Página 1 dos resultados de 344 itens digitais encontrados em 0.168 segundos

Prática de Ensino Supervisionada em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico

Jézero, Débora Alexandra Vilas Boas
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação Publicador: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
85.84%
O presente relatório, realizado no âmbito do curso de Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico, no ano letivo de 2010/2011, expressa o trabalho desenvolvido no âmbito da unidade curricular de Prática de Ensino Supervisionada. Para enquadrar os estágios realizados, caraterizam-se a instituição, os grupos de crianças, bem como se descrevem, analisam e fundamentam algumas das experiências de aprendizagem desenvolvidas no âmbito da Educação Pré-Escolar e 1º Ciclo do Ensino Básico. As estratégias implementadas visaram, sobretudo, a participação ativa das crianças, proporcionando um ambiente de grupo e um espírito de entreajuda. No âmbito da Educação Pré-Escolar as experiências de aprendizagem desenvolvidas foram planeadas de acordo com o projeto curricular de grupo e o plano anual da instituição. No 1º Ciclo do Ensino Básico, o trabalho teve como suporte as planificações mensais da turma. Procurámos, contudo, conjugar as orientações curriculares ou programáticas com os interesses e necessidades do grupo. No final do relatório apresentamos uma reflexão crítica acerca do percurso desenvolvido durante a Prática de Ensino Supervisionada tendo em conta os fatores essenciais como o ambiente educativo...

Educação Pré-Escolar e primeiro ano do primeiro ciclo do Ensino Básico : que relações pedagógicas e vínculos didácticos?

Laranjeiro, Maria Isabel Cadete
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
65.8%
Dissertação de Mestrado em Supervisão Pedagógica apresentada à Universidade Aberta; O presente estudo centra-se na sequencialidade entre a Educação Pré-Escolar (EPE) e o Primeiro Ciclo do Ensino Básico (1ºCEB). Funda-se no pressuposto de que a transição entre ciclos ao longo dos percursos educativos é uma questão fulcral, na óptica da articulação e da continuidade, factores decisivos para o sucesso educativo. A investigação desenvolveu-se a partir de dois grandes eixos de análise: um, o papel da EPE e as competências consideradas essenciais promover nesse nível educativo; outro, a continuidade no processo educativo das crianças entre este nível e o 1º ano do 1º ciclo. Fundamentou-se em estudos, teorias e orientações sobre o papel da educação de infância e das articulações curriculares entre estes dois graus educativos, mais especificamente, sobre as orientações curriculares para os dois níveis e sobre os modelos pedagógicos mais adoptados nos seus processos de ensino e aprendizagem. A pesquisa decorreu durante o ano de 2010 num Agrupamento de Escolas de Lisboa, inscrevendo-se no design de um estudo de caso, uma vez que se pretende descrever, analisar e compreender aprofundadamente o fenómeno da transição entre a EPE e o 1ºCEB...

A gestão curricular em turmas com diferentes anos de escolaridade : conceções e práticas pedagógicas dos professores do 1º CEB

Machado, Fátima Susana Araújo
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
85.85%
Dissertação de mestrado em Estudos da Criança (área de especialização em Integração Curricular e Inovação Educativa); Este trabalho de dissertação explana sobre uma realidade caraterística das escolas do 1.º Ciclo do Ensino Básico (CEB) em Portugal, a das turmas constituídas por diferentes anos de escolaridade. Do ponto de vista teórico, o estudo inicia por caraterizar o professor e a escola do 1.º CEB e a estreita ligação destes elementos com os meios rurais. Posteriormente, tentamos conceptualizar as turmas com diferentes anos. No entanto, a relativa escassez de bibliografia nacional sobre a temática fez-nos relacionar o objeto em estudo com as turmas multi-grade, designação anglo-saxónica para esta realidade, bem como com as turmas multisseriadas, termo também encontrado em referências vindas do contexto brasileiro. Ao nível da fundamentação teórica, apresentamos também o conceito de diferenciação curricular e pedagógica, uma vez que se considera ser este um contributo fundamental para o trabalho a realizar neste tipo de turmas. Apresentam-se ainda quatro modelos curriculares que se apreciam como diferentes e inovadores, no sentido de apontar caminhos alternativos para o trabalho curricular e pedagógico em turmas com estas caraterísticas. Ao nível do estudo empírico...

