Página 7 dos resultados de 2890 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Influência da variação sazonal da temperatura e umidade do solo na germinação de sementes de espécies do cerrado: Xylopia aromatica (Lam.) Mart. (Annonaceae), Banisteriopsis variabilis B. Gates (malpighiaceae) e Vochysia tucanorum Mart. (Vochysiaceace)

Locardi, Bruna
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 89 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Ciências Biológicas (Biologia Vegetal) - IBRC; A diversidade de estratégias reprodutivas e de germinação de sementes da flora do cerrado brasileiro é consequência da heterogeneidade fisionômica e da sazonalidade. Essas estratégias são adaptativas para o momento onde temperatura e umidade permitam o estabelecimento de uma nova geração de plantas. O momento de dispersão e o controle fisiológico da aptidão a germinar são estratégias para a sincronização com a estação chuvosa. A sincronização fisiológica é feita pela flutuação da dormência a partir de sinais ambientais, e seus principais sinalizadores são os hormônios vegetais ABA (inibidor da germinação e agente do aprofundamento da dormência) e GA (promotor da germinação). Por nível de dormência entende-se um estado de estabilidade da semente onde certas condições ambientais podem promover a germinação, inibi-la ou ainda aprofundar esse nível a um estado sensível a outras condições ambientais. Buscamos compreender a influencia da variação da temperatura e umidade de solo pos dispersão na germinação de sementes X. aromatica, B. variabilis e V. tucanorum. Para inferir a flutuação hormonal causada pela sazonalidade...

Influências multi-escala da paisagem e limiar da fragmentação em morcegos no cerrado

Muylaert, Renata de Lara
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 96 f. : il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Pós-graduação em Ciências Biológicas (Zoologia) - IBRC; The knowledge about which factors determine biodiversity on the present conditions of habitat loss and fragmentation is essential to develop strategies for species conservation. The biodiversity can present threshold responses to landscape structure variation (fragmentation threshold), particularly to habitat amount. Detecting these thresholds might support conservation, restoration and management programs. This study explored bat responses to landscape composition and configuration variables (exploratory approach), and we tested if there is a threshold response in bat richness as a function of habitat amount on landscape. We used richness as an operational variable for biodiversity, capture number for abundance and forest cover for adequate habitat amount to the group. We evaluated abundance responses of bat guilds to local and landscape structure variables on a multi-scale approach (0.5 to 5 km): frugivores, nectarivores, animalivores and sanguivores. The study was conducted on 15 landscapes spread on a gradient of habitat amount (9 to 100%) on southeastern Brazil, in forest cerrados. We sampled bats with mist nets with the same effort in four sampling points for five nights per landscape. The analysis was made by model selection by multiple hypotheses based on Akaike Information criterion and restricted maximum likelihood estimates. Bat guilds presented nonlinear responses to habitat amount...

Relação solo-vegetação em área de cerrado no nordeste do Maranhão, Brasil

Martins, Fredgardson Costa
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: vii, 89 p. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Pós-graduação em Agronomia (Ciência do Solo) - FCAV; The vegetation of the Cerrado biome (Brazilian savanna) is predominantly composed of cerrado physiognomies (cerrado lato sensu). The determining factors on the cerrado physiognomies distribution have been continuously in question, and have been primarily related to gradients of fertility, soil depth, water availability, occurrence of fire, human disturbance and topography. However, there are few studies that have found opposing results or not aligned to these. In this sense, this study was intended to contribute to understanding of these issues, seeking to answer the following questions: Are there floristic and structural differences in vegetation and soil properties faces previously classified as cerradão and cerrado-ralo? Does cerradão occur on soils that are more fertile and/or in mild physical conditions than the cerrado-ralo? For this, we compared physical and chemical soil attributes, as well as floristic patterns (richness and species composition) and structural (density, basal area) of the plant community of three fragments of savanna (cerrado, cerrado degradado and cerrado-ralo) of Northeastern state of Maranhão, located very close to each other in taxonomically identical soils...

