Página 1 dos resultados de 1089 itens digitais encontrados em 0.016 segundos

Outcrossing rate of Couratari multiflora (J.Smith) Eyma (Lecythidaceae), a low-density tropical tree species from a central Amazonian rainforest; Taxa de cruzamento de Couratari multiflora (J.Smith) Eyma (Lecythidaceae), uma espécie arbórea tropical de baixa densidade da Amazônia central

LEPSCH-CUNHA, Nadja; KAGEYAMA, Paulo Yoshio; VENCOVSKY, Roland; NASCIMENTO, Henrique E. M.
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
66.16%
A multilocus mixed-mating model was used to evaluate the mating system of a population of Couratari multiflora, an emergent tree species found in low densities (1 individual/10 ha) in lowland forests of central Amazonia. We surveyed and observed phenologically 41 trees in an area of 400 ha. From these, only four mother trees were analyzed here because few of them set fruits, which also suffered high predation. No difference was observed between the population multilocus outcrossing rate (t mp = 0.953 ± 0.040) and the average single locus rate (t sp = 0.968 ± 0.132). The four mother trees were highly outcrossed (t m ~ 1). Two out of five loci showed departures from the Hardy-Weinberg Equilibrium (HWE) expectations, and the same results occurred with the mixed-mating model. Besides the low number of trees analyzed, the proportion of loci in HWE suggests random mating in the population. However, the pollen pool was heterogeneous among families, probably due to both the small sample number and the flowering of trees at different times of the flowering season. Reproductive phenology of the population and the results presented here suggest, at least for part of the population, a long-distance pollen movement, around 1,000 m.; Foi utilizado um modelo de cruzamento misto multilocos para analisar o sistema de cruzamento de uma população de Couratari multiflora...

História das caretas: a tradição Borda Incisa na Amazônia Central; History of the grimaces: the Incised Rim tradition in the Central Amazon

Lima, Helena Pinto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.19%
Esta pesquisa expõe contraposições teóricas e empíricas aos clássicos modelos de ocupação da Amazônia. Através de uma fusão entre base empírica e o corpus de conhecimento atualmente disponível, propõe uma história de ocupação da Amazônia central agenciada por grupos culturais integrados através de um complexo sistema sócio-político, que extrapolou fronteiras étnicas, lingüísticas e ambientais. Este sistema estaria materializado na tradição Borda Incisa e teria se desenrolado ao longo de muitos séculos, com início em torno do anno domini e se estendendo até os séculos XI e XII d.C. A esta intrincada rede macro-regional, que aqui denomino Esfera de Interações, estão ligados elementos como a padronização de um sistema de comunicação, expresso através da cultura material e das formas de usar e organizar o espaço. A cronologia apresentada neste doutoramento também oferece parâmetros para uma reavaliação do uso de conceitos arqueológicos tradicionais, como as fases e tradições. Logra-se maior flexibilização de tais categorias, uma vez que a fluidez de limites é inerente aos conjuntos artefatuais estudados. Na área de confluência dos rios Negro e Solimões, esta história é contada através do entendimento das relações entre as fases Açutuba...

A cronologia dos sítios Lago do Iranduba e Laguinho à luz das hipóteses da ocupação humana para a Amazônia Central; The chronology of Lago do Iranduba and Laguinho sites under the hypotheses of human occupation for central Amazon

