Página 1 dos resultados de 1071 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Occurrence and molecular characterization of Cryptosporidium spp. isolated from domestic animals in a rural area surrounding Atlantic dry forest fragments in Teodoro Sampaio municipality, State of São Paulo, Brazil; Ocorrência e caracterização molecular de Cryptosporidium spp. isolados de animais domésticos de propriedades rurais circunvizinhas a fragmentos de Floresta Atlântica Seca do Estado de São Paulo, Brasil

SEVÁ, Anaiá da Paixão; FUNADA, Mikaela Renata; SOUZA, Sheila de Oliveira; NAVA, Alessandra; RICHTZENHAIN, Leonardo José; SOARES, Rodrigo Martins
Fonte: Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária Publicador: Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
66.65%
The aim of this study was to assess the occurrence of Cryptosporidium in domestic animals in rural properties surrounding rain forest fragments within the municipality of Teodoro Sampaio, southeastern Brazil. Conventional sucrose flotation method followed by molecular characterization of the parasites by sequencing PCR products amplified from SSU rRNA gene were used. Stool samples were collected from domestic animals raised as pets and livestock in all rural properties surrounding three forest fragments. Samples from cattle (197), equine (63), pigs (25), sheep (11), and dogs (28) were collected from 98 rural properties. The frequency of occurrence of Cryptosporidium within each animal species was 3.0% (6/197) among cattle and 10.7% (3/28) among dogs. Cryptosporidium was not detected in stool samples from equine, sheep, and pigs. All sequences obtained from the six samples of calves showed molecular identity with Cryptosporidium andersoni while all sequences from dog samples were similar to C. canis. The frequency of occurrence of Cryptosporidium in these domestic animal species was low. The absence of C. parvum in the present study suggests that the zoonotic cycle of cryptosporidiosis may not be relevant in the region studied. The presence of Cryptosporidium species seldom described in humans may be...

Estudo retrospectivo de 3055 animais atendidos no ODONTOVET® (Centro Odontológico Veterinário) durante 44 meses; Retrospective study of 3055 pets referred to ODONTOVET® (Veterinary Dental Center) during 44 months

Venturini, Michele Alice Françoise Anita
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/02/2007 PT
Relevância na Pesquisa
56.61%
Este levantamento retrospectivo teve por objetivos verificar quais animais de companhia foram levados para atendimento odontológico, avaliar quais foram as afecções mais freqüentes na cavidade oral destes animais, avaliar o grau de conscientização dos proprietários e a metodologia de preenchimento dos prontuários. As 3055 fichas cadastradas em um período de 44 meses foram analisadas de forma seqüencial. Os dados coletados foram espécie, raça, sexo, idade, peso, realização de consulta prévia ao tratamento, afecção presente, realização ou não de tratamento após consulta e retorno após um ano. As moléstias foram divididas em doença periodontal grave, moderada e leve, gengivite, fratura dental e qual dente foi acometido, presença de pelo menos um dente com lesão de reabsorção odontoclástica dos felinos, presença de complexo gengivite-estomatite-faringite nos felinos, fraturas em mandíbula e maxila, neoplasias benignas e malignas, persistência de dentes decíduos e alterações específicas dos sagüis, roedores e lagomorfos domésticos. Após o levantamento, as informações obtidas foram analisadas estatisticamente pelo teste de Qui-quadrado para avaliar a correlação de cada afecção com variáveis como faixa etária...

Detecção e caracterização molecular de riquétsias em humanos, potenciais vetores e animais domésticos da região sudeste do Brasil.; Detection and molecular characterization of rickettsiae in humans, potential vectors and domestic animals of southeastern Brazil.

