Página 7 dos resultados de 7591 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Perfil dos cuidadores e as dificuldades enfrentadas no cuidado ao idoso, em Ananindeua, PA

Araujo,Jeferson Santos; Vidal,Glenda Marreira; Brito,Felipe Nunes; Gonçalves,Débora Cristina de Abreu; Leite,Djeane Kathe Mascote; Dutra,Claudia Daniele Tavares; Pires,Carla Andrea Avelar
Fonte: Universidade do Estado do Rio Janeiro Publicador: Universidade do Estado do Rio Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.82%
OBJETIVO: Descrever o perfil dos cuidadores de idoso, bem como sua importância e principais dificuldades no ato de cuidar do idoso. METODOLOGIA: Trata-se de estudo transversal descritivo e exploratório realizado pela equipe PET Saúde, em uma Estratégia de Saúde da Família (ESF), no município de Ananindeua, Pará. A coleta de dados foi feita por meio de um questionário semiestruturado abordando aspectos sociodemográficos e questões referentes a importância e dificuldades encontradas pelos cuidadores de idosos. RESULTADOS: Foram entrevistados 31 cuidadores, predominando sexo feminino, estado civil casado, com ensino médio completo, renda entre dois e três salários mínimos, tempo de exercício da função maior que 12 meses, em sua abrangência cuidadores informais e com vínculo de parentesco com o idoso. Os cuidadores reconheceram que é importante a presença de um cuidador e consideraram o idoso sob seu cuidado como saudável. CONCLUSÃO: A maioria dos cuidadores era do tipo informal, caracterizada por mulheres, com vínculo familiar, que destacaram a paciência e a falta de conhecimento como as principais dificuldades do cuidador. Os dados deste estudo se limitam a uma realidade local, necessitando de mais pesquisas para fomentar as particularidades e dificuldades enfrentadas pelos cuidadores.

Consulta de enfermagem ao idoso na atenção primária à saúde: revisão integrativa da literatura

Silva,Kelly Maciel; Vicente,Fernanda Regina; Santos,Silvia Maria Azevedo dos
Fonte: Universidade do Estado do Rio Janeiro Publicador: Universidade do Estado do Rio Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.82%
Trata-se de revisão integrativa da literatura que teve como objetivo conhecer a publicação científica relacionada à consulta de enfermagem ao idoso na atenção primária à saúde. O levantamento bibliográfico abrangeu as seguintes bases de dados: Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS), Bases de Dados em Enfermagem (BDENF), Scientific Eletronic Library Online (SciELO), Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature (CINAHL) e PubMed, no período de 2002 a 2011. Foram analisados cinco artigos, relacionados à temática pesquisada, que sugeriram tanto a necessidade de estabelecer um vínculo enfermeiro-idoso, como a necessidade de o enfermeiro, para realizar uma assistência com qualidade ao idoso, deter conhecimento acerca do envelhecimento. Outro ponto relevante é o acúmulo de atividades realizadas pelos enfermeiros, os quais, devido a essa sobrecarga, têm dificuldades de se dedicar às atribuições específicas de sua categoria profissional, como, por exemplo, a consulta de enfermagem. Diante das buscas na literatura, constata-se que a produção científica acerca da consulta de enfermagem ao idoso no contexto da atenção primária à saúde ainda é incipiente.

Organização da atenção à saúde bucal prestada ao idoso nas equipes de saúde bucal da Estratégia Saúde da Família

