Página 8 dos resultados de 1001 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e transtorno por uso de substâncias psicoativas em adolescentes : estudo sobre a sua associação e sobre o efeito clínico e cerebral do tratamento com metilfenidato

Szobot, Claudia Maciel
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
A presente tese aborda a comorbidade entre o Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) e o Transtorno por Uso de Substâncias Psicoativas (TUSP) em adolescentes. Não há uma concordância na literatura quanto ao TDAH ser um fator de risco independente para o TUSP, ao considerar-se o efeito concomitante de potenciais confundidores. Esta é uma questão relevante, pois se de fato existir uma relação causal entre ambos os diagnósticos, como o TDAH inicia antes dos sete anos de idade e apresenta tratamentos efetivos, há um longo intervalo de tempo para o fortalecimento da prevenção primária ao TUSP. Independentemente de uma relação causal entre TDAH e TUSP, a presença de TDAH piora o prognóstico do TUSP. Até o momento, medicações de primeira linha para o TDAH, como o metilfenidato (MFD), não foram avaliadas em adolescentes com esta comorbidade. Além disso, é importante saber se a capacidade do MFD em bloquear o transportador de dopamina (DAT) é preservada mediante a presença do diagnóstico de TUSP, tendo em vista que as substâncias psicoativas (SPAs) ativam o sistema dopaminérgico. Neste trabalho, através de um estudo de caso-controle com adolescentes oriundos da comunidade, o TDAH esteve significativamente associado ao TUSP...

Estudo do processo de desenvolvimento de escolares com transtorno de déficit de atenção e hiperatividade na interação em ambientes digitais/virtuais

Boiaski, Morgana Tissot
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O presente trabalho se propõe a identificar as possíveis contribuições da utilização de ambientes digitais/virtuais de aprendizagem e de convivência no processo de desenvolvimento de escolares que apresentam Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (Tdah), nas áreas social, emocional, escolar e comportamental. Este estudo, de caráter qualitativo, se integra aos trabalhos realizados pelo Núcleo de Informática na Educação Especial – Niee, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Ufrgs e foi realizado junto ao Ambulatório de Dificuldade de Aprendizagem do Hospital Infantil Joana de Gusmão, na cidade de Florianópolis. A pesquisa envolveu o acompanhamento de sete escolares com diagnóstico de Tdah, em tratamento, em sessões semanais e/ou quinzenais, individuais ou em pequenos grupos, durante as atividades interativas no ambiente digital/virtual de aprendizagem e de convivência Eduquito.; The present work intends to identify the possible digital/virtual environments learning’s contributions on the students developing process that present Attention deficit/hyperactivity disorder (ADHD), in the social, emotional, scholar and behavior area. This study, with qualitative character, integrates itself into works realized by the “Núcleo de Informática na Educação Especial” – Niee (Department of Informatic in Special Education) – UFRGS (Federal University of Rio Grande do Sul) and was realized with the “Ambulatório de Dificuldade de Aprendizagem” (Learning’s Deficiency Ambulatory) from the Joana de Gusmão Childhood Hospital...

Fatores associados ao início e à permanência em tratamento com metilfenidato no transtono de déficit de atenção/hiperatividade em adultos

Victor, Marcelo Moraes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Existem muitos tratamentos para o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) em adultos. O metilfenidato é a medicação mais estudada neste transtorno. Embora eficaz, pouco se sabe sobre os fatores associados ao início e ao abandono do metilfenidato em adultos com TDAH. Diversas variáveis sócio-demográficas e clínicas associadas ao início e à permanência em uso de metilfenidato foram avaliadas neste estudo prospectivo de adultos atendidos em um ambulatório especializado em TDAH. Foram diagnosticados 320 pacientes de acordo com os critérios do DSM-IV. O diagnóstico de TDAH foi realizado com a versão para o português do K-SADS, adaptada para adultos. A presença de comorbidades psiquiátricas do eixo I foi avaliada através do SCID-IV. Variáveis categóricas foram analisadas pelo teste do qui-quadrado, seguido de análise dos resíduos. As associações significativas (p ≤ 0,05) foram incluídas conjuntamente em uma regressão logística. Variáveis contínuas foram analisadas através de ANOVA. O abandono pré-tratamento com metilfenidato esteve associado aos diagnósticos de transtorno bipolar e de pânico em remissão e aos diagnósticos atuais de depressão maior, abuso de álcool e transtorno opositor desafiante. A fobia social (atual e em remissão) foi associada ao abandono do tratamento após o início do metilfenidato. Fatores sócio-demográficos e gravidade do TDAH não foram associados aos desfechos estudados. Os achados deste estudo sugerem que as comorbidades desempenham um papel importante no desfecho do tratamento do TDAH em adultos.; There are many treatments available to adult Attention-Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD). The most studied medication in this disorder is methylphenidate. Although effective...