Gehrke, Flávia de Sousa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.46%
Neste projeto, objetivou-se o diagnóstico de riquétsias, utilizando metodologia molecular, em material de humanos, carrapatos, pulgas, cães e equinos de áreas endêmicas dos estados de São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ). Diagnosticou-se Rickettsia rickettsii infectando Amblyomma cajennense e humanos no estado de SP, indicando ser esta a única espécie responsável pela doença. Rickettsia conorii foi diagnosticada em um paciente procedente de Portugal. No estado do RJ, Rickettsia felis foi detectada Ctenocephalides felis e em Am. cajennense enquanto que R. rickettsii em Amblyomma aureolatum, Am. cajennense, Anocentor nitens, Boophilus microplus, Ct. felis e Rhipicephalus sanguineus. As frequências mínimas de vetores infectados do estado do RJ apresentaram valores superiores àqueles registrados em outras regiões do país. Demonstrou-se, de forma inédita, o envolvimento de algumas destas espécies no ciclo da bactéria. R. rickettsii foi diagnosticada em cães e equinos indicando a importância dos animais domésticos na manutenção do ciclo da riquetsiose.; This project aimed to diagnose rickettsial diseases using molecular analysis methods on human, tick, flea, dog and horse samples from endemic areas in the States of São Paulo (SP) and Rio de Janeiro (RJ). A diagnosis of Rickettsia rickettsii infecting Amblyomma cajennense and humans in the State of SP was made...

A interface entre pequenos mamíferos silvestres e animais domésticos em área fragmentada do alto Paranapanema, estado de São Paulo, Brasil; The interface between wild small mammals and domestic animals of the fragmented area from High Paranapanema, Sao Paulo state, Brazil

Oliveira, Alice Soares de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.69%
A Fazenda Três Lagoas, localizada no município de Angatuba, região do Alto Paranapanema (centro-sul do Estado de São Paulo), é uma área na qual houve introdução de espécies exóticas, como Eucalyptus sp e Brachiaria sp, que fragmentaram o habitat de cerrado original. Uma vez em que foi estabelecida atividade humana em um ambiente antes natural, houve expansão do contato entre humanos e animais domésticos com as populações de animais silvestres; sendo a influência destes fatores sobre o ecossistema local ainda pouco conhecido. O presente estudo teve como objetivo pesquisar a exposição de pequenos mamíferos silvestres e animais domésticos da região a agentes infecciosos e transmissores de zoonoses (Leptospira spp., Lyssavirus, Toxoplasma gondii, Neospora caninum e Rickettsia spp.). O levantamento dos patógenos nos animais silvestres revelou resultados sorológicos positivos para Leptospira spp. (5,5%, n= 73), Rickettsia spp. (7,9%, n=38) e Toxoplasma gondii (16,1%, n= 56). Em relação aos animais domésticos, foram encontrados 40% de cães (n=10) soropositivos para N. caninum, 20% de soropositivos para Leptospira spp. e T. gondii (n=10), e 23,27% dos cães (n=11) apresentaram títulos de anticorpos menores ou iguais a 0...

Agentes infecciosos e dieta de carnívoros domésticos e silvestres em área de silvicultura do Alto Paranapanema: implicações para a conservação; Infectious agents and diet of domestic and wild carnivores in a silvicultural area in Alto Paranapanema: implications for conservation

Reis, Thais Rovere Diniz
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56.5%
Apesar do estado de São Paulo ter uma área de vegetação nativa pequena e, em sua maioria, altamente fragmentada, isolada e imersa em matrizes agrícolas em propriedades privadas, seu território ainda alberga um número considerável de espécies silvestres, inclusive nessas áreas comerciais. Para a elaboração de planos de manejo ecologicamente corretos, é necessário selecionar (1) espécies-chave, como os mamíferos carnívoros; (2) fatores ecológicos primários das espécies, como a dieta e o uso do espaço; e (3) locais com histórico de uso do solo representativos da exploração espaço-temporal, como, por exemplo, Angatuba (SP) em São Paulo. Essa dissertação foi desenvolvida na Fazenda Três Lagoas e seus arredores, entre maio de 2008 e junho de 2010 e abrange três temas distintos, mas interligados. No primeiro capítulo fez-se uma introdução geral sobre os temas. No segundo avaliou-se, em quatro fazendas adjacentes, a exposição de carnívoros domésticos aos agentes infecciosos da parvovirose, raiva, cinomose e leptospirose através de exames sorológicos. Verificou-se que as prevalências de contato dos 13 cães amostrados com esses agentes patológicos, foram, respectivamente, 100%, 80%, 23% e 15,4%. As reações positivas a alguns desses agentes e sorovares...