A compreensão do tempo e do tempo histórico pelas crianças: um estudo de caso com alunos portugueses do 1º. CEB; Understanding time and historical time by children: a case study with portuguese student of the first cycle of basic education; La comprensión del tiempo y del tiempo histórico en los niños: un estudio de caso con alumnos portugueses del 1.º CEB

Solé, Maria Glória Parra Santos
Fonte: Universidade Estadual de Maringá. Departamento de História. Programa de Pós-Graduação em História de Maringá-Paraná Publicador: Universidade Estadual de Maringá. Departamento de História. Programa de Pós-Graduação em História de Maringá-Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /04/2015 POR
Relevância na Pesquisa
75.75%
Este estudo é uma parte da investigação realizada em tese de doutoramento intitulada: “O ensino da História no 1.º Ciclo: a concepção do tempo histórico nas crianças e os contextos para o seu desenvolvimento” (Solé, 2009), realizado com alunos do 1.º CEB (6-10 anos) numa escola do norte de Portugal. O estudo foi realizado em duas turmas, uma no 1º/2º ano (24 alunos) e a outra no 3.º/4.º ano (25 alunos), ao longo de dois anos escolares. Esta investigação insere-se no quadro da investigação de natureza interpretativa, é predominantemente qualitativa (Erickson, 1986) e pode-se considerar um estudo de caso longitudinal (Yin, 2003), pois descreve o processo de aprendizagem e de compreensão do tempo histórico das crianças do 1.º ao 4.º ano de escolaridade, de dois grupos turma durante dois anos. Segundo a tipologia proposta por Stake (2000), pode ser considerado também um estudo de caso instrumental na medida em que se pretendeu evidenciar como é que as crianças desenvolvem conceitos de tempo e as dificuldades sentidas no processo de ensino aprendizagem, assim como compreender como essa aprendizagem é realizada através de diversas estratégias e procedimentos.; Current analysis is a segment in the investigation for the doctoral thesis titled ‘The Teaching of History in the First Cycle of Basic Education: The concept of historical time in children and the contexts for their development’ (Solé...

A gestão curricular em escolas do 1.º Ciclo de um agrupamento de escolas: entre os projetos, os discursos e as práticas; Curriculum management in 1st CEB schools of a school grouping: among the projects, the speeches and the practices

Martins, Maria Adelina da Conceição
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 08/01/2015 POR
Relevância na Pesquisa
85.8%
Tese de doutoramento em Estudos da Criança (especialidade em Currículo e Supervisão em Educação Básica); Este estudo insere-se no projeto de investigação da FCT “Contextos e práticas colaborativas de investigação curricular na educação básica” e enquadra-se nas perspetivas do desenvolvimento curricular, do currículo e da gestão curricular, que fundamentam as opções sobre o que ensinar, como organizar as aprendizagens e como avaliar os seus resultados. Pretende-se realizar um estudo que percecione como se concebe e organiza o Currículo no plano teórico da construção dos documentos estruturantes do Agrupamento que se constituem como referentes na elaboração das planificações pautadas pelo rigor e coerência; como se organiza o trabalho docente em contexto de sala de aula, respeitando os tempos de execução de cada um e adequando as metodologias e estratégias na procura da prossecução da eficácia; que relação pedagógica se estabelece entre os atores; em suma quais os modelos de gestão curricular que estão a surgir por influência da “escola a tempo inteiro” e de outras medidas introduzidas no currículo e na organização da escola que poderão resultar em dispositivos de integração e práticas de inovação. Esta pesquisa privilegiará as metodologias qualitativas...