Avaliação da influência de complicações perinatais na etiologia do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade com predomínio de desatenção

Souza, Carla Ruffoni Ketzer de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Introdução O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) afeta entre 3 e 10% das crianças em idade escolar, ocasionando prejuízos no funcionamento individual, acadêmico e social na infância e adolescência. Apesar disso, sua etiologia ainda não é totalmente conhecida. A alta herdabilidade do TDAH leva a crer que fatores genéticos exerçam papel fundamental na predisposição para o transtorno. Entretanto, a ocorrência da patologia vai depender ainda da interação de genes com fatores de risco ambientais. Restam muitas questões a serem esclarecidas, uma delas é se há relação entre os fatores de risco ambientais e a expressão fenotípica, resultando nos diferentes subtipos do TDAH. Objetivo O objetivo do presente estudo é investigar a associação entre complicações perinatais (complicações ocorridas nos períodos pré, peri e pós-natal imediato - CPPs) e TDAH do subtipo desatento (TDAH-D). Método Participaram desse estudo, crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos, provenientes de doze escolas estaduais e de um ambulatório especializado em TDAH de Porto Alegre. Após a realização de extensa avaliação diagnóstica, foram incluídas 124 crianças e adolescentes com o diagnóstico de TDAH-D e 124 controles sem o transtorno...

Ingestão alimentar e níveis séricos de ferro em crianças e adolescentes portadores do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade

Menegassi, Márcia
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Introdução: Diversas pesquisas sobre as causas e os tratamentos para o Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) investigam possíveis deficiências de alguns nutrientes (p.ex., ferro, zinco, magnésio, ácidos graxos poliinsaturados), sensibilidade a certos alimentos e aditivos alimentares que possam estar envolvidos com os sintomas do transtorno. A homeostase do ferro no sistema nervoso central é necessária para o funcionamento normal do cérebro e a redução em sua concentração é acompanhada por alterações na condução das fibras corticais, mudanças nos sistemas dopaminérgicos e serotonérgicos, assim como na formação da mielina. Níveis significativamente baixos de ferritina têm sido observados em crianças com TDAH, correlacionado com a severidade dos sintomas do transtorno. Isto deve-se ao papel do ferro como cofactor da tirosina hidroxilase, enzima limitante envolvida na síntese da dopamina, onde sua deficiência pode alterar a densidade do receptor e da atividade da dopamina. Além disso, o benefício da suplementação de ferro na função atencional de crianças e na redução dos sintomas do TDAH tem sido sugerido por muitos autores. Em contrapartida, outros estudos não confirmam o papel da deficiência de ferro na fisiopatologia do transtorno...

Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade tipo desatento : um estudo de farmacogenômica

Silva, Tatiana Laufer da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Introdução: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) é um transtorno muito comum na infância e adolescência. Apresenta uma série de prejuízos associados, afetando diferentes domínios funcionais. Pesquisas apontam para uma diferença entre os subtipos que podem ser mais do que fenomenológicas, cada subtipo tem um perfil próprio de características epidemiológicas, neuropsicológicas, de evolução e de prejuízos associados. No TDAH, estudos já evidenciam a associação de alguns polimorfismos a reposta ao tratamento; especialmente com metilfenidato, o estimulante mais usado. Os estimulantes bloqueiam a recaptação de dopamina e noradrenalina no receptor pré-sináptico, regulando a concentração desses neurotransmissores na fenda sináptica. Dessa forma, genes envolvidos no sistema dopaminérgico e noradrenérgico são os mais estudados. O gene transportador de dopamina (DAT1) é um gene do sistema dopaminérgico bastante estudado, evidências apontam para uma associação da homozigose de 10 repetiçoes e uma pior resposta ao tratamento com metilfenidato. No sistema noradrenérgico observa-se uma associação do gene receptor adrenérgico alfa2a (ADRA2A) com sintomas atencionais e que a presença do alelo G do ADRA2A está relaciona-se a uma melhor resposta ao tratamento. Entretanto...