Dutra,Cássia Eneida Souza Vieira; Sanchez,Heriberto Fiuza
Fonte: Universidade do Estado do Rio Janeiro Publicador: Universidade do Estado do Rio Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.82%
Este trabalho teve por objetivo realizar uma revisão de literatura sobre a atenção à saúde bucal do idoso, considerando a necessidade de organizar a atenção à saúde bucal para essa faixa etária no cotidiano da Estratégia Saúde da Família. Os dados foram buscados, através da BIREME Biblioteca Virtual em Saúde-BVS, nas bases de dados BBO, MEDLINE e LILACS, em publicações datadas entre 2000 e 2010, na língua portuguesa. Foram encontradas 46 publicações. Também foram pesquisados documentos oficiais, envolvendo políticas de saúde do idoso. Aplicados os critérios de inclusão e exclusão, restaram 23 publicações científicas para análise. Os artigos selecionados confirmam a necessidade de organizar a atenção à saúde bucal do idoso, pois estudos epidemiológicos apontam para a precária condição de saúde bucal desse grupo populacional. A organização da atenção à saúde bucal passa pela necessidade de um planejamento inter e multidisciplinar. A intersetorialidade pode contribuir sobremaneira para a promoção da saúde.

Inconstitucionalidade do art. 94 do Estatuto do Idoso

Oliveira, Juliana Vasconcelos de
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Analisa como a aplicação do art. 94 do Estatuto do Idoso poderá tornar o idoso uma vítima mais vulnerável e trazer diversos benefícios para os infratores que cometem crimes contra idosos, apresentando os princípios constitucionais que foram feridos por este artigo do Estatuto do Idoso.

Conhecimento espec??fico de enfermeiros de um hospital universit??rio acerca do cuidado ao idoso

Silva, Thiago Lago da; Santos, Silvana Sidney Costa; Pelzer, Marlene Teda; Barlem, Edison Luiz Devos; Arrieche, Tatiane Alonso
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.82%
O objetivo deste estudo foi identificar o conhecimento espec??fico de enfermeiros de uma unidade de cl??nica m??dica de um hospital universit??rio do Sul do Brasil, acerca do cuidado ?? pessoa idosa. Foram sujeitos oito enfermeiras, com as quais se utilizou entrevista gravada e cujos depoimentos deram origem ??s categorias de an??lise, assim apresentadas: Pessoa Idosa; Pol??tica Nacional do Idoso; Preparo para Cuidar do Idoso; Cuidados Espec??ficos de Enfermagem para o Idoso. Diante dos resultados, faz-se necess??ria a organiza????o de um curso de aperfei??oamento direcionado ??s enfermeiras investigadas, para que elas passem a ser multiplicadoras em rela????o ?? sua equipe e, assim, possam otimizar a qualidade de cuidados de enfermagem espec??ficos prestado ??s pessoas idosas hospitalizadas. PALAVRAS-CHAVE: Enfermagem; Cuidados de enfermagem; Idoso.; The aim of this study was to identify the nurses??? specific knowledge to take care of old people. It took place on a clinical unit of a university hospital from southern Brazil. Eight female nurses were interviewed. Their speeches originated the categories of analysis that follow: Old People; Old People???s National Policy; Preparation to care of Old people; Nursing Specific care directed to old people. Results show that is necessary to organize an improvement course directed to the investigated nurses...

A questão ambiental para o idoso no habitar em conjuntos habitacionais de interesse social: um estudo de Jacarezinho Recife-PE

Monteiro Alves, Andrezza; Tôrres Aguiar Gomes, Edvânia (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
A sociedade contemporânea apresenta mudanças estruturais na condição humana no que tange a sua longevidade e expectativas de vida. A população de idosos de acordo com os dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) é de que até 2025, o Brasil será o sexto país do mundo com o maior número de pessoas idosas. Este quadro é um reflexo de um contexto que já vem sendo presenciado nos países europeus há algum tempo. O idoso está situado em faixas etárias, mas os valores que referendam esse juízo dependem de características específicas das sociedades onde esses indivíduos vivem, logo a definição de idoso não diz respeito a um indivíduo isolado, mas à sociedade e contexto em que ele vive. Sendo assim a questão do habitar para o idoso fica na relação do tipo de habitação a ele propiciada. Sabendo que habitar e meio ambiente constitui uma relação de meios e fins, nesse sentido, há práticas que necessitam ser analisadas. Qual a expectativa desse indivíduo numa classe de baixa renda, menos privilegiada, e o meio ambiente por ele habitado ou a ele destinado? Como se estabelece essa relação? Essa é uma das perspectivas privilegiadas neste trabalho, para realizá-lo foi utilizado um conjunto de análises teóricas...

