Página 1 dos resultados de 137 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Perfil epidemiológico dos acidentes de trabalho nos enfermeiros de uma unidade hospitalar do norte do país.

Martins, Matilde; Correia, Teresa
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
36.5%
Os profissionais de Enfermagem, por inerência da profissão que desempenham, constituem um grupo de risco para os acidentes de trabalho. As actividades que desenvolvem requerem grande proximidade física com o paciente, manipulação de materiais perfurocortantes, de fluidos corporais, num ambiente de dor e sofrimento lidando frequentemente com a morte. Assim, os Enfermeiros ficam expostos a vários factores de risco: físicos, químicos, mecânicos, biológicos, ergonómicos e psicossociais, que podem comprometer a sua saúde e facilitar a ocorrência de acidentes de trabalho.Descrever o perfil epidemiológico dos acidentes de trabalho nos profissionais de enfermagem de uma unidade hospitalar do norte do país entre 2007-2009. Analisar a associação entre de acidentes de trabalho e absentismo laboral. Contribuir para a educação em saúde ocupacional nos enfermeiros.Estudo epidemiológico transversal retrospectivo, referente ao período de 1 de Janeiro de 2007 a 31 de Dezembro de 2009. Definiram-se como critérios de inclusão, ser enfermeiro e ter acidente de trabalho notificado. A informação foi obtida recorrendo ao registo de notificação dos acidentes de trabalho da DRHS e à ficha de registo no Serviço de Urgência. A recolha de dados foi realizada após autorização do Conselho de Administração durante o mês de Janeiro de 2011...

Caraterização dos acidentes de trabalho nos hospitais do distrito de Bragança entre 2000 e 2010

Martins, Matilde; Barbiéri, Maria do Céu; Correia, Teresa
Fonte: Escola Superior de Saúde , Instituto Politécnico de Bragança Publicador: Escola Superior de Saúde , Instituto Politécnico de Bragança
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
36.5%
O tipo de atividade profissional e as condições em que é desempenhada constituem dois factores determinantes de risco para a Saúde Ocupacional. O ambiente hospitalar é caraterizado pelo elevado número de riscos desde os físicos, os químicos, os biológicos aos psicossociais, que se potenciam afetando a saúde dos trabalhadores, tanto da prestação de cuidados diretos ao utente como os de serviços de apoio à prestação de cuidados, expondo-os a condições favoráveis à ocorrência de acidentes de trabalho. As últimas estatísticas do DRHS sobre acidentes de trabalho nas instituições de saúde, apontam para um aumento da incidência de acidentes, e consequentemente para o aumento do absentismo laboral e dos encargos que lhe são inerentes. Caraterizar os acidentes de trabalho nas unidades hospitalares do distrito de Bragança entre 2000 e 2010, descrever o perfil epidemiológico do acidentado e identificar as causas e consequências dos acidentes de trabalho. Estudo epidemiológico transversal retrospetivo referente ao período de 1 de Janeiro de 2000 e 31 de Dezembro de 2010. A informação foi obtida através do inquérito anónimo de notificação dos acidentes, referente a 453 trabalhadores. A recolha de dados foi realizada por uma das investigadoras após autorização do Conselho de Administração durante o mês de Janeiro de 2011 nos dias úteis entre as 9:00 e as 17:00 horas no serviço saúde ocupacional. No período do estudo foram notificados 453 acidentes. Em 2006 foi o ano onde se verificou maior notificação (17...

Caraterização dos acidentes de trabalho nos hospitais do distrito de Bragança entre 2000 e 2010

