Página 1 dos resultados de 109 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Capillostrongyloides arapaimae sp. n. (Nematoda: Capillariidae), a new intestinal parasite of the arapaima Arapaima gigas from the Brazilian Amazon

SANTOS, Cláudia Portes; MORAVEC, František; VENTURIERI, Rossana
Fonte: Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde Publicador: Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.45%
A new nematode species, Capillostrongyloides arapaimae sp. n., is described from the intestine and pyloric caeca of the arapaima, Arapaima gigas (Schinz), from the Mexiana Island, Amazon river delta, Brazil. It is characterized mainly by the length of the spicule (779-1,800 µm), the large size of the body (males and gravid females 9.39-21.25 and 13.54-27.70 mm long, respectively) and by the markedly broad caudal lateral lobes in the male. It is the third species of genus Capillostrongyloides reported to parasitize Neotropical freshwater fishes.; (FAPERJ) Fundacao de Amparo a Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro; GACR Grant Agency of the Czech Republic

Light and scanning electron microscopy of Henneguya arapaima n. sp (Myxozoa: Myxobolidae) and histology of infected sites in pirarucu (Arapaima gigas: Pisces: Arapaimidae) from the Araguaia River, Brazil

FEIJO, M. M.; ARANA, S.; CECCARELLI, P. S.; ADRIANO, E. A.
Fonte: ELSEVIER SCIENCE BV Publicador: ELSEVIER SCIENCE BV
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.58%
In this report, we describe Henneguya arapaima n. sp., a parasite of the gill arch and gall bladder of Arapaima gigas (pirarucu) collected in the Araguaia River, in the municipality of Nova Crixas, Goias State, central Brazil. The plasmodia were white, round or ellipsoidal and measured 200-600 mu m. Parasite development was asynchronous and the mature spores were fusifonn and had smooth wall. The spores measurements were (range, with means +/- S.D. in parentheses): total length-48.4-53.1 mu m (51.6 +/- 3.4 mu m), body length-13.5-15.2 mu m (14.2 +/- 0.8 mu m), body width-5.1-6.1 mu m (5.7 +/- 0.5 mu m), body thickness-4.7-5.3 mu m (4.9 +/- 0.2 mu m) and caudal process length-38.0-41.2 mu m (38.3 +/- 2.9 mu m). The polar capsules were elongated and of unequal size, with lengths of 6.3-6.8 mu m (6.5 +/- 0.2) and 6.2-6.6 mu m (6.3 +/- 0.1) for the longest and shortest axes, respectively. Capsule width was 1.4-1.6 mu m (1.5 +/- 0.1). Histological analysis showed that the plasmodia occurred in the tunica adventitia of the gall bladder and were delimited by a thin capsule of connective tissue. In the gill arch, the plasmodia were also surrounded by connective tissue similar to the endomesium, of striated skeletal muscle cells. Sixty-five juvenile specimens of A. gigas weighing 1.0-25.0 kg were examined...

Immunocytochemical identification of adenohypophyseal cells in the pirarucu (Arapaima gigas), an Amazonian basal teleost

BORELLA, M. I.; VENTURIERI, R.; MANCERA, J. M.
Fonte: SPRINGER Publicador: SPRINGER
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.37%
The adenohypophysis (AH) of juvenile pirarucu (Arapaima gigas), a representative species of the Osteoglossomorpha (bonytongue fishes, one of the oldest living groups of the teleosts), was studied using histochemical and immunocytochemical methods. The AH is comprised of the pars distalis (PD), without a clear distinction between rostral pars distalis (RPD) and proximal pars distalis (PPD), and the pars intermedia (PI). The neurohypophysis (NH) is positioned on top of the PD and penetrates and branches into the PI. In the most rostral dorsal portion of the PD, adrenocorticotropic cells and fusiform gonadotropic cells were found. In the central PD, scarce prolactin-producing cells and growth-hormone-producing cells were located mainly in the dorsal part, whereas round gonadotropic cells were abundant in the ventral portion of this region. Human thyrotropin immunoreactive cells were not found in the entire AH. In the PI, melanotropic, some adrenocorticotropic, and somatolactin-producing cells were located intermingled surrounding the neurohypophyseal branches. Our results showed that the A. gigas pituitary has some basal characteristics between the ancient Actinopterygii and the more derived teleosts.; Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); FAPESP[99/12571-3]; Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); FAPESP[02/00763-0]; CNPq[300503/98-9]; Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)