Cidadania do idoso: retórica ou realidade?

Sales, Clara Maria da Silva
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
O tema do presente estudo relaciona-se com a análise da Assistência Social assim como se encontra posta pela Lei Orgânica da Assistência Social LOAS, como direito social e mediação para cidadania. Nosso objeto de investigação foi o projeto conviver direcionado à população idosa carente, cujos princípios e diretrizes foram delineados em consonância com a política do idoso. O objetivo principal foi desvendar como e de que forma esse projeto viabiliza a inclusão e a cidadania do idoso. O processo investigativo foi desenvolvido como estudo de caso na instituição OPERAÇÃO FORTALEZA OPEFOR, responsável pela política do idoso em nível municipal, no segundo semestre de 2002. Os dados foram coletados através de entrevista semi-estruturada com os técnicos envolvidos no projeto e com os monitores responsáveis pelos grupos de idosos. Adotamos, ainda a observação direta nas unidades operacionais e oficina de grupo com os idosos cujos dados foram submetidos a uma análise de conteúdo. Os dados demonstram que foram introduzidas algumas medidas para atender as diretrizes propostas pela política do idoso (uma equipe multiprofissional, introdução de novas atividades, treinamento para os monitores dos grupos). No entanto...

A entrevista enquanto avaliação global da saúde do idoso

dos Santos, Evanguelia Kotzias Atherino; Reibnitz Júnior, Calvino; Tognoli, Heitor
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Este objeto começa apresentando instrumentos para a inserção e o aperfeiçoamento do profissional médico na saúde da família e no universo da saúde do idoso. Apresenta um quadro com seis pontos importantes da entrevista e discorre sobre a utilização de instrumentos técnicos já validados, como a avaliação global da pessoa idosa ou a avaliação multidimensional rápida. Segue apontando três objetivos da avaliação do idoso e refere-se ao processo diagnóstico na atenção primária à saúde do idoso como multidimensional, e considera diferentes fatores: o ambiente onde o paciente vive; a relação médico-paciente e médico-familiares; a história clínica com seus aspectos biológicos, psíquicos, funcionais e sociais; o exame físico detalhado. Termina colocando com o essencial o planejamento terapêutico longitudinal, e elenca nove critérios que segundo a OMS colocam os idoso em situação de risco. Unidade 4 do módulo 8 que compõe o Curso de Especialização em Saúde da Família.

Abordagem inicial ao idoso, família e contexto de vida

dos Santos, Evanguelia Kotzias Atherino; Reibnitz Júnior, Calvino; Tognoli, Heitor
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Este objeto inicia abordando o desafio de contribuir para que o idoso possa redescobrir possibilidades de viver a própria vida com a máxima qualidade possível. Comenta sobre a forma “natural” do envelhecimento, a senescência e a forma onde há evolução patológica com perdas e fragilidade, ou seja, a senilidade. Aborda ainda alterações esperadas no processo de envelhecer e a necessária vigilância de todos os membros da Equipe de Saúde, onde em cada etapa deverão considerar os anseios do idoso e de sua família. Segue citando que em suas ações de cuidado ao idoso, os profissionais da saúde desempenham uma variedade de papéis, entre os quais se destacam: cuidador, educador e defensor, sendo que as Equipes de Saúde da Família que se propõem a atender o idoso têm como prioridade a prática do cuidado para a manutenção da independência funcional e da autonomia do indivíduo. Termina comentando que ainda existem poucas e limitadas iniciativas de cuidado à saúde bucal voltadas à população idosa na perspectiva ampla da Promoção da Saúde, com ênfase na Atenção Primária. Unidade 4 do módulo 8 que compõe o Curso de Especialização em Saúde da Família.

