionamento de novos lugares sociais e de projetos de vida e saúde, permitindo uma ampliação da oferta de recursos no acompanhamento de trajetórias singulares. Os resultados deste trabalho apontam para a construção de uma metodologia de intervenção na interface da terapia ocupacional com as artes, que pressupõe um alinhamento rigoroso entre criação artística, produção de vida e de subjetividade. Através de um diálogo com a arte contemporânea, esta metodologia busca explorar modos particulares de relação com objetos do cotidiano e novas ordenações destes materiais, de modo a propor um novo sentido para o olhar da própria vida.; This article's aim is to present the work developed on the youth group of PACTO - Artistic Compositions and Occupational Therapy Program -...