Esteróides gonadais e metabolismo lipídico ao longo do ciclo reprodutivo de Arapaima gigas (SCHINZ, 1822) em ambiente natural; Gonad steroids and lipid metabolism along the reproductive cycle of Arapaima gigas (SCHINZ, 1822) in natural environmet

Amaral, Juliane Suzuki
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
67.7%
O presente trabalho teve como objetivo avaliar possíveis alterações fisiológicas associadas à reprodução em machos e fêmeas de Arapaima gigas (pirarucu) em seu ambiente natural. O pirarucu (Arapaima gigas) é uma espécie de respiração aérea que pertence ao mais primitivo grupo dos teleósteos, que habita as águas do rio Amazonas. Os objetivos principais foram caracterizar o perfil plasmático dos esteróides gonadais plasmáticos (17β-Estradiol, Testosterona, 11ceto-Testosterona (11ceto-T) e 17α -hidroxiprogesterona (17α -OHP)); concentrações de lipídios e proteínas teciduais (gônadas, fígado, músculo branco, vermelho e ventrecha), e o perfil de ácidos graxos ao longo do ciclo reprodutivo de machos e fêmeas coletados em seu ambiente natural localizado na Ilha Mexiana no estado do Pará/Brasil. As coletas foram realizadas em Setembro/2007; Janeiro/2008; Julho/2008 e Setembro/2008 e foram determinados quatro estádios de maturação gonadal para as fêmeas: Repouso, Maturação, Maduro e Regressão. No presente estudo foram observados ainda animais imaturos. Os machos foram classificados em relação à quantidade de espermatozóides presente nos túbulos seminíferos, sendo que os animais que apresentavam poucos espermatozóides no lúmen são referidos como grupo 1 e os animais que apresentavam muitos espermatozóides no lúmen como grupo 2. As análises histológicas realizadas nas gônadas permitem concluir que o pirarucu possui ovário do tipo gymno-ovariano com desenvolvimento oocitário assincrônico e a estrutura testicular de A. gigas é do tipo não cística. As análises metabólicas em fêmeas mostraram que a ventrecha é o tecido de maior concentração de lipídios...

Clonagem, caracterização e análise filogenética das subunidades alfa e beta do hormônio folículo estimulante de Pirarucu (Arapaima gigas) visando sua síntese em células CHO; Cloning, characterization and phylogenetic analisys of the alpha and beta subunits of the follicle stimulating hormone of Pirarucu (Arapaima gigas) in view of its synthesis in cho cells

Carvalho, Roberto Feitosa de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
67.79%
O Pirarucu (Arapaima gigas) é um peixe gigante da família Arapaimidae, nativo das bacias amazônicas que pode chegar a dois metros de comprimento e pesar mais de 200 Kg. Está presente no Equador, na Colômbia, no Peru, na Bolívia e no Brasil. Atualmente a espécie está ameaçada de extinção devido à pesca predatória e ao aumento da presença humana em seus viveiros naturais. No presente trabalho, os cDNAs da subunidade (ag-GTHα) e da subunidade β do hormônio folículo estimulante de A. gigas (ag-FSH) foram isolados e clonados pela primeira vez, possibilitando uma melhor compreensão da diversidade e evolução desta glicoproteína em peixes e a futura síntese biotecnológica deste hormônio para fins reprodutivos e alimentícios. Tanto o cDNA do ag-GTHα quanto aquele do ag-FSHβ foram sintetizados pela reação de transcriptase reversa (RT) e pela reação em cadeia da polimerase (PCR) utilizando como molde RNA total proveniente das glândulas hipofisárias de A. gigas. O cDNA da subunidade ag-GTHα possui uma sequência codificadora (Open Reading Frame, ORF) de 348 pb, o que corresponde a uma proteína de 115 aminoácidos com um suposto peptídeo sinal de 24 aminoácidos e com um peptídeo maduro de 91 aminoácidos. Dez resíduos de cisteínas responsáveis pela formação de cinco pontes dissulfeto...