Estudo epidemiológico de patógenos circulantes nas populações de onça-pintada e animais domésticos em áreas preservadas de três biomas brasileiros: Cerrado, Pantanal e Amazônia.; Epidemiologic study of pathogens circulating in populations of jaguar and domestic animals in preserved areas of three Brazilian biomes: Cerrado, Pantanal and Amazon.

Gaspari, Mariana Malzoni Furtado
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
56.67%
A fragmentação de habitats e o aumento da proximidade entre as comunidades humanas, animais domésticos e silvestres podem ser responsáveis pelo aparecimento de doenças emergentes, disseminação de patógenos e alterações nos padrões epidemiológicos das doenças. Declínios populacionais em felinos silvestres devido a doenças já foram relatados, porém, pouco se conhece sobre o potencial papel dos patógenos nas populações de onça-pintada. Este estudo teve por objetivo pesquisar a presença de patógenos nas populações de onça-pintada e animais domésticos das regiões do Parque Nacional das Emas-PNE, Parque Estadual do Cantão-PEC e Pantanal sul mato-grossense, e identificar possíveis associações nos diagnósticos encontrados. Entre fevereiro de 2000 e janeiro de 2010, foram coletadas amostras biológicas de 31 onças-pintadas, 1246 bovinos, 179 cães e 36 gatos. Foram realizados diagnósticos sorológicos para brucelas lisas (AAT), Leptospira spp. (SAM), Toxoplasma gondii (MAT; RIFI), vírus da raiva (RFFIT), vírus da cinomose (SN), FIV e FeLV (SnapTM); e diagnósticos moleculares para Babesia spp., Hepatozoon spp., Cytauxzoon spp., Mycoplasma haemofelis, 'Candidatus Mycoplasma haemominutum' e 'Candidatus Mycoplasma turicensis'. Amostras de fezes de onças-pintadas foram analisadas para Giardia intestinalis...

Caracterização fenotípica, genotípica e termorressistência à fervura em linhagens de Nocardia spp isoladas de animais domésticos e humanos

Condas, Larissa Anuska Zeni
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 104 f.
POR
Relevância na Pesquisa
66.67%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Medicina Veterinária - FMVZ; Nocardia é um microorganismo ubíquo, relacionado a processos piogranulomatosos supurativos de difícil resolução terapêutica em humanos e animais. Foi investigada caracterização fenotípica, genotípica, perfil de sensibilidade aos antimicrobianos, e termorresistência à fervura em 95 linhagens de Nocardia spp. provenientes de animais domésticos e humanos. Em animais de produção a afecção mais comum foi mastite bovina identificada em 71 linhagens (74,73%). Em animais de companhia obteve-se mais isolamento nos cães com 12 linhagens (12,63%), principalmente de tecido cutâneo. Foram estudados sete isolados de Nocardia spp. obtidos de humanos, com quadros cutâneos e neurológicos. A caracterização molecular e análise filogenética realizada por PCR da fração 16S rRNA identificaram as seguintes espécies: Nocardia nova (68,42%), Nocardia farcinica (13,68%), Nocardia cyriacigeorgica (4,58%), Nocardia puris (3,67%), Nocardia veterana (3,67%), Nocardia africana (2,10%), Nocardia asiatica (0,91%) e Nocardia arthritidis (0,91%). A ocorrência de multirresistência a três ou mais e a cinco ou mais antimicrobianos ocorreu em...

