Página 1 dos resultados de 399 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Arquivologia e a construção do seu objeto científico: concepções, trajetórias, contextualizações

Schmidt, Clarissa Moreira dos Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.51%
Mesmo inicialmente desenvolvida com base num Fazer, documentado e difundido por meio de manuais na Europa do final do século XIX, a Arquivologia não se restringe a uma área eminentemente prática e requer princípios que orientem os procedimentos deste Fazer e o fundamentem em termos teóricos. Por tratar-se de uma área de Saber "nova" e, por assim dizer, ainda em processo de elaboração e desenvolvimento, necessita permanentemente revisitar seus pressupostos e estabelecer seu estatuto de ciência. Neste trabalho pretende-se apresentar reflexões em torno do Objeto científico da Arquivologia, com vistas à proposição de que há diferentes definições no âmbito de sua comunidade científica, ou ainda, de seu campo científico, além de investigar a configuração e consequências destas diferenças no campo científico brasileiro. Para fundamentar a pesquisa realizou-se revisão de literatura sobre o Objeto científico na bibliografia da área, discutindo e contextualizando seu delineamento frente à construção histórico-epistemológica da Arquivologia. Considerou-se necessária pesquisa empírica visando identificar as acepções do Objeto no campo científico brasileiro através de entrevistas junto a pesquisadores da área.; At first developed and based on a Fazer (to make) which was documented and diffused by manuals in the end of the XIX century in Europe...

A formação em arquivologia na cidade de Porto Alegre: dos cursos livres à graduação universitária

Navarro, Vinícius Mitto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
Este estudo apresenta um mapeamento sobre as possibilidades de formação em Arquivologia na cidade de Porto Alegre. Analisa o estudo desta área do conhecimento, a partir de outras ciências, bem como de si mesma, tendo como recorte temporal os anos de 1978 a 2008. Constata os variados níveis de formação em Arquivologia que existiram, desde disciplinas isoladas em cursos de graduação, passando por cursos livres, oferecidos por instituições de classe ou de aprimoramento profissional, apresentando também o único curso de pós-graduação em Arquivologia, que ocorreu em Porto Alegre até os dias atuais. Destaca o projeto de implantação da graduação em Arquivologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, sua criação e desenvolvimento ao longo de quase uma década de existência, ressaltando seus projetos acadêmicos. Conclui, percebendo a importância da continuação deste estudo, notando o ineditismo do tema e as parcas referências acerca do mesmo.; Esta investigación presenta un mapeamiento sobre las posibilidades de formación en Archivología en la ciudad de Porto Alegre. Analiza el estúdio del conocimiento, a partir de otras cíencias y de sí mísma, teniendo como recorte temporal los años de 1978 a 2008. Verifica los variados niveles de formación en Archivología que existieron...

A Arquivologia, os arquivos e a formação de arquivistas : a cartografia dos estágios extra-curriculares realizados pelos alunos do Curso de Arquivologia da FABICO/UFRGS no período de 2011/1 a 2012/1

Atkinson, Greice Carin do Canto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.51%
Desde a criação dos primeiros cursos de graduação em Arquivologia na década de 1970 esta disciplina não pára de crescer, especialmente nas instituições federais de ensino superior. Deste modo faz-se necessário o conhecimento da situação atual das condições de aprendizagem e prática da futura profissão ofertadas aos estudantes. O presente trabalho tem como objetivo principal analisar, a partir do levantamento de dados dos contratos de estágio, o panorama atual dos estágios extra-curriculares realizados pelos alunos do curso de graduação em Arquivologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e a importância dos mesmos para a formação do futuro arquivista.; Desde la creación de las primeras facultades de Archivologia por la década de 1970, esta ciencia sigue creciendo, especialmente en las instituciones federales de educación superior. Por lo tanto, es necesario conocer el estado actual de las condiciónes del aprendizaje y ejercicio de la profesión se ofrece a los futuros estudiantes. Este trabajo tiene como objetivo principal analizar los datos de la encuesta de los contratos formativos, el panorama actual de extra-curriculares prácticas realizadas por los alumnos en el programa de grado en Archivologia en la Universidad Federal de Rio Grande do Sul y la importancia de estos en la educación del archivero futuro.

