Página 1 dos resultados de 328 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Abandono e absentismo escolar no concelho de Ponta Delgada

Vasconcelos, Maria de Deus Medeiros Costa
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.65%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Educação: Educação Especial, área de especialização em Domínio Emocional e da Personalidade; A recomendação da União Europeia, de janeiro de 2011, aos estados europeus para que adotem políticas de prevenção do abandono escolar, que apesar de ter vindo a diminuir, ainda apresentam, em alguns países como Portugal e Malta, valores muito elevados é, de uma forma genérica, o ponto de partida do nosso estudo. Os sucessivos governos têm vindo a promover programas nacionais de combate ao abandono escolar mas, segundo Grilo (2010), estes programas deveriam ser elaborados mais ao nível local e em função das exigências da comunidade educativa envolvente. De acordo com as estatísticas disponíveis, os alunos têm vindo a permanecer mais tempo na escola, com ofertas educativas que vão ao encontro das suas expetativas e experiências vivenciadas. O abandono e absentismo escolares tornaram-se prioridades do atual sistema de ensino. O presente estudo visa caracterizar a dimensão do abandono escolar e absentismo no concelho de Ponta Delgada, no período compreendido entre 2010 e 2011. A taxa de abandono escolar precoce nos Açores tem diminuído...

O papel do Criminólogo na problemática do absentismo escolar

Silva, Ana Patrícia Cunha e
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.65%
Projeto de Graduação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Criminologia; O Absentismo Escolar é considerado um fenómeno complexo, visto que existem diversos fatores e condições sociais inerentes ao mesmo. Considera-se o Absentismo Escolar como sendo a falta de assistência à escola de forma reiterada e consecutiva, quer seja por vontade do aluno ou dos pais. É, portanto um problema que afeta negativamente a formação dos alunos e se reflete no seu desenvolvimento. O objetivo deste estudo é conhecer melhor este fenómeno apostando na prevenção, de modo a conseguir realizar uma intervenção mais eficaz. Produziu-se um estudo de carater quantitativo com alunos do 10.º, 11.º e 12.º anos da Escola Secundária de Alexandre Herculano no Porto. Utilizamos como instrumento um inquérito por questionário que nos vai permitir conhecer de uma melhor forma este fenómeno. O Criminólogo tem um papel de extrema importância nesta problemática, uma vez que vai procurar conhecer melhor o fenómeno, fazer uma análise mais detalhada sobre o mesmo para o conseguir interpretar e explicar. Tendo também um papel fundamental ao nível da prevenção do Absentismo Escolar. É expetável...

Absentismo escolar

Cardoso, Sara Isabel Gomes de Sousa
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.65%
Projecto de Graduação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Criminologia; O absentismo escolar é uma temática complexa, sendo que ao contrário do que se pensa não consiste apenas na falta de assiduidade regular às aulas. Como será desenvolvido ao longo deste projecto existem várias explicações e causas do absentismo escolar passando as mesmas pela influência da família, da escola, dos grupos de pares e pelo meio social onde se encontram inseridos. É por isso uma temática complexa e multidimensional que afecta vários contextos da vida de um aluno. A supervisão parental consiste num conjunto de acções praticadas pelos pais com o objectivo de monitorizar as actividades desenvolvidas pelos filhos, sendo que tem uma acção preventiva no que diz respeito ao desenvolvimento de condutas antissociais na fase da adolescência. Desempenha um papel essencial no que diz respeito ao desempenho escolar dos filhos, na adopção de comportamentos sexuais seguros e tem influência na escolha do grupo de pares. O objectivo deste estudo é a avaliação da influência da supervisão parental no absentismo escolar, querendo especificamente perceber se ao existir um aumento de supervisão parental haverá uma diminuição da conduta absentista dos alunos. Este é um estudo que terá por base uma investigação de carácter misto...