Pesquisa de anticorpos anti-virus da febre aftosa em espécies de animais domésticos e silvestres susceptíveis e não vacinadas, no Pantanal de Mato Grosso do Sul

Paes, Rita de Cássia da Silva
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xv, 71 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
56.66%
Pós-graduação em Medicina Veterinária - FCAV; A pesquisa sorológica usando Imunodifusão em Gel de Ágar (IOGA) e ELISA Bloqueio de Fase Líquida (BFL-EUSA) foram aplicadas nesse estudo no período de 1996 a 1998, para detectar ou titular, respectivamente, anticorpos contra o antígeno VIA (Virus Infection Associated) e as estirpes de referência 01 Campos, A24 Cruzeiro e C3 Indaial, em algumas espécies silvestres e domésticas susceptíveis e não vacinadas. Do total de 383 amostras sanguíneas colhidas, 78 amostras eram de bovinos de vida livre; 39 de búfalos indianos; 139 de ovinos; 63 de suínos domésticos; 49 de porcos do mato e 15 de cervídeos. Todas as espécies investigadas, exceto os cervídeos, apresentaram anticorpos contra o Vírus da Febre Aftosa (VFA). O teste de IDGA detectou 47 (12,3%) amostras positivas ao antígeno VIA, principalmente em bovinos baguás e búfalos. O BFL-ELISA identificou 175 (45,7%) soros com presença de anticorpos a uma das três estirpes virais; Foi encontrado um maior número de amostras positivas contra a estirpe C3 Indaial bem como maiores títulos, em bovinos baguás. Os bubalinos e ovinos apresentaram uma maior reatividade contra as estirpes A24 Cruzeiro e 01 Campos, respectivamente...

Fatores de risco e prevalência de animais domésticos e silvestres portadores de anticorpos contra Vaccinia Vírus na região centro oeste do Estado de São Paulo

Peres, Marina Gea
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 42 f.
POR
Relevância na Pesquisa
66.73%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Medicina Veterinária - FMVZ; O trabalho teve por objetivo avaliar o potencial de roedores silvestres e outros mamíferos selvagens de pequeno e médio porte como reservatório do vírus vaccínia, bem como determinar os possíveis fatores de risco associados à prevalência de portadores de anticorpos contra Orthopoxvirus em vacas leiteiras e outros animais domésticos, animais selvagens e em humanos. Para tanto, questionário epidemiológico foi aplicado a 47 propriedades rurais distribuídas ao longo dos municípios de Torre de Pedra (com registros oficiais de surtos por VACV afetando rebanhos leiteiros e ordenhadores), Bofete e Anhembi (sem registros oficias de surtos) a fim de levantar dados sobre o estado sanitário de cada propriedade e possíveis fatores de risco. Amostras de sangue e soro foram coletadas, após autorização prévia, de vacas, cavalos, carneiros, suínos, cães e gatos, também dos produtores rurais e seus familiares, e dos animais selvagens capturados em cada propriedade. Foram conduzidas análises sorológicas através das técnicas de vírus neutralização (para amostras de soro humano e de animais domésticos) e teste de neutralização pela redução da formação de placas (para amostras de animais selvagens). Os resultados mostram baixa positividade entre os animais selvagens e alta positividade entre domésticos e humanos...

Retroviroses em felinos domésticos

Perrotti, Isabella Belletti Mutt
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
56.62%
The retrovirus are recognized as pathogenic group of virus for domestic animals. The particularitities of these viruses are the necessity of the enzyme transcriptase reversa, for the conversion of the viral RNA in viral DNA (provirus) and the incorporation in the DNA of the cell, what it confers to the infection the lifetime character, due to all the infected cells present the provirus our DNA. Among the retroviruses in domestic felines, the leukaemia and immunossupressive virus represent the more important diseases. The main form of transmission of the virus of the FeLV is occur by close contact and the saliva presents high viral concentration. For the FIV, the main form of transmission is represented by wounds of bite. The retrovírus, replicate mainly in high metabolization cells. The infection for FeLV cause mieloproliferativas and degenerative illnesses, while the FIV are related imunossupressora illness. The treatment for these retroviroses is symptomatic associated to imunomodulatory drugs, none of these drugs are capable to eliminate the virus. For the prevention of these retrovirus are used vaccines. However only the vaccine against FeLV have showed efficiency. Thus , the more important measures in control of these diseases is prevent the contact between infected and health felines. The ain of present study was reviewed the more important aspects of retroviruses in domestic felines...