Martins, Matilde; Barbiéri, Maria do Céu; Correia, Teresa
Fonte: Escola Superior de Saúde , Instituto Politécnio de Bragança Publicador: Escola Superior de Saúde , Instituto Politécnio de Bragança
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
36.5%
O tipo de atividade profissional e as condições em que é desempenhada constituem dois factores determinantes de risco para a Saúde Ocupacional. O ambiente hospitalar é caraterizado pelo elevado número de riscos desde os físicos, os químicos, os biológicos aos psicossociais, que se potenciam afetando a saúde dos trabalhadores, tanto da prestação de cuidados diretos ao utente como os de serviços de apoio à prestação de cuidados, expondo-os a condições favoráveis à ocorrência de acidentes de trabalho. As últimas estatísticas do DRHS sobre acidentes de trabalho nas instituições de saúde, apontam para um aumento da incidência de acidentes, e consequentemente para o aumento do absentismo laboral e dos encargos que lhe são inerentes. Caraterizar os acidentes de trabalho nas unidades hospitalares do distrito de Bragança entre 2000 e 2010, descrever o perfil epidemiológico do acidentado e identificar as causas e consequências dos acidentes de trabalho. Estudo epidemiológico transversal retrospetivo referente ao período de 1 de Janeiro de 2000 e 31 de Dezembro de 2010. A informação foi obtida através do inquérito anónimo de notificação dos acidentes, referente a 453 trabalhadores. A recolha de dados foi realizada por uma das investigadoras após autorização do Conselho de Administração durante o mês de Janeiro de 2011 nos dias úteis entre as 9:00 e as 17:00 horas no serviço saúde ocupacional. No período do estudo foram notificados 453 acidentes. Em 2006 foi o ano onde se verificou maior notificação (17...

Frequência de acidentes de trabalho nos serviços de urgência dos Hospitais Portugueses entre 2000 e 2010

Martins, Matilde; Barbiéri, Maria do Céu; Correia, Teresa
Fonte: Sociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais (SPOSHO) Publicador: Sociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais (SPOSHO)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
ENG
Relevância na Pesquisa
36.54%
O ambiente de trabalho hospitalar é caraterizado por agregar um conjunto de fatores de risco, que vão desde os físicos, aos químicos, aos biológicos e aos psicossociais, que expõem os seus trabalhadores a riscos acrescidos para a sua saúde, facilitando a ocorrência de acidentes de trabalho. Uva (2007); Martins, Silva e Correia (2012). Nos serviços de urgência/emergência, estes fatores são agravados. Os serviços de urgência/emergência são caracterizados por atenderem vítimas de doença súbita ou trauma em situação muitas vezes de risco de vida, que exige uma atuação rápida e recurso a tecnologia de ponta, favorecendo ou intensificando os riscos de acidentes de trabalho nestes profissionais. Os estudos nacionais e internacionais evidenciam o serviço de urgência como o segundo local com maior notificação de acidentes de trabalho. Ruiz, Barbosa e Zaida (2004); ACSS (2009); Martins, Silva e Correia (2012) Consideramos assim imperioso conhecer as condições em que ocorrem os acidentes de trabalho nestes serviços, as circunstâncias que os determinam e os influenciam, para deste modo produzir evidências que permitam, com segurança, intervir nas diferentes variáveis promovendo a saúde e prevenindo a doença nestes locais. Este estudo teve como objetivo analisar a notificação de acidentes de trabalho nos serviços de urgência de cinco unidades hospitalares portuguesas entre 2000 e 2010. Estudo epidemiológico transversal retrospetivo...

Caraterização dos acidentes de trabalho nos hospitais do distrito de Bragança entre 2000 e 2010

Martins, Matilde; Barbiéri, Maria do Céu; Correia, Teresa
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança. Escola Superior de Saúde Publicador: Instituto Politécnico de Bragança. Escola Superior de Saúde
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
36.48%
O ambiente hospitalar é caraterizado pelo elevado número de riscos desde os físicos, os químicos, os biológicos aos psicossociais, que afetam a saúde dos trabalhadores, tanto da prestação de cuidados diretos ao utente como os de serviços de apoio, expondo-os a condições favoráveis à ocorrência de acidentes de trabalho. Objetivos: Caraterizar os acidentes de trabalho nas unidades hospitalares do distrito de Bragança entre 2000 e 2010, descrever o perfil epidemiológico do acidentado e identificar as causas e consequências dos acidentes de trabalho. Material e Métodos: Estudo epidemiológico transversal retrospetivo referente ao período de 1 de janeiro de 2000 e 31 de dezembro de 2010. A informação foi obtida através do inquérito anónimo de notificação dos acidentes, referente a 453 trabalhadores. A recolha de dados foi realizada por uma das investigadoras após autorização do Conselho de Administração durante o mês de janeiro de 2011 nos dias úteis entre as 9:00 e as 17:00 horas no serviço saúde ocupacional. Resultados: A maior prevalência verificou-se no género feminino (83,7%), no grupo profissional dos Técnicos Superiores de Saúde (61,0%), na faixa etária 40-99 anos (33,9%) e com habilitações literárias licenciatura (59...