Estudos in vitro com a especie do cerrado : Sinningia allagophylla (Martius) Wiehler (Gesneriaceae)

Marcia Aparecidea Novaes Gomes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/03/1999 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
Este trabalho teve como objetivo a obtenção de explantes para o cultivo in vitro da espécie nativa herbácea, Sinningia allagophylla, de ampla distribuição geográfica nos cerrados. Sementes coletadas de plantas crescidas em campo cerrado, na Reserva Biológica de Moji-Guaçu, São Paulo, foram desinfestadas e germinadas in vitro, sob condições estéreis, em meio básico de Murashige & Skoog de 1962 (MS), suplementado com sacarose 3% (p/v). Após 20 dias as sementes haviam germinado e após 40 dias as plântulas apresentavam em média 2,0 ± 0,2 cm de comprimento, todas sem raízes. Foram obtidos, a partir das plântulas, explantes de segmentos nodais de aproximadamente 0,8 cm de comprimento e com um par de folhas, os quais foram distribuídos, individualmente, em tubos de ensaio contendo 6ml de meio básico MS e utilizados posteriormente em diferentes estudos de crescimento in vitro da espécie; The objective of this study was to obtain explants for in vitro culture of Sinningia allagophylla, a native herbaceous species with a wide distribution in cerrado vegetation. Seeds were collected from plants growing in cerrado in the Biological Reserve in Moji-Guaçu, São Paulo state, and were disinfected and germinated in vitro, under sterile conditions...

Azteca cf. lanuginosa (Hymenoptera: Formicidae) : biologia, comportamento de predação e forrageamento em cerrado

Helena Castanheira de Morais
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/05/1998 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
Neste trabalho são apresentadas informações sobre a biologia e os comportamentos de forrageamento e de defesa em Azteca cf. lanuginosa (Dolichoderinae), uma espécie de formiga que ocorre na região de cerrados do Brasil central. Seus ninhos foram vistos em áreas de cerrado do Distrito Federa_ de Goiás e de Minas Gerais e as observações foram feitas em áreas de cerrado do Distrito Federal. Azteca cf. lanuginosa constrói um ninho oval, de cartão, ao redor de um galho, normalmente em árvores altas e cada ninho corresponde a uma colônia. Externamente o ninho tem uma estrutura de escamas imbricadas e internamente é formado, por canais. Os canais superficiais contêm uma grande quantidade de exoesqueletos de insetos predados por esta formiga. As colônias têm mais de 50 mil operárias e são menores do que as de algumas outras espécies de Azteca que ocorrem em áreas de florestas neotropicais. Os ninhos podem sobreviver por mais de 8 anos e a mortalidade é devida principalmente ao fogo e à morte da árvore com o ninho (árvore suporte). Durante o processo de morte da árvore suporte, as colônias são capazes de se mudar mas uma mudança só foi observada na situação em que a copa da árVore suporte estava em contato com a copa de outra árvore. As operárias forrageiam na vegetação. A árvore suporte e outras plantas em contacto com ela são patrulhadas pelas operárias durante todo o ano...

Dalbergia miscolobium Benth : aspectos da biologia reprodutiva e do estabelecimento de plantulas

Regina Miyuki Sassaki
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/1995 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
Neste trabalho foram estudados alguns aspectos do ciclo de vida da espécie arbórea dos cerrados, D. miscolobium. Os estudos se basearam no acompanhamento da frutificação e maturação de sementes, no campo, e em análise do crescimento de tubo polínico e da formação de embrião, no laboratório. Após a formação das sementes, o estabelecimento de plântulas a partir das mesmas foi acompanhado em experimentos conduzidos em vasos ou sacos de muda contendo terra em casa de vegetação, no canteiro e no campo, verificando o efeito de diferentes fatores. Embora tenha sido verificado crescimento de tubo polínico e formação de embrião com polinização cruzada e com autopolinização, a porcentagem de flores que formaram mútuos foi bem menor no segundo caso, caracterizando a espécie como xenógama. As análises mostram que o sistema de auto-incompatibilidade pode estar baseado na maior eficiência para a fecundação quando há polinização cruzada do que quando há autopolinização e também no aborto do embrião formado através da autopolinização, caracterizando um sistema de auto-incompatibilidade de ação tardia. Foi verificado uma produção muito baixa de frutos em relação à produção de flores nos dois anos de estudo. Baseado nos resultados obtidos nas polinizações manuais...