Interlocuções entre a arquivologia nacional e a internacional no delineamento da disciplina no Brasil

Marques, Angélica Alves da Cunha
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
37.78%
Tese (doutorado)-Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, 2011.; Esta tese tem por objeto de estudo as interlocuções entre a Arquivologia nacional e a internacional, contemplando aspectos práticos e científicos que perpassam a formação e a configuração da área, conforme definições de autores da Sociologia e da Filosofia. Norteada pela hipótese de que existem intercâmbios nos dois contextos, a pesquisa caracteriza-se como descritiva, qualitativa e quantitativa. O objetivo é demonstrar essas interlocuções no delineamento da Arquivologia como disciplina científica no Brasil. Para realizá-lo desdobra-se nas seguintes etapas: levantamento da bibliografia da área, mapeando as principais obras que marcaram a sistematização e a comunicação do pensamento arquivístico; pesquisa documental no Fundo Arquivo Nacional e na Revista Arquivo & Administração, identificando as relações de cooperação internacional entre o Brasil e outros países; pesquisa documental nos Archives Nationales da França, identificando os brasileiros que participaram do Stage Technique International d’Archives; pesquisa nos documentos do Arquivo Nacional e na bibliografia da área, mapeando a participação de brasileiros em cursos promovidos pela Organização dos Estados Americanos; pesquisa nos anais do Congresso Brasileiro de Arquivologia...

As relações do conhecimento produzido na área de arquivologia com a ciência da informação

Medeiros,Nilcéia Lage; Nodare,Thaís; Araújo,Carlos Alberto Ávila
Fonte: IBICT Publicador: IBICT
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.51%
Este estudo, realizado em 2009, objetiva aplicar análises bibliométricas ao periódico Arquivo & Administração, da área de Arquivologia. Elaboraram-se planilhas com os seguintes dados coletados em 21 trabalhos publicados entre 2004 e 2006: autoria, vinculação dos autores, vinculação dos trabalhos às correntes teóricas da Ciência da Informação, caracterização das referências quanto aos autores citados, idioma e ano. Os dados foram analisados à luz de seis correntes teóricas da Ciência da Informação, buscando-se identificar a relação do conhecimento produzido na área de Arquivologia com o da área da Ciência da Informação. A análise dos dados indicou a existência de uma estreita relação do conhecimento produzido na área de Arquivologia com o conhecimento gerado pela área da Ciência da Informação. Tal afirmação apoia-se, primeiro, na categorização das correntes teóricas da Ciência da Informação que puderam ser identificadas nos trabalhos selecionados; e, segundo, na identificação dos autores citados na Ciência da Informação e que também foram identificados nos fascículos do periódico analisado.

Programa de acompanhamento discente do curso de Arquivologia da FURG: estudos e reflexões pertinentes à consolidação e aprimoramento do ensino de Arquivologia na FURG

Silva, Rita de Cássia Portela da; Schiavon, Carmem Gessilda Burgert; Santos, Sara Orcelli dos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
O ensino universitário de Arquivologia no Brasil pode ser considerado um fato relativamente novo e objeto de estudo de diferentes pesquisadores. O Curso de Arquivologia da Universidade Federal do Rio Grande (FURG) foi criado em 2008 e reflete, em nível nacional, a busca pela revitalização e expansão das instituições federais de ensino superior e, em nível regional, a ampliação da área de atuação desta Universidade e o atendimento de uma demanda por profissionais da área. Apresenta particularidades advindas das políticas institucionais, dos professores e acadêmicos, o que evidencia traços de sua identidade que devem ser estudados com o propósito de consolidar o curso na FURG e junto às demais instituições de ensino universitário do Brasil e da América Latina. Diante do exposto, apresentam-se os propósitos e os resultados parciais do Programa de Acompanhamento Discente do Curso de Arquivologia da FURG.