Atenção integral à saúde do idoso para dentistas

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Nesta Unidade, buscamos apresentar exemplos práticos e relatos de experiências na atenção básica sobre possibilidades de interlocução entre os membros da Equipe de Saúde da Família - ESF e desta com os Núcleos de Apoio à Saúde da Família – NASF. Com isto, reforçamos a importância do trabalho em equipe interdisciplinar articulado com a comunidade em que, cada vez mais, o saber popular e o científico dialogam na perspectiva de uma atenção à saúde que seja integral e acolhedora, nas diferentes situações que demandam atenção integral à pessoa idosa que busca a unidade básica de saúde. Aqui você chega ao final deste módulo, que teve como foco central a Atenção Integral à Saúde do Idoso. Entre os conteúdos abordados, você teve a oportunidade de rever a abordagem familiar no âmbito social do idoso pelos membros da Equipe da Saúde, as alterações fisiológicas causadas pelo envelhecimento, as demandas odontológicas e as ações do cuidado à saúde bucal do idoso. Também foram discutidos temas como o enfrentamento dos principais agravos à saúde bucal do idoso. Você pôde fazer uma revisão acerca de algumas alterações bucais e reviu a técnica da odontologia de mínima intervenção. Os conteúdos aqui apresentados visam ampliar o escopo de atuação da equipe de saúde bucal na perspectiva da integralidade do cuidado à pessoa idosa.

Práticas educativas na atenção à saúde do idoso para enfermeiro

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
O tópico aborda práticas de promoção de saúde envolvendo ESF/Família/Idoso, com vistas a evitar ou minimizar problemas interferentes para a saúde do idoso, ressalta a importância da integração dos diversos profissionais e da adoção de estratégias educativas para a compreensão do envelhecimento, das parcerias com diversas instâncias, de atividades em grupos e das estratégias para esse fim, além de propor uma reflexão ao final. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Práticas educativas na atenção à saúde do idoso para enfermeiro. Unidade 4 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família

Práticas educativas na atenção à saúde do idoso para médico

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
O tópico aborda práticas de promoção de saúde envolvendo ESF/Família/Idoso, com vistas a evitar ou minimizar problemas interferentes para a saúde do idoso, ressalta a importância da integração dos diversos profissionais e da adoção de estratégias educativas para a compreensão do envelhecimento, das parcerias com diversas instâncias, de atividades em grupos e das estratégias para esse fim, além de propor uma reflexão ao final. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Práticas educativas na atenção à saúde do idoso para médico. Unidade 4 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.

Avaliação multidimensional do idoso: uma abordagem em atenção primária à saúde

Sirena, Sergio Antonio
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.82%
OBJETIVO: Avaliar a eficácia e efetividade de uma abordagem multidimensional em atenção primária à saúde direcionada para a detecção dos problemas de saúde que mais freqüentemente afetam a qualidade de vida dos idosos, em comparação com a prática do atendimento clínico que lhes é dispensado em ambulatórios de atenção primária. METODOLOGIA: Estudo transversal desenvolvido com idosos de 60 anos ou mais atendidos em postos de atenção primária à saúde de Porto Alegre (RS) mediante aplicação de um instrumento de avaliação multidimensional do idoso (AMI), no período de maio a setembro de 2002. Para análise da eficácia do instrumento, foram descritas as prevalências de problemas de saúde obtidos pela sua aplicação a 189 idosos atendidos no período, informações que foram então, comparadas com as registradas nos prontuários de 143 idosos atendidos nas mesmas unidades nos 24 meses precedentes. Para determinar a efetividade da abordagem foi analisado o tempo despendido na avaliação, a opinião dos médicos de família quanto à adequação dos domínios investigados, a relevância do instrumento para a sua prática, sua opinião sobre a utilidade do método e o seu interesse na atenção ao idoso. Foram...