VANTS para sensoriamento remoto: aplicabilidade na avaliação e monitoramento de impactos ambientais causados por acidentes com cargas perigosas.; UAV for remoto sensing: applicability in assessment and monitoring of environmental impacts caused by accidents involving hazardous cargo.

Longhitano, George Alfredo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.55%
A maior parte de desastres químicos no estado de São Paulo é gerada por acidentes com transporte rodoviário de cargas perigosas (cerca de 40%). A coleta de informações ambientais das áreas atingidas depende de vistoria emergencial que muitas vezes traz riscos e dificuldades às equipes de atendimento envolvidas. O objetivo principal da pesquisa foi verificar a aplicabilidade de sensoriamento remoto por VANTs para auxílio na avaliação e monitoramento de impactos ambientais causados por acidentes envolvendo transportes de cargas perigosas em rodovias. Para isso, foram caracterizados os principais projetos de sensoriamento remoto por VANTs existentes e em desenvolvimento e identificadas evoluções e tendências de aplicações, em especial, civis, com maior detalhamento dos projetos brasileiros. Identificaram-se os benefícios que a tecnologia pode oferecer para a aplicação desejada. Definiu-se a parametrização técnica de VANTs mais adequados para viabilizar a aplicação em análise. Foi indicado um VANT da classe Mini ou Close Range. Foram identificados os cenários ambientais possíveis em situações emergenciais pós acidentes com transporte rodoviário de cargas perigosas. A partir das informações levantadas, estudou-se a viabilidade técnica...

Responsabilidade civil pelos danos ambientais ocasionados por acidentes durante o transporte rodoviário de produtos químicos perigosos; Civil responsibility for environmental damage caused by accidents during the transport of hazardous chemicals

Agnes, Patrícia Stein
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.7%
O transporte de produtos químicos perigosos envolve grande risco de danos ambientais, por estar exposto a inúmeros fatores internos e externos. A responsabilidade civil ambiental é a forma de reparar os prejuízos patrimoniais e extrapatrimoniais ocasionados pelos acidentes ocorridos neste ramo de atividade. Para tanto, fez-se necessário verificar a existência de limites para aplicação deste instituto, bem como a determinação de quem são os responsáveis pelas reparações eventualmente necessárias. Entendemos que a responsabilização solidária deve envolver todos os que lucram com a atividade. Nesse sentido, correta a aplicação da responsabilidade civil objetiva de todos os envolvidos na relação comercial. Também será solidariamente responsabilizado o Estado, mas não de forma integral, pelos danos ambientais provocados por terceiros, por ter o dever fiscalizar e impedir que tais danos aconteçam. Quanto aos compradores, vendedores e transportadores de produtos químicos perigosos, não existe o mesmo entendimento pacífico quanto à aplicação ou não da Teoria do Risco Integral em casos de acidentes, embora haja uma tendência maior de aplicação deste instituto, tanto na jurisprudência quanto na doutrina consultada.; The dangerous chemical transportation involves a great risk of environmental damage...

Acidentes quimicos : um estudo descritivo do periodo de 1990 a 2000 no Estado de São Paulo

Lygia Maria Mariano Quaglio Gregorio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/02/2004 PT
Relevância na Pesquisa
56.73%
Trata-se de um estudo descritivo dos acidentes no processo de produção e transporte de produtos químicos, ocorridos no Estado de São Paulo, no período de 1990 a 2000. A amplitude dos acidentes químicos é demonstrada através da descrição de alguns acidentes de grande repercussão, situando o estudo no contexto nacional e internacional quanto aos seus impactos sobre a saúde humana, a análise de riscos, a prevenção e as ações mitigadoras. Ademais, são considerados na análise dos acidentes a fonte geradora, o local da ocorrência e o produto envolvido. Foram utilizados dados fornecidos pela Divisão de Operações de Emergência da Companhia Estadual de Tecnologia e Engenharia em Saneamento Básico-Cetesb. Foram analisados 1.685 registros de ocorrências, envolvendo produtos químicos no processo de produção e transporte. A análise dos dados constata que no processo de produção ocorreram 12,6% dos casos e que 87,4% ocorreram nas atividades de transporte, sendo que 69,7%, no transporte rodoviário. Os produtos mais freqüentemente envolvidos foram os líquidos inflamáveis (classe 3) com 40%, os corrosivos (classe 8) com 20% e os gases (classe 2) com 16,4%; A descriptive study was conducted to analyze accidents during the production and transportation of chemical substances that occurred in the State of São Paulo from 1990 to 2000. The chemical accidents magnitude is demonstrated in descriptions of few accidents of great repercussions to place the study in the national and international context regarding their impact on human health...