Cultura organizacional, práticas de gestão de recursos humanos e absentismo: contributos para a análise da trilogia nas unidades orgânicas do Instituto Politécnico de Setúbal

Prates, Maria do Rosário; Cordeiro, João Pedro Pina
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 27/10/2011 POR
Relevância na Pesquisa
37.71%
Comunicação apresentada na Conferência Investigação e Intervenção em Recursos Humanos 2011 – Gestão para a Cidadania, Vila do Conde; A cultura organizacional manifesta-se, em parte, nas práticas de gestão de recursos humanos de uma organização, estando presente nos seus vários processos (recrutamento e selecção, acolhimento, integração, formação, entre outros). As práticas de gestão de recursos humanos têm influência no comportamento dos trabalhadores de uma organização, contribuindo decisivamente para a formação da cultura organizacional. Tanto a cultura organizacional, como as práticas de gestão de recursos humanos, influenciam as percepções, os sentimentos e comportamento dos trabalhadores de uma organização, podendo contribuir para um menor ou maior nível de absentismo. Neste sentido, com esta comunicação pretende-se analisar a inter-relação entre cultura organizacional, práticas de gestão de recursos humanos e absentismo. Para esta investigação foi realizado um estudo de caso de carácter exploratório, desenvolvendo-se num âmbito de descoberta relativamente aos objectivos em análise. Partindo do contributo do Modelo Explicativo do Absentismo se Steers e Rhodes (1990), pretendeu estudar-se de que forma a cultura organizacional e as práticas de gestão de recursos humanos das diferentes Unidades Orgânicas do Instituto Politécnico de Setúbal influenciam o absentismo dos trabalhadores não docentes. Utilizou-se o inquérito por questionário...

Burnout e percepção do absentismo em trabalhadores do sector bancário : contributos do modelo das exigências-recursos do trabalho

Roque, João Diogo
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
37.76%
Tese de mestrado integrado em Psicologia (Secção de Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho e das Organizações), apresentada à Universidade de Lisboa através da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2008; Esta investigação visa estudar a percepção do absentismo dos trabalhadores do sector bancário e sua relação com variáveis de stress e strain ocupacionais. O modelo das exigências-recursos do trabalho (JD-R) e utilizado para estudar as exigências(exigências do trabalho e conflito trabalho-familia) e recursos (latitude de decisão e estratégias de coping), seu impacto no burnout e no absentismo percebido pelos trabalhadores e ainda o papel mediador do burnout na relação entre as exigências e o absentismo percebido. A amostra constituiu-se de 59 empregados do BES, provenientes de 3 dos departamentos com maior taxa de absentismo. Analisamos o efeito de três grupos de variáveis preditoras (variáveis demográficas; exigências; e recursos) sobre as dimensões centrais do burnout (exaustão e cinismo), de acordo com as previsões do modelo JD-R. Postulamos um modelo hierárquico para o teste de hipóteses, recorrendo a análise de regressão múltipla. As evidencias suportam as hipóteses: quanto maior o nível de exigências maior o nível de exaustão registado pelos sujeitos; quanto menor o nível de recursos disponíveis maior e o nível de exaustão; quanto maior o nível de exigências maior o nível de cinismo; e quanto menor o nível de recursos disponíveis maior o nível de cinismo. Verificou-se também que a relação com as exigências foi mais forte para a exaustão do que para o cinismo. Porem...

Aportacións da animación sociocultural para combater o absentismo escolar en Verín

González Villar, Maria de los Ángeles
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
SPA
Relevância na Pesquisa
37.65%
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Especialização em Animação Sociocultural; A presente investigación ten como finalidade analizar as causas do absentismo escolar en Verín e saber si a falta de asistencia á escola está vinculada á Animación Sociocultural e ao bo uso do tempo de ocio . O papel que ten a escola e en concreto o profesorado na motivación e axuda a través da ASC é fundamental, para que haxa unha maior afluencia de alumnado á escola e poder así erradicar o absentismo escolar que nos leva a un fracaso escolar; por outra banda o fracaso escolar acaba por ser un absentismo escolar, sendo fundamental para chegar a un resultado óptimo ao xuntar ao mundo educativo, familiar a implicación do Concello de Verín como poder político no problema para traballar en rede e cunha coordinación maior, indo cada vez cara unha meta máis común traballando o absentismo cara unha motivación que é a través da ASC nas aulas e encamiñar de maneira positiva e sana o tempo de ocio.; The present research has as purpose to analyze the causes of the school absenteeism in Verín and the school to know yes for lack of assistance this linked to Sociocultural Animation and the good use of the time of leisure. The paper that has the school and specifically the teaching staff in the motivation and helps through the ASC and basic...

