Página 1 dos resultados de 12299 itens digitais encontrados em 0.028 segundos

Estudo eletromiografico dos musculos deltoide (porção media) e trapezio (porção superior) em dentistas com mais de 50 anos; Electromyography study of deutoid (middle portion) and trapezius (upper portion) muscles in dentists over 50 years

Eduardo Baumgartner Fortinguerra
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
46.07%
O posicionamento e a postura do cirurgião-dentista no ambiente de trabalho apresentam riscos de dores e desconfortos músculo-esqueléticos na região da cintura escapular. À avaliação da repercussão da postura ocupacional, sobre a atividade muscular pela eletromiografia, tem sido utilizada em estudos ergonômicos. O objetivo desta pesquisa foi analisar a atividade elétrica dos músculos Deltóide (porção média) e Trapézio (porção superior) em abdução do braço e em 50% da sua contração máxima voluntária que foi obtida através da utilização de uma célula de carga da marca krattos por meio de eletromiografia de superfície em cirurgiões-dentistas com mais de 50 anos, que ainda estão trabalhando, relacionando esta análise eletromiográfica com os dados coletados de outro grupo que seriam cirurgiões-dentistas que estão trabalhando entre um período de 5 a 10 anos. Participaram das análises eletromiográficas 14 cirurgiões-dentistas com mais de 50 anos sendo 9 homens e 5 mulheres com média de idade entre 54,64 anos e média de tempo de trabalho de 30,78 anos e 14 cirurgiões-dentistas com tempo de trabalho de 5 a 10 anos, sendo 11 homens e 3 mulheres com média de idade de 30,64 anos e média de tempo de trabalho de 6...

Osteoporose, quedas e fraturas em mulheres acima de 50 anos na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil : um estudo de base populacional =; Osteoporosis, falls and fractures in women over 50 years of age in the city of Campinas, São Paulo, Brazil : a population-based household survey

Luiz Francisco Cintra Baccaro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 28/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.06%
Objetivos: Conhecer a prevalência e os fatores associados à ocorrência de osteoporose, quedas e fraturas por fragilidade óssea em mulheres brasileiras com 50 anos ou mais. Identificar os fatores associados ao desenvolvimento precoce de osteoporose. Método: inquérito populacional transversal que incluiu mulheres com 50 anos ou mais, conduzido na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil de 10/05/2011 a 31/10/2011. As mulheres foram entrevistadas por assistentes de pesquisa treinadas, após o sorteio de 66 setores censitários do município. As mulheres que não responderam ao questionário por problemas pessoais e aquelas com incapacidade cognitiva ou demência foram excluídas do estudo. A variável dependente osteoporose foi classificada como osteoporose autorrelatada, independente da realização de exame de densitometria óssea, ou como osteoporose diagnosticada através de densitometria óssea. As demais variáveis dependentes foram ocorrências de quedas no último ano e de fraturas por fragilidade óssea após os 50 anos de idade. As variáveis independentes foram às características sociodemográficas, hábitos pessoais, problemas de sáude, autopercepção de saúde e avaliação da capacidade funcional. A análise estatística foi realizada através do teste qui-quadrado...

Fatores associados com multimorbidades e autopercepção de saúde em mulheres com 50 anos ou mais : estudo de base populacional no município de Campinas, São Paulo = Factors associated with multimorbidities and self-perception of health in women of 50 years of age or more: a population-based study in Campinas, São Paulo; Factors associated with multimorbidities and self-perception of health in women of 50 years of age or more : a population-based study in Campinas, São Paulo