Características de personalidade e indicativos de transtorno de déficit de atenção-hiperatividade em universitários fumantes

Aguirre, Alba Lila Recalde
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Este estudo investigou de que modo o uso de cigarro pode estar relacionado com indicativos de Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) e com fatores de personalidade. Participaram 188 universitários fumantes e não fumantes de 18 a 48 anos, em Porto Alegre (Brasil). Foram utilizados o Adult Self Report Scale (ASRS), Bateria Fatorial de Personalidade (BFP) e o Alcohol, Smoking and Substance Involvement Screening Test (ASSIST). Os resultados indicaram que 21,5% dos participantes eram fumantes e 16,9% apresentaram sintomas sugestivos de TDAH. Uma análise de regressão indicou que os fatores que mais influenciaram o uso de cigarro foram o uso de álcool, hipnóticos/sedativos, ecstase e maconha. Os fatores de personalidade preditores de TDAH foram Neuroticismo, Abertura e Extroversão. A combinação de fatores de personalidade e TDAH não foi relevante para determinar o consumo de cigarro. Entretanto, foram observados indícios relacionando a severidade do uso de tabaco com características de Personalidade.; The aim of this study was to investigate how cigarette smoking can be predicted by Attention Déficit-Hyperactivity Disorder (ADHD) and personality factors combined. Participants were 188 undergraduate students...

Prevalence of attention-deficit hyperactivity disorders in students; Distúrbio de hiperatividade com déficit de atenção em estudantes: comparação entre os critérios do DSM-IV e neuropsicológicos

Guardiola, Ana; Fuchs, Flávio Danni; Rotta, Newra Tellechea
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O distúrbio de hiperatividade com déficit de atenção é uma condição frequente em crianças, sendo considerado importante problema médico-social. Caracteriza-se por distúrbios motores, perceptivos, cognitivos e comportamentais, que comprometem o aprendizado de crianças intelectualmente normais. Investigamos a prevalência do distúrbio em 484 estudantes de primeiro grau utilizando os critérios do DSM-IV e neuropsicológicos. A prevalência do distúrbio é 18% considerando-se os critérios do DSM-IV; 3,5%, considerando-se os critérios neuropsicológicos, incluindo, em adição aos aspectos psicométricos e comportamentais, a discrepância no exame neurológico evolutivo, e 3,9% considerando-se a persistência motora. A prevalência da síndrome foi maior nas crianças com mais idade (92,4 meses)com os critérios do DSM-IV e provavelmente foi superestimada, já que podem detectar outros distúrbios do comportamento. Neste contexto, o DSM-IV pode ser usado como rastreamento, desde que apresente adequada performance pré-teste.; Attention-deficit hyperactivity disorder (ADHD) is a common childhood condition, recognized as an important social-medical problem. The syndrome is characterized by motor system, perception, cognition and behavioral disturbances...

Concordância entre observadores para o diagnóstico em adultos do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e transtorno de oposição desafiante utilizando o K-SADS-E; Interrater reliability for diagnosis in adults of attention deficit hyperactivity disorder and oppositional defiant disorder using K-SADS-E