Contribuição metodológica para a padronização, coleta e registro de dados em acidentes no transporte rodoviário de produtos perigosos

Oliveira, Marcos de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 1 v| il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
36.45%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil; Esta dissertação é direcionada ao estudo do transporte rodoviário de produtos perigosos, mais especificamente à coleta de dados relativos aos acidentes rodoviários envolvendo tais produtos. Através de uma pesquisa bibliográfica e descritiva e, da análise de dados estatísticos e entrevistas, foram estudados os acidentes com produtos perigosos no modal rodoviário, bem como as condições da infra-estrutura da malha rodoviária de Santa Catarina, o crescimento das indústrias químicas, a rotina das comunicações nos acidentes e a forma de atuação dos organismos de segurança e saúde pública, de forma a identificar a participação destes segmentos na resposta e coleta de dados durante acidentes rodoviários com produtos perigosos. Destacam-se no estudo a falta de condutas operacionais padronizadas, deficiências de treinamento, a dificuldade de acesso a pesquisas atualizadas sobre o assunto e uma maior cooperação entre os diversos organismos de resposta e os centros universitários para o estudo mais aprofundado desta atividade de controle ambiental. Ao final do trabalho propõe-se uma metodologia para padronizar e uniformizar a coleta e o registro dos dados relativos aos acidentes envolvendo o transporte rodoviário de produtos perigosos...

Acidentes do trabalho com substâncias químicas entre os trabalhadores de enfermagem

Costa,Taiza Florêncio; Felli,Vanda Elisa Andres
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36.41%
O presente estudo teve por objetivo analisar os acidentes de trabalho com substâncias químicas ocorridos com trabalhadores de enfermagem. A instituição campo de estudo foi o Hospital Universitário da Universidade de São Paulo - HU-USP. Para a coleta de dados, foi usado um formulário para levantamento dos acidentes no período de 1992 a 2001. A análise dos dados mostrou que os acidentes notificados no HU-USP são apresentados de forma a não se questionar com maior profundidade a exposição ocupacional às substâncias químicas, visto que o ambiente hospitalar abriga centenas de substâncias químicas causadoras de acidentes. Embora as notificações sejam escassas em número, são ricas em conteúdo para análise fato este que contribui para subsidiar valiosas e viáveis propostas de prevenção.

Acidentes químicos ampliados: um desafio para a saúde pública

Freitas,Carlos M. de; Porte,Marcelo F. de S.; Gomez,Carlos M.
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/1995 PT
Relevância na Pesquisa
56.7%
Os acidentes envolvendo substâncias perigosas nas atividades de transporte, armazenamento e produção industrial de produtos químicos constituem um sério risco à saúde e ao meio ambiente. Objetiva-se discutir, no âmbito da saúde pública, alguns dos desafios que esses tipos de acidentes colocam, principalmente para os países de economia periférica. Através da combinação de informações quantitativas e qualitativas, foram definidos e caracterizados esses tipos de acidentes e seus diversos riscos. Esses acidentes têm se apresentado com a maior gravidade nos países de economia periférica, embora a maioria deles venha ocorrendo sem o adequado registro de informações básicas para a avaliação e vigilância, como é demonstrado no caso do Rio de Janeiro (Brasil). Além da tarefa de se avaliar as conseqüências de eventos, por vezes extremamente complexos, coloca-se também, a de formular estratégias de controle e prevenção em realidades sociais que configuram um terreno fértil para a ocorrência e agravamento dos mesmos.

