Página 6 dos resultados de 960 itens digitais encontrados em 0.054 segundos

Synthesis, characterization, X-ray structure and in vitro anti mycobacterial and antitumoral activities of Ru(II) phosphine/diimine complexes containing the ""SpymMe(2)"" ligand, SpymMe(2)=4,6-dimethyl-2-mercaptopyrimidine

NASCIMENTO, Fabio B. do; POELHSITZ, Gustavo Von; PAVAN, Fernando R.; SATO, Daisy N.; LEITE, Clarice Q. F.; SELISTRE-DE-ARAUJO, Heloisa S.; ELLENA, Javier; CASTELLANO, Eduardo Ernesto; DEFLON, Victor M.; BATISTA, Alzir A.
Fonte: ELSEVIER SCIENCE INC Publicador: ELSEVIER SCIENCE INC
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
35.84%
The reaction of cis-[RuCl2(dppb)(N-N)], dppb = 1,4-bis(diphenylphosphino)butane, complexes with the ligand HSpymMe(2), 4,6-dimethyl-2-mercaptopyrimidine, yielded the cationic complexes [Ru(SpymMe(2))(dppb)(N-N)]PF6, N-N = bipy (1) and Me-bipy (2), bipy = 2,2`-bipyridine and Me-bipy = 4,4`dimethyl-2,2`-bipyridine, which were characterized by spectroscopic and electrochemical techniques and X-ray crystallography and elemental analysis. Additionally, preliminary in vitro tests for antimycobacterial activity against Mycobacterium tuberculosis H37Rv ATCC 27264 and antitumor activity against the MDA-MB-231 human breast tumor cell line were carried out on the new complexes and also on the precursors cis-[RuCl2(dppb)(N-N)], N-N = bipy (3) and Me-bipy (4) and the free ligands dppb, bipy, Me-bipy and SpymMe(2). The minimal inhibitory concentration (MIC) of compounds needed to kill 90% of mycobacterial cells and the IC50 values for the antitumor activity were determined. Compounds 1-4 exhibited good in vitro activity against M. tuberculosis, with MIC values ranging between 0.78 and 6.25 mu g/mL, compared to the free ligands (MIC of 25 to >50 mu g/mL) and the drugs used to treat tuberculosis. Complexes I and 2 also showed promising antitumor activity...

Produção de quarkonium : aspectos perturbativos e não-perturbativos da QCD

Mariotto, Cristiano Brenner
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
35.72%
Neste trabalho de tese investigamos o papel de dinâmica perturbativa e não-perturbativa da Cromodinâmica Quântica, a teoria das interações fortes, em processos de produção de quarks pesados e de quarkonium-estados ligados de um par de quarks pesados. Um aspecto importante na produção de quarks pesados consiste no tratamento de ordens mais altas em QCD perturbativa, que abordamos por meio de elementos de matriz QCD em segunda ordem dominante (NLO) e através de um gerador de eventos Monte Carlo, mais útil fenomenologicamente, onde a produção perturbativa de pares Q Q e obtida utilizando elementos de matriz em ordem dominante e a aproximação de chuveiros partônicos de processos em ordens mais altas. Os processos suaves formando estados ligados de quarkonium são descritos em termos do modelo de evaporação de cor (CEM), ou alternativamente através do modelo de interações suaves de cor (SCI) e do modelo da lei das áreas generalizado (GAL). Neste trabalho, calculamos as distribuições em xF e p? para o J= e 0 em hadroprodução em alvo xo e no colisionador p p do Tevatron. Outros observáveis como a seção de choque total para J= , 0 e charme aberto tamb em são reproduzidos. Além disso, extrapolamos os modelos para descrever a produção de J= e no futuro colisionador LHC...