Vanessa de Souza Santos Machado
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.09%
Objetivos: Avaliar a presença de multimorbidades e autopercepção de saúde e seus fatores associados em mulheres brasileiras com 50 anos ou mais em uma cidade do sudeste brasileiro. Métodos: Foi realizado um estudo transversal de base populacional, utilizando entrevista domiciliar em uma amostra de 622 mulheres com 50 anos ou mais. Os dados foram obtidos através de autorrelato. O número de doenças crônicas referidas foram avaliadas (hipertensão arterial, artrose, catarata, diabetes mellitus, osteoporose, glaucoma, bronquite crônica ou asma, acidente vascular cerebral, incontinência urinária, câncer, infarto agudo do miocárdio, enfisema pulmonar) e classificadas em nenhuma, uma ou duas ou mais morbidades (multimorbidades). A autopercepção da saúde foi avaliada como muito boa, boa, regular, ruim ou péssima Os fatores sociodemográficos, comportamentais e clínicos associados também foram avaliados. O teste qui-quadrado e a regressão de Poisson foram utilizados para selecionar os principais fatores associados com o número de morbidades e a autopercepção de saúde, com nível de significância de 5%. Resultados: Nesta amostra, 15,8% não reportaram nenhuma doença crônica, 26% referiram apenas uma doença crônica e 58...

Capacidade funcional e associação com multimorbidades em mulheres acima de 50 anos = : Functional capacity and the association with multimorbidity in women older than 50 years of age; Functional capacity and the association with multimorbidity in women older than 50 years of age

Luiza Borges Aguiar Noronha
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.01%
Introdução: O envelhecimento populacional no Brasil está atualmente entre os mais acelerados do mundo. Com o aumento da expectativa de vida e do número de idosos, a qualidade de vida desses anos vividos a mais consiste em uma importante preocupação, e está relacionada com a incapacidade funcional e a presença de multimorbidades que acometem essa população em envelhecimento. O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência de incapacidade funcional e sua associação com multimorbidades em mulheres brasileiras com 50 anos ou mais. Sujeitos e Métodos: Realizou-se uma análise secundária de estudo de corte transversal de base populacional com 622 mulheres com idade igual ou superior a 50 anos, conduzido de 10 de maio a 31 de outubro de 2011, no município de Campinas, São Paulo, Brasil. A amostragem foi realizada através do sorteio de sessenta e seis setores censitários de Campinas, de acordo com uma lista fornecida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por amostragem aleatória simples ou probabilidade igual de seleção. Um questionário contendo sete itens para avaliar capacidade funcional foi aplicado pessoalmente ou por telefone por entrevistadoras treinadas. A incapacidade funcional foi definida pela incapacidade de realizar pelo menos um dos sete ítens. Também foram avaliados auto-percepção da saúde...

Prevalência de incontinência urinária e sua associação com multimorbidade entre mulheres com 50 anos ou mais : estudo de base populacional = Prevalence of urinary incontinence and its association with multimorbidity in women with 50 years or older : a based-population study; Prevalence of urinary incontinence and its association with multimorbidity in women with 50 years or older : a based-population study

Renata Bednar Reigota
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.06%
Introdução: Associado às mudanças no perfil etário e epidemiológico do Brasil nos últimos anos, as doenças crônicas têm assumido papel de destaque nas questões relacionadas à saúde pública. Nesse contexto, a Incontinência Urinária (IU) desempenha importante papel, em função de sua elevada prevalência, suas consequências e seu subdiagnóstico. Objetivos: Avaliar a prevalência de IU, seus fatores associados e sua associação com multimorbidade entre mulheres acima de 50 anos de idade no município de Campinas/SP. Métodos: Tratou-se de inquérito populacional incluindo 622 mulheres com idade igual ou superior a 50 anos, realizado entre 10 de maio e 31 de outubro de 2011, na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil. As entrevistas foram realizadas por assistentes de pesquisa devidamente treinadas, em 68 setores censitários de Campinas. A variável dependente ¿ IU - foi definida como relato de perda involuntária de urina e foi categorizada em IU de Esforço (IUE), IU de Urgência (IUU) e IU Mista (IUM). As variáveis independentes foram características sociodemográficas, hábitos pessoais, comorbidades, autopercepção de saúde e capacidade funcional. Análise Estatística: A análise estatística foi realizada através do teste Qui-quadrado e da análise de regressão múltipla de Poisson com critério de seleção de variáveis backward. O nível de significância foi estabelecido em 5%. Resultados: A média etária das mulheres estudadas foi de 62 anos. A prevalência de IU entre as mulheres avaliadas foi de 52...