Influências das condições e organização do trabalho de uma indústria de transformação de cana-de-açúcar na ocorrência de acidentes de trabalho

Rumin,Cassiano Ricardo; Schmidt,Maria Luiza Gava
Fonte: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública. Publicador: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.41%
Este estudo discute a relação entre as condições e a organização do trabalho como elementos que contribuem para a ocorrência de acidentes do trabalho. Os dados foram coletados em uma indústria produtora de açúcar, álcool e derivados, situada no Estado de São Paulo. Para a coleta dos dados utilizamos a observação direta do trabalho e realizamos entrevistas semidirigidas individuais como 22 trabalhadores do setor de produção de açúcar. A produção de açúcar foi indicada pela Equipe de Segurança e Higiene no Trabalho como o setor em que havia a maior ocorrência de acidentes. Por destacar o papel que a relação homem-trabalho desempenha na saúde física e psíquica dos trabalhadores, utilizamos a Psicodinâmica do Trabalho (Dejours, 1994) como referencial teórico para a análise dos dados obtidos nas entrevistas. A análise das entrevistas envolveu três aspectos: condições e organização do trabalho e insatisfação. Os resultados revelaram que o ambiente estudado apresenta fatores físicos, químicos e biológicos desfavoráveis à saúde dos trabalhadores. Quanto à organização do trabalho, os dados revelaram que a divisão do trabalho bem como o conteúdo das tarefas determinavam sobrecarga aos trabalhadores. O relato sobre a insatisfação envolveu: ausência de perspectiva para progressão profissional...

Metodologia para o gerenciamento de situações emergenciais

Vanessa Albuquerque de Melo, Cássia; Cavalcanti de Lemos Duarte, Dayse (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.45%
O histórico dos acidentes químicos ocorridos no mundo não deixa dúvidas que as características intrínsecas da própria atividade industrial podem provocar sérias conseqüências às pessoas, à própria propriedade e ao meio ambiente, cujas responsabilidades estão inseridas na gestão empresarial. Após os acidentes ocorridos na década de 70 e início da década de 80, uma série de diplomas legais foram promulgados, sendo muitas vezes conflitantes tanto a nível nacional como internacional, ocasionando múltiplos esforços para o atendimento. Desta forma, desenvolveu-se uma metodologia tendo por base o ciclo completo do planejamento de emergência: prevenção, planejamento, resposta e recuperação, onde as primeiras etapas possuem caráter preventivo e antecipatório e as duas últimas são de caráter reativo, mas minimizadora, uma vez que todo o planejamento é efetuado previamente ao potencial de acidente. Sendo assim, a implantação de um plano de emergência em uma empresa proporciona ganhos intangíveis não só em relação à imagem junto aos clientes, parceiros, governo e a comunidade, mas também em um fortalecimento da marca com ausência de multas, penalidades, licenças para operação cujos benefícios estão internalizados na manutenção da reputação e redução dos riscos. É fundamental que a Empresa incorpore o sistema do planejamento de ação emergencial nas rotinas de trabalhos...

A importância da certificação SASSMQ no transporte rodoviário de produtos químicos: estudo de caso: região sul de Santa Catarina

Sorato, Rogério
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Monografia de Curso de Pós-graduação Lato Sensu
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.44%
Monografia apresentada ao Setor de Pós-graduação da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC, para a obtenção do título de especialista em Engenharia de Segurança do Trabalho.; Este trabalho tem como tema a importância da certificação SASSMAQ no Transporte Rodoviário de Produtos Químicos. Este modal de transporte tem crescido juntamente com o setor químico, trazendo alarmantes preocupações com respeito à segurança dos trabalhadores e meio ambiente, justificando várias pesquisas e ações de órgãos na redução dos riscos envolvidos. A certificação tem propósitos de promover melhoria contínua nas questões de Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Qualidade nas operações de transporte. O objetivo principal desta pesquisa foi avaliar a importância da certificação SASSMAQ nas operações de logística, transporte e distribuição de produtos químicos perigosos e não perigosos em empresas certificadas no sul de Santa Catarina. A proposta metodológica para tal finalidade consistiu em entrevistar todas as empresas certificadas na região sul do estado de Santa Catarina, aplicando um questionário para a obtenção de várias informações. Uma consulta a alguns órgãos governamentais foi realizada para a obtenção de dados estatísticos de acidentes com produtos perigosos no estado. Os resultados mostram que as principais dificuldades encontradas pelas empresas estão relacionadas com a participação dos colaboradores e nas correções das inconformidades. Um ponto importante visto no estudo foi a observação do aumento da segurança e diminuição dos riscos. A certificação é um diferencial importante...