Restaurante Universitário (R.U)

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Celulóide; image/jpeg; Original; Preto e branco
POR
Relevância na Pesquisa
35.84%
- Porto Alegre - UFRGS - Almoço - Restaurante Universitário - RU - Campus Centro

Restaurante Universitário (R.U) - Fila

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Celulóide; image/jpeg; Original; Preto e branco
POR
Relevância na Pesquisa
35.84%
- Porto Alegre - UFRGS - Restaurante Universitário - RU

RU Campus Centro

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Digital; Preto e branco
POR
Relevância na Pesquisa
35.86%
Prédio do RU Campus Centro, parede externa, entrada principal. Campus Centro, quarteirão 1

Convite de Formatura da Turma 2008/2 da Escola de Educação Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (ESEF/UFRGS)

Formandos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Documento Formato: 20 f.; application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
35.73%
Convite com 8 folhas, com fotos coloridas e letras verdes. A capa apresenta um recorte na forma de um atleta olímpico e sua imagem e um foto da frente do Ginário 1 da ESEF. O verso apresenta foto colorida do Paraninfo, foto colorida, fundo da folha e histórico do Lapex, nominata das autoridades acadêmicas e lema. A primeira folha apresenta no fundo uma foto da pista de atletismo e uma em primeiro plano com seu histórico, convite e data, hora e local da colação de grau, nome do curso, data e semestre. O verso apresenta foto colorida de grupo de formandos, no jardim da ESEF, tendo ao fundo o Ginásio 1, histórico, nome do curso data e semestre. A segunda folha apresenta fotos dos formandos individualmente com suas respectivas fotos em criança, o fundo é o interior do Ginásio 1. O verso apresenta foto colorida de grupo de formandos no pátio do prédio das salas de aula e biblioteca com seu histórico. A terceira folha apresenta fotos dos formandos individualmente com suas respectivas fotos em criança, o fundo é a foto do interior da biblioteca. O verso apresenta foto de um grupo de formandos no interior do Ginásio 2, histórico, curso, data e semestre. A quarta folha apresenta folha apresenta fotos dos formandos individualmente com suas respectivas fotos em criança...

Convite de Formatura da Turma 2008/2 da Escola de Educação Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (ESEF/UFRGS)

Formandos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Documento Formato: 20 f.; application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
35.73%
Convite com 8 folhas, com fotos coloridas e letras verdes. A capa apresenta um recorte na forma de um atleta olímpico e sua imagem e um foto da frente do Ginário 1 da ESEF. O verso apresenta foto colorida do Paraninfo, foto colorida, fundo da folha e histórico do Lapex, nominata das autoridades acadêmicas e lema. A primeira folha apresenta no fundo uma foto da pista de atletismo e uma em primeiro plano com seu histórico, convite e data, hora e local da colação de grau, nome do curso, data e semestre. O verso apresenta foto colorida de grupo de formandos, no jardim da ESEF, tendo ao fundo o Ginásio 1, histórico, nome do curso data e semestre. A segunda folha apresenta fotos dos formandos individualmente com suas respectivas fotos em criança, o fundo é o interior do Ginásio 1. O verso apresenta foto colorida de grupo de formandos no pátio do prédio das salas de aula e biblioteca com seu histórico. A terceira folha apresenta fotos dos formandos individualmente com suas respectivas fotos em criança, o fundo é a foto do interior da biblioteca. O verso apresenta foto de um grupo de formandos no interior do Ginásio 2, histórico, curso, data e semestre. A quarta folha apresenta folha apresenta fotos dos formandos individualmente com suas respectivas fotos em criança...

Estudo do processo de trabalho da enfermagem em hemodin??mica: desgastes, cargas de trabalho e fatores de riscos ?? sa??de do trabalhador

Santos, Paula Raquel dos
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
35.72%
A pr??tica da equipe de enfermagem exp??em seus trabalhadores a fatores de riscos e a agravos a sa??de presentes no ambiente, no processo e na organiza????o de trabalho. O setor "Laborat??rio de hemodin??nica", ??rea de conhecimento de alta complexidade e tecnologia, de um Instituto Estadual de Cardiologia, no munic??pio do Rio de Janeiro, com grande demanda de atendimento a clientela do Sistema Unico de Sa??de e exposi????o espec??fica ao risco f??sico ocupacional radia????o, foi o cen??rio isolado para investiga????o e avalia????o de tais prerrogativas de condi????es de trabalho da pr??tica de uma equipe de enfermagem. A equipe de enfermagem estudada do setor hemodin??mica apresenta predomin??ncia do sexo feminino, n??vel de forma????o profissional m??dio ?? superior, previa sele????o e treinamento para as atividades dos postos de trabalho com material did??tico espec??fico, as variadas tarefas s??o realizadas por todos os trabalhadores envolvidos neste complexo processo de trabalho em equipe. A destreza e as habilidades t??cnicas e de observa????o cl??nica, s??o caracter??sticas fundamentais para esses trabalhadores, suas atividades requerem ampla qualifica????o e conhecimento, caracterizando este trabalho como especializado. Foram levantadas informa????es quanto; quem s??o esses trabalhadores...