Comunicação e sociedade : os 50 anos do telejornal [15, 2009]

Universidade do Minho. Instituto de Ciências Sociais. Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade
Fonte: CECS - Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho Publicador: CECS - Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, Universidade do Minho
Tipo: Outros
Publicado em /12/2009 ENG
Relevância na Pesquisa
65.9%
O Telejornal completa em 2009 exactamente 50 anos de vida, grande parte dos quais actuando sozinho como fornecedor quotidiano de uma perspectiva do país e do mundo a boa parte da população. Este facto merece, de per si, uma evocação que apele a uma maior atenção sobre o que foi o seu papel, para que se reforce o positivo, se descubram novos caminhos e se aprenda com os erros cometidos. Reflectir sobre o papel do Telejornal é ter em conta pelo menos três dimensões, a saber: i) como vemos esse programa diário, no seu modo de se conceber e apresentar; ii) que mundo é que o Telejornal nos dá a ver; iii) como é que o Telejornal nos vê a nós espectadores e à sociedade em que opera e que serve ou deve servir. Olhar para cada uma destas direcções de um ponto de vista diacrónico, tendo presentes os desafios e encruzilhadas do nosso hoje, corresponde a abrir outras tantas frentes de análise e de debate. Com a especificidade – que é também uma responsabilidade acrescida – de estarmos perante um programa que se inscreve e se destaca num serviço público de televisão. O que para alguns equivale a ser porta-voz e correia de transmissão de quem o sistema democrático colocou, em cada momento, a dirigir os assuntos do Estado...

Edição de revista para público com mais de 50 anos

Glória, Vanessa Sofia Gomes de Sousa
Fonte: Escola Superior de Comunicação Social Publicador: Escola Superior de Comunicação Social
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.03%
Dissertação apresentada à Escola Superior de Comunicação Social para obtenção de grau de mestre em Jornalismo.; O envelhecimento da população é uma realidade incontornável na generalidade das sociedades atuais. As pessoas com mais de 50 anos constituem um segmento em crescimento, com enormes desafios e oportunidades. Os seniores de hoje são mais ativos, têm maior disponibilidade de tempo, são mais saudáveis e apresentam melhores expectativas de longevidade. Por demonstrarem alterações no comportamento de consumo, podem constituir oportunidades de negócio interessantes para empresas de bens e serviços. Os meios de comunicação social, com a responsabilidade social que assumem, têm de estar atentos a este público que se torna, cada vez mais, uma força económica, política e social em ascensão. Contudo a oferta de produtos media, em Portugal, destinada a esta classe, é reduzida. O objetivo principal deste projeto de mestrado em jornalismo é a edição de uma revista destinada ao público com mais de 50 anos. Na elaboração deste projeto pretende-se conhecer o público com mais de 50 anos; através de entrevistas exploratórias e inquéritos por questionário, com base numa amostra por conveniência estratificada; procede-se a análise da oferta editorial...