Gestão do absentismo dos enfermeiros do serviço de medicina do Centro Hospitalar de Cascais

Guerreiro, Maria José Turrion Leite
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 09/03/2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.71%
Mestrado em Gestão de Serviços de Saúde; Esta dissertação apresenta um estudo retrospectivo do absentismo dos enfermeiros do Serviço de Medicina do Centro Hospitalar de Cascais durante 2007. Trata-se de um estudo de caso com o objectivo de compreender a taxa de turnos extraordinários e a rotatividade dos efectivos, expressa através do número de contratos celebrados e quebrados ao longo do ano e o recurso a outsourcing. O Centro Hospitalar de Cascais, possui gestão pública e obedece a normas de gestão hospitalar e de regime de emprego público. Através da análise quantitativa, caracterizou-se o tipo de absentismo, que revelou ser de carácter justificado. Seguiu-se uma análise das características demográficas (sexo, idade e proveniência), que revelou predomínio de profissionais femininos, com idades compreendidas entre os 23 e os 54 anos, tempo de serviço entre zero e 32 anos e oriundos do norte do país. As contingências jurídico do Emprego Público na celebração de contratos de trabalho de 3 meses renováveis ou não, implica que o profissional seja obrigado a gozar dias de férias antes do termino do contrato, e ter de se ausentar da instituição, no mínimo 24 horas, para que se possa celebrar novo contrato...

Cancro da mama: análise comparada de serviços de saúde na relação da acessibilidade com o absentismo

Morais, Maria Teresa
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
37.65%
Mestrado em Gestão dos Serviços de Saúde; A Tese estuda as acessibilidades ao tratamento do Cancro da Mama em doentes assistidas no SNS e na Sãvida, Grupo EDP e o absentismo gerado por essa mesma doença. Analisa-se a trajectória da doença, Cancro da Mama, no momento em que esta surge, de acordo com as boas práticas, minimizando os malefícios para os doentes e as suas consequências nas empresas empregadoras quer num Serviço de Saúde Privado, que trabalha em articulação com o SNS, quer no SNS. As variáveis estudadas são: a Acessibilidade e o Absentismo. A Acessibilidade é caracterizada pelas variáveis independentes Tempo de Acesso à Primeira Consulta de Especialidade, TAPCE, e Tempo de Acesso para o Primeiro Tratamento Oncológico, TAPTO. O Absentismo é caracterizado pela variável independente Número de dias de ausência ao trabalho pela doença, DATD. Evidencia a existência de uma relação directa entre a Acessibilidade e o Absentismo. Constata-se que num dos Serviços estudados, o da Sãvida, o tempo de acesso à primeira consulta de Especialidade e Primeiro Tratamento Oncológico constituem uma clara redução do número de dias de ausência ao trabalho pela doença do cancro da Mama em comparação com os tempos que ocorrem no SNS. Em corolário afirma-se que o plano de Saúde da EDP/REN...

Causas e consequências do absentismo no serviço nacional de proteção civil e bombeiros de Angola: estudo de caso

Francisco, Madalena Gaspar
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.65%
Mestrado em Políticas de Desenvolvimento de Recursos Humanos; O absentismo constitui sempre um importante indicador de gestão podendo mostrar que há oportunidades de melhoria das políticas e práticas de Desenvolvimento dos Recursos Humanos. O presente estudo foca o caso do absentismo no Serviço Nacional de Proteção Civil e Bombeiros de Angola (SNPCBA), nomeadamente em duas províncias de Angola, procurando identificar a aplicabilidade dos modelos explicativos existentes, gerados noutros contextos sociais e culturais, bem como a sua incidência, os potenciais preditores desses absentismo e as soluções socialmente validadas com vista a uma melhor compreensão e intervenção nesta realidade. Partindo de entrevistas e de um inquérito respondido por uma amostra de 137 sapadores bombeiros, todos profissionalmente qualificados para serem interlocutores privilegiados, os resultados evidenciaram a incidência das causas bem como o papel estatisticamente significativo que algumas destas têm no nível de absentismo percebido no SNPCBA. O estudo termina com um levantamento das soluções socialmente validadas para este problema de cariz sistémico.; Absenteeism is always an important management indicator that can point to opportunities to improve HR development practices and policies. This study focuses the case of absenteeism in the Angola National Civil Protection and Firefighting Service (SNPCBA)...

Absentismo: Fenómeno individual e/ou organizacional?

