Página 1 dos resultados de 10 itens digitais encontrados em 0.019 segundos

Arborização viária X sistemas de distribuição de energia elétrica: avaliação dos custos, estudo das podas e levantamento de problemas fitotécnicos. ; Street arborization x electric distribution system: evaluation of the costs, study of the pruning and a survey of phytotechnical problems.

Velasco, Giuliana Del Nero
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/07/2003 PT
Relevância na Pesquisa
35.98%
É notório que a convivência entre redes de distribuição de energia elétrica e árvores de rua é, atualmente, um dos principais problemas da arborização viária, sendo a poda, o método mais utilizado para contorná-lo; embora livrando galhos da rede, em um primeiro instante, acaba por estimular novas brotações, as quais, em um curto espaço de tempo, atingirão novamente os fios. Com o intuito de estudar as podas feitas em árvores urbanas e analisar novas técnicas possíveis de serem utilizadas para reduzir o número de podas, melhorar a convivência das espécies com a fiação elétrica, além de permitir à árvore desempenhar plenamente a função ecológica que lhe é esperada, buscou-se levantar dados referentes aos três tipos principais de redes de distribuição de energia elétrica (aérea convencional, aérea compacta e subterrânea), em quatro concessionárias de energia elétrica, a fim de compilá-los em um só trabalho. Como parte teórica do trabalho, foram levantados custos de implantação das redes convencional, compacta e subterrânea, assim como custos de manutenção e de poda de árvores. Como parte prática, foram levantadas 100 árvores nas cidades de Piracicaba/SP, Maringá/PR e Belo Horizonte/MG...

Clima urbano em Ponta Grossa - PR: uma abordagem da dinâmica climática em cidade média subtropical brasileira; Urban climate Ponta Grossa-PR: an approach to climate dynamics in subtropical Brazilian city average

Cruz, Gilson Campos Ferreira da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/11/2009 PT
Relevância na Pesquisa
25.79%
O ser humano vem provocando mudanças no clima, por meio da transformação da natureza, seja para sua ocupação do espaço, sejam para desenvolver suas atividades. Na medida em que o homem se concentra em determinadas áreas, a pressão sobre os condicionantes naturais aumenta. As cidades constituem um dos melhores exemplos da concentração de pessoas e atividades em um mesmo lugar e também da intensa interferência do homem no ambiente. As mudanças ambientais provocadas pelas ações antrópicas geram consequências a ponto de criar um clima especial, o Clima Urbano. Ao detalhar este clima verifica-se que no contexto da cidade ocorrem diversos microclimas diretamente relacionados com a presença dos elementos que compreende o ambiente produzido pelo processo de urbanização - a área urbana. A intensidade com que o Clima Urbano se faz perceber depende do tamanho da cidade, do modelo de ocupação, das atividades desenvolvidas, número de habitantes e do grau de alterações provocadas no meio ambiente. A área urbana de Ponta Grossa, no estado do Paraná, uma cidade subtropical de 310 mil habitantes, possui relevo irregular, com muitos fundos de vale, com extensa ocupação horizontal que se estende para todas as direções e vertical principalmente no centro...

Projeto de arborização como patrimônio da cidade

Gonçalves,Andréia; Meneguetti1,Karin Schwabe
Fonte: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC Publicador: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
45.91%
A arborização urbana é um elemento de grande importância para a qualidade do espaço urbano e colabora também para a formação da memória e do patrimônio cultural das cidades. O projeto paisagístico pode garantir à cidade características espaciais de significativo valor estético. Esta pesquisa analisou o conjunto arbóreo viário do plano inicial da cidade de Maringá, PR, implantado a partir de um projeto de arborização que teve forte apelo estético. A pesquisa foi dividida em quatro processos: simulação do projeto de arborização inicial da cidade, por meio do mapeamento da distribuição dos indivíduos arbóreos ao longo das vias de toda a área de estudo; análise da paisagem atual, levantada in loco e registrada por meio de fotografias, que identificou a situação em que se encontra o conjunto arbóreo das vias; análise comparativa entre o projeto de arborização implantado e a condição atual do conjunto arbóreo, com a identificação dos principais fatores que influenciam o desenvolvimento e a preservação da arborização; e...