50 anos de Psicologia no Brasil: a construção social de uma profissão

Furtado,Odair
Fonte: Conselho Federal de Psicologia Publicador: Conselho Federal de Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 PT
Relevância na Pesquisa
55.81%
As profissões imperiais, assim Edmundo Campos Coelho, um sociólogo das profissões, designa as profissões (engenheiro, médico e advogado) que se constituíram e foram as primeiras a ganhar regulamentação a partir de 1822, primórdios da fase imperial brasileira e momento que marca o início da institucionalização e do regramento da vida dos brasileiros depois da ruptura com a metrópole colonial. Interessa-nos essa análise na medida em que nos ajuda a compreender como a Psicologia constituiu a sua própria institucionalização e como ela encontra espaço social para avançar como profissão considerada necessária e importante para os diversos campos em que atua. Nenhuma profissão sobrevive se não é considerada socialmente relevante e demandada pela população. Desse ponto de vista, qual a importância social da Psicologia e qual seu futuro imediato no Brasil, considerando que estamos ultrapassando a barreira dos 200 mil psicólogos com registro no sistema Conselhos de Psicologia (aptos a atuarem profissionalmente)? Isso significa que atingimos o padrão de cobertura considerado adequado pela Organização Mundial de Saúde para a nossa população. Temos psicólogos suficientes para garantir o atendimento psicológico em todos os segmentos da saúde...

Aids e envelhecimento: características dos casos com idade igual ou maior que 50 anos em Pernambuco, de 1990 a 2000

Pottes,Fábia Alexandra; Brito,Ana Maria de; Gouveia,Giselle Campozana; Araújo,Ednaldo Cavalcante de; Carneiro,Rosa Maria
Fonte: Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.04%
Não há consenso na literatura sobre o comportamento clínico-epidemiológico de pessoas com aids de diferentes faixas etárias. Alguns autores defendem que as pessoas com mais de 50 anos de idade são afetadas pela epidemia da aids de forma semelhante às pessoas jovens. O presente estudo propõe-se a comparar características sociodemográficas e clínico-epidemiológicas dos casos de aids com idade igual ou maior que 50 anos, com aqueles de 20 a 39 anos, residentes em Pernambuco e diagnosticados entre 1º de janeiro de 1990 e 31 de dezembro de 2000. Desenvolveu-se um estudo observacional, do tipo seccional, de base populacional, com dados secundários dos casos notificados à Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco, seguindo-se de revisão de prontuários médicos. Foram incluídos 3.565 casos de aids, sendo 10,8% com 50 anos ou mais e 89,2% com 20 a 39 anos. As taxas de incidências ano a ano comportaram-se de maneira semelhante para os dois grupos etários, ao longo do período estudado, exceto para os dois últimos anos, com um incremento do grupo com mais de 50 anos. Estimou-se as razões de prevalência (RP) para as variáveis incluídas, não tendo sido encontradas diferenças em relação ao sexo, contagem de linfócitos T CD4+ e doenças associadas. Por outro lado...

Infecção pelo HIV em mulheres com 50 anos ou mais de idade, em Goiás

Silva, Letícia Dogakiuchi
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Enfermagem (FEN); Faculdade de Enfermagem - FEN (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Enfermagem (FEN); Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.08%
INTRODUCTION : The HIV epidemic worldwide reveals the increase of new cases in individuals aged 50 years or older ( UNAIDS , 2010) . In Western Europe 12.9 % of new cases of HIV infection in 2007 were in this population . In Central Europe it is estimated that one in every ten new HIV infections contemplate the same age group , while the proportion of cases in Eastern Europe was 3.7% in the same year ( Lazzarus , Nielsen , 2010). In the U.S. 15 % of new infections are in people aged 50 years or more , these represent about 30 % of the population living with HIV in the country ( NGUYEN , HOLODNIY , 2008) . HIV infection in the elderly include issues related to gender bias , especially among women . This situation , coupled with the lack of perception of vulnerability can lead a greater number of older women to the HIV epidemic . OBJECTIVE : To describe older women infected with HIV analyze the epidemiology of women aged 50 or older with HIV attending the Reference Unit . METHODOLOGY : The study investigated the profile of HIV infection in women aged 50 years or more in the State of Goiás , with the analysis of a retrospective cohort of patients seen at the Hospital Reference . Information not found in the records were completed from the linkage with the database SINAN State. RESULTS : Older women infected with HIV have less education compared to younger ( p = 0.001 ) . The proportion of unmarried elderly women infected with HIV was statistically superior to the younger ( p = 0.003 ) . Late diagnosis ...