Durability and reutilization capabilities of a Ni-Ru catalyst for the hydrolysis ofsodium borohydride in batch reactors

A.M.F.R.Pinto; M.J.F. Ferreira; V.R. Fernandes; C. M. Rangel
Fonte: Universidade do Porto Publicador: Universidade do Porto
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
35.8%
The study of catalyst durability and reutilization on catalyzed hydrolysis of sodium borohydride is essential from an application point of view. Few works on this topic are available in the literature. In the present work, a powder nickel-ruthenium based catalyst, unsupported, used in two different schemes of NaBH 4 hydrolysis (alkaline and alkali free hydrolysis), performed in batch reactors with different volumes and bottom geometries (flat and conical), was investigated in terms of durability and reutilization capabilities, throughout 300 cycles. For the alkaline NaBH 4 hydrolysis, the H 2 generation rate progressively decreases with catalyst reused and only #8764;25% of the initial H 2 generation rate remains after 300 reutilizations. For similar periods of catalyst aging, it was observed that the reactor conical bottom shape greatly enhances the H 2 generation rate (and practically eliminates the reaction induction time) in the solid or alkali free NaBH 4 hydrolysis, and, as a result, the values obtained for the H 2 generation rates, even after 300 extensive cycling, are above the range of the greatest values reported so far in the open literature. The catalyst, before and after 300 reutilizations, was characterized by textural properties based on nitrogen adsorption isotherms; by surface morphology using scanning electron microscopy (SEM) coupled with EDS spectroscopy and by X-ray photoelectron spectroscopy (XPS). The deterioration of the catalyst seems to be caused by ruthenium segregation from the Ni-Ru alloy...

Contribuição para a gestão sustentável de resíduos sólidos na Região Centro

Gomes, Maria do Rosário Vieira
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.87%
O presente trabalho pretendeu desenvolver um sistema de gestão sustentável de resíduos sólidos na Região Centro, mais especificamente os resíduos urbanos (RU) e os resíduos industriais não perigosos (RINP). Para o efeito, foi definida uma metodologia de inventário determinando as quantidades de resíduos urbanos e industriais, tendo particular atenção para os resíduos susceptíveis de valorização energética. O trabalho desenvolvido teve em vista a avaliação a nível ambiental de diferentes modelos de gestão. Para tal, foi efectuado um levantamento da situação existente na região em estudo, ao nível das quantidades e tipologias de resíduos e dos sistemas de gestão actuais. O estudo foi realizado considerando vários modelos de gestão (cenários). Para os resíduos urbanos foram definidos três cenários: o cenário 1, que representa a situação actual, onde a maioria dos resíduos são eliminados em aterro, o cenário 2, onde se tentou representar o modelo PERSU II e o cenário 3, que representa um modelo alternativo onde é dado destaque à incineração. Para os resíduos industriais não perigosos foram definidos os seguintes cenários: cenário #1, que representa a situação actual, onde todos os resíduos são eliminados em aterro e o cenário #2...