Pinto, Maria de Fátima Nunes
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
37.83%
Dissertação de Mestrado em Comportamento Organizacional; O presente trabalho teve dois objectivos: pretendeu averiguar se algumas características pessoais e outras que, embora individuais, estão mais ligadas ao contexto organizacional, influenciam o absentismo global e o absentismo desagregado por alguns motivos justificativos das ausências; e se a (não) influência dessas características perdurava no tempo, de tal forma que pudessem servir como indicadores de padrões elevados de absentismo, e permitissem a elaboração de um potencial perfil de absenteísta. Este estudo foi feito com base em dados de arquivo. Foram analisados os registos individuais de 11837 empregados, que constavam numa base de dados de uma empresa nacional de prestação de serviços públicos - CTT Correios de Portugal, S. A., no período compreendido entre 2000 e 2003. Os dados desses registos referem-se: ao número de dias de ausência por ano; taxa global de absentismo por ano; e ao número de dias de ausência por motivo e por ano. Os motivos analisados foram alguns dos que a empresa considera como ausências justificadas, mas que contabiliza no seu absentismo global, nomeadamente: a doença; os acidentes de trabalho; as consultas médicas e/ou tratamento médico; os atrasos e/ou saídas antecipadas; a actividade sindical; a greve; o estatuto de trabalhador estudante e outros motivos. Esses registos também incluem os factores a analisar e que são: idade; género; estado civil; antiguidade; nível de escolaridade; vínculo profissional; grupo profissional e tipo de tarefa. Os dados foram analisados através da estatística descritiva e percentual...

Burnout e absentismo laboral em enfermeiros

Murcho, Nuno Álvaro Caneca
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2006 POR
Relevância na Pesquisa
37.76%
Este estudo teve como objectivos conhecer, não só a influência que o burnout tem no absentismo laboral dos enfermeiros, como ainda a relação existente nestes profissionais entre estas duas variáveis e os factores sociodemográficos, os objectivos profissionais, a motivação intrínseca, os factores de mal-estar relacionados com este tipo de absentismo, e os problemas de saúde relacionados com o stresse. Foram estudados 368 enfermeiros distribuídos por 14 unidades (ou serviços) de saúde do Algarve, pertencentes ao Hospital Distrital de Faro e Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, e que englobaram também os Centros de Saúde de Faro e de Portimão. O instrumento de recolha de dados utilizado consistiu num questionário autoadministrado de tipo misto (com perguntas fechadas e abertas de resposta rápida), constituído por 22 questões, que correspondem a 112 itens, e que incluiu quatro escalas. Os resultados obtidos permitiram-nos concluir que o absentismo laboral é influenciado pelo burnout e pelas variáveis sociodemográficas; que o burnout é influenciado pelas variáveis sociodemográficas, pelos factores de mal-estar relacionados com o absentismo laboral, pelos objectivos profissionais e pela motivação intrínseca...

Absentismo-doença na prefeitura municipal de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil

Santos,Jandira Pereira dos; Mattos,Airton Pozo de
Fonte: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Publicador: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.65%
OBJETIVO: O absentismo-doença é o principal motivo de afastamentos de servidores na Prefeitura de Porto Alegre, RS, Brasil. O objetivo deste estudo foi analisar as licenças para tratamento de saúde (LTS) concedidas a servidores da Prefeitura. METODOLOGIA: As informações foram fornecidas pela Gerência de Saúde do Servidor Municipal (GSSM). Foram analisadas LTS > 15 dias concedidas aos servidores no período de 1º de janeiro de 2004 a 31 de dezembro de 2005. RESULTADOS: As LTS > 15 dias concedidas no período somaram 14.779. Em 2004, foram concedidas 6.522 licenças a 1.963 servidores, a uma razão de 3,3 LTS por servidor; em 2005, a concessão foi de 8.257 LTS para 2.262 servidores, a uma razão de 3,6. Considerando uma significância de 5%, foi observada uma diferença entre as proporções de licenças > 15 dias concedidas em 2004 e em 2005. No período, foram perdidos 311.721 dias de trabalho. A taxa de absentismo-doença foi de 3,9% em 2004 e de 3,7% em 2005. Os transtornos mentais foram as doenças que mais afastaram os servidores, com uma proporção de 39,59%. A secretaria com maior índice de absentismo-doença no período foi a Secretaria Municipal de Esportes. CONCLUSÃO: O conhecimento destes dados poderá permitir uma ação mais efetiva na prevenção e no controle do absentismo-doença com o intuito de diminuir as taxas encontradas.