Programa de acompanhamento discente do curso de Arquivologia da FURG: estudos e reflexões pertinentes à consolidação e aprimoramento do ensino de Arquivologia na FURG

Silva, Rita de Cássia Portela da; Schiavon, Carmem Gessilda Burgert; Santos, Sara Orcelli dos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
O ensino universitário de Arquivologia no Brasil pode ser considerado um fato relativamente novo e objeto de estudo de diferentes pesquisadores. O Curso de Arquivologia da Universidade Federal do Rio Grande (FURG) foi criado em 2008 e reflete, em nível nacional, a busca pela revitalização e expansão das instituições federais de ensino superior e, em nível regional, a ampliação da área de atuação desta Universidade e o atendimento de uma demanda por profissionais da área. Apresenta particularidades advindas das políticas institucionais, dos professores e acadêmicos, o que evidencia traços de sua identidade que devem ser estudados com o propósito de consolidar o curso na FURG e junto às demais instituições de ensino universitário do Brasil e da América Latina. Diante do exposto, apresentam-se os propósitos e os resultados parciais do Programa de Acompanhamento Discente do Curso de Arquivologia da FURG.

Lacunas na arquivologia contemporânea: uma perspectiva da filatelia

Salcedo, Diego Andres
Fonte: Arquivística.net Publicador: Arquivística.net
Tipo: Artigo de Revista Científica
Relevância na Pesquisa
37.51%
Relaciona o selo postal com a Arquivologia, Biblioteconomia e Ciência da Informação. Demonstra como fase introdutória dos trabalhos teóricos que a documentação filatélica, por definição, pode ser estudada no âmbito da Arquivologia. De um ponto de vista da Arquivologia ressalta a relevância de uma ação pró-ativa do ator social denominado de “profissional da informação”. Percebe uma lacuna na literatura científica nacional e internacional sobre o tema. Também é sugerido que as características inerentes à imagem nos documentos filatélicos fornecem o desafio da composição de uma nova forma de narrar, constituir e reconstruir uma História Visual, ao se usar técnicas documentárias.

Influências na estruturação de currículos de Arquivologia: as configurações acadêmico-institucionais, o contexto regional, o mercado laboral e o perfil docente

Arreguy,Cíntia Aparecida Chagas; Negreiros,Leandro Ribeiro; Silva,Welder Antônio
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.51%
Discute a influência das configurações acadêmico-institucionais, do mercado laboral, do contexto regional e do perfil docente das instituições de ensino na estruturação ou reestruturação curricular de cursos de graduação em Arquivologia. Apresenta questionário a ser utilizado para análise desses fatores como mais um instrumento para compor a metodologia de análise, avaliação e reestruturação curricular de cursos de Arquivologia, já trabalhada em Negreiros, Silva e Arreguy (2012; 2013). O questionário piloto foi testado com os dados do curso de graduação em Arquivologia da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais e os resultados constatam a importância dos dados analisados para um entendimento mais amplo da formação arquivística, principalmente no que se refere ao perfil do docente da área. A análise relativa ao contexto regional mostrou-se complexa, tendo em vista a dificuldade na obtenção dos dados, a capilaridade das fontes de informação oficiais e, principalmente, o desafio que é relacionar os dados obtidos com a realidade da formação curricular instalada.

Análise histórica sobre o desenvolvimento da Arquivologia na antiga União Soviética (1918-1985); Historical analysis about the development of the Archival Science in the Former Soviet Union (1918-1985)

Santos Junior, Roberto Lopes dos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.71%
Estudo histórico identificando a evolução da Arquivologia na antiga União Soviética entre a revolução bolchevique de 1917 até meados dos anos 1980. Inicialmente, a pesquisa analisará o desenvolvimento e constituição da Arquivologia russa, da idade média até os últimos anos do czarismo no país. Posteriormente, será discutida a consolidação da Arquivística russa nas primeiras décadas da URSS, passando pelas primeiras legislações, congressos e cursos instituídos no país, além de um longo período de fechamento e repressão promovido pelo líder Josef Stalin entre os anos 1930 e 1940. Por fim será estudado o período de parcial reestruturação da Arquivologia no país entre as décadas de 1950 e 1980, analisando as iniciativas do governo comunista em tentar reorganizar e institucionalizar as práticas arquivísticas e os acervos documentais existentes na União Soviética, além da identificação de alguns problemas e impasses em que a Arquivologia soviética sofria nesse período.; Historical study identifying the evolution of the Archival Science in the former Soviet Union, between the Bolshevik revolution in 1917 until 1985. Initially, the research will examine the development and establishment of the Archival Science in Russia...