O efeito da interacção entre animais silvestres e domésticos na propagação das helmintíases.

Martins, J.M.; Brandão, Carlos N.
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 244020 bytes; application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.65%
Nos Trópicos, as perdas económicas provocadas por helmintes em produção animal, são extremamente importantes, pelo que desde muito cedo os Investigadores começaram a realizar estudos taxonómicos, biológicos e epidemiológicos sobre este tipo de parasitismo. No entanto, a versatilidade demonstrada pelos helmintes, nomeadamente pela classe Nematoda, tem ocasionado problemas práticos dificilmente transponíveis no seu controlo, quer em animais domésticos quer em animais silvestres. A finalidade deste trabalho não é mais do que chamar a atenção para a importância dos animais silvestres como veículos propagadores de algumas helmintíases aos animais domésticos, facto que se deve levar em conta cada vez mais, se considerarmos a tendência actual para a utilização dos primeiros como fonte de rendimento. In tropical regions, economic losses in animal production due to helminth infections are extremely important. Taking that in account, researchers began taxonomic, biological and epidemiological studies about this type of parasitism early this century. Meanwhile, versatility presented by these helminths, namely by Nematoda class, has produced practical problems in their control in domestic and wild animals. The purpose of this paper is to stress out the importance of wild animals as disseminators of some helminths to domestic animals...

Diversidade parasitária em animais domésticos e silvestres na Guiné-Bissau: os últimos 22 anos

Rosa, Fernanda; Crespo, Maria Virgínia
Fonte: Colóquio Internacional Cabo Verde e Guiné-Bissau, Percursos do Saber e da Ciência, 21-23 Junho 2012, Lisboa, ISCSP-UTL Publicador: Colóquio Internacional Cabo Verde e Guiné-Bissau, Percursos do Saber e da Ciência, 21-23 Junho 2012, Lisboa, ISCSP-UTL
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 21/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.65%
A importância e o interesse pela diversidade parasitária, sua distribuição espacial e evolução temporal em diferentes ecossistemas, assim como a sua interacção com diferentes hospedeiros, aumentou nas últimas décadas, especialmente quando estão envolvidos temas como a protecção e conservação de ecossistemas, o uso sustentável de recursos naturais e a protecção da saúde das populações residentes. Para além disto, a introdução recente do conceito de medicina conservativa, no qual a saúde do meio ambiente, animais e homem é considerada como um todo, veio reforçar aquele interesse. Durante 1990, num contexto de contaminação ambiental por parasitas, com especial relevância para as espécies zoonóticas, a equipa do IICT e os seus colaboradores têm vindo a estudar na Guiné-Bissau a fauna parasitária em hospedeiros domésticos e silvestres, nomeadamente em Rodentia1 (Thryonomys swinderianus, Cricetomys gambianus, Arvincanthis niloticus, Rattus rattus e Praomys (Mastomys) sp.), Arctyodactyla1,2,3,4 (Bos taurus, Cephalophus rufilatus e Tragelaphus s. scriptus), Carnivora1 (Canis familiaris e Genetta pardina pardina), Primates não-humanos1 (Cercopithecus mona campbelli, Chlorocebus aethiops sabaeus, Papio cynocephalus papio e Procolobus badius temminckii) e Testudines1 (Kinixys belliana nogueyi)...