Isolamento, caracterização e análise filogenética das subunidades alfa e beta do hormônio luteinizante de pirarucu (Arapaima gigas); Isolation, characterization and phylogentic analysis of the alpha and beta subunits fo luteinizing hormone of pirarucu (Arapaima gigas)

Sevilhano, Thais Cristina dos Anjos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
67.77%
O Arapaima gigas, conhecido popularmente como pirarucu é uma espécie de peixe pertencente à ordem dos Osteoglossiformes, nativo da Bacia Amazônica e autóctone da Bacia de São Francisco e do Nordeste. É considerado um dos maiores peixes de água doce do mundo, chegando, na fase adulta, a três metros de comprimento e mais de 200 kg de peso, possuindo, portanto, uma grande importância para a alimentação e o comércio da região. Infelizmente esta espécie pertence à lista de animais sobre explorados do IBAMA, também em perigo de extinção, devido especialmente à pesca predatória e à sua dificuldade reprodutiva em cativeiro. Por estas razões, desenvolvemos o presente trabalho de clonagem e caracterização de um de seus hormônios da reprodução (gonadotrofinas), em particular o hormônio luteinizante (LH). Esta glicoproteína é constituída por duas subunidades ligadas de forma não covalente: a subunidade α (GTHα) comum também ao hormônio folículo estimulante (FSH) e a subunidade β, que confere a especificidade de sua ação biológica. Tanto o cDNA do ag-GTHα quanto aquele do ag-LHβ foram sintetizados pela reação de transcriptase reversa (RT) e pela reação de cadeia de polimerase (PCR) utilizando vários primers...

Transport of Pirarucu Arapaima gigas juveniles in plastic bag

Gomes, Levy de Carvalho; Roubach, Rodrigo; Cavero, Bruno Adan Sagratzki; Pereira-Filho, Manoel; Urbinati, Elisabeth Criscuolo
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 637-642
ENG
Relevância na Pesquisa
67.58%
Este estudo examinou as respostas de estresse de juvenis de pirarucu transportados em sistema fechado. Pirarucu (Arapaima gigas) é um peixe nativo da bacia Amazônica, da família Osteoglossidae que possui respiração aérea obrigatória. Foi realizado um transporte de curta duração (6 h) em sacos de polietileno inflados com ar atmosférico (grupo ar) ou com oxigênio puro (grupo oxi). O oxigênio dissolvido foi o único parâmetro de qualidade da água que apresentou diferença estatística entre os grupos, e como esperado, o oxigênio estava supersaturado para o grupo oxi. Não houve mortalidade após o transporte em ambos os grupos. Os peixes se alimentaram 36 h após o transporte e apresentaram um consumo de ração habitual após 72 h. As respostas fisiológicas foram semelhantes nos dois grupos. O cortisol não apresentou mudança significativa durante o período de amostragem. Ao contrário da maioria das espécies, os valores de cortisol se apresentaram inalterados nos dois grupos durante a amostragem, enquanto a glicose teve um aumento significativo até 12 h após o transporte. Os resultados mostram que o transporte de pirarucu em sacos de polietileno pode ser realizado com ar atmosférico ou oxigênio puro, uma vez que as respostas de estresse...

Morphometric relationships and indirect determination of the length frequency structure of the pirarucu, Arapaima gigas (Cuvier), im Brazilian Amazonia

Martinelli, NMC; Petrere, M.
Fonte: Blackwell Science Publicador: Blackwell Science
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 233-240
ENG
Relevância na Pesquisa
67.29%
The pirarucu (giant red fish), Arapaima gigas (Cuvier), (Arapaimidae) is among the diverse fish resources of Amazonia which are threatened by over-exploitation. Little is known about the biology of this species despite its commercial importance. The present paper provides indirect information about the length-frequency structure of the stock which was estimated by sampling its tongue bone in craft shops and weighing fresh mantas (processed fish product) in fish markets since these were the only remaining recognizable features of the fish. The length-frequency reconstruction was carried out using a regression analysis calculated by utilizing individuals caught in experimental fishing.

Morphometric relationships and indirect determination of the length frequency structure of the pirarucu, Arapaima gigas (Cuvier), in Brazilian Amazonia

Martinelli, N. M C; Petrere, M.
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 233-240
ENG
Relevância na Pesquisa
67.29%
The pirarucu (giant red fish), Arapaima gigas (Cuvier), (Arapaimidae) is among the diverse fish resources of Amazonia which are threatened by over-exploitation. Little is known about the biology of this species despite its commercial importance. The present paper provides indirect information about the length-frequency structure of the stock which was estimated by sampling its tongue bone in craft shops and weighing fresh manias (processed fish product) in fish markets since these were the only remaining recognizable features of the fish. The length-frequency reconstruction was carried out using a regression analysis calculated by utilizing individuals caught in experimental fishing.