Castro, Marcio Walter de Moura
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.21%
Esta dissertação descreve as atividades realizadas durante duas etapas de escavações em 2006 e 2007 nos sítios Lago do Iranduba e Laguinho, ambos localizados no município de Iranduba (AM), e apresenta os resultados e conclusões oriundas desta pesquisa. Buscou-se, desde a primeira intervenção, compreender os padrões de uso, ocupação e abandono dos sítios, além de estabelecer uma cronologia baseada em datações relativas e absolutas. As pesquisas realizadas pelo PAC (Projeto Amazônia Central) em sítios na região sugerem um ápice demográfico da ocupação humana pré-colonial na Amazônia central durante o fim do primeiro milênio DC. Confirmar esse clímax ocupacional nos sítios Lago do Iranduba e Laguinho é o principal objetivo desta pesquisa. Para testar esta hipótese, investigamos as informações contidas no material cerâmico, sobretudo diagnosticando-o em relação às fases já estabelecidas para a região. Interpretamos também as feições e montículos como correlatos materiais destas ocupações humanas. Sugerimos nesta dissertação um método de classificação das feições baseada em seu conteúdo, morfologia e volume, que gerou uma tipologia; e calculamos o volume dos grandes montículos do sítio Laguinho para discorrer sobre sua monumentalidade e criar quadros hipotéticos sobre o esforço humano envolvido em sua construção. Nesta pesquisa identificamos duas ocupações humanas no sítio Lago do Iranduba...

Diversidade de estratégias ecológicas das espécies de árvore dominantes de uma floresta de terra firme da Amazônia Central; Diversity of ecological strategies of the dominant tree species from a terra-firme forest in Central Amazonia

Vaz, Marcel Carita
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/09/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.15%
As plantas têm diversos modos de resolver problemas como a escassez de recursos, o ataque de herbívoros ou a perda de água. O modo como uma planta resolve um desses problemas pode ser considerado uma tática e o conjunto dessas táticas constitui uma estratégia ecológica. As estratégias só são possíveis porque as plantas têm uma série de atributos que têm um efeito direto no desempenho ecológico dessas plantas. Esses atributos funcionais, portanto, refletem as estratégias ecológicas das espécies. Com base nessa lógica, descrevemos as 157 espécies de árvore dominantes de uma floresta de terra firme da Amazônia Central segundo treze atributos funcionais (foliares, vegetativos e regenerativos). Nosso objetivo era descomplicar a ecologia de florestas tropicais, até então muito focada na identidade das espécies. Como essas florestas têm muitas espécies e a densidade dessas espécies é muito baixa, os padrões de composição de espécies das comunidades são muito complexos e pouco claros. Com a mudança do foco para a diversidade de estratégias, conseguimos desvendar um padrão interessante de dominância de tipos de estratégia: apesar de haver onze tipos diferentes na floresta estudada, 61% das espécies são de um só tipo. Além de ter o maior número de espécies...

Nêutrons, radiação e arqueologia: estudo de caso multianalítico de cerâmicas da tradição borda incisa na Amazônia Central; Neutrons, radiation and archaeology: a multianalytical case study of Incised Rim Tradition ceramics in Central Amazon

Hazenfratz-Marks, Roberto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/05/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.17%
Este trabalho é um estudo arqueométrico interdisciplinar envolvendo material cerâmico arqueológico da Amazônia Central, proveniente de dois sítios de grandes dimensões, Lago Grande e Osvaldo, na região de confluência dos rios Negro e Solimões. Procurou-se testar a hipótese de uma rede de trocas entre os antigos habitantes desses sítios, focando em trocas materiais e/ou tecnológicas. Essa hipótese tem implicações para teorias de ocupação da Amazônia Central pré-colonial que procuram relativizar o papel das dificuldades ambientais da floresta tropical como fator limitante para a emergência da complexidade social na região. A caracterização físico-química de fragmentos cerâmicos e argilas próximas aos sítios foi realizada por meio de: análise por ativação com nêutrons instrumental (INAA) para determinação da composição química elementar; espectroscopia de ressonância paramagnética eletrônica (EPR) para determinação da temperatura de queima; difração de raios X (XRD) para determinação da composição mineralógica; e datação de cerâmicas por luminescência opticamente estimulada (OSL). Estudos mostraram que a área dos sítios foi ocupada por culturas produtoras das fases cerâmicas Manacapuru e Paredão...