Terapia antirretroviral del AIDS en adultos mayores de 50 años: prevalencia y clasificación de los no adherentes; Terapia antirretroviral da AIDS em adultos acima de 50 anos: prevalência e classificação de não aderenteserapia; AIDS Antiviral Therapy in adults over 50 years old: non adherents’ prevalence and classification

De Mello Padoin, Stela Maris; Cardoso de Paula, Cristiane; Spiegelberg Zuge, Samuel; Ferreira Langendorf, Tassiane; Pacheco dos Santos, Érika Eberline; Ribeiro Primeira, Marcelo
Fonte: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia Publicador: Murcia: Servicio de Publicaciones de la Universidad de Murcia
Tipo: Artigo de Revista Científica
SPA; POR
Relevância na Pesquisa
46.05%
Objetivo: Analizar la adherencia al terapia antirretroviral, a partir de la determinación de las variables de clasificación de los no adherentes, según las variables de comportamiento, y de la definición de la prevalencia de no adhesión en los adultos mayores de 50 años, atendidos en el Hospital Universitario Santa Maria / RS. Método: Investigación de enfoque cuantitativo, tipo descriptivo y transversal. La población de estudio estaba formado por pacientes mayores de 50 años que tienen el HIV / AIDS, y que estaban bajo tratamiento en HUSM, por un total de 72 pacientes. La recolección de datos se desarrolló en el periodo de abril de 2009 hasta octubre de 2010. Se realizaron análisis univariado (porcentajes de frecuencia) y bivariado, cruzando el resultado (cumplimiento del TARV) y las variables de comportamiento de la clasificación de no adherentes, por medio del test de chi-cuadrado. Resultados: La población de pacientes no adherentes fue de 21, con una prevalencia de incumplimiento del 29,2%. A partir del análisis bivariado fue posible determinar las variables de comportamiento para la clasificación de no adherentes: por alguna razón no tomó alguna de las dosis, deje de tomar los medicamentos por el consumo de alcohol...

Mortalidade por câncer de mama, de mulheres com idade igual e superior a 50 Anos - Estado de São Paulo - 1979 A 1997.; Mortality due to breast cancer among women aged 50 years old and more – State of São Paulo – 1979 to 1997.

Moraes, Sandra Dircinha Teixeira de Araujo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/12/2000 PT
Relevância na Pesquisa
46.02%
Este trabalho é um estudo descritivo de série temporal sobre mortalidade por câncer de mama de mulheres com idade igual e superior a 50 anos, no Estado de São Paulo, segundo distribuição na região metropolitana e interior A partir de informações obtidas no Banco de Dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) – DATASUS/CENEPI, e de outras fontes subsidiárias, foi estudada sua evolução, por triênios, no período de 1979 a 1997. No Estado de São Paulo, as estatísticas demonstram que a mortalidade por câncer de mama na população feminina, no segmento etário estudado, apresentou tendência de aumento mais acentuado na região metropolitana (56,57%). Maiores coeficientes observaram-se no grupo etário igual e acima de 75 anos, cujo coeficiente de mortalidade, no último triênio, revelou crescimento (47,65%), sobretudo na região metropolitana, não obstante a expansão de programas de rastreamento e as intervenções eficazes sobre as doenças e as lesões pré-malignas. As taxas de mortalidade específicas por grupos etários, calculadas para os quatro triênios, evidenciam que o risco de morte por câncer de mama não aumentou continuamente com a idade, oscilando entre os grupos etários, em mulheres acima de 50 anos. Comparam-se os dados brasileiros com os internacionais e tiram-se conclusões...