The influence of dietary vitamin C and E supplementation on the physiological response of pirarucu, Arapaima gigas, in net culture

de Menezes, Glauber Cruz; Tavares-Dias, Marcos; Ono, Eduardo Akifumi; de Andrade, Jaqueline Inês Alves; Brasil, Elenice Martins; Roubach, Rodrigo; Urbinati, Elisabeth Criscuolo; Marcon, Jaydione Luiz; Affonso, Elizabeth Gusmão
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 274-279
ENG
Relevância na Pesquisa
67.61%
This study evaluated the efficacy of dietary vitamin C (ascorbic acid or AA), vitamin E (α-tocopherol or α-T), and C + E supplementation on the blood parameters of Arapaima gigas grown in net cages for 45 days. Four treatments were tested: control (commercial feed); C800; E500 and C + E (800 + 500) with supplementation of 800 mg AA kg- 1, 500 mg α-T kg- 1 and 800 + 500 mg AA + α-T kg- 1, respectively. Hematocrit (Ht), red blood cells (RBC), and hemoglobin concentration (Hb) (oxidative status indicators), thrombocytes and leukocytes (immunological indicators), plasma protein and glucose were evaluated. Fish fed vitamin C and C + E supplemented diets showed greater weight gain and survival. Dietary vitamin C and C + E diet supplementation resulted in increased Ht, Hb, RBC, MCHC, total leukocytes, total proteins, thrombocytes and eosinophils compared to the control and α-T. The α-tocopherol-supplemented diet reduced the number of total thrombocytes, lymphocytes and neutrophils and increased glucose and eosinophils relatively to the control. In general, leukocytes and thrombocytes were good indicators of the efficiency of vitamin on the defense mechanism of the A. gigas reared in cages. Results indicate that high α-T diet supplementation provides no benefit for the maintenance of the oxidative or the immunological status of A. gigas. However...

Expressão gênica e protéica de fatores reguladores miogênicos e da miostatina no músculo esquelético do pirarucu (Arapaima gigas) durante o crescimento; Gene and protein expression of myogenic regulatory factors and myostatin in skeletal muscle of pirarucu (Arapaima gigas) during growth

Fernanda Regina Carani
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
67.62%
O pirarucu (Arapaima gigas) caracteriza-se como uma espécie promissora para a Aqüicultura, devido principalmente às suas características de rápido crescimento e rusticidade. Sua criação em regime intensivo tem obtido enorme sucesso, podendo alcançar até 10 quilos de peso corporal em apenas um ano de criação. O pirarucu é considerado hoje uma das mais importantes espécies de peixes da bacia Amazônica e, por esta razão, é primordial que se investigue os mecanismos celulares e moleculares que controlam o rápido crescimento muscular, contribuindo com novas estratégias de criação e com a manutenção da espécie. O crescimento do músculo estriado esquelético nos peixes pode ocorrer por dois mecanismos: hipertrofia e/ou hiperplasia das fibras, a partir de células satélites ou mioblastos. Esse processo é controlado por Fatores Reguladores Miogênicos (MRFs) e pelo fator de crescimento Miostatina. O objetivo do presente estudo foi avaliar as características morfológicas e o crescimento muscular hipertrófico e hiperplásico, bem como analisar a expressão gênica e protéica da MyoD, da Miogenina e da Miostatina na musculatura esquelética do pirarucu (A. gigas), em diferentes fases de crescimento. Os animais utilizados no presente estudo foram provenientes de duas pisciculturas: na primeira...

Light and scanning electron microscopy of Henneguya arapaima n. sp (Myxozoa: Myxobolidae) and histology of infected sites in pirarucu (Arapaima gigas: Pisces: Arapaimidae) from the Araguaia River, Brazil