Grevet, Eugenio Horácio; Bau, Claiton Henrique Dotto; Salgado, Carlos Alberto Iglesias; Ficher, Aline; Victor, Marcelo Moraes; Garcia, Christiane; Sousa, Nyvia Oliveira; Nerung, Luciana; Belmonte-de-Abreu, Paulo Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O diagnóstico do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) e do transtorno de oposição desafiante (TOD) em adultos carece de instrumentos adequados. Esta investigação visa avaliar a confiabilidade entre observadores das seções do K-SADS-E adaptadas para os diagnósticos destes transtornos em adultos. As adaptações realizadas se limitaram ao direcionamento das perguntas ao próprio paciente, investigação do início dos sintomas em umperíodomais tardio e abordagemde sintomas próprios de adultos. Seis avaliadores treinados pontuaram 16 entrevistas gravadas. Os coeficientes Kappa foram de 1,00 para o diagnóstico de TDAH no passado, 0,91 para o subtipo no passado, 1,00 para diagnóstico de TDAH atual e 0,95 para o subtipo atual. Os coeficientes Kappa para o TOD foramde 1,00 para o diagnóstico no passado e 0,89 para o diagnóstico atual. Todos os coeficientes tiveramum p<0,001. Os resultados demonstramexcelente concordância para os diagnósticos de TDAH e TOD em adultos utilizando a forma adaptada da versão em português do K-SADS-E.; The diagnosis of attention deficit hyperactivity disorder (ADHD) and oppositional defiant disorder (ODD) in adults lacks adequate assessment instruments. The aim of this investigation is to evaluate the interrater reliability of the sections of K-SADS-E adapted for the diagnosis of these disorders among adults. The adaptations were limited to asking questions directly to the patient...

Estresse e adaptação psicossocial em mães de crianças com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade; Stress and psychosocial adaptation in mothers of children with attention deficit hyperactivity disorder

Bellé, Andressa Henke; Andreazza, Ana Cristina; Wierzchowski, Jan Ruschel; Bosa, Cleonice Alves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O presente estudo investigou o estresse parental em mães de crianças com Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) (n=30), de crianças com TDAH e comorbidade com o Transtorno Opositor Desafiador (TOD) (n=30), e com desenvolvimento típico (n=30). Além disso, foram investigadas possíveis correlações do estresse parental, com as estratégias de coping, apoio social e severidade do TDAH. As mães foram avaliadas a partir dos seguintes instrumentos: Questionário de Suporte Social (SSQ); Inventário de Coping Parental – Área da Saúde – CHIP; Questionário de Estresse Parental para Pais de Criança com Transtorno de Desenvolvimento; MTA SNAP-IV Escala de pontuação para pais e professores. Dentre outros fatores, os resultados indicaram que as mães das crianças com TDAH combinado e TDAH + TOD apresentaram mais estresse parental do que mães de crianças com desenvolvimento típico e que o apoio social, o coping auto-estima e médico atuaram como moderadores do estresse parental.; The present study has investigated the parental stress in mothers of children with Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD) (n=30), in mothers of children with co-morbidity with the Oppositional Defiant Disorder (ODD) (n=30)...

Papel de fatores ambientais adversos, funcionamento familiar e psicopatologia parental na resposta ao tratamento com metilfenidato em crianças e adolescentes com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade

Chazan, Rodrigo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Introdução O Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) está associado a um significativo impacto negativo em diferentes esferas da vida dos pacientes e de seus familiares. O tratamento medicamentoso com metilfenidato (MFD), embora reduza os prejuízos associados ao transtorno, não é universalmente eficaz. Existem poucos estudos sobre fatores preditores de resposta ao MFD e a maior parte das informações origina-se de uma única amostra. Objetivos O presente estudo tem por objetivo avaliar fatores preditores de resposta ao tratamento com MFD em crianças e adolescentes com TDAH. Especificamente, foram estudados fatores clínicos, demográficos, funcionamento familiar, psicopatologia parental e fatores ambientais adversos. Métodos Este é um estudo longitudinal com um design de quase-experimento. Crianças e adolescentes com TDAH e indicação primária de MFD foram tratadas e acompanhadas por 6 meses por psiquiatras da infância e adolescência. Foi utilizado MFD em doses otimizadas até o máximo de efeito ou o surgimento de efeitos colaterais limitantes. A eficácia foi avaliada pelas escalas SNAP-IV e CGI-G, preenchidas pelos pais e pelo médico, respectivamente. Os fatores preditores avaliados pertencem a três dimensões: clínica e demográfica...