O efeito da floresta alagada na alimentação de três espécies de peixes onívoros em lagos de várzea da Amazônia Central, Brasil

Claro-Jr,Luiz; Ferreira,Efrem; Zuanon,Jansen; Araujo-Lima,Carlos
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
66.1%
As enchentes anuais dos rios na Amazônia alagam extensas áreas de floresta conhecidas como várzeas ou igapós. Estas áreas têm papel importante na vida dos peixes da região, pois são fontes de alimento e de abrigo. Acreditamos que o desmatamento destas áreas ocasiona prejuízos à ictiofauna principalmente pela diminuição da quantidade e diversidade de alimento disponível. O estudo da relação entre a quantidade de floresta e a dieta de Parauchenipterus galeatus (Auchenipteridae, Siluriformes), Mylossoma duriventre (Characidae, Characiformes)e Triportheus elongatus (Characidae, Characiformes)permitiu registrar pela primeira vez a influência direta da floresta alagada na ecologia alimentar de peixes na Amazônia Central.

Precipitação interna e interceptação da chuva em floresta de terra firme submetida à extração seletiva de madeira na Amazônia Central

Ferreira,Sávio J. Filgueiras; Luizão,Flávio J.; Dallarosa,Ricardo L. Godinho
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2005 PT
Relevância na Pesquisa
76.1%
Em uma área de floresta de terra firme na Amazônia Central submetida à extração seletiva de madeira (6-10 árvores ou 34 m³ ha-1 de madeira), foram medidas a precipitação interna e a interceptação da água da chuva num período de mais de dois anos. No primeiro ano, os dados coletados foram contínuos; no ano seguinte, as informações foram obtidas em campanhas intensivas em diferentes épocas do ano. Procurou-se quantificar as alterações produzidas pela extração seletiva na precipitação interna e na interceptação da chuva e, conseqüentemente, no ciclo hidrológico. Na floresta intocada (controle), a precipitação interna variou de 74,2 a 87,1 % e nas parcelas manejadas de 86,9 a 92,9%, verificando-se um aumento na precipitação interna após a extração seletiva de madeira. No entanto, as alterações provocadas pela extração seletiva na precipitação interna, que é a transferência de água da atmosfera para o solo após percolar o dossel da floresta, não foram estatisticamente significativas. Mas a interceptação da chuva, uma das partes do ciclo hidrológico, que retorna para a atmosfera e contribui para novas chuvas, foi significativamente alterada pela extração seletiva, provocando uma diminuição da quantidade de água retida pelo dossel.

Determinação de idade e crescimento do mapará (Hypophthalmus marginatus) na Amazônia Central

Cutrim,Leocy; Batista,Vandick da Silva
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2005 PT
Relevância na Pesquisa
66.06%
O presente trabalho visa contribuir para a conservação e manejo do mapará (Hypophthalmus marginatus), um importante recurso pesqueiro de exportação do Amazonas para o qual é necessário conhecer informações essenciais de sua dinâmica de populações. Para contribuir à esta finalidade, o presente trabalho estabeleceu como objetivo identificar o par de otólito mais adequado para leitura de anéis etários, determinar os parâmetros de crescimento do mapará (H. marginatus), Amazônia Central, Amazonas - Brasil. O trabalho foi efetuado através da análise de otólitos coletados no período de dezembro de 1996 á agosto de 1997. Os otólitos escolhidos foram os asteriscus, sendo a leitura efetuada em lupa estereoscópica com monitor acoplado. As marcas de crescimento foram validadas por meio da análise do incremento marginal relativo, sendo encontrado dois anéis/ano. Os valores estimados para os parâmetros no período foram L¥ = 52,63 cm; k = 0,555 ano; to = -0,029 e M = 0,552. O ciclo hidrológico e comportamento reprodutivo estão relacionados com a marcação de anéis etários.

Nutrientes na solução do solo em floresta de terra firme na Amazônia Central submetida à extração seletiva de madeira