Prática de ensino supervisionada em pré-escolar e em 1º ciclo do ensino básico: as conceções da leitura e da escrita

Cardoso, Ana Marta Marchã
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
75.73%
O presente relatório da Prática de Ensino Supervisionada (PES) emerge da observação e participação no contexto da PES em pré-escolar, na Escola Básica e Jardim de Infância do Bacelo e em 1º Ciclo do Ensino Básico (CEB) na Escola Básica e Jardim de Infância dos Canaviais, ambas pertencentes ao Agrupamento nº 4 de Évora. O principal objetivo foi compreender que conhecimentos possuem as crianças sobre a funcionalidade da leitura e da escrita e sobre os seus suportes antes e após a entrada no ensino formal obrigatório. Para isso, importa contextualizar a ação com uma breve descrição e análise dos ambientes educativos e da conceção da ação educativa que norteou a prática. Este relatório encontra-se organizado em três itens basilares precedido por uma Introdução e finalizado por uma Conclusão reflexiva de todo o trabalho. A primeira parte refere-se ao quadro teórico que sustenta a investigação do tema - Conceções da leitura e da escrita - na prática. Segue-se a segunda parte que aborda a metodologia aplicada ao longo da PES no âmbito do educador/professor investigador, assim como na entrevista individual semiestruturada e os suportes de escrita que foram avaliados pela análise das respostas dadas ao serem apresentados diversos materiais. Por fim...

O 1º ciclo do ensino básico como "problema" de política educativa: definição de uma problemática em torno do conceito de "escola a tempo inteiro"

Pires, Carlos
Fonte: CIED – Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais Publicador: CIED – Centro Interdisciplinar de Estudos Educacionais
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
85.76%
No centro desta reflexão teórica situa-se a conjuntura sociopolítica que fez (re)emergir o 1.º ciclo do ensino básico como “problema” de política educativa, ou seja, como terreno prioritário para o Estado, através do Governo, formular e executar um “modelo” de operacionalização da política de “Escola a Tempo Inteiro” (ETI). Analisamos esta política reportando-a a referenciais de representação de um “novo modelo educativo” (dimensão educativa), de um “novo paradigma de escola pública” (dimensão política) e de uma “nova conceção de administração da educação” (dimensão administrativa). O recurso ao quadro heurístico da “análise das políticas públicas” permite pôr em evidência as representações e a ação governativas.; Abstract: At the centre of this theoretical reflection is the socio-political conjuncture that (re)emerged the 1st. cycle of basic education as an education policy “problem”, that is to say, a priority ground to the State, through the Government, create and implement an operational “model” for “full-time school” policy. We analyse this policy by referring to the referential representation of a “new educational model” (educational dimension)...

Os programas de matemática do ensino básico de 1990 e de 2007 e o processo de implementação do programa de 2007, no 1º ciclo do Ensino Básico

Alpalhão, Carla Margarida Nunes
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /10/2010 POR
Relevância na Pesquisa
75.8%
Mestrado em Educação Matemática na Educação Pré – Escolar e nos 1.º e 2.º Ciclos do Ensino Básico; O presente estudo tem como objectivos fazer uma análise comparativa entre dois programas de matemática para o 1º ciclo do Ensino Básico, o de 1990 e o Novo Programa de Matemática do Ensino Básico (NPMEB)1 de 2007, e acompanhar o processo de implementação deste último, nos 1º e 3º anos de escolaridade, num agrupamento de escolas do Concelho de Oeiras, no ano lectivo 2009/2010. Com estes objectivos, este estudo centra-se na análise dos referidos programas e no trabalho desenvolvido, por um formador e um grupo de formandos na implementação do NPMEB. Em 2009/2010 o NPMEB foi implementado em cerca de 400 agrupamentos de escolas do país. A partir de 2010/2011, o NPMEB foi implementado em todas as escolas. A investigação segue um paradigma qualitativo, baseada na observação de sessões de formação, sessões de acompanhamento em sala de aula e duas entrevistas às formandas. Foram ainda feitas entrevistas a uma das professoras responsáveis pelo NPMEB e a uma professora que esteve envolvida no processo de avaliação do programa de 1990. As fontes documentais analisadas foram os programas de matemática de 1990 e de 2007...