Contributo para o estudo epidemiológico da tuberculose bovina em animais domésticos e silváticos na região de Portalegre

Raposo, André Santos Silva
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 14/04/2011 POR
Relevância na Pesquisa
56.61%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; A tuberculose bovina é uma doença infecciosa que atinge espécies domésticas, silváticas e o Homem, constituindo um problema para as entidades sanitárias veterinárias, devido ao seu potencial zoonótico, ao impacto económico e ao entrave causado à movimentação de animais e produtos. Portugal encontra-se numa fase de pré-erradicação da doença, tendo os esforços com vista a esse objectivo elevados custos para o Estado e para os produtores. Durante o estágio realizou-se um estudo retrospectivo de casos de tuberculose em bovinos entre 2005 e 2009 e fez-se uma pesquisa de lesões desta doença em espécies de caça grossa, ambos na região de Portalegre. Averiguou-se a hipótese de transmissão da doença por animais silváticos em 35 focos de tuberculose bovina, concluindo-se que pode ter havido contactos entre javalis e bovinos domésticos em todos. Os veados, embora tenham uma distribuição mais limitada, coabitam com os bovinos em cerca de 45% das explorações em análise. Também se acompanhou uma montaria, identificando-se lesões macroscópicas compatíveis com tuberculose em 33,3% dos veados e 11,8% dos javalis abatidos, confirmando-se posteriormente em todos os casos a existência de infecção (através de exames histopatológicos e do isolamento de M. bovis). Tendo em conta que os resultados obtidos confirmam a existência de tuberculose em veados e javalis de vida livre e o seu contacto com bovinos domésticos em certas regiões...

Exposição a Animais Domésticos, Sensibilização e Doença Alérgica

Marinho, S; Romeira, AM; Morais-Almeida, M; Rosado-Pinto, J
Fonte: Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica Publicador: Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2005 POR
Relevância na Pesquisa
66.8%
Introdução: A exposição a animais domésticos tem uma prevalência significativa e aparentemente crescente. A relação complexa entre exposição alergénica, sensibilização e clínica tem sido recentemente alvo de controvérsia, discutindo-se se a exposição a animais será um factor de risco / protector para o desenvolvimento de sensibilização e posterior doença alérgica. Objectivo: Caracterizar uma população da consulta de Imunoalergologia do Hospital de Dona Estefânia relativamente à exposição a animais domésticos, sensibilização alergénica e presença de sintomas relacionados com o contacto. Material e métodos: Foi aplicado um questionário, caracterizando a exposição a animais domésticos e a ocorrência de manifestações clínicas, sendo realizados testes cutâneos por picada para aeroalergénios em doentes observados em primeira consulta durante o primeiro trimestre de 2003. Resultados: Foram incluídos 167 doentes, 67,1 % com idade inferior a 16 anos, média etária de 17,1 anos (1 a 70 anos), ratio M/F:1,1/1. 80,8 % dos doentes tem contacto actual com animais domésticos, 62,2 % em casa e 37,8 % na escola / trabalho ou casa de amigos. O cão era o animal doméstico mais prevalente, correspondendo a 80 % dos casos de contacto actual; 46 % estavam expostos agatos e 37 % tinham contacto regular com outros animais. Praticamente todos os doentes (88...

Exposição a Animais Domésticos, Sensibilização e Doença Alérgica

Marinho, S; Romeira, AM; Morais-Almeida, M; Rosado-Pinto, J
Fonte: Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica Publicador: Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2005 POR
Relevância na Pesquisa
66.8%
Introdução: A exposição a animais domésticos tem uma prevalência significativa e aparentemente crescente. A relação complexa entre exposição alergénica, sensibilização e clínica tem sido recentemente alvo de controvérsia, discutindo-se se a exposição a animais será um factor de risco / protector para o desenvolvimento de sensibilização e posterior doença alérgica. Objectivo: Caracterizar uma população da consulta de Imunoalergologia do Hospital de Dona Estefânia relativamente à exposição a animais domésticos, sensibilização alergénica e presença de sintomas relacionados com o contacto. Material e métodos: Foi aplicado um questionário, caracterizando a exposição a animais domésticos e a ocorrência de manifestações clínicas, sendo realizados testes cutâneos por picada para aeroalergénios em doentes observados em primeira consulta durante o primeiro trimestre de 2003. Resultados: Foram incluídos 167 doentes, 67,1 % com idade inferior a 16 anos, média etária de 17,1 anos (1 a 70 anos), ratio M/F:1,1/1. 80,8 % dos doentes tem contacto actual com animais domésticos, 62,2 % em casa e 37,8 % na escola / trabalho ou casa de amigos. O cão era o animal doméstico mais prevalente, correspondendo a 80 % dos casos de contacto actual; 46 % estavam expostos agatos e 37 % tinham contacto regular com outros animais. Praticamente todos os doentes (88...