Incidência de HIV/AIDS na população de 50 anos ou mais, no Rio Grande do Sul, no período de 2000 a 2008

Giovanaz, Marile Lúcia
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.07%
Este estudo teve como objetivo descrever a incidência de HIV/Aids no RS, na população de 50 anos ou mais, no período de 2000 a 2008. A pesquisa foi desenvolvida a partir da análise quantitativa e descritiva de dados secundários disponíveis no Sistema de Informações de Agravos de Notificação (SINAN) do Ministério da Saúde. Obteve-se a notificação de 2.908 casos, sendo que 74,62% destes, se encontram na faixa etária de 50 a 59 anos. As taxas de incidência se mostram superiores no sexo masculino e na faixa etária de 50 a 59 anos. O maior incremento na incidência ocorre na faixa etária de 70 a 79 anos. A análise da tendência das taxas de incidência mostra crescimento, uma vez que há incremento anual de 0,54; quando a análise é estratificada por sexo, observa-se que nos homens o comportamento da incidência é da forma quadrática, houve um crescimento seguido de um decréscimo nos últimos anos; enquanto que, nas mulheres, o comportamento é exponencial, a taxa aumenta nos anos de estudo. Quanto à escolaridade, observou-se associação positiva entre o nível de escolaridade e o número casos de HIV/Aids, nos homens, e associação negativa, nas mulheres. A subcategoria de transmissão da doença com maior incidência é a heterossexual...

50 años del Liceo Benalcázar

López, Luis
Fonte: Biblioteca Departamental Jorge Garcés Borrero; Facultad de Ciencias Administrativas y Económicas Publicador: Biblioteca Departamental Jorge Garcés Borrero; Facultad de Ciencias Administrativas y Económicas
Tipo: historicalDocument; Documento histórico Formato: JPEG; 1 Foto, ; 20 V12 cm; Electrónico
SPA
Relevância na Pesquisa
65.87%
50 años del Liceo Benalcázar. Las directivas del Liceo Benalcázar ofrecieron un coctel en la sede del prestigioso plantel educativo. Durante el acto social y junto a la tradicional torta, Blanca de Olano Guiovana Ricci y Gloria de Leroy / El Archivo del Patrimonio Fotográfico y Fílmico del Valle del Cauca es responsabilidad de la Biblioteca Departamental del Valle Jorge Garcés Borrero, por convenio de cooperación suscrito con la Secretaria de Cultura Departamental, con el fin de aunar esfuerzos para su conservación, preservación y divulgación del Archivo entre la comunidad Vallecaucana, especialmente entre los estudiantes e investigadores que visitan la Biblioteca, propiciando el su uso y consulta permanente. La universidad Icesi es un colaborador en el proceso de difusión, facilitando la tecnología que permite la consulta de las imágenes.; Valle del Cauca, Gobernación; Archivo del Diario Occidente - Biblioteca Departamental Jorge Garcés Borrero

Heladio Calero, 50 años sirviendo al tenis de campo; Fdo 03255

Lopez, Luis
Fonte: Biblioteca Departamental Jorge Garcés Borrero Publicador: Biblioteca Departamental Jorge Garcés Borrero
Tipo: historicalDocument; other; Documento histórico Formato: JPEG; 27X22; 27X22;1/2
SPA
Relevância na Pesquisa
65.87%
Heladio Calero, 50 años sirviendo al tenis de campo. Fotografia tomada el 2 de Junio de 1984. El Archivo del Patrimonio Fotográfico y Fílmico del Valle del Cauca es responsabilidad de la Biblioteca Departamental del Valle Jorge Garcés Borrero, por convenio de cooperación suscrito con la Secretaria del Cultura Departamental, con el fin de aunar esfuerzos para su conservación, preservación y divulgación del Archivo entre la comunidad Vallecaucana, especialmente entre los estudiantes e investigadores que visitan la Biblioteca, propiciando el su uso y consulta permanente. La universidad Icesi es un colaborador en el proceso de difusión, facilitando la tecnología que permite la consulta de las imágenes.; Valle del Cauca; Gobernación; Archivo Diario Occidente-Biblioteca Departamental Jorge Garces Borrero; Tipo de fotografia: Blanco y Negro. Estado Conservación: Bueno. Lugar de la toma: Club San Fernando, Santiago de Cali. Fecha de la toma: 2 Junio 1984. Personajes: Heladio Calero. Ingresado por: Viviana Orozco