Materiais didáticos no ensino e aprendizagem da matemática

Silva, Céline Alves da
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2014 POR
Relevância na Pesquisa
105.92%
O relatório final de estágio apresenta-se no âmbito do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Este inclui uma reflexão crítica relativamente às unidades curriculares de Prática de Ensino Supervisionada (II e III), em contexto de estágio, no 1.º Ciclo do Ensino Básico e na Educação Pré-Escolar. O relatório contempla ainda uma investigação cuja temática se centra na área da Matemática. Para a realização da primeira parte do relatório, foram utilizados diversos materiais construídos e implementados ao longo das PES II e III, bem como autores de referência, de forma a fundamentar o texto. Relativamente à segunda parte do relatório final de estágio foi realizada uma investigação de caráter qualitativo, que teve como principal objetivo perceber de que forma a utilização de materiais didáticos, em aulas do 1.º Ciclo do Ensino Básico, influencia a aprendizagem da Matemática, num tópico muito particular: números racionais. Desta forma, foi realizado um teste diagnóstico de forma a perceber o conteúdo em que os alunos sentiam mais dificuldades. Posteriormente, foram desenvolvidas três tarefas diferentes, utilizando materiais didáticos distintos e, foi ainda realizada uma entrevista semiestruturada aos três participantes do estudo. A análise dos dados recolhidos permitiu concluir...

Prática de ensino supervisionada em educação pré-escolar do 1º ciclo do ensino básico: a função reguladora da avaliação

Esperança, Isolinda Rosa Pintado Bailote
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
85.87%
O presente relatório da Prática de Ensino Supervisionada (PES) resulta da observação e participação no contexto da PES em Pré-Escolar, na Escola Básica e Jardim de Infância dos Canaviais, pertencente ao Agrupamento n.º4 de Évora e da PES em 1.º Ciclo do Ensino Básico na Escola Básica Sr.ª da Glória, pertencente ao Agrupamento Manuel Ferreira Patrício de Évora (anteriormente designado Agrupamento n.º1 de Évora). Este relatório está centrado na temática da função reguladora da avaliação e tem como objetivo compreender e refletir sobre a avaliação e como as práticas de avaliação formativa promovem as aprendizagens e regulam a ação dos educadores/professores na sala de aula/atividades. Partindo de um quadro teórico como referência, e utilizando as escalas de avaliação ECERS – Edição Revista, como instrumento de análise da qualidade do ambiente educativo no contexto da sala de aula em pré-escolar, assim como o Sistema de Acompanhamento de Crianças (SAC) como instrumento de avaliação do contexto, em duas dimensões: o bem-estar emocional e a implicação das crianças no contexto educativo. Estes instrumentos permitiram-me conhecer o contexto mais aprofundadamente, conduzindo a uma consolidação da ação educativa. No que concerne ao 1.º Ciclo do Ensino Básico...

Desempenho de habilidades motoras de manipulação de objetos, em crianças do 2º Ciclo do Ensino Básico, e o seu envolvimento no bullying escolar; Performance of motor skills in object manipulation in children of the 2nd Cycle of Basic Education, and its involvement in school bullying

Bastos, José Américo Baptista
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
75.72%
Relatório de estágio de mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário; Este documento tem como objetivo relatar todos os acontecimentos relativos ao meu ano de estágio numa escola do distrito de Braga. É resultante de inúmeras reflexões que se espera do professor atual, um professor reflexivo proporcionado pela dinâmica dos contextos no qual está inserido, contextos se alteram com rapidez, exigindo do professor uma capacidade de rapidamente arranjar soluções e alternativas para problemas inesperados. O ano de estágio, momento em que o professor finalmente pode colocar todas as suas aprendizagens teóricas em prática, é um momento fundamental e de extrema importância para a aprendizagem do candidato a professor e o relatório de estágio uma ferramenta essencial para organizar e direcionar todos os seus pensamentos e reflexões. Durante este ano tive a meu cargo uma turma do 6º ano letivo, sendo que também acompanhei uma turma do 5º ano, uma direção de turma, além de colaborar nas aulas de motricidade motora para alunos do pré-escolar e 1º ciclo do ensino básico, e também nas atividades organizadas e dinamizadas pelo grupo de educação física da escola. O relatório divide-se em três partes: a primeira diz respeito à organização e gestão do processo de ensino e da aprendizagem; a segunda parte diz respeito à participação na escola e relação com a comunidade; a terceira parte diz respeito à investigação e desenvolvimento profissional. Nesta última parte pretendeu-se estudar as relações entre o desenvolvimento motor de habilidades de manipulação de objetos e o envolvimento em situações de bullying...