Ecology of mosquitoes (Diptera: Culicidae) in areas of Serra do Mar State Park, State of São Paulo, Brazil. I - Monthly frequency and climatic factors

Guimarães,Anthony Érico; Mello,Rubens Pinto de; Lopes,Catarina Macedo; Gentile,Carla
Fonte: Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde Publicador: Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2000 EN
Relevância na Pesquisa
35.86%
The ecology of mosquitoes were studied (Diptera: Culicidae) in areas of Serra do Mar State Park, State of São Paulo, Brazil. Systematized monthly human bait collections were made three times a day, for periods of 2 or 3 h each, in sylvatic and rural areas for 24 consecutive months (January 1991 to December 1992). A total of 24,943 specimens of adult mosquitoes belonging to 57 species were collected during 622 collective periods. Coquillettidia chrysonotum was the most frequent collected mosquito (45.8%) followed by Aedes serratus (6.8%), Cq. venezuelensis (6.5%), Psorophora ferox (5.2) and Ps. albipes (3.1%). The monthly averages of temperature and relative humidity were inserted in the ten-year average limits of maximum and minimum of the previous ten-years. Rainfall accompanied the curve of the ten-year averages. Those climatic factors were influential in the incidence of some species; temperature: Anopheles cruzii, An. mediopunctatus, Ae. scapularis, Ae. fulvus, Cq. chrysonotum, Cq. venezuelensis, Runchomyia reversa, Wyeomyia dyari, Wy. confusa, Wy. shannoni, Wy. theobaldi and Limatus flavisetosus; relative humidity: Ae. serratus, Ae. scapularis, Cq. venezuelensis and Ru. reversa; rainfall: An. cruzii, Ae. scapularis, Ae. fulvus...

Remodela????o de obras portu??rias: funda????es em estacas mistas no porto novo do Rio Grande

Dziekaniak, Nelissa Gon??alves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.72%
Disserta????o(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Engenharia Oce??nica, Escola de Engenharia, 2005.; Um porto ?? um sistema din??mico, que cresce e sofre mudan??as. Quando o tipo de carga ou o modo de transport??-la muda, o porto necessita ser modernizado para ser adaptado a essas mudan??as. E por estar sujeito a um ambiente extremamente severo e a condi????es de servi??o bastante pesadas, um programa constante de manuten????o e reparo precisa ser conduzido pelas autoridades portu??rias. Neste contexto, esta disserta????o apresenta diversas op????es de projeto e m??todos de execu????o para serem utilizados na recupera????o, remodela????o ou moderniza????o das mais diferentes estruturas de atraca????o. Al??m disso, s??o apresentados dois casos em particular. O primeiro trata-se da recupera????o do Cais do Porto Velho do Rio Grande, onde se aponta as provid??ncias emergenciais j?? tomadas e indicam-se solu????es que podem ser empregadas de maneira definitiva para a completa recupera????o do cais de gravidade, que localiza-se no Centro Hist??rico da cidade. O outro caso particularmente estudado, ?? a obra de remodela????o do cais do Porto Novo do Rio Grande. Neste segmento deu-se maior ??nfase a uma an??lise das estacas do mar do novo cais...

Filtros ?timos: efeitos de janelas e de tipo de fase

LEITE, Lourenildo Williame Barbosa; ALVES, F?bio Jos? da Costa
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
35.72%
O objetivo central deste trabalho ? o estudo do desempenho do operador deconvolucional WHL na compress?o do pulso-fonte s?smico, sob condi??es especiais de fase n?o-m?nima e da densidade de eventos no tra?o, como casos advogados para dados reais e processamento em rotina. O m?todo de ataque ao problema constru?do ? centrado no conte?do da informa??o da fun??o autocorrela??o submetida a diferentes condi??es: (a) de truncamento e tipo de janelas; (b) das caracter?sticas da fase do operador (se m?nima ou n?o-m?nima); (c) da medida de qualidade; (d) do n?vel de embranquecimento; (e) do ru?do presente e da equaliza??o; (f) do balanceamento do tra?o; (g) dos princ?pios f?sicos da propaga??o expressos e limitados pelo modelo convolutional. Os resultados obtidos s?o apenas na forma num?rica, organizados na forma de ?lbuns com dificuldades crescentes, e demonstram como o uso de janelas na autocorrela??o serve para diagnosticar e melhorar a performance dos operadores. Conclu?mos que muitas perguntas ainda surgem quando t?cnicas de deconvolu??o s?o aplicadas a se??es s?smicas de bacias sedimentares, e que o modelo de Goupillaud ? conveniente para simula??es e an?lises devido a sua descri??o matem?tica simples e completa.; ABSTRACT: The central objective under investigation in this paper is the performance of WHL deconvolution operators for the compression of the seismic source-pulse under the conditions of non-minimum phase and density of events on the trace...