Biologia da reprodução e crescimento inicial de Qualea cordata Spreng.(Vochysiaceae), uma especie arborea do cerrado

Silvia Maria de Godoy Aveiro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/02/1997 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
Este trabalho incluiu alguns aspectos da reprodução e do crescimento inicial da espécie arbórea do cerrado Qualea cordata (Vochysiaceae) . Para o estudo da reprodução foram feitos o acompanhamento da produção natural de frutos no campo e, também, tratamentos de polinização artificial que envolveram polinização cruzada e autopolinização. Também no campo, foram feitas observações sobre a fenologia da espécie. Em casa de vegetação foram conduzidos os experimentos para a análise do crescimento inicial das plântulas. A dispersão de sementes ocorreu em final do mês de julho e início do mês de agosto, por anemocoria, sendo acompanhada por abscisão foliar. Ainda durante o período de dispersão de sementes já surgiram os primeiros brotos foliares. A floração ocorreu no período de outubro a novembro e, concomitantemente, o início da formação dos frutos, os quais só chegaram à maturação em julho do ano seguinte. Não houve produção de frutos a partir do tratamento de autopolinização artificial, mesmo tendo sido observados a penetração de óvulos pelos tubos polínicos e o início do desenvolvimento do embrião. Isto caracterizou a espécie como auto incompatível e dotada de um sistema de auto incompatibilidade tardia. A análise do crescimento de plântulas a partir da adição de nutrientes ao substrato mostrou que a solução nutritiva sem fósforo (-P) promoveu o desenvolvimento da raiz...

Desenvolvimento de Vernonia oxylepis, uma especie herbacea do cerrado

Dalila Figueiredo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em //1994 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
O cerrado é um dos mais ricos e extensos ecossistemas brasileiros apresentando uma fisionomia bastante característica. Entretanto, a ocupação da área central do país para expandir a produção o agrícola é responsável pela devastação das áreas de cerrado. Poucos são os estudos sobre essa formação vegetal com relação aos mecanismos utilizados para a sobrevivência das espécies ai existente. A flora nativa dos cerrados está adaptada a solos pobres e, tanto quanto se perceba, não apresenta sinais de deficiência nutricional. As médias de temperatura não variam muito no decorrer do ano, mas a distribuição o das chuvas apresenta uma variação, sendo acentuada nos meses de novembro a março e com um período de seca entre maio e setembro. Esse período de seca corresponde também há dias mais curtos; o período de chuvas corresponde a dias mais longos.Neste trabalho, teve-se por objetivo estudar um pouco o desenvolvimento de uma espécie do cerrado, Vernonia oxylepis,analisando o crescimento vegetativo, floração e desenvolvimento da parte subterrânea em relação a alguns fatores ambientais e hormonais. As plantas desta espécie mostraram-se independentes do fotoperiodo para a floração, entretanto, diferentes fotoperiodos afetaram o crescimento das plantas e certos aspectos da floração. Em 8 horas diárias de luz...

Estudo floristico e fitossociologico em um cerrado na Chapada dos Guimarães - Mato Grosso : uma analise de gradientes

Ary Teixeira de Oliveira Filho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/06/1984 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
Um levantamento florístico e um wstudo fitossociológico quantitativo e um cerrado na Chapada dos Guimarães, Mato Grosso, aliados a uma análise deambiente físico, forneceram os subsídios para uma análise de gradientes. É apresentada uma lista completa de espécies arbustiva e arbóreas para uma área restrita de cerrado no sopé da Chapada dos Guimarães, na região conhecida por Salgadeira. Comparações florísticas com outros levantamentos realizados no Mato Grosso são feitas de forma qualitativa. Um transecto amostral, com área de 1 ha e dimensões de 20 x 500 m, foi estabelecido na área, procurando captar a descrição da estrutura desta subcomunidade. O ambiente físico foi analisado do ponto de vista (a) da fertilidade total em nutrientes minerais e matéria orgânica nos solos, (b) das condições de drenagem e saturação de água nos solos e (c) daprofundidade e carácter litólico dos solos. Com a fertilidade manifestou muito pouca variação ao longo do transecto, os outros dois fatores foram identificados como sendo os mais fortemente associados aos gradientes da vegetação. A análise de gradientes foi realizada em três níveis: (a) análise direta dos gradientes, que analisou a vegetação do ponto de vista fisionômico e fitossociológico ao longo dos gradientes previamente identificados...