Ambiência de uma emergência hospitalar para o cuidado ao idoso: percepção dos profissionais de enfermagem

Nascimento,Eliane Regina Pereira do; Silva,Sabrina Guterres da; Souza,Bruna Caroline de; Souza,Djeisa Débora de; Germer Netto,Arno
Fonte: Universidade Federal do Rio de Janeiro Publicador: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.82%
O objetivo deste estudo foi conhecer como os profissionais de enfermagem percebem a ambiência de uma emergência hospitalar para o cuidado ao idoso. Trata-se de uma pesquisa exploratório-descritiva, com abordagem qualitativa, realizada com 15 profissionais de enfermagem da emergência de um hospital geral em Santa Catarina, Brasil. Os dados foram coletados no mês de junho de 2013, mediante entrevista semiestruturada. Para análise se utilizou o Discurso do Sujeito Coletivo (DSC). Três Ideias Centrais foram identificadas: Estrutura física inadequada para o atendimento ao idoso; Quantitativo insuficiente de pessoal para atender a demanda e Necessidade de agilidade no atendimento e encaminhamento do idoso. Conclusão: Os resultados apontam que a ambiência do serviço de emergência, contexto do estudo, está aquém do esperado para proporcionar um cuidado adequado aos idosos. Os participantes apontam como sugestões o menor tempo de permanência do idoso na unidade e adequações relacionadas à estrutura física e ao quantitativo de profissionais.

O Idoso Dependente no Domicilio - Perceção de sobrecarga do cuidador informal num concelho do Distrito da Guarda

Coelho, Maria
Fonte: Instituto Politecnico da Guarda Publicador: Instituto Politecnico da Guarda
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.82%
O envelhecimento crescente da população é uma realidade que emerge numa sociedade dita desenvolvida, onde a melhoria das condições de vida e dos dispositivos em saúde levam à sobrevivência de um maior número de pessoas idosos, algumas com doenças crónicas. A mudança dos estilos de vida, uma migração da população mais jovem, a deterioração das redes naturais de ajuda e o custo elevado dos serviços de saúde, implicam a necessidade de uma melhor assistência desta população no domicílio. Todas estas alterações sociais, humanas e tecnológicas, levam por consequente, ao aumento do número de pessoas que necessitam de cuidados cada vez mais complexos, maior probabilidade de cuidados de longa duração, conduzindo a uma maior solicitação de apoios formais e informais. Cuidar do idoso dependente no domicílio, constitui para a família um enorme desafio e acarreta uma elevada sobrecarga. Cumulativamente podem surgir problemas como stress, ansiedade, medo e sofrimento, levando por vezes ao desequilíbrio familiar. Este estudo diz respeito aos cuidadores informais de idosos dependentes no domicílio, tendo como principal objetivo agregar informações sobre a perceção de sobrecarga na prestação de cuidados ao idoso dependente no domicílio...

Violência contra o idoso

Silva, Helena Hubert; Pinto, Maria Eugênia Bresolin
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Aula em Power point narrada na qual são elucidadas as situações de violência domésticas contra o idoso, onde se reconhecem os indicadores da violência contra o idoso, com o conhecimento da legislação pertinente e do conhecimento das redes de apoio, proporcionando uma visão mais ampla ao profissional de saúde da APS.

Introdução à atenção integral à saúde do idoso para dentista

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Introdução para dentista. Unidade 1 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família. Arquivo .zip contendo página html com
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
O tópico mostra que o aumento do tempo de vida, traz novos conhecimentos a respeito de diferentes questões de saúde da crescente população de idosos, mostrando dados da OMS que caracterizam os desafios da saúde pública para a construção de uma vida ativa e autônoma no envelhecimento, sendo necessária a implementação de políticas públicas voltadas especificamente para usuários dessa faixa etária e seus problemas. Apresenta: a Portaria MS 1395/1999, revisada pela Portaria 2528/2006, que dispõe sobre políticas de saúde para o idoso, com eixos orientadores de prevenção de doenças e promoção de saúde, por meio de atividades multidisciplinares; a Portaria 399 que, no âmbito do SUS propõe o Pacto pela Saúde e Diretrizes Operacionais; o Caderno 19 de AB sobre envelhecimento e saúde da pessoa idosa. Mostra, também, os obstáculos políticos, institucionais e técnico-organizativos na formação inicial e permanente dos profissionais de saúde a serem superados para garantir atenção integral e qualificada a essa parte da população. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Introdução para dentista. Unidade 1 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.; 2.0; Ministério da Saúde/OPAS/OMS

Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso para dentistas

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso. Unidade 4 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissio
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Tópico 1 – Educação popular e promoção de saúde do idoso: reflexão a partir de uma experiência de extensão universitária com grupo de idosos em João Pessoa (PB) O tópico apresenta projeto de extensão do Instituto de Nutrição na AB em apoio à ação com grupo de idosos em comunidade, no contexto de Saúde da Família, com a atuação de alunos de graduação em abordagem dialógica. Tópico 2 – Grupo de hidroterapia – fisioterapia aquática do Projeto Mais Viver O tópico rela experiência realizada em S. Bonifácio (SC), município com grade demanda de serviços de fisioterapia, onde grupo de idosos solicitou dos gestores uso de piscina térmica particular já existente para formação de grupo de hidroterapia, tendo sido, a partir daí, organizado o serviço em parceria da SMS, Secretaria de Transportes e Obras, o proprietário da piscina, grupo de idosos, ESF e ACS, resultando no Projeto Mais Viver a partir de 2009. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso. Unidade 4 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.; 2.0; Ministério da Saúde/OPAS/OMS

Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso para enfermeiro

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde Do idoso para enfermeiro. Unidade 5 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especializaçã
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Tópico 1 – Educação popular e promoção de saúde do idoso: reflexão a partir de uma experiência de extensão universitária com grupo de idosos em João Pessoa (PB) O tópico apresenta projeto de extensão do Instituto de Nutrição na AB em apoio à ação com grupo de idosos em comunidade, no contexto de Saúde da Família, com a atuação de alunos de graduação em abordagem dialógica. Tópico 2 – Grupo de hidroterapia – fisioterapia aquática do Projeto Mais Viver O tópico rela experiência realizada em S. Bonifácio (SC), município com grade demanda de serviços de fisioterapia, onde grupo de idosos solicitou dos gestores uso de piscina térmica particular já existente para formação de grupo de hidroterapia, tendo sido, a partir daí, organizado o serviço em parceria da SMS, Secretaria de Transportes e Obras, o proprietário da piscina, grupo de idosos, ESF e ACS, resultando no Projeto Mais Viver a partir de 2009. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde Do idoso para enfermeiro. Unidade 5 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.; 2.0; Ministério da Saúde/OPAS/OMS

Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso para médico

Martini, Jussara Gue; Mello, Ana Lúcia Schaefer Ferreira de; Xavier, André Junqueira; Botelho, Lúcio José; Massignam, Fernando Mendes
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso para médico. Unidade 5 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização M
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.82%
Tópico 1 – Educação popular e promoção de saúde do idoso: reflexão a partir de uma experiência de extensão universitária com grupo de idosos em João Pessoa (PB) O tópico apresenta projeto de extensão do Instituto de Nutrição na AB em apoio à ação com grupo de idosos em comunidade, no contexto de Saúde da Família, com a atuação de alunos de graduação em abordagem dialógica. Tópico 2 – Grupo de hidroterapia – fisioterapia aquática do Projeto Mais Viver O tópico rela experiência realizada em S. Bonifácio (SC), município com grade demanda de serviços de fisioterapia, onde grupo de idosos solicitou dos gestores uso de piscina térmica particular já existente para formação de grupo de hidroterapia, tendo sido, a partir daí, organizado o serviço em parceria da SMS, Secretaria de Transportes e Obras, o proprietário da piscina, grupo de idosos, ESF e ACS, resultando no Projeto Mais Viver a partir de 2009. Conteúdo Online do módulo de Atenção integral à saúde do idoso: Experiências exitosas do trabalho interdisciplinar na atenção básica em saúde do idoso para médico. Unidade 5 do módulo 14 para dentista que compõe o Curso de Especialização Multiprofissional em Saúde da Família.; 2.0; Ministério da Saúde/OPAS/OMS