Projeto e constru??o de c?maras reverberantes em escala reduzida para o estudo das caracter?sticas de perda de transmiss?o de divis?rias confeccionadas a partir de materiais regionais

TOUTONGE, Jos? de Aviz
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.87%
Projetar e construir c?maras reverberantes, em modelo reduzido, para a determina??o da perda de transmiss?o de materiais usados para o controle de ru?do nas ?reas industriais e da constru??o civil foi o foco principal deste trabalho. Por outro lado, buscou-se estabelecer uma metodologia de an?lise e interpreta??o dos par?metros ac?sticos a partir da teoria dos modelos em escala reduzida, de tal modo que se possa inferir a perda de transmiss?o dos materiais estudados. A necessidade desta constru??o ocorre devido aos estudos dos desempenhos ac?sticos dos materiais serem realizados em c?maras reverberantes (em escala real), dispon?veis apenas em algumas regi?es do Brasil, dificultando e encarecendo os testes de desempenho dos materiais para pesquisadores de outras regi?es. Assim, de modo a se ter um custo baixo, foi realizada a constru??o das c?maras reverberantes, em escala reduzida de 1:6, sendo o objetivo principal o estudo da perda de transmiss?o de divis?rias desenvolvidas com material regional, estabelecendo compara??o entre os seus desempenhos, e ao mesmo tempo permitir a sua utiliza??o em aulas pr?ticas de ac?stica. Apesar das c?maras terem sido constru?das em escala reduzida, o fator de escala (1:6) n?o foi considerado e as medi??es foram realizadas nas freq??ncias reais das bandas de oitava delimitadas entre 125 Hz e 8 kHz. As divis?rias foram ensaiadas para a determina??o dos par?metros ac?sticos...

Processamento interpretativo de dados magnetom?tricos e invers?o de dados gravim?tricos aplicados ? prospec??o de hidrocarbonetos

SANTOS, Darcicl?a Ferreira
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
35.73%
Apresentamos dois m?todos de interpreta??o de dados de campos potenciais, aplicados ? prospec??o de hidrocarbonetos. O primeiro emprega dados aeromagn?ticos para estimar o limite, no plano horizontal, entre a crosta continental e a crosta oce?nica. Este m?todo baseia-se na exist?ncia de fei??es geol?gicas magn?ticas exclusivas da crosta continental, de modo que as estimativas das extremidades destas fei??es s?o usadas como estimativas dos limites da crosta continental. Para tanto, o sinal da anomalia aeromagn?tica na regi?o da plataforma, do talude e da eleva??o continental ? amplificado atrav?s do operador de continua??o anal?tica para baixo usando duas implementa??es: o princ?pio da camada equivalente e a condi??o de fronteira de Dirichlet. A maior carga computacional no c?lculo do campo continuado para baixo reside na resolu??o de um sistema de equa??es lineares de grande porte. Este esfor?o computacional ? minimizado atrav?s do processamento por janelas e do emprego do m?todo do gradiente conjugado na resolu??o do sistema de equa??es. Como a opera??o de continua??o para baixo ? inst?vel, estabilizamos a solu??o atrav?s do funcional estabilizador de primeira ordem de Tikhonov. Testes em dados aeromagn?ticos sint?ticos contaminados com ru?do pseudo-aleat?rio Gaussiano mostraram a efici?ncia de ambas as implementa??es para real?ar os finais das fei??es magn?ticas exclusivas da crosta continental...