FEIJO, M. M.; ARANA, S.; CECCARELLI, P. S.; ADRIANO, E. A.
Fonte: ELSEVIER SCIENCE BV Publicador: ELSEVIER SCIENCE BV
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.58%
In this report, we describe Henneguya arapaima n. sp., a parasite of the gill arch and gall bladder of Arapaima gigas (pirarucu) collected in the Araguaia River, in the municipality of Nova Crixas, Goias State, central Brazil. The plasmodia were white, round or ellipsoidal and measured 200-600 mu m. Parasite development was asynchronous and the mature spores were fusifonn and had smooth wall. The spores measurements were (range, with means +/- S.D. in parentheses): total length-48.4-53.1 mu m (51.6 +/- 3.4 mu m), body length-13.5-15.2 mu m (14.2 +/- 0.8 mu m), body width-5.1-6.1 mu m (5.7 +/- 0.5 mu m), body thickness-4.7-5.3 mu m (4.9 +/- 0.2 mu m) and caudal process length-38.0-41.2 mu m (38.3 +/- 2.9 mu m). The polar capsules were elongated and of unequal size, with lengths of 6.3-6.8 mu m (6.5 +/- 0.2) and 6.2-6.6 mu m (6.3 +/- 0.1) for the longest and shortest axes, respectively. Capsule width was 1.4-1.6 mu m (1.5 +/- 0.1). Histological analysis showed that the plasmodia occurred in the tunica adventitia of the gall bladder and were delimited by a thin capsule of connective tissue. In the gill arch, the plasmodia were also surrounded by connective tissue similar to the endomesium, of striated skeletal muscle cells. Sixty-five juvenile specimens of A. gigas weighing 1.0-25.0 kg were examined...

Transport of Pirarucu Arapaima gigas juveniles in plastic bag

Gomes,Levy de Carvalho; Roubach,Rodrigo; Cavero,Bruno Adan Sagratzki; Pereira-Filho,Manoel; Urbinati,Elisabeth Criscuolo
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 EN
Relevância na Pesquisa
67.29%
This study examined the stress response of pirarucu juveniles in a closed system transport. Pirarucu (Arapaima gigas) is a native Amazonian fish species from the Osteoglossidae family and an obligated air breather. A short duration transport trial (6h) was undertaken comparing closed polyethylene bags filled with atmospheric air (Air group) and bags filled with pure oxygen (Oxi group). Dissolved oxygen was the only water parameter that presented a difference between fish groups, and was saturated in the oxi group as expected. There was no mortality in either group after transport. Fish feeding was observed 36 h after transport for all fish, and normal feeding consumption was observed at 72 h. In both groups physiological responses were similar. Cortisol did not show any significant alteration during the sampled period. Unlike most fish species, cortisol values were unaltered in both groups during sampling, while glucose presented a significant change up to 12 h after transport. The results showed that pirarucu transport in plastic bags could be made with either atmospheric air or pure oxygen, since physiological response to stress, water quality and feeding behavior after 36 h were similar in both groups.

Population Dynamics Modeling of Arapaima gigas

Coutinho,Eliane dos Santos de Souza; Bevilacqua,Luiz; Queiroz,Helder Lima de
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 EN
Relevância na Pesquisa
67.29%
Pirarucu (Arapaima gigas) has been of the most important natural fishing resources of the Amazon region. Due to its economic importance, and the necessity to preserve the species hand, field research concerning the habits and behavior of the pirarucu has been increasing for the last 20 years. The aim of this paper is to present a mathematical model for the pirarucu population dynamics considering the species peculiarities, particularly the male parental care over the offspring. The solution of the dynamical systems indicates three possible equilibrium points for the population. The first corresponds to extinction; the third corresponds to a stable population close to the environmental carrying capacity. The second corresponds to an unstable equilibrium located between extinction and full use of the carrying capacity. It is shown that lack of males’ parental care closes the gap between the point corresponding to the unstable equilibrium and the point of stable non-trivial equilibrium. If guarding failure reaches a critical point the two points coincide and the population tends irreversibly to extinction. If some event tends to destabilize the population equilibrium, as for instance inadequate parental care, the model responds in such a way as to restore the trajectory towards the stable equilibrium point avoiding the route to extinction. The parameters introduced to solve the system of equations are partially derived from limited but reliable field data collected at the Mamirauá Sustainable Development Reserve (MSDR) in the Brazilian Amazonian Region.