Avaliação monetaria e de conscientização publica sobre arborização urbana

Detzel, Valmir Augusto
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.15%
O presente trabalho objetiva estabelecer um método de avaliação monetária de árvores individuais, componentes da arborização urbana, baseado nos custos de manutenção das árvores de ruas da cidade de Maringá e obter indicativos sobre a conscientização a respeito da arborização dessa cidade e a aceitação popular quanto a aplicação e valores de multas e indenizações por danos causados a árvores urbanas. Com cerca de 240.000 habitantes (1991), Maringá possuía em 1988 aproximadamente 62.818 árvores de rua, responsáveis por 13,6 metros quadrados de área verde por habitante. O município apresenta legislação de proteção a arborização (Lei Municipal 2.585/89) que determina, aos causadores de danos em árvores, o pagamento de indenização e multa com valores calculados em função da circunferência do tronco (CAP). Considerando que as quantias estabelecidas na Lei, por serem elevadas, se revelaram de difícil aplicação, a Prefeitura Municipal de Maringá - PMM se propôs a apoiar a elaboração de um sistema de avaliação monetária de árvores urbanas, que desse respaldo técnico-econômico às penalizações e que levasse em conta as operações de implantação e manutenção da arborização. Os dados coletados para o desenvolvimento do método de avaliação monetária são referentes ao período de janeiro a junho de 1992. A elaboração do método exigiu a determinação dos custos médios de mudas...

Avaliação das necessidades de manejo e compatibilidade entre a arborização de ruas e redes de energia em Apucarana e Cascavel - Parana

Nunes, Maria de Lourdes
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
86.27%
Este trabalho objetivou caracterizar e comparar a arborização de ruas das cidades de Apucarana e Cascavel, no Paraná; analisar as necessidades de manejo relativas às podas leve e pesada, remoção de árvores e danos físicos provocados por poda; verificar a existência de correlação entre estas necessidades e outras características das árvores e plantios em cada cidade. Os dados de Apucarana e Cascavel foram coletados em 1992 e 1994, respectivamente. Para o diagnóstico da situação da arborização das cidades foi utilizado o inventário qualitativo por amostragem aleatória. As unidades de amostra foram estabelecidas com dimensões de 250 X 500 m em Apucarana e 200 x 500 m em Cascavel. Foram consideradas como amostras potenciais aquelas com pelo menos 50% da extensão total de ruas arborizadas. Estabelecendo-se um limite de erro de 10% e probabilidade de 95%, resultou-se 16 amostras medidas em Apucarana e 15 em Cascavel. As informações sobre a arborização foram coletadas em formulário específico e foram utilizados os valores médios dos dacJos qualitativos e os valores percentuais dos dados quantitativos das espécies em comum com freqüência acima de 1%. Em Apucarana (68 espécies arbóreas) encontrou-se 15 espécies...

A arborização viária no município de Pato Branco – PR e suas relações com solos urbanos e percepção dos moradores

Cadorin, Danielle Acco
Fonte: Pato Branco Publicador: Pato Branco
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.07%
The street forestation is an important environmental element that mitigates the effects which the process of urbanization on the environment causes. There are various factors that relate to the good development of trees in cities; among them are the management by the government, the residents’ perception and the environmental conditions in which the species are evolving, especially soil conditions. Thus, the present study aimed to evaluate relationships between soil, residents and the arboreal species regarding the urban forestry in Pato Branco. Therefore, it was delimited as study area five neighborhoods with different characteristics of location and income in the county: Centro, La Salle, Pinheiros, Aeroporto e Veneza. Lagerstroemia indica L. (crape myrtle), Schinus molle L. (california pepper tree), and Bauhinia variegata L. (orchid tree) were the species studied, chosen by their representation in the forestation of the city. It was evaluated the soil used by 114 tree individuals in the five neighborhoods and 123 semi-structured questionnaires were administered in order to understand how the residents of these neighborhoods perceive the urban forestation. The survey results indicate that there is a great variability concerning the characteristics of the soils studied which present incorporation of anthropogenic materials...

Uma experiencia de integração curricular : projeto areas verdes

Jose Carlos Borsato
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/02/1984 PT
Relevância na Pesquisa
15.8%
A idéia da realização deste projeto teve origem numa nião da Associação de Pais e Mestres da Escola Presidente reu Kennedy, situada em Ponta Grossa - Pr, quando os pais davam sugestôes para dinamizar as atividades escolares e solucionar problmas, tais como educação sexual, tóxicos e educação de trânsito, ecologia entre outros. Por sugestão de um dos pais e aceitação ,dos demais, decidiu-se que a escola deveria preocupar-se com apreservaçao do meio ambiente e estabelecer meios de orientar os alunos nesse sentido. Comentou-se na ocasião a falta de áreas verdes na cidade o que impressiona muito mal aos visitantes oriundos de outras cidades melhores favorecidas pela arborização. Nem sempre foi assim: observando-se fotografias mais antigas, temos o desprazer de constatar, que em décadas ,passadas, nossa cidade era mais verde e tinha mais árvores do que hoje. O coordenador do projeto, alertado pelas idéias e atividades do curso de pós-graduação realizado na UNICAMP, imaginou realizar algo sem grandes pretensões, com pouco gasto, simples, prático e sobretudo que envolvesse a comunidade em torno do trabalho. A intenção juntou a ação e teve início um projeto ecológico na Escola Presidente Kennedy em 1979. A primeira tarefa foi a reestruturação dos jardins e arborização do ambiente escolar...