Factores psicosociales del absentismo laboral en la administraci??n p??blica

Ortiz Alejo, Yolanda
Fonte: Granada: Universidad de Granada Publicador: Granada: Universidad de Granada
Tipo: Tese de Doutorado
ES
Relevância na Pesquisa
37.76%
En esta investigaci??n se analizan los factores psicosociales que determinan el absentismo laboral en la Administraci??n p??blica. Para ello, se describe la situaci??n actual de la cultura de la Administraci??n p??blica y su repercusi??n en las conductas de ausencia de los empleados. De este modo, se puede analizar el contexto laboral donde los empleados p??blicos desarrollan su trabajo, cu??les son las normas de funcionamiento interno y las costumbres absentistas de la Administraci??n. El conjunto de variables que explican el absentismo laboral se aborda a trav??s de la evoluci??n hist??rica de los diferentes modelos explicativos: Modelos de huida del trabajo: de ajuste laboral, de decisi??n; integrados de presencia y los basados en propuestas sobre la personalidad del trabajador. En concreto, este estudio parte del modelo te??rico sobre absentismo laboral propuesto por Rhodes y Steers (1990), teniendo en cuenta todas las dimensiones propuestas y las propias de la investigaci??n (demogr??ficas, profesionales, actividades extralaborales, de desplazamiento, pr??cticas organzacionales, cultura absentista de la organizaci??n, actitudes valores y metas del empleo, barreras de asistencia y motivaci??n de asistencia). La definici??n de absentismo adoptada en la tesis es "la ausencia del empleado en su puesto de trabajo...

Absentismo e comportamentos de ausência:uma aproximação sistémica

Tavares, Gina Maria Santos
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.65%
Em virtude da forte competitividade das empresas e da valorização dos factores humano e social, a temática do absentismo tem sido alvo de atenção acrescida ao longo dos últimos anos. O interesse por este trabalho emerge com a realização do estágio curricular da autora no Departamento de Recursos Humanos, durante o qual lidou com o impacto dos comportamentos de ausência no seio da organização. A presente investigação tem como objectivos analisar a abordagem da empresa em causa ao absentismo, assim como interpretar determinados resultados quantitativos, de forma a compreender aprofundadamente as especificidades deste fenómeno. Baseados em dados relativos dos três anos, concretamente 2004, 2005 e 2006, foi possível obter um conjunto de resultados interessantes, não obstante sinalizarem a necessidade de uma reestruturação da análise dos comportamentos de ausência. Fundamentados num grupo de informações heterogéneas, pretende-se apresentar um trabalho essencialmente metodológico, exploratório e ensaísta, afastando-se das investigações mais comuns, puramente explicativas. Assim, com este estudo ambiciona-se acrescentar valor à análise dos comportamentos de ausência e explicitar os leitores para uma abordagem mais humanista sobre o absentismo...

Absentismo laboral por motivos orais e avaliação da qualidade de vida relacionada com a saúde oral numa amostra de funcionários da empresa PSA Peugeot / Citroën de Mangualdade

Carneiro, Carlos Manuel Sião Martins
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
37.76%
Introdução: Cada vez mais a população mundial tem vindo a adoptar comportamentos que visem uma saúde oral muito próximo do ideal. No entanto, ainda existe uma ampla taxa populacional que negligencia a saúde oral, e que não lhe reconhece o seu valor como sendo um dos factores essenciais para que possam disfrutar de um completo estado de saúde e bem-estar. Objectivos: Este estudo teve como objectivos quantificar o absentismo laboral por motivos orais dos funcionários da empresa PSA Peugeot/Citroën de Mangualde, as possíveis repercussões pessoais e laborais resultantes desse absentismo e quais os principais motivos para esse mesmo absentismo, assim como analisar quais os comportamentos de saúde oral dos funcionários desta empresa Outro dos objectivos deste estudo foi avaliar a qualidade de vida relacionada com a saúde oral destes mesmos funcionários. Materiais e Métodos: Para a realização deste estudo epidemiológico transversal, aplicou-se um questionário numa amostra de 310 funcionários da empresa PSA Peugeot/Citroën de Mangualde, assim como a aplicação da escala OHIP-14 - Oral Health Impact Profile destinado à avaliação da qualidade de vida relacionado com a saúde oral. Para a análise estatística recorreu-se ao programa informático SPSS 20.0. Resultados: Verificámos um absentismo de 11...