RISCOS FÍSICOS E QUÍMICOS EM LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS DE UMA UNIVERSIDADE; PHYSICAL AND CHEMICAL RISKS IN A CLINICAL ANALYSIS LABORATORY FROM A UNIVERSITY

Vieira, Rosimara G. L.; Santos, Branca M. de O.; Martins, Carlos H. G.
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/12/2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.54%
Modelo do estudo: exploratório, do tipo estudo de caso. Objetivos: identificar os riscos físicos e químicos a que estão expostos os trabalhadores do Laboratório de Análises Clínicas de uma Universidade; investigar a ocorrência, os tipos e as causas de possíveis acidentes e avaliar o grau de conhecimento e o uso de medidas de proteção pelos mesmos. Metodologia: os dados foram obtidos junto aos oito trabalhadores do laboratório, através de questionário respondido pelos próprios participantes, após orientações prévias acerca da caracterização dos riscos físicos e químicos preconizados pelo Ministério do Trabalho. Resultados: os resultados demonstraram que, apesar de os trabalhadores considerarem que estavam expostos aos referidos riscos, não foi detectado nenhum acidente de trabalho e que os mesmos fazem uso de medidas preventivas para sua segurança e a da equipe de trabalho. Possibilitaram também reflexões acerca da realidade encontrada, como formação e educação continuada, aplicabilidade de leis, decretos e portarias emitidas por órgãos competentes e da importância da adoção de medidas preventivas. Conclusões: o diagnóstico revelado viabiliza a elaboração de um plano de intervenção local e chama a atenção para a importância de se atentar que o trabalhador é um ser humano falível e defronta-se com dificuldades e pressões que podem interferir no seu desempenho profissional.; Study design : exploratory...

Prevención y preparación en casos de accidentes con productos químicos: marco flexible.

Schulberg, Francine
Fonte: Centro de Tecnologia Mineral (CETEM); Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Programa Ibero-Americano de Ciencia y Tecnología para el Desarrollo (CYTED) Publicador: Centro de Tecnologia Mineral (CETEM); Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Programa Ibero-Americano de Ciencia y Tecnología para el Desarrollo (CYTED)
Tipo: Documento técnico
ESP
Relevância na Pesquisa
36.44%
174 p.: il.; O crescimento no setor industrial tem sido um elemento valioso das estratégias de desenvolvimento econômico em muitos países em todo o mundo. Sem embargos, muitos produtos químicos utilizados em operações industriais apresentam riscos de acidentes e que podem causar graves danos as pessoas, ao meio ambiente e a economia local.

Acidentes químicos ampliados: um desafio para a saúde pública; The increase in chemical accidents: a challenge for public health

Freitas, Carlos M. de; Porte, Marcelo F. de S.; Gomez, Carlos M.
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/1995 POR
Relevância na Pesquisa
56.7%
Os acidentes envolvendo substâncias perigosas nas atividades de transporte, armazenamento e produção industrial de produtos químicos constituem um sério risco à saúde e ao meio ambiente. Objetiva-se discutir, no âmbito da saúde pública, alguns dos desafios que esses tipos de acidentes colocam, principalmente para os países de economia periférica. Através da combinação de informações quantitativas e qualitativas, foram definidos e caracterizados esses tipos de acidentes e seus diversos riscos. Esses acidentes têm se apresentado com a maior gravidade nos países de economia periférica, embora a maioria deles venha ocorrendo sem o adequado registro de informações básicas para a avaliação e vigilância, como é demonstrado no caso do Rio de Janeiro (Brasil). Além da tarefa de se avaliar as conseqüências de eventos, por vezes extremamente complexos, coloca-se também, a de formular estratégias de controle e prevenção em realidades sociais que configuram um terreno fértil para a ocorrência e agravamento dos mesmos.; Chemical accidents involving explosions, large fires and leakages of hazardous substances occuring during transport, storage and industrial production of chemicals constitute a real challeng to health...