Anatomia foliar de leguminosas arboreas de cerrado com enfase nas estruturas secretoras; Leaf anatomy of cerrado Leguminosae trees with emphasis on secretory sctructures

Glaucia Morelli Alves
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
Este trabalho aborda a anatomia foliar (limbo foliolar, peciólulo e raque) de quatro espécies arbóreas de Papilionoideae visando reinvestigar a anatomia foliolar de Acosmium subelegans, A. dasycarpum e Bowdichia virgilioides; descrever a anatomia foliar de Dalbergia miscolobium bem como do peciólulo e da raque das outras três espécies; efetuar um levantamento das estruturas secretoras foliares identificando as principais classes de substâncias presentes no exsudato por meio de testes microquímicos e histoquímicos; verificar a ocorrência de padrões anatômicos entre as leguminosas arbóreas de cerrados. Os tipos de estruturas secretoras observados nas quatro espécies estudadas foram a epiderme da face adaxial e os idioblastos no mesofilo. Hipoderme da lâmina foliolar, anel de células taníferas no peciólulo e idioblastos na raque foram estruturas encontradas apenas nas espécies de Acosmium e em B. virgilioides. O conteúdo da epiderme da face adaxial da lâmina foliolar de A. dasycarpum, A. subelegans e B. virgilioides é constituído por mucilagem; a hipoderme e os idioblastos do mesofilo e da raque de A. dasycarpum produzem compostos fenólicos. A secreção dos idioblastos (mesofilo e raque) e da hipoderme de A. subelegans e B. virgilioides é heterogênea...

Campesinato e biodiversidade no Cerrado : um estudo sobre o Assentamento Americana (Grão Mogol-MG) à luz da agroecologia; Peasantry and biodiversity at Cerrado biome : a study about the Americana settlement (Grão Mogol, Minas Gerais, Brazil) under the agroecology perspective

Igor Simoni Homem de Carvalho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
26.56%
O Assentamento Americana, localizado no município de Grão Mogol-MG e implantado em 2001, é uma proposta diferenciada de ocupação e uso dos recursos naturais do Cerrado, baseada na agroecologia, no extrativismo e no modo de vida dos habitantes tradicionais da região, denominados Geraizeiros. Esta tese tem como objetivo apresentar um estudo sobre este Assentamento Rural e as famílias assentadas, analisando de que forma sua implantação pode contribuir no debate sobre o campesinato e a biodiversidade no bioma Cerrado, mais especificamente nos cerrados do Norte de Minas. O marco teórico-metodológico principal utilizado é a agroecologia, recebendo aportes também de outras disciplinas como a sociologia rural e biologia da conservação. É apresentada a ideia de "referenciais camponeses" no intuito de analisar o perfil das famílias assentadas. A metodologia foi construída com base em entrevistas semi-estruturadas a 37 famílias assentadas e profissionais envolvidos com o Assentamento, além da análise de documentos e outros materiais pertinentes. Como resultado, chegou-se a elementos de grande relevância ao debate sobre campesinato e biodiversidade no Cerrado, que concernem especialmente às práticas agrícolas, pecuárias e extrativistas e ao grau de proximidade ou distanciamento dos referenciais camponeses presentes no Assentamento.; The Assentamento Americana (Americana settlement)...

Consumo alimentar de frutos do cerrado, fontes de vitamina A, por moradoras de comunidades das cidades satélites do Distrito Federal