Ferreira,Sávio J. Filgueiras; Luizão,Flávio J.; Miranda,Sebastião Átila F.; Silva,Maria do Socorro R. da; Vital,Ana Rosa Tundis
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
76.16%
Os solos de terra firme da Amazônia Central, na sua maioria, são ácidos, pobres em nutrientes e a manutenção da floresta sobre esses solos é garantida pela ciclagem de nutrientes, praticamente fechada. A substituição de floresta por pastagens ou outras atividades agrícolas leva à diminuição de nutrientes do compartimento biomassa, podendo comprometer os processos de ciclagem no solo, pois plantas absorvem nutrientes que presentes na solução do solo. Para entender o efeito de retirada de árvores, foi realizado um estudo em uma área de floresta de terra firme na Amazônia Central submetida à extração seletiva de madeira (6-10 árvores, ou 34 m³ ha-1 de madeira) localizada 80 km ao norte de Manaus, foram determinados os teores NO3-, NH4+, K+, Ca2+, Mg2+ e Na+ na solução do solo na camada de 0-30 cm. O experimento constou de três blocos, cada um contendo uma parcela controle e uma que sofreu o corte seletivo de árvores, todos sobre um Latossolo Amarelo álico de textura muito argilosa. As medidas foram realizadas durante 13 meses, em cinco tratamentos em cada bloco: controle (floresta intacta), centro de clareira, borda de clareira, borda da floresta remanescente e floresta remanescente. Os teores de potássio, cálcio...

Estudo da variabilidade da cobertura de nuvens altas na Amazônia Central

Alves,Maria Aparecida Senaubar; Machado,Luiz Augusto Toledo; Prasad,Gannabathula Sri Sesha Durga
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
76.1%
Foram estudados os fenômenos meteorológicos que ocorrem na Amazônia Central (Manaus) utilizando-se um conjunto de imagens de satélites, com o objetivo de identificar as oscilações que mais contribuem para a variabilidade da cobertura de nuvens, e verificar se há modificações nestas oscilações em anos de El Niño e La Niña. O ciclo anual e o ciclo semi-anual são os principais responsáveis pela variabilidade da cobertura de nuvens altas na região. As oscilações interanuais associadas aos fenômenos El Niño/La Niña também contribuem fortemente para a variabilidade total da cobertura de nuvens altas. As oscilações intra-sazonais e interdiurnas apresentam uma variabilidade menor. Estendendo-se a análise para uma região compreendida de 1,5ºS a 6ºS e 68ºW a 54ºW, centrados em Manaus, observa-se que os períodos de 60, 45 e 30 dias possuem maior porcentagem de potência a leste de Manaus; o período de 20 dias possui maior porcentagem de potência no centro (próximo de Manaus); e os períodos de 8, 6 e 4 dias possuem maior porcentagem de potência a oeste de Manaus. As frentes frias que alcançam a janela de 10º de longitude e 2,5º de latitude centrada em Manaus, modulam de alguma forma a atividade convectiva na região de Manaus atuando como uma forçante das oscilações interdiurnas (47% dos casos)...

Germinação de sementes de Bothriospora corymbosa (Rubiaceae) recuperadas do trato digestório de Triportheus angulatus (sardinha) no Lago Camaleão, Amazônia Central

Maia,Lúcia Alencar; Santos,Leocinira M. dos; Parolin,Pia
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.1%
Na Amazônia as áreas inundáveis são cobertas por florestas com alta diversidade de espécies arbóreas que proporcionam a ictiofauna frutos e sementes indispensáveis a sua alimentação. Alguns estudos de alimentação têm mostrado que a estrutura tegumentar de sementes encontradas no trato digestório de peixes, se apresentavam intactas. Assim, este estudo teve como objetivo verificar se Triportheus angulatus (Spix & Agassiz, 1829) pode ser um agente dispersor de Bothriospora corymbosa (Bth) Hook. f. (Rubiaceae). A pesquisa foi desenvolvida no lago Camaleão, Ilha da Marchantaria, Manaus. Após a captura os peixes foram levados ao laboratório de campo, para a remoção do conteúdo do trato digestório, de onde foram retiradas 200 sementes para o experimento. As sementes do controle foram retiradas de frutos maduros. A germinação e emissão da radícula foram controladas diariamente. Neste estudo verificou-se que a principal fonte de alimento de T. angulatus foram frutos e sementes de espécies da várzea. O desempenho germinativo das sementes de B. corymbosa após a passagem pelo trato digestório de T. angulatus foi de 88,5% e do controle 95%. Os Índices de Velocidade de Germinação (IVG) das sementes do trato digestório e do controle apresentaram diferenças significativas...