ARBORIZAÇÃO VIÁRIA NA ÁREA CENTRAL DE PARANAGUÁ (PR) BRASIL

Tonetti, Emerson Luis; IFPR-PARANAGUÁ; Nucci, João Carlos; UFPR
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 29/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
35.86%
A presença de árvores nas cidades traz inúmeros benefícios para a qualidade ambiental, portanto, devem ser consideradas no planejamento e na gestão da paisagem urbanizada. Na parte central da área urbana do município de Paranaguá (PR), foi realizada uma análise da qualidade e distribuição das árvores plantadas nas calçadas e canteiros centrais, como um novo critério do método para a determinação da Qualidade Ambiental Urbana. Os parâmetros indicaram como baixa qualidade ambiental ruas que apresentaram menos do que 50% de arborização; média nas ruas que apresentaram entre 50% e 75% de arborização e a rua com presença da arborização viária em mais de 75% do segmento foi caracterizada como de alta qualidade ambiental. Utilizando o programa AutoCAD, os dados coletados em campo foram lançados na carta base, na escala 1:15.000, para obtenção do mapa da qualidade da arborização viária. Constatou-se o predomínio de ruas com pouca ou nenhuma árvore, ou seja, com qualidade baixa no critério arborização viária...

AVALIAÇÃO DA COBERTURA VEGETAL ÁRBOREA NA CIDADE DE BIRIGUI COM EMPREGO DE TÉCNICAS DE GEOPROCESSAMENTO E SENSORIAMENTO REMOTO

Gomes, Márcio Fernando; Universidade Estadual de Maringá; Queiroz, Deise Regina Elias; UEM
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 14/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
35.74%
A cobertura vegetal arbórea, através de suas funções ecológicas, econômicas, estéticas e recreativas assume lugar de destaque e podem desempenhar importante papel na melhoria da qualidade ambiental e devida das populações urbanas, como: conforto térmico; equilíbrio do ciclo hidrológico; amenização da poluição sonora, visual e do ar; quebra da artificialidade do meio urbano; entre outras. Apesar de toda a importância ressaltada, a maior parte das cidades brasileiras sofre com os baixos índices de cobertura vegetal e com a sua distribuição irregular. Diante deste contexto, o presente trabalho tem como objetivo estudar a cobertura vegetal arbórea na cidade de Birigui - SP, avaliando o Índice de Cobertura Vegetal (ICV) e o Índice de Cobertura Vegetal por Habitante (ICVH) por setor censitário e a sua distribuição pelo espaço urbano. O desenvolvimento do trabalho foi realizado com emprego de técnicas de geoprocessamento e sensoriamento remoto. Para o mapeamento da cobertura vegetal foram utilizadas fotografias aéreas na escala de 1:10.000 e os softwares Global Mapper 7 e ArcGIS 9. A cidade apresentou 7...

PLANTING IN THE PINHEIROS’S, BANCARIOS’S AND BRASILIA’S QUARTERS IN PATO BRANCO/PR; ARBORIZAÇÃO DOS BAIRROS PINHEIROS, BRASÍLIA E BANCÁRIOS EM PATO BRANCO/PR

SILVA, Lenir Maristela; UTFPR; RODIGHIERO, Denielly Arruda; UTFPR; HASSE, Ionete; UTFPR; CADORIN, Danielle Acco; UTFPR
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 24/06/2008 ENG
Relevância na Pesquisa
35.97%
One of the questions that raise the quality of life in the cities is the ratio of implanted trees. The objective of this study is to present the results of an inventory carried through in Bancarios’s, Brasilia’s and Pinheiros’s quarters of Pato Branco city - PR. The collected data had been: identification of the species; height of the specimen; height of the first bifurcation; conditions of the roots in relation to the sidewalk; presence or not of electric wiring; and the dimension of the free area. The inventoried area presents the predominance of the species Ligustrum lucidum (42%) and Lagerstroemia indica (19%) and also low diversity of species in the Bancarios’s and Brasilia’s quarters, while that in the Pinheiros’s quarter a bigger diversity was observed. It has lack of arboreal identity in the three quarters, as much as for the planning of the landscape of each street and the presence of native species. The results demonstrate the predominance of exotic species (59%) and specimens (81,3%). Was in the list of the invading exotic species in the state of the Parana 13,6% of the species. Between the conflicts of arborization and road area, it is distinguished the predominance of small free area and the fact of the majority of the first bifurcations were situated lower than 1...