Estudo de associação entre polimorfismos -141C Ins/Del e TaqIA da região DRD2/ANKK1 e o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade

Nuss, Andressa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) é uma doença complexa cuja herdabilidade é estimada em torno de 76%. É comum na infância e adolescência, sendo a prevalência mundial de aproximadamente 5% das crianças em idade escolar. Esse transtorno apresenta três subtipos clínicos: predominantemente desatento, predominantemente hiperativo/impulsivo e combinado, onde sintomas das duas outras áreas estão presentes. Como principais candidatos para estudos moleculares com o TDAH, estão os genes codificadores de componentes do sistema dopaminérgico, dentre eles o gene que codifica o receptor D2 de dopamina (DRD2). O estudo tem enfoque em dois polimorfismos: TaqIA (rs1800497), SNP originalmente descrito na região flanqueadora 3’ do DRD2 mas localizado no gene ANKK1 (ankyrin repeat and kinase domain containing 1), e -141C Ins/Del (rs1799732), inserção/deleção localizada na região promotora do gene DRD2. Este estudo verificou a possibilidade de associação destes polimorfismos com o TDAH numa amostra composta por 478 crianças e/ou adolescentes diagnosticados pelo ProDAH-HCPA de acordo com o DSM-IV e seus pais biológicos. Os polimorfismos foram genotipados pela técnica PCR-RFLP. A hipótese de associação foi verificada por método baseado em famílias...

Déficit de atenção e hiperatividade em ratos submetidos à hipóxia-isquemia encefálica neonatal: uma relação possível?

Miguel, Patrícia Maidana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) pode ser causado por fatores genéticos ou ambientais. Dentre os fatores ambientais, as complicações perinatais podem estar relacionadas, como a Hipóxia-isquemia (HI) neonatal. Esse fator ainda é pouco estudado na relação com o TDAH e trabalhos experimentais ainda não foram realizados. Assim, o objetivo do nosso trabalho é investigar se a HI neonatal contribui para o desenvolvimento das características relacionadas ao TDAH na fase adulta em ratos, através do teste do campo aberto e 5-Choice Serial Reaction Time Task (5-CSRTT). Para isso, foram utilizados ratos Wistar machos, divididos em grupo HI e CT. O procedimento de HI consistiu na combinação da oclusão da artéria carótida comum direita ao 7º dia pós-natal com exposição a uma atmosfera hipóxica (8% O2 e 92% N2, durante 90 minutos). Durante a fase adulta, os animais foram submetidos ao teste do campo aberto, durante uma sessão de cinco minutos; e ao teste do 5-Choice Serial Reaction Time Task, durante 16 semanas. Neste teste, os animais são treinados a responder a um estímulo luminoso para receber uma recompensa alimentar e os aspectos atencionais e de impulsividade foram avaliados. Nossos resultados demonstraram que os animais HI apresentaram déficits de aprendizagem e atenção...

Proposta de uma abordagem psicoeducacional em grupos para pacientes adultos com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade; Propuesta de un abordaje psico-educacional en grupos para pacientes adultos con trastorno de déficit de Atención/ hiperactividad; A psychoeducacional approach in group therapy for adult patients with Attention Deficit/Hyperactivity Disorder

Grevet, Eugenio Horácio; Belmonte-de-Abreu, Paulo Silva; Shansis, Flavio Milman
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Os autores do presente artigo propõem, a partir do modelo pedagógico proposto por Antoni Zabala, uma abordagem psicoeducativa grupal para pacientes adultos portadores de Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade. Para tanto, adaptam esta estrutura pedagógica para fundamentar a abordagem de grupos psicoeducacionais. O presente trabalho adiciona uma nova técnica para o tratamento do TDAH no adulto a partir da interface entre a pedagogia e a psicoterapia.; Los autores del presente artículo proponen, a partir del modelo pedagógico propuesto por Antoni Zabala, un abordaje psico-educativo grupal para pacientes adultos portadores del Tratamiento del Déficit de Atención/Hiperactividad. Para tanto, adaptan esta estructura pedagógica para fundamentar el abordaje de grupos psico-educacionales. El presente trabajo adiciona una nueva técnica para el tratamiento del TDAH en el adulto a partir de la interfase entre la pedagogía y la psicoterapia.; TIn this paper the authors suggest a psychoeducative group approach to adult patients with Attention Deficit/Hyperactivity Disorder (ADHD) based on a pedagogic model proposed by Antoni Zabala. This paper intends to present this new technique for the treatment of adults with ADHD. The conceptualization is based on the interface between pedagogy and psychotherapy.

Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e psicologia histórico-cultural

Eidt, Nádia Mara; Tuleski, Silvana Calvo
Fonte: Fundação Carlos Chagas Publicador: Fundação Carlos Chagas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 121-146
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade tem sido evocado como justificativa corrente para o fracasso escolar de um número expressivo de crianças, atribuindo-se a elas a responsabilidade por não aprender e isentando de análise a escola e a sociedade nas quais estão inseridas. A situação se torna mais alarmante uma vez que a literatura a respeito aponta dificuldades no diagnóstico e na intervenção sobre esse tipo de transtorno, devidas à falta de clareza sobre o que é esse quadro clínico e em razão da não existência de estudos consistentes acerca das consequências futuras do uso de estimulantes nas crianças. Para discutir essas questões, a primeira parte do artigo apresenta a concepção hegemônica desse tipo de transtorno e sua compreensão do psiquismo infantil. A segunda parte aborda a maneira como a psicologia histórico-cultural analisa o desenvolvimento da atenção e o controle voluntário do comportamento humano, redimensionando a compreensão sobre o transtorno. Finalmente, são feitas algumas reflexões acerca do processo ensino-aprendizagem em crianças com desenvolvimento parcial das funções psicológicas superiores e do papel da psicologia e da pedagogia na compreensão do fenômeno para que sirvam de subsídio a medidas práticas em relação ao problema.; Attention-deficit hyperactivity disorder has been appointed as the current justification for the scholastic failings of a significant number of children...

Processamento auditivo comportamental e eletrofisiológico em crianças com Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH)

Romero, Ana Carla Leite
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 87 f.
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Pós-graduação em Fonoaudiologia - FFC; Introdução: O transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) e os distúrbios do processamento auditivo têm sido cada vez mais observados nas crianças em idade escolar, e são apontados como um dos principais fatores para o baixo rendimento dessas crianças. Os testes de processamento auditivo, comportamentais e eletrofisiológicos podem ser úteis na investigação da via auditiva central de crianças com TDAH, uma vez que os testes comportamentais revelam déficits funcionais e os testes eletrofisiológicos indicam déficits na integridade e no funcionamento do sistema nervoso auditivo central. Objetivo: Comparar e correlacionar os achados da Avaliação Comportamental e Eletrofisiológica do Processamento Auditivo das crianças com e sem TDAH. Método: Participaram deste estudo 30 crianças na faixa etária de 8 a 12 anos, sendo 15 do grupo controle (sem TDAH) e 15 do grupo pesquisa (com TDAH), com limiares audiométricos dentro dos padrões de normalidade. O grupo controle foi composto por crianças que apresentavam desempenho satisfatório, em português e matemática, por dois bimestres consecutivos, e o grupo pesquisa foi composto por crianças com diagnóstico de TDAH que ainda não estavam em processo de intervenção fonoaudiológica. Como procedimentos de avaliação foram utilizados os testes eletrofisiológicos...

Potencial cognitivo em criancas com transtorno do deficit de atencao com hiperatividade

Romero, Ana Carla Leite; Capellini, Simone Aparecida; Frizzo, Ana Cláudia Figueiredo
Fonte: Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cervicofacial Publicador: Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cervicofacial
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 609-615
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
A literatura tem descrito comorbidades entre os sintomas das crianças com Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) e as alterações de processamento auditivo e tais sintomas têm sido negligenciados na avaliação e, consequentemente, na reabilitação desses indivíduos.OBJETIVO:Comparar os achados do potencial evocado auditivo de longa latência em crianças com e sem TDAH. MÉTODO:Este estudo é de coorte histórica com corte transversal do tipo caso-controle, no qual participaram 30 crianças, com e sem TDAH na faixa etária de 8 a 12 anos. Foi realizado o potencial evocado auditivo de longa latência em duas varreduras, por meio de tarefas passivas diferindo quanto frequência e duração (MMNf e MMNd) e ativas (P300f e P300d). RESULTADOS:Na comparação entre o desempenho das crianças com e sem TDAH no teste de avaliação eletrofisiológica da audição foram observadas diferenças ao nível de significância para a amplitude de P2 da OE, que foi maior para o grupo com TDAH, e para a amplitude e latência de N2, que se mostraram alteradas no grupo com TDAH. CONCLUSÃO:O presente estudo possibilitou maior conhecimento da via auditiva central das crianças com e sem TDAH quando avaliadas a partir de testes eletrofisiológicos.; The literature has described comorbidities among the symptoms of children with Attention Deficit and Hyperactivity Disorder (ADHD) and the auditory processing changes...