A representação temática em documentos arquivísticos: o caso da indexação documental realizada pelos alunos de Arquivologia da UFPB; Thematic representation in archival documents: the case of indexing documentary made by students of Archival UFPB

Da Silva, Márcio Bezerra; Sousa, Dulce Elizabeth Lima de; Bandeira, Pablo Matias
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.51%
A representação temática da informação apresenta instrumentos que almejam a facilitação no processo de sua recuperação e dentre estes destacamos a Indexação, ação proveniente da Biblioteconomia e que ainda encontra-se em processo de desenvolvimento técnico-prático na Arquivologia. Assim, este trabalho, fazendo uso da pesquisa bibliográfica, embasada em periódicos científicos, repositórios digitais e bibliografia especializada, busca apresentar, como estudo de caso, uma atividade de Indexação em documentos correntes arquivísticos, aplicada a turma de Representação Temática da Informação Arquivística II, do curso de Arquivologia da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Almeja também diferenciar documentos de Arquivos dos documentos de Bibliotecas e comparar os termos selecionados pelos alunos como indexadores com os procedimentos de indexação presentes na oitava área da Norma Brasileira de Descrição Arquivística (NOBRADE). Apresenta como resultante deste trabalho uma Política de Indexação e um Índice, ao qual, este último, posteriormente foi comparado aos termos presentes na NOBRADE, especialmente a oitava área. Acredita-se na criação de padrões aos Arquivos, levando-se em consideração a realidade e as necessidades da Instituição e dos seus usuários.; The thematic representation of information presents tools that aim to facilitate the process of their recovery...

EDITORIAL - ARQUIVOLOGIA; Editorial - Arquivologia

Jardim, José Maria; Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro; Borges, Renata Silva; Fiocruz
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2011 POR
Relevância na Pesquisa
37.94%
Os novos modos de produção, uso e preservação da informação e os desafios políticos e científicos que estes impõem à sociedade e ao Estado são marcas do complexo cenário contemporâneo. Nesse quadro histórico, a Arquivologia talvez vivencie hoje um momento tão relevante quanto o da sua institucionalização no século XIX e sua reconfiguração a partir da metade do século passado.Em países como o Brasil, historicamente à margem das grandes matrizes de pensamento e práticas arquivísticas, constatamos ainda hoje a justaposição desses momentos. Lidamos com dificuldades típicas de arquivos do século XIX, buscamos a adoção de padrões de gestão de documentos desenhados após a II Guerra Mundial e nos confrontamos com as possibilidades e problemas, cotidianamente renovadas, oferecidas pelas tecnologias da informação e da comunicação.No Brasil, se há evidências de crescimento significativo na produção do conhecimento arquivístico nos últimos anos, ainda são ostensivas as lacunas na sua difusão. Contamos com mais teses, dissertações, pesquisas e congressos, paralelamente a uma ampliação significativa dos cursos de graduação em Arquivologia. Supõe-se, portanto, que a demanda por conhecimento arquivístico...

O ensino da arquivologia no Brasil: fases e influências; The teaching of archival science in Brazil: phases and influences

Tanus, Gabrielle Francinne S. C.; Universidade Federal de Minas Gerais; Araújo, Carlos Alberto Ávila; Universidade Federal de Minas Gerais
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; revisão de literatura; Formato: application/pdf
Publicado em 13/08/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.75%
http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2013v18n37p83 O campo científico da Arquivologia apresentou, nos últimos anos, um significativo crescimento de cursos em todo o país. Assim, esta revisão de literatura tem como objetivo resgatar a trajetória histórica do ensino da Arquivologia, com ênfase no delineamento das influências e das fases de seu ensino, desde a implantação do primeiro curso até os dias atuais. Esta nova fase em que se encontra o ensino da Arquivologia, denominada fase acadêmico-institucional, provém da diversidade de locais (departamentos/escolas/institutos) onde os cursos de Arquivologia estão abrigados e também pela proximidade com outros cursos de graduação, sobretudo de Biblioteconomia e Museologia, e de pós-graduação em Ciência da Informação. Acredita-se, portanto, que a construção da história do ensino desse campo possibilita discussões mais fecundas tanto para o seu campo epistemológico quanto para o campo curricular.; The scientific field of Archival Science presented a significant increase of the courses in the country in the last years. Thus, this literature review aims to rescue the historical trajectory of the Archival Science education, with an emphasis on design influences and on the phases of its teaching...