Pinto, Paula Cristina Rodrigues
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2006.; INTRODUÇÃO - Com base na relevância do estudo sobre frutos do Cerrado como fontes de vitamina A,o trabalho visa uma descrição do consumo alimentar desses frutos, as formas de utilizá-los como fonte alimentar, o acesso a eles e possíveis motivos culturais que impeçam seu consumo por mulheres que participaram de cursos de artesanato oferecidos em Cidades Satélites do Distrito Federal. MÉTODOS - Esta é uma análise descritiva do consumo alimentar das frutas do Cerrado pelas participantes de cursos de artesanato realizados pelo SEBRAE-DF. Foi realizado um estudo piloto para aperfeiçoar os questionários. Utilizou-se um (N = 100) questionário auto-aplicativo sobre assuntos interligados ao tema, para verificar os hábitos alimentares das pesquisadas sobre o consumo desses frutos. RESULTADOS - Dentre os frutos do Cerrado verifica-se que os mais conhecidos em ordem decrescente, são: pequi (85%), ceriguela (78%), buriti e caju (70% cada), jatobá (62%). Por outro lado, os mais desconhecidos são: perinha (94%), mama-cadela (82%), gravatá (79%) e lobeira (76%). Quanto aos motivos que levam ao consumo dos frutos do Cerrado, 61% das participantes informaram que os consomem por gostar; 13% porque fazem bem à saúde...

Movimento de íons em solo sob sistema de integração lavoura-pecuária na região de cerrados; Soil solution ion movement in plots under crop-pasture rotations

Oliveira, Maria Inês Lopes de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2007.; O objetivo deste trabalho foi avaliar as concentrações e o fluxo vertical de íons na solução de solo, em parcelas experimentais submetidas aos seguintes sistemas de cultivo: lavoura contínua, pastagem contínua e integração lavoura-pecuária. O experimento foi iniciado em 1991, mas a coleta de amostras da solução do solo foi realizada em 2005 e 2006. Para tanto, cápsulas porosas foram instaladas, nas profundidades de 20 e 150 cm e as soluções foram extraídas em seis datas, para cada ano. Foram determinadas, em laboratório, as concentrações dos seguintes íons nas soluções coletadas: Cl-, SO42-, NO3-, H2PO4-, K+, Mg2+, e Ca2+. Para estimar o fluxo dos íons no perfil do solo foi adotado o Sistema de Análise Regional de Risco Agroclimático (SAARA-Br). Em termos gerais, a movimentação de ânions no solo, considerando as duas profundidades, apresentou concentrações na seguinte ordem de grandeza: NO3- >> Cl- > SO42- > H2PO4-. Já a movimentação de cátions, apresentou concentrações na seguinte ordem: Ca2+ >K+ > Mg2+. Em termos comparativos entre os sistemas de cultivo, a concentração dos íons na solução do solo...

Efetividade e eficácia das reservas legais e áreas de preservação permanente nos cerrados

Maciel, Luis Gustavo
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2008.; O Cerrado, em suas diversas manifestações ecossistêmicas, tem sido estigmatizado por preconceitos e pelo desconhecimento da complexidade natural que o torna único em nosso planeta. O histórico de ocupação humana do Bioma, apesar de extenso, tem como importante catalisador a construção de Brasília e os programas governamentais direcionados aos agronegócios, concentrados nas décadas de setenta e oitenta do século vinte. Esses programas desconsideraram o Código Florestal, permitindo o corte raso da vegetação em propriedades públicas e privadas. Foi concebido um processo de ocupação/devastação rápido, que comprometeu não só a efetividade desses mecanismos de comando e controle, mas também a discussão ampla sobre sua eficácia. O objetivo deste estudo é fixar a distinção entre efetividade e eficácia das Reservas Legais (RLs) e Áreas de Preservação Permanente (APPs), avaliadas a partir de suas funções. Tal distinção se justifica porque, mesmo se efetivas as RLs e APPs, pode-se questionar se são eficazes, ou seja, se atendem às funções previstas no Código Florestal (abrigo de fauna e flora, preservação de fluxo gênico...

Matas de galeria no Parque Nacional de Sete Cidades (PNSC), Piauí, Brasil : fitossociologia, diversidade, regeneração natural e relação com variáveis ambientais