Percepção viso-motora de escolares com Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade

Germano, Giseli Donadon; Pinheiro, Fábio Henrique; Okuda, Paola Matiko Martins; Capellini, Simone Aparecida
Fonte: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Publicador: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 337-341
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
PURPOSE: The aim of this study was to characterize and to compare the visual-motor perception of students with Attention Deficit with Hyperactivity Disorder (ADHD) with students with good academic performance. METHODS: Forty students from 2nd to 5th grades of an elementary public school, male gender (100%), aged between 7 and 10 years and 8 months old participated, divided into: GI (20 students with ADHD) and GII (20 students with good academic performance), paired according to age, schooling and gender with GI. The students were submitted to Developmental Test of Visual Perception (DTVP-2). RESULTS: The students of GI presented low performance in spatial position and visual closure (reduced motor) and inferior age equivalent in reduced motor perception, when compared to GII. CONCLUSION: The difficulties in visual-motor perception presented by students of GI cannot be attributed to a primary deficit, but to a secondary phenomenon of inattention that interferes directly in their visual-motor performance.; OBJETIVO: Caracterizar e comparar as habilidades de percepção viso-motoras de escolares com Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) com escolares com bom desempenho acadêmico. MÉTODOS: Participaram deste estudo 40 escolares na faixa etária de 7 anos a 10 anos e 8 meses...

Processos de leitura em escolares com transtorno do déficit de atenção/hiperatividade

Oliveira, Adriana Marques de; Cardoso, Monique Herrera; Padula, Niura A R de Moura; Lourenceti, Maria Dalva; Santos, Lara Cristina Antunes dos; Capellini, Simone Aparecida
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 35-44
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
This study aimed to characterize and compare the performance of students with Attention Deficit Hyperactivity Disorder and students with good academic performance on the readingassessment processes. Forty students ranging from 8 years and 2 months old to 10 years and 11 months old, from both genders, from 1st to 4th grades of elementary level, participated inthis study, distributed in two groups: GI, with 20 students with interdisciplinary diagnosis ofAttention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD), and GII, 20 students with good academic performance,paired with GI according to gender, age and school level. The students wereassessedthrough the Brazilian adaptation of the Assessment Process of Reading – PROLEC, composedof four blocks: identification of letters, lexical, syntactic and semantic processes. Statisticallysignificant difference occurred between GI and GII in the PROLEC tests, with the exception of thesame-different and lexical decision tests, indicating that the students from GI presented inferior performance when compared with students from GII. Regarding the classification of the resultsof PROLEC, there was a statistically significant difference in the lexical, syntactic and semanticprocesses and the letter and sound test...

Discuntindo as concepções de professores do segundo ano do ensino fundamental sobre transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH)

Molina, Débora
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Researches show high rates of school failure on the part of students who are unable to learn, referring to them as the idea of an incapable individual and intended not to achieve the goals proposed during the school year. Among the most varied problems posed by teachers and that are instilled in students in order to justify the poor performance of the same, we find Disorder Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD). Faced with this problem the objective was to investigate teachers‟ conception of the second year of primary education on ADHD, knowing well the mechanisms of identification, confirmation and referral of these cases, as well as the appropriate treatment and teaching practices suggested. To achieve the proposed objective a literature search was performed supplemented by an empirical study in which we used two instruments to collect data: interviews and observation. The study included empirical two teachers from a state school and two teachers from a private school, all of a midsize city in São Paulo. The interviews showed that teachers of second grade of elementary school consider ADHD a neurological problem in order to be addressed, however, chose not to speak about the treatment carried out by drugs. The observations revealed that the discourse of these teachers are away from their practices...