Preditores de absenteísmo na enfermagem de um hospital universitário : estudo de coorte; Predictores de absentismo en la enfermería de un hospital universitario: estudio de cohorte; Absenteeism predictors in a university hospital's nursing staff: a cohort study

Souza, Luccas Melo de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.92%
O estudo sustenta a tese que as características individuais e laborais e a suspeição de distúrbios psiquiátricos menores influenciam no absenteísmo ao trabalho. Trata-se de um estudo de coorte prospectivo, com abordagem quantitativa, cujo objetivo geral foi analisar as características individuais, o estresse laboral e os distúrbios psiquiátricos menores como preditores de absenteísmo em trabalhadores de enfermagem de um hospital universitário, em um intervalo de dois anos. Foram entrevistados 254 trabalhadores de enfermagem (amostra por conveniência e não probabilística) no início e no final de dois anos: a primeira entrevista ocorreu entre novembro de 2008 e maio de 2009 e a segunda entre janeiro e maio de 2011. O desfecho foi o absenteísmo ao trabalho no período de dois anos. Para a coleta de dados foram utilizados o Índice de Capacidade para o Trabalho, o Self-Report Questionaire, a Job Stress Scale e um instrumento para caracterização da amostra. O absenteísmo foi coletado por meio da base de dados eletrônica do hospital. Os dados foram analisados por estatística descritiva e analítica, considerando estatisticamente significativos aqueles com valor de p bicaudal menor a 0,05 ou com intervalo de confiança de 95%. Para o cálculo do Risco Relativo (RR)...

Uma compreensão do absentismo através da justiça distributiva, da exaustão emocional e da norma pessoal

Sousa, Bárbara Magalhães Ferreira de
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.83%
Mestrado em Psicologia Social e das Organizações / Códigos de Classificação (Associação Americana de Psicologia) 3020 Processos grupais e interpessoais; 3040 Perceção social e Cognição; 3660 Comportamento Organizacional; Sendo o absentismo um fenómeno bastante complexo e que apresenta várias causas e consequências. Esta investigação tem como objetivo verificar a forma como a justiça distributiva e a exaustão emocional influenciam o absentismo e qual o papel mediador da exaustão emocional na relação entre a justiça distributiva. Pretende também verificar o papel mediador da norma pessoal na relação entre a exaustão emocional e o absentismo, sendo que este parâmetro ainda carece de estudo. O questionário com a operacionalização de todas as variáveis foi recolhido num primeiro momento (Tempo 1) à exceção da frequência de absentismo, que foi recolhida seis meses depois (Tempo 2), a uma amostra constituída por 507 trabalhadores de uma empresa de transportes públicos da região de Lisboa. A frequência de absentismo retrata uma medida objetiva. Os resultados das regressões lineares realizadas demonstraram um efeito significativo da exaustão emocional na frequência de absentismo, sugerindo assim que a exaustão nos trabalhadores constitui um fator de risco para o absentismo. Adicionalmente...

A importância da ambiguidade de papel e das condições físicas do trabalho na explicação do absentismo e o papel moderador do controlo do trabalho e do suporte social