Congreso 50 años de la computación en México, Reflexión y Perspectiva Clip 01 de 01

Fonte: Subdirección de Tecnología para la Educación. Dirección General de Cómputo y de Tecnologías de Información y Comunicación UNAM Publicador: Subdirección de Tecnología para la Educación. Dirección General de Cómputo y de Tecnologías de Información y Comunicación UNAM
Tipo: Vídeo Formato: 37:43; video/m4v
Relevância na Pesquisa
65.87%
Inauguración del Congreso 50 años de la computación en México, Reflexión y Perspectiva Clip 01 de 01, 10:30 pm Miércoles , Noviembre 12 2008 Duración: 37:00 minutos

Una visión de la ornitología española a través de 50 años de Ardeola; A vision of the Spanish ornithology through 50 years of Ardeola publication

Barbosa, Andrés; Moreno, Eulalia
Fonte: Sociedad Española de Ornitología Publicador: Sociedad Española de Ornitología
Tipo: Artículo Formato: 24576 bytes; application/msword
SPA
Relevância na Pesquisa
46.03%
[EN] Aims: This paper analyses the papers published in Ardeola over the last 50 years with respect to research topics in comparison with the papers published in other ornithological journal such as Ibis and with those of Spanish authors in ornithology published in other journals included in the SCI. Methods: The whole issues published by both Ardeola and Ibis were reviewed. The data base of ISI Web of Science was used to look for papers published in ornithology by Spanish authors as well. Results and Conclusions: The results show an increase in both the number of papers (797) and the number of authors (1,365) publishing in Ardeola over the last 50 years (Fig. 2 and 3). A 13.11% of authors were foreign researchers. The research topics most investigated were biogeography, reproduction, diet/trophic ecology and migration (Fig. 1). The number of papers devoted to biogeography and taxonomy decreased (Fig. 14 and 15), while those devoted to migration (Fig. 16), genetics and pollution did not show any temporal trend. The remaining research topics showed an increase during these 50 years. The comparison with Ibis shows that this journal published more papers than Ardeola. After correction for this factor, more papers were published in Ibis in relation to reproduction (Fig. 5)...

Síndrome da imunodeficiência adquirida em adultos com 50 anos e mais: características, tendência e difusão espacial do risco; Sida en adultos de 50 años y más: características, tendencia y difusión espacial del riesgo; AIDS in adults 50 years of age and over: characteristics, trends and spatial distribution of the risk

Nogueira, Jordana de Almeida; Silva, Antônia Oliveira; Sá, Laísa Ribeiro de; Almeida, Sandra Aparecida de; Monroe, Aline Aparecida; Villa, Tereza Cristina Scatena
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/06/2014 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
46.09%
OBJETIVO: analisar as características sociodemográficas, tendência epidêmica e difusão espacial do risco da síndrome da imunodeficiência adquirida em adultos com 50 anos e mais. MÉTODO: estudo ecológico, de base populacional, que utilizou dados secundários do Sistema de Informação de Agravos de Notificação do Estado da Paraíba referente ao período de janeiro de 2000 a dezembro de 2010. RESULTADOS: foram notificados, no período estudado, 307 casos de síndrome da imunodeficiência adquirida entre indivíduos com idade igual ou superior a 50 anos. Observou-se predomínio do sexo masculino (205; 66,8%), cor parda e baixo nível de escolaridade. Os municípios com população acima de 100 mil habitantes notificaram 58,5% dos casos. Constatou-se aumento progressivo de casos entre as mulheres; tendência de crescimento da incidência (correlação linear positiva), avanço na difusão geográfica da doença, expansão para a região litorânea e para o interior do Estado, atingindo municípios com população inferior a 30 mil habitantes. Em algumas localidades, o risco de adoecimento foi 100 vezes maior que o risco relativo do Estado. CONCLUSÃO: o envelhecimento, com feminização e interiorização da epidemia em adultos com 50 anos e mais...