Matos, Mariana de Queiroz
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Florestal, 2009.; O presente trabalho foi realizado no Parque Nacional de Sete Cidades (PNSC), localizado na porção nordeste do Piauí, região onde ainda existem lacunas de conhecimento. O Parque, considerado área prioritária para conservação do bioma Cerrado (BRASIL 1999), contém um mosaico de fisionomias e ocorre em área de transição ecológica. Este estudo faz parte da 2ª etapa da excursão científica do projeto Biodiversidade e Fragmentação de Ecossistemas nos Cerrados Marginais do Nordeste (Sítio 10 do PELD), com apoio do CNPQ/BIOTEN e execução conjunta pela equipe da Universidade Federal do Piauí (UFPI) e da Universidade de Brasília (UnB). O objetivo foi estudar a composição florística, fitossociologia, diversidade, regeneração natural e relação com variáveis ambientais da vegetação arbórea das matas de galeria que se distribuem ao longo dos cursos d’água localizados no PNSC e também avaliar a similaridade florística entre essas matas e outras em diversas localidades do bioma Cerrado. A vegetação arbórea (DAP > 5 cm) foi amostrada de forma sistemática em 56 parcelas permanentes de 100 m² (10 x 10 m) em quatro trechos de mata de galeria ao longo do Parque. As parcelas foram subdivididas em subparcelas de 5 x 5 m e 2 x 2 m...

Radiação gama e resistividade elétrica em solo com aplicação de carbonatito e fertilizantes agrícolas no Distrito Federal

Nascimento, Carlos Tadeu Carvalho do; Ferreira, Francisco José Fonseca; Andrade, Leide Rovênia Miranda de; Gaspar, José Carlos; Pires, Augusto César Bittencourt
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
A Embrapa Cerrados e a Universidade de Brasília desenvolveram um projeto que estudou a viabilidade da aplicação de carbonatito como fertilizante agrícola. Como experimento piloto, utilizaram-se diferentes misturas de carbonatito, calcário, superfosfato triplo (SFT) e cloreto de potássio (KCl) como fertilizantes em uma área de latossolo vermelho, na região central do Distrito Federal. Esta área foi dividida em 56 parcelas medindo 4 × 7m nas quais foram adicionadas as misturas de fertilizantes. Este trabalho teve por objetivo verificar se a adição das misturas ao solo modificou suas características radiométricas e de resistividade e se é possível identificar esta mudança. Realizaram-se medições da radiação gama e de resistividade elétrica na área do experimento e em uma área de cerrado nativo. Os resultados mostraram que a adição dos fertilizantes ao solo causou uma pequena elevação dos teores de K, U e Th e diminuiu cerca de dez vezes os valores de resistividade elétrica. Observou-se um baixo contraste radiométrico entre as parcelas que compõem o experimento, de modo que não foi possível diferenciar os vários tratamentos com base nas medidas gamaespectrométricas. A resistividade elétrica mostrou-se capaz de individualizar três grupos de parcelas em relação às características das misturas adicionadas...

Desempenho agronômico de cultivares de soja em diferentes épocas de semeadura no cerrado do Distrito Federal

Francisco, Eduardo Rodrigues
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2009.; No Cerrado, de modo geral, cultivares, progênies e demais genótipos de soja, em processo de melhoramento, são estudados sob amplas e variadas condições ambientais, antes de serem recomendados ao cultivo. As variações compreendem diferentes tipos de solo, níveis de fertilidade, regime hídrico, época de semeadura, temperatura e práticas culturais. Uma cultivar pode ser altamente produtiva em alguns ambientes e não apresentar este comportamento em outros. Esta mudança de resposta no desempenho relativo dos genótipos expressa a interação com o ambiente. Torna-se fundamental conhecer os tipos de interação para definir esquemas seletivos que compreendem vários anos de avaliação, com o propósito de se realizar uma seleção efetiva. Por outro lado, o cultivo em época de semeadura inadequada pode reduzir o rendimento e afetar outras características agronômicas, comprometendo a renda do produtor. A semeadura em diferentes épocas permite com que cultivares e genótipos em vias de recomendação expressem suas potencialidades e limitações. Como genótipos podem apresentar diferença na resposta ao fotoperíodo...