Aspectos reprodutivos e perfil hormonal dos esteróides sexuais do pirarucu, Arapaima gigas (SCHINZ,1822), em condições de cativeiro

Monteiro,Leonardo Bruno Barbosa; Soares,Maria do Carmoueredo; Catanho,Maria Teresa Jansem; Honczaryk,Alexandre
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
67.29%
Esta pesquisa teve como objetivo caracterizar a reprodução e o perfil hormonal dos esteróides sexuais do pirarucu, Arapaima gigas, além de validar um aspecto do dimorfismo sexual secundário. O experimento foi realizado na Fazenda Santo Antônio II, em Presidente Figueredo-AM, no período de fevereiro de 2004 a fevereiro de 2005. Foram selecionados 24 exemplares e divididos em três grupos de oito peixes (grupo "A", "B" e "C" com pirarucus de mais de quatro anos de idade, com três anos e dois anos, respectivamente). Os pirarucus foram estocados em três tanques de 400m², um para cada grupo. Aspectos comportamentais, como o interesse por alimento, brigas, formação de casais e presença de ninhos, foram observados ao longo de todo o experimento. Amostras de sangue foram coletadas mensalmente, de todos os peixes, observou-se a presença de uma mancha alaranjada no macho como uma característica sexual secundária. Foram mensurados os níveis de testosterona (T), 17beta-estradiol (E2) e 17alfa-hidroxi-progesterona (17aOHP) através de radioimunoensaio (RIA) de fase sólida. Todos os machos dos grupos "A" e "B" puderam ser identificados pela mancha alaranjada na região inferior da cabeça, corroborada pela concentração de testosterona...

Capillostrongyloides arapaimae sp. n. (Nematoda: Capillariidae), a new intestinal parasite of the arapaima Arapaima gigas from the Brazilian Amazon

Santos,Cláudia Portes; Moravec,František; Venturieri,Rossana
Fonte: Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde Publicador: Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 EN
Relevância na Pesquisa
67.45%
A new nematode species, Capillostrongyloides arapaimae sp. n., is described from the intestine and pyloric caeca of the arapaima, Arapaima gigas (Schinz), from the Mexiana Island, Amazon river delta, Brazil. It is characterized mainly by the length of the spicule (779-1,800 µm), the large size of the body (males and gravid females 9.39-21.25 and 13.54-27.70 mm long, respectively) and by the markedly broad caudal lateral lobes in the male. It is the third species of genus Capillostrongyloides reported to parasitize Neotropical freshwater fishes.

Gen?tica de popula??es de pirarucus (Arapaima gigas) da Reserva Mamirau? e considera??es sobre estrutura gen?tica para a esp?cie

SILVA, Juliana Araripe Gomes da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
67.47%
O pirarucu (Arapaima gigas) ? um importante recurso pesqueiro da regi?o amaz?nica, que vem sendo explorado desde o s?culo XIX, havendo ind?cios de diminui??o do tamanho populacional em algumas localidades ao longo da sua distribui??o. O manejo da pesca vem sendo uma das estrat?gias adotadas para manter essa atividade pesqueira associada a conserva??o da esp?cie. Neste trabalho avaliamos aspectos populacionais de pirarucus de duas localidades da Reserva Mamirau? (Jarau? e Mara?), e comparamos estas com as popula??es j? analisadas de Santar?m e Tucuru?, verificando suas variabilidade e estrutura gen?tica. Para isso foram utilizados sete locos microssat?lites genotipados para 463 pirarucus da Reserva Mamirau? coletados ao longo de cinco anos. Nossos resultados encontraram uma maior diversidade gen?tica para esta popula??o em compara??o as encontradas em Santar?m e Tucuru?. As an?lises indicam que o manejo esta sendo ecologicamente eficiente, n?o tendo havido altera??es significantes ao longo dos cinco anos de estudo. A migra??o lateral, associada a um poss?vel padr?o de retorno ao lago sem fidelidade espacial, parece ter grande import?ncia na homogeneiza??o gen?tica local. Entretanto, este fator ? espacialmente limitado, sendo observada uma pequena diferencia??o entre os pirarucus do Jarau? e do Mara?. Entre localidades mais distantes...