Fonseca, Irina Isabel da Mata
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.86%
Mestrado em Psicologia Social e das Organizações; O presente estudo visava compreender alguns fatores que contribuem para a explicação do absentismo através do Modelo das Exigências e dos Recursos. Concretamente, foram testados os efeitos diretos da ambiguidade de papel e das condições físicas do trabalho no absentismo e o papel moderador do suporte social e do controlo do trabalho na relação entre a ambiguidade de papel, as condições físicas do trabalho e o absentismo, numa amostra de 508 trabalhadores de uma empresa de transportes públicos da região de Lisboa. O absentismo foi operacionalizado através de registos objetivos da frequência e duração e as restantes variáveis através de um questionário. Todos os efeitos foram testados tendo em conta três momentos no tempo e foi controlado o absentismo no tempo 1. Os resultados demonstraram o efeito direto e significativo da ambiguidade de papel e das condições físicas do trabalho na duração de absentismo, sendo o efeito da ambiguidade de papel oposto ao esperado. Concluiu-se que estas características do trabalho têm um papel diferente na duração e na frequência de absentismo. As análises de regressão hierárquica não suportaram a hipótese do papel moderador do suporte social e do controlo do trabalho na relação entre a ambiguidade de papel e as condições físicas do trabalho e o absentismo. Estes resultados permitiram-nos concluir que as mesmas variáveis de contexto (moderadoras) têm um papel diferente na duração e frequência de absentismo.; This study intends to understand the factors which contribute to explain the absenteeism through the Job Demands and Resources Model. The direct effects of role ambiguity and physical conditions of work in absenteeism and the moderating role of social support and work control in the relationship between the role ambiguity and the physical conditions of work and the absenteeism were tested in a sample of 508 employees from a public transport company from the region of Lisbon. The absenteeism was made assessed through objective records of the frequency and duration and the other variables through a questionnaire. All the effects were tested considering three moments in time and the absenteeism in time 1 was controlled. The results showed the significant and direct effect of the role ambiguity and the physical conditions of work in the duration of absenteeism...

Intervenciones eficaces para reducir el absentismo del personal de enfermería hospitalario

Blanca-Gutiérrez,Joaquín Jesús; Jiménez-Díaz,María del Carmen; Escalera-Franco,Luis Felipe
Fonte: Gaceta Sanitaria Publicador: Gaceta Sanitaria
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/12/2013 SPA
Relevância na Pesquisa
37.65%
Objetivo: El objetivo del presente trabajo es seleccionar y sintetizar las intervenciones que han demostrado ser efectivas para reducir el absentismo de enfermería hospitalaria. Métodos: Revisión de tipo scoping review mediante búsqueda bibliográfica en las bases de datos Medline, Web of Science, Cinahl, Embase, Lilacs, Cuiden y Cochrane Library Plus. De un total de 361 textos extraídos, finalmente se seleccionaron 15 estudios para esta revisión. Resultados: La implementación de programas de soporte o entrenamiento físico multifacéticos puede producir resultados positivos en cuanto a la reducción del absentismo de enfermería hospitalaria. Las intervenciones de tipo cognitivo-conductual requieren el desarrollo de estudios con muestras más amplias para ofrecer resultados concluyentes. El establecimiento de sistemas de turnos más flexibles también puede reducir las tasas de ausencia, si bien de nuevo se necesitan estudios con muestras más numerosas. Los programas tendentes a la gestión del cambio desarrollados por la propia enfermería, la gestión participativa de las relaciones profesionales, el soporte proporcionado por los supervisores opuestos a estilos de liderazgo de tipo jerárquico y las remuneraciones que premian la falta de ausencias también pueden conseguir disminuciones en este tipo de indicadores. Conclusiones: El absentismo puede considerarse como un resultado final y una consecuencia del grado de satisfacción de los/las profesionales...

Metanálisis: Relación entre factores psicosociales en el trabajo y absentismo laboral

Molina Aragonés,Josep Mª
Fonte: Medicina y Seguridad del Trabajo Publicador: Medicina y Seguridad del Trabajo
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/09/2010 SPA
Relevância na Pesquisa
37.8%
Introducción: De acuerdo con el modelo de demada-control, la elevada demanda laboral, el bajo control sobre el mismo y de forma muy especial la combinación de ambos, supondría un importante riesgo para la salud. El equilibrio entre demanda y control depende, según este modelo, de la organización del trabajo y no de las características individuales de cada persona, aunque, por supuesto, la influencia del ambiente psicosocial de trabajo puede ser, y de hecho es, moderada por las características de la respuesta individual. Objetivos: El objetivo del estudio fue analizar de manera sistemática aquellos estudios que relacionaban los efectos que sobre el absentismo tienen los factores psicosociales en el seno de las organizaciones, utilizando como elemento principal de valoración el modelo de demanda-control de Karasek, y efectuar un metanálisis para valorar la relación entre ambos. Métodos: Se identificaron las publicaciones a partir de las bases de datos electrónicas Medline (2004 hasta julio de 2009), Embase (2004 hasta marzo de 2009), PsycInfo (2004 hasta julio de 2009) y en la Librería Cochrane (2004 hasta julio de 2009), sin restricciones por motivo de lenguaje. Las palabras claves utilizadas fueron absentismo ("absenteeism")...