Prática de ensino supervisionada em educação pré-escolar e ensino do 1º ciclo do ensino básico: desenvolver o cálculo mental

Amante, Ana Inês Reis
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
85.95%
O presente relatório de estágio diz respeito à investigação realizada no âmbito das unidades curriculares de Prática de Ensino Supervisionada em Educação Pré-Escolar e no 1.º Ciclo do Ensino Básico, integrantes do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico da Universidade de Évora. As práticas foram realizadas no Jardim-de-Infância da Cruz da Picada e na Escola Básica do Bairro Senhora da Glória, com uma turma de 4.º ano. A investigação pretendeu compreender, analisar e refletir relativamente ao desenvolvimento do cálculo mental por parte das crianças, tendo como orientação responder às seguintes questões: Que nível de cálculo exibem as crianças? Que tipos de relações numéricas estabelecem as crianças? Que estratégias de cálculo é que elas demonstram? Que representações adotam as crianças? Que dificuldades revelam? A investigação a que este relatório se refere desenvolveu-se no segundo semestre do ano letivo de 2013/2014 em contexto de Pré-escolar e no primeiro semestre do ano letivo de 2014/2015 em contexto de 1.º Ciclo, dando oportunidade de recolher dados relativamente ao desenvolvimento do cálculo mental nas crianças nos dois contextos. Nesta recolha foram utilizadas as diversas técnicas...

O património local como recurso para o desenvolvimento de competências essenciais da história no 1.º ciclo

Rebelo, Marta Sofia Santos
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2015 POR
Relevância na Pesquisa
85.87%
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Ensino do 1.º e do 2.º Ciclo do Ensino Básico; O presente relatório intitulado O património local como recurso para o desenvolvimento de competências essenciais da História no 1.º ciclo cumpre um dos requisitos para a obtenção do grau de mestre em Ensino do 1.º e 2.º Ciclo do Ensino Básico, na Escola Superior de Educação de Lisboa. Partindo da intervenção realizada no âmbito da Unidade Curricular de Prática de Ensino Supervisionado II numa turma do 3.º ano de escolaridade do 1.º Ciclo do Ensino Básico, este documento pretende refletir sobre essa prática, evidenciando como pode uma abordagem ativa ao património local contribuir para a formação de alunos historicamente competentes e, bem assim, para o desenvolvimento de competências transversais às restantes áreas disciplinares. Começou por estabelecer-se um breve quadro conceptual, no qual, fundamentalmente, se definiu o conceito de património local e se evidenciou a sua intrínseca relação com a construção de uma identidade local e nacional, se situou o estudo desta temática no 1º CEB, se esclareceram quais as competências específicas da História a atingir nesse mesmo ciclo de ensino e se justificaram as atividades e estratégias adotadas na sua abordagem. Passou-se então ao relato e à análise da prática desenvolvida...

Prática de ensino supervisionado no 1.º e 2.º ciclo do ensino básico: esquemas organizadores facilitadores da aprendizagem em História e Geografia

Ferreira, Joana Sofia Pires
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2014 POR
Relevância na Pesquisa
65.81%
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Ensino de 1.º e 2.º Ciclos do Ensino Básico; O presente relatório final, intitulado esquemas organizadores facilitadores da aprendizagem em História e Geografia, constitui-se como um requisito para a obtenção de grau de mestre em Ensino do 1.º e 2.º Ciclo do Ensino Básico, na Escola Superior de Educação de Lisboa. Trata-se de um documento reflexivo sobre a intervenção realizada em turmas de 1.º ciclo e 2.º ciclo, no âmbito da Prática de Ensino Supervisionada, centrada nos contributos dos esquemas síntese e dos mapas concetuais para a construção e consolidação de conhecimentos na área da História e Geografia. Com base nos contextos socioeducativos e na prática pedagógica desenvolvida, a problemática de investigação explicita a utilização de esquemas-síntese e mapas concetuais como estratégia com impacto positivo no desenvolvimento de competências de leitura, interpretação, seleção e organização da informação, ao mesmo tempo que assegura a aquisição e mobilização de técnicas de expressão escrita, focadas nas áreas disciplinares de Estudo do Meio Social (1.º Ciclo) e História e Geografia de Portugal (2.º Ciclo). A investigação desenvolvida permite ilustrar as potencialidades destas ferramentas de trabalho na consolidação de conhecimentos e no desenvolvimento de competências e...