Elaboration and implementation of environmental risk map for prevention of work related accidents in an intensive care unit of a university hospital; Implementación del mapa de riesgos ambientales para prevención de accidentes de trabajo en una unidad de terapia intensiva de un hospital universitario; Elaboração e implantação do mapa de riscos ambientais para prevenção de acidentes do trabalho em uma unidade de terapia intensiva de um hospital universitário

Benatti, Maria Cecília Cardoso; Nishide, Vera Médice
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2000 POR
Relevância na Pesquisa
36.45%
This study has the objective to discuss some questions related to occupational risks that health professionals are exposed to in the Intensive Care Unit environment. A questionnaire was used, asking the health care workers to describe the occupational risks they know about. As a result, the participants indicated risks related to biological, physical, chemical, ergonomic and occupational risks.; El objetivo de este trabajo es traer para el ámbito de la salud del trabajador cuestionamientos relativos a los riesgos ambientales a que están expuestos los trabajadores de la Unidad de Terapia Intensiva. Para esto, se elaboró un instrumento, en el que dichos trabajadores describen los riesgos ambientales de su Unidad. Como resultado se comprobó en el ambiente la existencia de riesgos biológicos, físicos, químicos, ergonómicos y riesgo de accidentes de trabajo.; O objetivo deste trabalho é trazer para o âmbito da saúde do trabalhador questionamentos relativos aos riscos ambientais a que estão expostos os trabalhadores de uma Unidade de Terapia Intensiva de um Hospital Universitário. Para tanto, elaborou-se um instrumento em que os trabalhadores envolvidos descreviam os riscos ambientais da Unidade de Terapia Intensiva. Como resultado comprovou-se no ambiente a existência de riscos biológicos...

Influências das condições e organização do trabalho de uma indústria de transformação de cana-de-açúcar na ocorrência de acidentes de trabalho; Influences of working conditions and organization in a sugar cane transformation industry in the event of accidents at work

Rumin, Cassiano Ricardo; Schmidt, Maria Luiza Gava
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.41%
Este estudo discute a relação entre as condições e a organização do trabalho como elementos que contribuem para a ocorrência de acidentes do trabalho. Os dados foram coletados em uma indústria produtora de açúcar, álcool e derivados, situada no Estado de São Paulo. Para a coleta dos dados utilizamos a observação direta do trabalho e realizamos entrevistas semidirigidas individuais como 22 trabalhadores do setor de produção de açúcar. A produção de açúcar foi indicada pela Equipe de Segurança e Higiene no Trabalho como o setor em que havia a maior ocorrência de acidentes. Por destacar o papel que a relação homem-trabalho desempenha na saúde física e psíquica dos trabalhadores, utilizamos a Psicodinâmica do Trabalho (Dejours, 1994) como referencial teórico para a análise dos dados obtidos nas entrevistas. A análise das entrevistas envolveu três aspectos: condições e organização do trabalho e insatisfação. Os resultados revelaram que o ambiente estudado apresenta fatores físicos, químicos e biológicos desfavoráveis à saúde dos trabalhadores. Quanto à organização do trabalho, os dados revelaram que a divisão do trabalho bem como o conteúdo das tarefas determinavam sobrecarga aos trabalhadores. O relato sobre a insatisfação envolveu: ausência de perspectiva para progressão profissional...

Acidentes químicos ampliados: um desafio para a saúde pública

Freitas,Carlos M. de; Porte,Marcelo F. de S.; Gomez,Carlos M.
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/1995 PT
Relevância na Pesquisa
56.7%
Os acidentes envolvendo substâncias perigosas nas atividades de transporte, armazenamento e produção industrial de produtos químicos constituem um sério risco à saúde e ao meio ambiente. Objetiva-se discutir, no âmbito da saúde pública, alguns dos desafios que esses tipos de acidentes colocam, principalmente para os países de economia periférica. Através da combinação de informações quantitativas e qualitativas, foram definidos e caracterizados esses tipos de acidentes e seus diversos riscos. Esses acidentes têm se apresentado com a maior gravidade nos países de economia periférica, embora a maioria deles venha ocorrendo sem o adequado registro de informações básicas para a avaliação e vigilância, como é demonstrado no caso do Rio de Janeiro (Brasil). Além da tarefa de se avaliar as conseqüências de eventos, por vezes extremamente complexos, coloca-se também, a de formular estratégias de controle e prevenção em realidades sociais que configuram um terreno fértil para a ocorrência e agravamento dos mesmos.