Theoretical currents of Archival Science; Correntes teóricas da Arquivologia

Araújo, Carlos Alberto Ávila; Escola de Ciência da Informação da UFMG
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Análise epistemológica; Formato: application/pdf
Publicado em 13/08/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.66%
Archival Science was formed, as a scientific discipline, in the late nineteenth century, from the consolidation of a custody and heritage model. In the twentieth century, several theories have been developed, systematized in this article in four axes. As a result, Archival Science has expanded its scope of studies. As a result of this expansion, there are contemporary perspectives with systemic models, covering different types of archives, concerned with the sociocultural context of the archives, and also insering digital technologies in the practice of archives.; http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2013v18n37p61 A Arquivologia se constituiu, como disciplina científica, no final do século XIX, a partir da consolidação de um modelo custodial e patrimonialista. No século XX, desenvolveram-se diversas teorias, sistematizadas neste texto em quatro eixos, ampliou seu escopo de estudos e problematizações. Como efeito desta ampliação, desenham-se perspectivas contemporâneas com modelos sistêmicos, abarcando diferentes tipos de arquivos, preocupadas com o contexto sociocultural dos arquivos e também inserindo nas práticas as tecnologias digitais.

The evolution of archives and knowledge in archival science; A evolução dos arquivos e do conhecimento em arquivologia

Matos, Maria Teresa Navarro de Britto; UFBA
Fonte: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação Publicador: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.51%
; Reflexão descritiva, fundamentada em pesquisa bibliográfica, sobre a evolução dos arquivos e do conhecimento em arquivologia. Trata da epistemologia do conhecimento, buscando evidenciar a epistemologia em arquivologia. Destaca as abordagens cronológicas difundidas na literatura arquivística para dar suporte ao estudo da história dos arquivos e do conhecimento em arquivologia; e os períodos mais significativos na evolução do conceito de arquivo e do conhecimento arquivístico, no ocidente.

Interlocuções entre a arquivologia nacional e a internacional no delineamento da disciplina no Brasil

Marques, Angelica Alves da Cunha; Universidade de Brasília - UnB
Fonte: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação Publicador: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 15/07/2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.81%
Esta tese tem por objeto de estudo as interlocuções entre a Arquivologia nacional e a internacional, contemplando aspectos práticos e científicos que perpassam a formação e a configuração da área, conforme definições de autores da Sociologia e da Filosofia. Norteada pela hipótese de que existem intercâmbios nos dois contextos, a pesquisa caracteriza-se como descritiva, qualitativa e quantitativa. O objetivo é demonstrar essas interlocuções no delineamento da Arquivologia como disciplina científica no Brasil. Para realizá-lo desdobra-se nas seguintes etapas: levantamento da bibliografia da área, mapeando as principais obras que marcaram a sistematização e a comunicação do pensamento arquivístico; pesquisa documental no Fundo Arquivo Nacional e na Revista Arquivo & Administração, identificando as relações de cooperação internacional entre o Brasil e outros países; pesquisa documental nos Archives Nationales da França, identificando os brasileiros que participaram do Stage Technique International d’Archives; pesquisa nos documentos do Arquivo Nacional e na bibliografia da área, mapeando a participação de brasileiros em cursos promovidos pela Organização dos Estados Americanos; pesquisa nos anais do Congresso Brasileiro de Arquivologia...

Reflexões acerca do pensamento complexo e sua relação com o conhecimento da arquivologia

Morigi, Valdir Jose; UFRGS; Armani Nery, Carlos Henrique; UFRGS
Fonte: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação Publicador: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
Este estudo tem por objetivo refletir acerca de um possível enlace entre o conhecimento arquivístico e o pensamento complexo. Considera a estrutura do conhecimento e as características da constante busca humana pela origem do saber. Identifica os principais pressupostos epistemológicos e os paradigmas da Arquivologia. Discute, com base no paradigma na complexidade, o modo de organização do pensamento que embasa o sistema de saber a Arquivologia. Conclui que a necessidade da reflexão epistemológica da produção do conhecimento na Arquivologia coloca novas proposições e abre possibilidades de fugir de perspectivas redutoras que aprisionam os meios de inovação do conhecimento neste campo do estudo, o qual exige novos delineamentos para pensar a área, devendo, para tanto, considerar os preceitos do pensamento complexo.