A docência nas atividades de enriquecimento curricular - dificuldades sentidas e processos de supervisão

Batista, Rosália Maria Hermínio Pedro
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
75.7%
A docência é hoje, mais do que nunca, uma profissão complexa e envolvente que exige do professor uma constante reflexão sobre o seu desempenho, em ligação com as necessidades crescentes dos alunos, reflexo de uma sociedade sempre em mudança e, cada vez mais exigente. Nesta conjuntura, a supervisão pedagógica, que se pretende um processo reflexivo e colaborativo (Alarcão e Tavares, 2003), capaz de potenciar no professor desenvolvimento pessoal e profissional, de forma a acompanhar a mudança da sociedade e as necessidades inerentes, tem vindo a surgir com uma importância crescente nas escolas e nos sistemas educativos. Em Portugal, nos últimos anos, a escola tem assumido a responsabilidade de proporcionar às crianças, um período de funcionamento alargado, que se traduz pelo desenvolvimento, nos estabelecimentos públicos do 1º ciclo, de Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC) que, como quaisquer outras atividades que envolvam momentos de ensino-aprendizagem, deverão integrar a prática supervisiva. Neste estudo, pretendemos compreender as dificuldades sentidas e os processos de supervisão no âmbito da docência nas Atividades de Enriquecimento Curricular. Para tal, formulámos algumas questões e estabelecemos os objetivos...

A docência nas atividades de enriquecimento curricular - dificuldades sentidas e processos de supervisão

Batista, Rosália Maria Hermínio Pedro
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
75.7%
A docência é hoje, mais do que nunca, uma profissão complexa e envolvente que exige do professor uma constante reflexão sobre o seu desempenho, em ligação com as necessidades crescentes dos alunos, reflexo de uma sociedade sempre em mudança e, cada vez mais exigente. Nesta conjuntura, a supervisão pedagógica, que se pretende um processo reflexivo e colaborativo (Alarcão e Tavares, 2003), capaz de potenciar no professor desenvolvimento pessoal e profissional, de forma a acompanhar a mudança da sociedade e as necessidades inerentes, tem vindo a surgir com uma importância crescente nas escolas e nos sistemas educativos. Em Portugal, nos últimos anos, a escola tem assumido a responsabilidade de proporcionar às crianças, um período de funcionamento alargado, que se traduz pelo desenvolvimento, nos estabelecimentos públicos do 1º ciclo, de Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC) que, como quaisquer outras atividades que envolvam momentos de ensino-aprendizagem, deverão integrar a prática supervisiva. Neste estudo, pretendemos compreender as dificuldades sentidas e os processos de supervisão no âmbito da docência nas Atividades de Enriquecimento Curricular. Para tal, formulámos algumas questões e estabelecemos os objetivos...

O ensino experimental das ciências: mudança concetual a partir das conceções alternativas dos alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico; The experimental teaching of sciences: conceptual change based on pupils’ alternative conceptions of the 1st cycle of Basic Education

Fernandes, Luciana Patrícia Franco
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
85.83%
Relatório de estágio de mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico; O presente estudo foi realizado no âmbito da Unidade Curricular de Prática Pedagógica de Ensino Supervisionada, do 2.º ano do ciclo de estudos, conducente ao grau de mestre em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico, no ano letivo de 2014/2015 e intitula-se O ensino experimental das ciências: mudança concetual a partir das conceções alternativas dos alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Os objetivos definidos para esta investigação são os seguintes: estimular o interesse pelas ciências, através da utilização do ensino experimental; desenvolver atitudes científicas nos alunos; detetar conceções alternativas dos alunos sobre tópicos do currículo do Estudo do Meio; promover atividades experimentais que possibilitem o confronto das conceções alternativas dos alunos com evidências experimentais; analisar o impacto das atividades na evolução das ideias dos alunos; promover experiências de aprendizagem ativas e significativas e realizar atividades de forma autónoma, responsável e em colaboração. O projeto de intervenção foi realizado em contexto de sala de aula, com vinte e seis alunos de uma turma do 4.º ano de escolaridade do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Adotou-se...