Ceguera por catarata en personas mayores de 50 años en una zona semirrural del norte del Perú

Pongo Águila,Luis; Carrión,Rómulo; Luna,Winston; Silva,Juan Carlos; Limburg,Hans
Fonte: Organización Panamericana de la Salud Publicador: Organización Panamericana de la Salud
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2005 ES
Relevância na Pesquisa
46.04%
OBJETIVO: Determinar la prevalencia de ceguera y de ceguera por catarata en personas de 50 años o más en Piura y Tumbes, Perú, y caracterizar la cobertura y la calidad de los servicios de cirugía de catarata y las barreras que impiden acceder a estos servicios. MÉTODOS: Se seleccionaron 80 conglomerados de 60 personas de 50 años o más cada uno, mediante muestreo sistemático en los departamentos de Piura y Tumbes, Perú, entre agosto de 2002 y marzo de 2003. Del total de 4 800 personas seleccionadas se examinaron 4 782 personas mediante una encuesta que recogía la información general de la persona, los resultados de los exámenes de agudeza visual (AV), del examen del cristalino y los antecedentes quirúrgicos por catarata o la razón por la que no se la había operado. La AV se evaluó mediante un optotipo de Snellen con la letra "E" con tamaños de 20/60 y de 20/200 a una distancia de 6 m y 3 m, respectivamente, con la corrección disponible (lentes). Cuando la AV resultó menor de 20/60 en alguno de los ojos, se evaluó la visión con agujero estenopeico. RESULTADOS: La prevalencia de ceguera bilateral (AV < 20/400) ajustada según la edad y el sexo en personas de 50 años o más fue de 2,1% (IC95%: 1,7 a 2,6%). La catarata fue la principal causa de ceguera bilateral (53...

Aids e envelhecimento: características dos casos com idade igual ou maior que 50 anos em Pernambuco, de 1990 a 2000

Pottes,Fábia Alexandra; Brito,Ana Maria de; Gouveia,Giselle Campozana; Araújo,Ednaldo Cavalcante de; Carneiro,Rosa Maria
Fonte: Associação Brasileira de Pós -Graduação em Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Pós -Graduação em Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.04%
Não há consenso na literatura sobre o comportamento clínico-epidemiológico de pessoas com aids de diferentes faixas etárias. Alguns autores defendem que as pessoas com mais de 50 anos de idade são afetadas pela epidemia da aids de forma semelhante às pessoas jovens. O presente estudo propõe-se a comparar características sociodemográficas e clínico-epidemiológicas dos casos de aids com idade igual ou maior que 50 anos, com aqueles de 20 a 39 anos, residentes em Pernambuco e diagnosticados entre 1º de janeiro de 1990 e 31 de dezembro de 2000. Desenvolveu-se um estudo observacional, do tipo seccional, de base populacional, com dados secundários dos casos notificados à Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco, seguindo-se de revisão de prontuários médicos. Foram incluídos 3.565 casos de aids, sendo 10,8% com 50 anos ou mais e 89,2% com 20 a 39 anos. As taxas de incidências ano a ano comportaram-se de maneira semelhante para os dois grupos etários, ao longo do período estudado, exceto para os dois últimos anos, com um incremento do grupo com mais de 50 anos. Estimou-se as razões de prevalência (RP) para as variáveis incluídas, não tendo sido encontradas diferenças em relação ao sexo, contagem de linfócitos T CD4+ e doenças associadas. Por outro lado...