Mineralização do nitrogênio incorporado como material vegetal em três solos da Amazônia Central

Alfaia,S.S.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/1997 PT
Relevância na Pesquisa
66.12%
A mineralização do N proveniente do resíduo de feijão-caupi marcado com 15N foi estudada em condições de laboratório de setembro a dezembro de 1992. O material vegetal foi incorporado em amostras dos três principais solos da Amazônia Central: dois de terra firme, classificados como latossolo amarelo e podzólico vermelho-amarelo, e um de várzea, classificado como glei pouco húmico (GP). As variações nos teores e na forma de N mineral provenientes do resíduo de caupi foram relacionadas com as características químicas dos solos estudados. No latossolo e no podzólico, a incorporação do resíduo de caupi aumentou significativamente a mineralização do N, sendo a forma amoniacal predominante, enquanto, no GP, a forma nítrica preponderou. Nos solos de terra firme, a incorporação do resíduo de caupi aumentou a mineralização do N orgânico do solo, indicando a ocorrência do efeito "priming". Após 60 dias de incubação, cerca de 30 (podzólico) a 40% (latossolo) do N proveniente do caupi foi mineralizado nos solos de terra firme, enquanto no de várzea somente 18% foi mineralizado nesse período. Tais resultados mostram o potencial que essa leguminosa apresenta como fornecedora de N para as plantas nos solos de terra firme da Amazônia Central.

A mapoteca digital de mapas pedológicos da Amazônia Brasileira na base de dados SOLOAMA.

SILVA, A. C. da; TEIXEIRA, W. G.
Fonte: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA AMAZÔNIA OCIDENTAL, 3., 2007, Manaus. Anais... Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008. p. 223-229. (Embrapa Amazônia Ocidental. Documentos, 57). Publicador: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA AMAZÔNIA OCIDENTAL, 3., 2007, Manaus. Anais... Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008. p. 223-229. (Embrapa Amazônia Ocidental. Documentos, 57).
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.12%
Este trabalho teve como objetivo reunir e organizar dados existentes sobre os solos da Amazônia Central numa base de dados e disponibilizá-los na internet.; 2008

Integrando esforços para o desenvolvimento da Amazônia.

SEMINÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO NA EMBRAPA AMAZÔNIA OCIDENTAL, 2008, Manaus.
Fonte: Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008. Publicador: Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008.
Tipo: Outras publicações científicas (ALICE) Formato: 124 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.2%
Ecotoxicologia. Avaliação dos Efeitos Causados ao Solo pela Presença de hidrocarbonetos de petróleo. Toxicidade Aguda e Rejeiçao do Fungicida Oxicloreto de Cobre para Eisenia fetida e Pontoscolex corethrurus (Oligochaeta). Fitotecnia. Comportamento e Controle do Tripes do Guaranazeiro, Liothrips adisi (Thysanoptera: Phlaeothripidae). Germinação de Sementes do Gênero Elaeis sp. sob Diferentes Substratos em Luz e Escuro. Incidência e Controle de Fungos em Sementes de Dendezeiro (Elaeis guineensis Jacq.) com Diferentes Fungicidas. Influência de Espaçamentos e Épocas de Corte na Produção de Biomassa e Teor de Óleo Essencial de Pimenta-de-Macaco (Piper aduncum L.), nas Condições de Manaus - AM. Sistema de Produção de Tomate em Substrato para Agricultura Familiar na Região Metropolitana de Manaus. Melhoramento. Repetibilidade da Produção de Cachos, Anomalias Florais e Germinação de Pólen de Híbridos Interespecíficos entre o Caiaué e o Dendezeiro. Sistema Reprodutivo do Tucumã-do-Amazonas (Astrocaryum aculeatum, Meyer).Piscicultura. Avaliação da Potencialidade do Uso do Alho e do Cipó-Alho no Cultivo do Tambaqui. Comparação da Sensibilidade de Metil paration entre Peixes da Amazônia e Espécies da Região Temperada. Transporte de Juvenis de Matrinxã (Brycon Amazonicus): Uso da Zeolita e do Eugenol para Minimizar o Estresse. Solos. Caracterização Morfológica de Alguns Perfis na Província Petrolífera de Urucu...