Educação literária: o texto dramático no 1.º ciclo do ensino básico; Literary education: the dramatic text in 1st cycle of basic education

Barroso, Sandra Cristina Faria
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
85.83%
Relatório de estágio de mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico; O presente trabalho de investigação é parte integrante da Unidade Curricular: Prática de Ensino Supervisionada II (PES II), prevista no plano de estudos do Mestrado em Educação Pré-escolar e Ensino no 1º Ciclo do Ensino Básico, e foi desenvolvido na turma do 3º ano da Escola Básica/Jardim de Infância de Alvelos, Barcelos. A observação e a análise documental realizadas conduziram a um conhecimento alargado das caraterísticas e necessidades do contexto de estágio. Esse conhecimento permitiu a deteção de algumas necessidades no âmbito da língua materna, nomeadamente, a nível da fluência na leitura, da ortografia e da compreensão e interpretação de textos, a par de um grande interesse pelo teatro e pelas técnicas dramáticas. Portugal é um dos países que mais horas dedica à aprendizagem da língua materna, porém encontra-se nos últimos lugares no que diz respeito à sua eficiência. Neste sentido, e uma vez que o texto dramático é o parente pobre das práticas literárias nas escolas do 1º Ciclo do nosso país, impunha-se a necessidade de um trabalho com este género textual. Assim, consciente da necessidade atual de incentivar as práticas em torno de uma educação literária de qualidade nas escolas do 1º Ciclo do Ensino Básico...

Educação literária: a hora do conto no 1º ciclo do ensino básico; Literary education: the story time in 1st cycle of basic education

Nogueira, Silvana Lopes
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
85.84%
Relatório de estágio de mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico; O presente trabalho foi desenvolvido no âmbito da Prática de Ensino Supervisionada II (PESII), do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1ºCiclo do Ensino Básico, e contou com a participação de um grupo de crianças do 3º ano de escolaridade do Centro Escolar de Maximinos, Braga. Tal como o título indica: Educação Literária: A Hora do Conto no 1º Ciclo do Ensino Básico, o projeto decorreu em torno da Educação Literária tendo como preocupação o desenvolvimento de competências literárias das crianças através da atividade pedagógica e educativa: Hora do Conto. Este projeto de intervenção e investigação surgiu devido ao desinteresse demonstrado pelas crianças, relativamente à biblioteca da sala e à falta de hábitos de leitura, mas também, devido às dificuldades demostradas na compreensão e interpretação de textos. Dificuldades refletidas nas avaliações, principalmente de Português. Além disso, as crianças apresentavam comportamentos menos próprios relativamente ao manuseamento e preservação dos livros que era necessário modificar. A escola enquanto entidade educativa tem de promover o desenvolvimento holístico do aluno...

Discursos sobre a infâcia em formação inicial de professores - Portugal nas últimas décadas; Discursos acerca de la infancia en la formación inicial de profesores – portugal en las últimas décadas; Speeches on Childhood In Early Teacher Training – Portugal In The Last Decades

Pereira, Fátima
Fonte: Linhas Críticas; Critical Lines Publicador: Linhas Críticas; Critical Lines
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2010 POR
Relevância na Pesquisa
85.73%
O texto aborda algumas dimensões de um estudo realizado no âmbito de uma tese de doutoramento em Ciências da Educação que pretendeu conhecer e compreender as concepções sobre a infância que se exprimem na – ou se relacionam com a – formação inicial de professores do 1º CEB, em Portugal desde Abril de 1974. Configurou-se uma problematização multirreferencial em torno da gestão discursiva da crise da infância moderna, da profissionalidade docente e da instituição escolar em tempos de modernidade tardia. A dimensão morfológica do estudo constituiu-se pela configuração e o mapeamento social de narrativas sobre a infância que se identificaram na interpretação dos campos discursivos produzidos na análise. Identificaram-se, ainda, narrativas sobre a profissionalidade docente e sobre a educação escolar com as quais as narrativas sobre a infância se articulam de forma particular. Apresenta-se sucintamente a problemática, a dimensão metodológica e alguns dos resultados do estudo, realçando-se os que dizem respeito às transformações verificadas nos discursos, no período em análise, e ao mapeamento social das narrativas da infância.; El texto aborda algunas dimensiones de un estudio realizado en el ámbito de una tesis de doctoramiento en ciências de la educación que intentó conocer y comprender lãs concepciones acerca de la infância que se exprimen o se relacionan con la formación inicial de profesores del 1º ciclo de la enseñanza primaria (CEB)...