Avalia??o da suplementa??o alimentar com bact?ria probi?tica no crescimento e sanidade de Arapaima gigas em sistema de recircula??o de ?gua

GABBAY, Marcela Iris
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
67.56%
As bact?rias acido l?cticas tem se destacado por desempenhar efeitos ben?ficos ao hospedeiro, entre eles destacam-se a ativa??o no sistema imunol?gico, desempenho zoot?cnico e efici?ncia alimentar. O objetivo deste trabalho foi selecionar e a avaliar bact?rias potencialmente probi?tica no crescimento e sanidade de Arapaima gigas. A primeira etapa foi o isolamento e sele??o de bact?rias com potencial probi?tico a partir de 10 juvenis de A. gigas sendo submetidas a testes in vitro de inibi??o de pat?genos bacterianos conhecidos para aquicultura, e a segunda etapa consistiu em testes in vivo avaliando a coloniza??o do trato intestinal pela cepa bacteriana e sua rela??o com a hematologia. A cepa com melhor halo de inibi??o foi identificada com o kit API50 CH como Lactobacillus paracasei (99.9%). Para avalia??o in vivo, os animais foram alimentados durante 120 dias com dieta contendo somente leite est?ril (T1), dieta controle sem bact?ria (T2), dieta com 105 L. paracasei (T3) e dieta com 106 L. paracasei(T4). Ap?s este per?odo os peixes foram submetidos tr?s tratamentos: inje??o intraperitoneal com Aeromonas hydrophila, inje??o de solu??o salina e peixes n?o injetados. Ao final de 24 horas de desafio foi observado elevada mortalidade dos peixes pertencentes ao grupo T3...

Crescimento e produ??o de pirarucu, Arapaima gigas, sob diferentes densidades de estocagem em associa??o com b?falas leiteiras

IMBIRIBA, Emir Palmeira
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
67.47%
Com o objetivo de avaliar quatro densidades de estocagem de pirarucu (Arapaima gigas) e identificar a que proporcione melhor desempenho produtivo em ganho de peso e comprimento, para viabilizar o seu cultivo intensivo, foi realizada uma pesquisa, durante 360 dias, utilizando as densidades de cinco, dez, quinze e 20 peixes por 100 m2 de viveiro, fornecendo-se til?pias vivas como alimento, capturada sem a?ude de manejo de b?falas leiteiras, equivalente a 6% do peso vivo dos peixes, durante quatro dias por semana. Os animais foram agrupados aleatoriamente em quatro tratamentos e duas repeti??es. Os dados foram analisados com base na aplica??o do modelo exponencial de crescimento, tendo sido obtidas as express?es matem?ticas para cada densidade de estocagem. Foram feitas analises de regress?o linear simples. O crescimento em peso e comprimento do pirarucu varia de acordo com a sua taxa de estocagem, entretanto, at? os 120 dias de cultivo n?o houve diferen?as em peso nas quatro densidades estudadas. Os valores do coeficiente angular da rela??o peso/comprimento do pirarucu demonstram que o seu crescimento e do tipo alom?trico. O comprimento total m?ximo foi de 107,66 cm e peso total m?ximo de 13,43 kg, na densidade de cinco peixes/100 m2. Entretanto...

Morphology and expression of genes related to skeletal muscle growth in juveniles of pirarucu (Arapaima gigas, Arapaimatidae, Teleostei)

Carani, Fernanda Regina; Duran, Bruno Oliveira Da Silva; Paula, Tassiana Gutierrez De; Piedade, Warlen Pereira; Dal-pai-silva, Maeli
Fonte: Editora da Universidade Estadual de Maringá (EDUEM) Publicador: Editora da Universidade Estadual de Maringá (EDUEM)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 219-226
ENG
Relevância na Pesquisa
67.58%
Skeletal muscle growth in the pirarucu (Arapaima gigas) is highly interesting to fish farmers because it provides information about how the mechanism in muscle mass increase, characteristic of the species, is regulated. Pirarucu has specific muscle growth that highlights the species's significance and commercial value. Current research evaluates the morphology and the growth-related gene expression in the red and white skeletal muscles of the pirarucu. Muscle samples were collected from the lateral anterior region and frozen in liquid nitrogen. Histological sections were performed and stained by HE for morphological analysis. Red and white muscle samples were used to determine MyoD, myogenin, and myostatin genes expression by Real-time Polymerase Chain Reaction. Although MyoD and myogenin were not statistically different in the two types of muscles, myostatin was significantly higher in the white rather than in the red muscle. Results show the muscle growth characteristics of the species and may be helpful for improving aquaculture management programs.; A caracterização do crescimento muscular no pirarucu (Arapaima gigas) é de elevado interesse para os piscicultores, pois fornece informações de extrema importância sobre como esse mecanismo é regulado e permite o rápido aumento na massa muscular característico da espécie. O pirarucu possui um crescimento muscular típico...