Aspectos da ecologia reprodutiva de Syagrus flexuosa Mart. Becc. : sucesso reprodutivo e persistência em áreas de cerrado na região do DF

Mamede, Marisa de Araújo
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Ecologia, 2008.; Este trabalho teve como objetivo estudar alguns aspectos relacionados com a reprodução e a persistência de Syagrus flexuosa, uma palmeira clonal encontrada em abundância em áreas de cerrado na região do DF. Foram abordados especificamente os temas de fenologia reprodutiva e sucesso reprodutivo de um conjunto de seis amostras localizadas na Fazenda Água Limpa (quatro parcelas) e na Reserva Ecológica do IBGE (duas parcelas) durante um período de 16 meses, entre setembro de 2006 e dezembro de 2007. Ambas as áreas experimentais estão situadas no Distrito Federal, a cerca de 30 km do Campus Universitário Darcy Ribeiro da UnB. Adicionalmente, verificou-se o efeito do fogo sobre estes aspectos, e ainda sobre a atividade de rebrota vegetativa dos indivíduos; através da comparação entre os resultados obtidos em parcela experimental submetida a queima bienal e em parcelas não-queimadas. Os resultados indicaram um padrão fenológico de agregação das fenofases reprodutivas de S. flexuosa. O processo completa dura aproximadamente um ano, sendo que a floração ocorre próxima ao auge do período chuvoso e a dispersão de frutos ocorre durante a transição entre os períodos seco e chuvoso. O fogo não exerceu efeito significativo sobre a fenologia dos indivíduos. Baixos valores de sucesso reprodutivo (cerca de 11%) foram verificados...

Uso e monitoramento de indicadores microbiológicos para avaliação da qualidade dos solos de cerrado sob diferentes agroecossistemas

Silva, Luciana Gomes da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Dissertação (mestrado)-Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias, 2008.; Embora a avaliação da qualidade de um solo seja uma tarefa complexa, sua determinação tem sido sugerida como uma ferramenta importante para acessar a sustentabilidade de longo prazo dos sistemas agrícolas. A seleção dos atributos do solo que servirão como indicadores de qualidade de solo, os níveis críticos desses atributos e como agregá-los em um índice de qualidade são algumas das dificuldades encontradas para quantificar a qualidade do solo. No capitulo 1 dessa tese foi avaliado o uso do carbono da biomassa microbiana (CBM) e da atividade enzimática (?-glicosidase, fosfatase ácida e arilsulfatase) como indicadores de qualidade do solo em diversos agroecossistemas da região dos cerrados comparando-os a atributos químicos (pH, matéria orgânica, teores de P, Ca, Mg, K, CTC e saturação por alumínio) e físicos (densidade aparente, porosidade total, macroporosidade e microporosidade) do solo. Amostras de solo foram coletadas em fevereiro de 2006, na profundidade de 0 a 10 cm, em três áreas: área I, rotação soja/milho sob plantio direto (PD) e plantio convencional (PC) iniciado em 1992; área II...

Fitossociologia e análise comparativa da composição florística do cerrado da flora de Paraopeba-MG; Phytosociological composition and floristic comparison of Cerrado of Paraopeba flora - MG

Balduino, Alexander Paulo do Carmo; Souza, Agostinho Lopes de; Meira Neto, João Augusto Alves; Silva, Alexandre Francisco da; Silva Júnior, Manoel Cláudio da
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
26.56%
Foi conduzido um estudo fitossociológico no Cerrado sentido restrito da Floresta Nacional de Paraopeba, comparando-se os resultados (qualitativos) com os de outras amostras. Foram estabelecidas 10 parcelas de 0,1 ha (20 x 50 m), sendo incluídas no estudo todas as árvores (C30 > 15,7 cm). Foram registrados 1.990 indivíduos/ha (densidade total) e 18,13 m2/ha (área basal total). Os valores de riqueza (73 espécies/38 famílias), de diversidade Shannon (3,57) e de uniformidade (0,83) indicaram grande heterogeneidade e baixa dominânica ecológica. Leguminosae e Vochysiaceae foram as famílias mais ricas em espécies. O grupo das árvores mortas alcançou o maior valor de importância, seguido por Qualea parviflora, Pera glabrata, Erythroxylum suberosum e Qualea grandiflora. A análise comparativa de composições florísticas de 11 cerrados indicou uma forte influência da flora de Floresta Atlântica em Cerrado marginal do interior de São Paulo. Houve influência da localização geográfica na similaridade do Cerrado de Palmas, TO, com as outras áreas. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT; A phytosociological study in the Cerrado "sensu strictu" of The Paraopeba Nacional Forest-MG was carried out...