USO DE FONTES DE INFORMAÇÃO POR ALUNOS DE ARQUIVOLOGIA

Paiva, Eliane Bezerra; Santos, Edilene Toscano Galdino dos; Nascimento, Genoveva Batista do
Fonte: Universidade Federal da Paraíba Publicador: Universidade Federal da Paraíba
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
Pesquisa exploratória que investiga o uso das fontes de informação utilizadas pelos alunos concluintes do Curso de Graduação em Arquivologia da Universidade Federal da Paraíba, do período de 2011 a 2013. A metodologia incluiu uma pesquisa bibliográfica e uma pesquisa documental, que abrangeu a análise das citações dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) dos alunos. Para a análise dos dados adotou-se uma abordagem quanti-qualitativa. Os resultados da pesquisa apontam para o uso diversificado de fontes de informação, com ênfase na língua portuguesa e cronologia recente.  O tipo de fonte de informação mais utilizado foi o livro impresso, seguido de artigo de periódico impresso e online. A legislação também apresentou grande uso, revelando que o curso emprega uma base conceitual baseada em legislação. Também foram utilizadas: teses, dissertações, monografias e dicionários especializados em Arquivologia. Também estavam presentes, mas em menor proporção as tabelas de temporalidade, atas, regimentos, normas técnicas, editais, diagnósticos, apostilas (textos), etc. Diante dos resultados, pode-se concluir que, embora a Internet seja um recurso muito difundido nos dias atuais, os livros impressos constituem a fonte de informação mais utilizada pelos alunos de Arquivologia.

Archeion Online: periódico eletrônico de Arquivologia

Carvalho, Ediane Toscano Galdino de
Fonte: Universidade Federal da Paraíba Publicador: Universidade Federal da Paraíba
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 31/10/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
Archeion Online é o primeiro periódico eletrônico do curso de Arquivologia da Universidade Federal da Paraíba, surge a partir da necessidade de divulgar a produção científica dos estudantes de graduação da UFPB, sendo estendido a oportunidade para qualquer pesquisador na área de arquivologia. O título foi escolhido a partir de um concurso realizado pela Coordenação de Arquivologia da UFPB, tendo como ganhadores os estudantes François Braga de Azevedo Filho e João Paulo Silva de Souza. Segundo estes alunos, o título representa o termo Archeion, utilizado como definições iniciais do que significa Arquivo, e o termo atual Online, consolidando que o Arquivo acompanhou todas as transformações da Sociedade diante das novas Tecnologias de Informação e Comunicação.  O periódico vem contribuir com a disseminação da produção do conhecimento científico na área de Arquivologia contribuindo com o avanço no cenário acadêmico.

Novas Perspectivas e Diálogos para a Arquivologia: Tecnologias e Ciências Jurídicas

Nogueira Vieira, Américo Augusto; Melo, Josemar Henrique de; Franca Filho, Marcílio Toscano; Clemente, Ademir
Fonte: ANCIB Publicador: ANCIB
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/octet-stream
Publicado em 31/12/2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
O artigo apresenta os primeiros resultados de pesquisa acerca de investigação sobre os diálogos da Arquivologia com o Direito, a Tecnologia da Informação e a Engenharia de Produção; sendo esta última tomada como uma Engenharia de Métodos e como uma alternativa complementar aos atuais diálogos da Arquivologia com a Administração. Também discutimos, com base nos documentos de área da CAPES, o caráter multi e interdisciplinar da Arquivologia e suas consequências para a investigação científica e a concepção e construção curricular dos cursos de graduação. O trabalho de pesquisa que deu origem a este artigo foi realizado por pesquisadores de várias áreas e está apoiado em ampla base bibliográfica e documental. Concluímos que novas perspectivas de investigação e diálogos são possíveis e necessários na Arquivologia e que contribuirão significativamente para a formação dos profissionais arquivistas ao longo deste seu caminhar desde técnica até ciência consolidada; em particular com a Engenharia de Produção, com as Tecnologias da Informação e com o Direito.