Ocorrência de micoses e pitiose em animais domésticos: 230 casos

Galiza,Glauco J.N.; Silva,Taiara M. da; Caprioli,Rafaela A.; Barros,Claudio S.L.; Irigoyen,Luiz F.; Fighera,Rafael A.; Lovato,Maristela; Kommers,Glaucia D.
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.51%
Para determinar as principais micoses e oomicoses que acometeram animais domésticos na área de abrangência do Laboratório de Patologia Veterinária (LPV) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), foi realizado um estudo retrospectivo em 9.487 protocolos de necropsias e 20.199 exames histopatológicos (totalizando 29.686 casos), realizados no LPV-UFSM, entre janeiro de 1990 e dezembro de 2012. Do total de protocolos analisados, 230 apresentaram micoses ou pitiose (oomicose), sendo 179 casos (78%) de micoses e 51 casos (22%) de pitiose. Os protocolos foram revisados para determinar os principais achados referentes à epidemiologia, sinais clínicos e às alterações macroscópicas e microscópicas. Em dois casos (0,8%) não foi possível determinar o gênero ou o grupo do fungo observado. As principais doenças diagnosticadas, em ordem decrescente de prevalência, foram: pitiose, candidíase, aspergilose, zigomicose, dermatofitose, malasseziose, criptococose, megabacteriose e esporotricose. Outras doenças diagnosticadas numa única ocorrência cada foram histoplasmose e pneumocistose. Os equinos foram os mais acometidos pela pitiose e os animais de companhia (cães e gatos) foram os mais acometidos pelas micoses.

Prevalência de Cryptosporidium spp. em animais domésticos de companhia da população idosa em Teresópolis, Rio de Janeiro, Brasil

Pereira,Cassia R. A.; Ferreira,Aldo P.; Koifman,Rosalina J.; Koifman,Sérgio
Fonte: Universidade do Estado do Rio Janeiro Publicador: Universidade do Estado do Rio Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
56.46%
OBJETIVO: Este estudo visa a destacar a prevalência da criptosporidiose em animais de companhia doméstica. MÉTODO: Foram elegíveis para o estudo todos os idosos (acima de 60 anos de idade) de ambos os sexos que tenham cães e / ou gatos em casa, vivendo na cidade de Teresópolis e que foram a um posto de vacinação no município durante o período das campanhas nacionais de vacinação contra a gripe em 2007 e 2008. RESULTADOS: Em 29,0% dos animais pesquisados detectou-se a presença de oocistos e em 28,7% foram observados 2 ou mais oocistos por campo. A prevalência de história de diarreia entre os 300 animais examinados foi de 27%, atingindo 29,5% em cães e 24,7% em gatos, não mostrando diferença estatisticamente significativa entre as espécies. CONCLUSÃO: Este fato indica lacunas a serem mais aprofundadas, uma vez que são poucos estudos que exploram a relação da criptosporidiose com os animais de companhia na população humana. Os resultados demonstram a importância de realização periódica de exames parasitológicos em cães com e sem diarreia para tratamento específico e adoção medidas de controle e profilaxia.

Herança citoplasmatica em animais domesticos.