Agrupamento ecológico e funcional de espécies florestais da Amazônia Central.

LIRA, L. P. de; AZEVEDO, C. P. de
Fonte: In: Anais/encarte técnico-científico do workshop sobre gestão da conservação florestal e ambiental na Amazônia. Manaus: Ed. Aufiero, 2012. Publicador: In: Anais/encarte técnico-científico do workshop sobre gestão da conservação florestal e ambiental na Amazônia. Manaus: Ed. Aufiero, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: p. 33-36.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
76.1%
Esta pesquisa teve como objetivos estudar a dinâmica de crescimento da floresta para agrupamentos ecológicos de espécies e comprovar a eficiência de métodos de análises estatísticas multivariadas na formatação dos grupos, com base para modelagem do crescimento e produção de espécies da Amazônia Central.; 2012

Fluxos de carbono orgânico e de nutrientes em solos Antrópicos e Adjacentes sob floresta secundária na Amazônia Central.

OBLITAS, E. M.; LUIZÃO, F. J.; TEIXEIRA, W. G.
Fonte: In: SEMINÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO NA EMBRAPA AMAZÔNIA OCIDENTAL, 2008, Manaus. Integrando esforços para o desenvolvimento da Amazônia. Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008. p. 90-94. Publicador: In: SEMINÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO NA EMBRAPA AMAZÔNIA OCIDENTAL, 2008, Manaus. Integrando esforços para o desenvolvimento da Amazônia. Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008. p. 90-94.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
76.16%
Com o objetivo de estimar os fluxos de carbono orgânico e nutrientes em perfis de solos antrópicos e solos adjacentes sob floresta secundária na Amazônia Central, o presente estudo procura identificar os solos que retêm mais carbono orgânico e nutrientes.; 2008

Caracterização pedológica de solos com horizonte antrópico (Terra Preta de Índio) em área de várzea do Rio Solimões Amazônia Central.

MACEDO, R. S.; TEIXEIRA, W. G.; LIMA, H. N.; MARTINS, G. C.; CRUZ, M. R. G. da; ENCINAS, O. C.
Fonte: In: SEMINÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO NA EMBRAPA AMAZÔNIA OCIDENTAL, 2008, Manaus. Integrando esforços para o desenvolvimento da Amazônia. Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008. p. 80-84. Publicador: In: SEMINÁRIO DE PÓS-GRADUAÇÃO NA EMBRAPA AMAZÔNIA OCIDENTAL, 2008, Manaus. Integrando esforços para o desenvolvimento da Amazônia. Manaus: Embrapa Amazônia Ocidental, 2008. p. 80-84.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.12%
O objetivo deste trabalho é classificar e caracterizar a morfologia e as propriedades físicas e químicas de três perfis com horizonte antrópico, por meio do SiBCS e da LCA, em área de várzea do rio Solimões - Amazônia Central.; 2008

Aspectos florísticos, fitossociológicos e ecológicos de um sub-bosque de terra firme na Amazônia Central, Amazonas, Brasil

Oliveira,Arlem Nascimento de; Amaral,Iêda Leão do
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2005 PT
Relevância na Pesquisa
76.1%
Os ecossistemas amazônicos caracterizam-se pela alta diversidade de espécies. Foram realizadas as análises florísticas e fitossociológicas de 0,05 ha de um sub-bosque na Amazônia Central (60º12'40" W e 2º35'45" S), adotando-se o critério de distribuição em classes de altura: C1 (altura < 0,5 m), C2 (0,5 < altura < 1,5 m), C3 (1,5 < altura < 3,0 m) e C4 (altura > 3 m e CAP < 0,3 m). Foram levantados 2.434 indivíduos, pertencentes a 67 famílias, 163 gêneros e 355 espécies. Fabaceae (27), Mimosaceae (22), Lauraceae (21), Caesalpiniaceae e Rubiaceae (18) constituem as cinco famílias mais ricas em espécies. Quanto ao número de indivíduos, as famílias Marantaceae (209), Chrysobalanaceae (198), Mimosaceae (191), Burseraceae (175), Annonaceae (172) e Arecaceae (137) foram as mais representativas. No que tange às categorias de altura, os dados mostraram maior número de indivíduos, diversidade e grau de similaridade florística entre as classes 1 e 2. Licania caudata Prance, Duguetia flagellaris Huber, Monotagma tuberosum Hagberg, Protium apiculatum Swart e Pariana cf. campestris Aubl. foram as espécies de maior participação nos parâmetros verticais da regeneração natural e posição sociológica. O padrão agregado de distribuição espacial foi o predominante para as 30 espécies de maior participação na estrutura vertical da fitocenose.