BARBOSA, P. F.
Fonte: In: SEMANA DE ZOOTECNIA, 13., 1989, Campinas, SP. Anais... Campinas : [s.n.] 1989. p.51-69. Publicador: In: SEMANA DE ZOOTECNIA, 13., 1989, Campinas, SP. Anais... Campinas : [s.n.] 1989. p.51-69.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.57%
Criterios para diagnóstico de herança citoplasmatica, tipos de herança citoplasmatica e algund aspectos da genetica molecular de mitocondrias. Evidencias experimentais de herança citoplasmatica em animais domésticos. Implicações desse modo de herança no melhoramento genético de animais domésticos.; 1989

Interface entre carnívoros domésticos e silvestres em área de proteção ambiental na amazônia brasileira: indicadores e implicações para conservação; Interface between domestic and wild carnivores in an environmental protection area in the brazilian Amazon: indicators and aplications for conservation

WHITEMAN, Christina Wippich; PALHA, Maria das Dores Correia; MATUSHIMA, Eliana Reiko; SILVA, Alanna do Socorro Lima da; MONTEIRO, Vanessa Conceição
Fonte: Curitiba Publicador: Curitiba
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR; ENG
Relevância na Pesquisa
56.71%
A presença de animais domésticos em unidades de conservação tem sido uma preocupação mundial crescente, inclusive na Amazônia brasileira. Carnívoros domésticos introduzidos podem oferecer riscos à conservação de carnívoros e outros mamíferos silvestres em áreas protegidas. Estes riscos podem estar associados a fatores diretos, como por exemplo, o hábito de caçar dos cães, e indiretos, como o potencial de transmissão de agentes infecciosos dos carnívoros domésticos para populações silvestres. Este estudo teve como objetivo analisar as implicações potenciais da permanência de populações humanas e de animais domésticos em áreas fragmentadas e alteradas como as Zonas de Proteção de Vida Silvestre (ZPVS) da Área de Proteção Ambiental do Lago de Tucuruí (Pará, Brasil), destinadas à proteção integral de sua fauna e flora. Esta avaliação foi feita por meio de entrevistas realizadas com os moradores ribeirinhos das ZPVS e seu entorno, envolvendo questões relacionadas à presença de cães (número de animais por domicílio, natalidade, mortalidade, estado de vacinação, hábito de caçar) e de carnívoros silvestres (ocorrência e localização) na área de estudo. Os resultados indicaram riscos primordialmente pela presença de uma média de três cães por domicílio...

The Online Media Perspective on Animal and Vehicle Accidents in Brazilian Highways: a Matter of Safety?; A perspectiva da mídia online sobre os acidentes entre veículos e animais em rodovias brasileiras: uma questão de segurança?

Freitas, Simone Rodrigues de; Universidade Federal do ABC (UFABC); Barszcz, Leonardo Beltrão; Universidade Federal do ABC (UFABC)
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 27/04/2015 POR
Relevância na Pesquisa
56.52%
Wildlife-vehicle collisions are a concern for public security and biodiversity conservation. The purpose of this study is to evaluate the accidents caused by wildlife-vehicle collisions, analyzing the animals involved, the number of deceased and injured people, as well as the space and time distribution of accidents in Brazil. Therefore, we use as sampling method, news on accidents between vehicles and animals recorded in Brazil over a 5 years period, available on the web. We analyzed 125 accidents including 135 animals, 66 dead people, 166 injured people and 73 dead animals. The main result was that most of the accidents involved domestic animals, causing mainly injured people; however, accidents with wildlife caused more deceases, particularly involving capybaras. In addition, we discussed the most suitable mitigation measures and the economic sectors that could be interested in this issue.; As colisões entre veículos e animais são um problema de segurança pública e de conservação da biodiversidade. Este estudo teve como objetivo avaliar os acidentes causados por colisões entre veículos e animais, analisando os animais envolvidos, o número de mortos e feridos, além da distribuição espacial e temporal desses acidentes no Brasil. Para tanto...