Aspectos florísticos e ecológicos de grandes lianas em três ambientes florestais de terra firme na Amazônia Central

Oliveira,Arlem Nascimento de; Amaral,Iêda Leão do; Ramos,Michele Braule Pinto; Formiga,Kianny Martins
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 PT
Relevância na Pesquisa
76.1%
As lianas, ou trepadeiras lenhosas são importantes componentes estruturais de muitos ambientes florestais. O estudo objetivou investigar os aspectos florísticos e ecológicos de grandes lianas em três ambientes florestais de terra firme na Amazônia Central (2º35' S e 60º12' W). Para o levantamento florístico, foram alocadas 20 parcelas de 50 x 10 m em cada um dos ambientes florestais (platô, vertente e baixio), nas quais foram mensurados todos os espécimes lianescentes com diâmetro à altura do peito (DAP) > 10 cm. Na floresta de platô foram inventariados 17 indivíduos, pertencentes a nove famílias, dez gêneros e treze espécies. Fabaceae e Combretaceae foram as famílias com maior número de espécies, representando juntas mais de 46% do total amostrado. As espécies com os maiores Índices de Valor de Importância (IVI) foram Doliocarpus brevipedicellatus Garcke (IVI = 55,2) e Abuta candollei Triana & Planch. (IVI = 33,3). Um total de doze espécimes, compreendendo quatro famílias, quatro gêneros e oito espécies foram registrados na floresta de vertente. Nesse ambiente florestal, Caesalpiniaceae foi a família mais rica, representando cerca de 38% das espécies identificadas. Abuta rufescens Aubl. (IVI = 68,8) e Bauhinia alata Ducke (IVI = 49...

Florística e fitossociologia de uma floresta de vertente na Amazônia Central, Amazonas, Brasil

Oliveira,Arlem Nascimento de; Amaral,Iêda Leão do
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
76.1%
O estudo florístico e fitossociológico de árvores, palmeiras e lianas com diâmetro à altura do peito (DAP) >10 cm, em uma floresta de vertente na Amazônia Central (2º35'45" S e 60º12'40" W), foi realizado empregando-se 20 parcelas de 50 x 10 m, distribuídas em dois transectos paralelos de 500 x 10 m. Foram registrados 771 indivíduos, pertencentes a 50 famílias, 120 gêneros e 239 espécies. Das espécies amostradas, 44% são "localmente raras". Sapotaceae, Lecythidaceae, Fabaceae, Caesalpiniaceae e Chrysobalanaceae constituíram as cinco famílias com maior riqueza de espécies e número de indivíduos. Dos 771 indivíduos amostrados, mais de 65% apresentaram DAP > 20 cm. As espécies Eschweilera bracteosa e Protium apiculatum apresentaram os maiores valores de IVI. Cerca de 83% das espécies encontram-se distribuídas aleatoriamente no hectare amostrado. O índice de diversidade Shannon-Wiener foi de 5,01 nats.indivíduo-1, com uniformidade de 0,91, valores altos no contexto de levantamentos semelhantes na região. A heterogeneidade edáfica e topográfica da área, as taxas de recrutamento de novos indivíduos e de espécies "localmente raras" à comunidade local, podem ter contribuído para as altas dissimilaridade (36...