Tomografia eletromagn?tica para caracteriza??o de reservat?rios de hidrocarbonetos

BAPTISTA, Jo?o J?nior
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
35.72%
Na produ??o de petr?leo ? importante o monitoramento dos par?metros do reservat?rio (permeabilidade, porosidade, satura??o, press?o, etc) para o seu posterior gerenciamento. A varia??o dos par?metros din?micos do reservat?rio induz varia??es na din?mica do fluxo no reservat?rio, como por exemplo, perdas na press?o, dificultando o processo de extra??o do ?leo. A inje??o de fluidos aumenta a energia interna do reservat?rio e incrementa a press?o, estimulando o movimento do ?leo em dire??o aos po?os de extra??o. A tomografia eletromagn?tica po?o-a-po?o pode se tomar em uma t?cnica bastante eficaz no monitoramento dos processos de inje??o, considerando-se o fato de ser altamente detect?vel a percola??o de fluidos condutivos atrav?s das rochas. Esta tese apresenta o resultado de um algoritmo de tomografia eletromagn?tica bastante eficaz aplicado a dados sint?ticos. O esquema de imageamento assume uma simetria cil?ndrica em torno de uma fonte constitu?da por um dipolo magn?tico. Durante o processo de imageamento foram usados 21 transmissores e 21 receptores distribu?dos em dois po?os distanciados de 100 metros. O problema direto foi resolvido pelo m?todo dos elementos finitos aplicado ? equa??o de Helmhotz do campo el?trico secund?rio. O algoritmo resultante ? v?lido para qualquer situa??o...

An?lise de ambiguidade em m?todos de campo potenciais atrav?s de an?lise fatorial, Q-Modal

LOPES, Simone da Gra?a Fraiha
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.86%
Este trabalho apresenta uma metodologia para o estudo da ambiguidade na interpreta??o de dados geof?sicos. V?rias solu??es alternativas, representativas da regi?o de maior ambiguidade no espa?o de par?metros s?o obtidas, sendo posteriormente grupadas e ordenadas pela an?lise fatorial modo Q. Esta metodologia foi aplicada a dados sint?ticos de campo potencial simulando-se causas de ambiguidade como discretiza??o e truncamento da anomalia e a presen?a de ru?dos aleat?rio e geol?gico. Um ?nico prisma foi usado como modelo interpretativo, sendo a espessura a principal causa de ambiguidade tanto na gravimetria como na magnetometria. Segue-se a profundidade do topo sempre associada ? espessura, quando o sinal da anomalia ? alto. Quando a anomalia tem sinal baixo, a largura torna-se o segundo par?metro mais importante, tamb?m associada ? espessura. Ao contr?rio da presen?a de interfer?ncias geol?gicas, a presen?a de ru?do aleat?rio nos campos, n?o ? fator importante na ambiguidade. A aplica??o da metodologia a dados reais ilustra o papel desta an?lise na caracteriza??o de solu??es alternativas e a import?ncia da informa??o a priori na caracteriza??o das causas de ambiguidade. A metodologia apresentada pode ser empregada em diversos est?gios de um programa de prospec??o fornecendo em cada est?gio uma an?lise dos principais fatores causadores da ambiguidade...

Identifica??o autom?tica das primeiras quebras em tra?os s?smicos por meio de uma rede neural direta

MIRANDA, Anna Ilc?a Fischetti
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.72%
Apesar do avan?o tecnol?gico ocorrido na prospec??o s?smica, com a rotina dos levantamentos 2D e 3D, e o significativo aumento na quantidade de dados, a identifica??o dos tempos de chegada da onda s?smica direta (primeira quebra), que se propaga diretamente do ponto de tiro at? a posi??o dos arranjos de geofones, permanece ainda dependente da avalia??o visual do int?rprete s?smico. O objetivo desta disserta??o, insere-se no processamento s?smico com o intuito de buscar um m?todo eficiente, tal que possibilite a simula??o computacional do comportamento visual do int?rprete s?smico, atrav?s da automa??o dos processos de tomada de decis?o envolvidos na identifica??o das primeiras quebras em um tra?o s?smico. Visando, em ?ltima an?lise, preservar o conhecimento intuitivo do int?rprete para os casos complexos, nos quais o seu conhecimento ser?, efetivamente, melhor aproveitado. Recentes descobertas na tecnologia neurocomputacional produziram t?cnicas que possibilitam a simula??o dos aspectos qualitativos envolvidos nos processos visuais de identifica??o ou interpreta??o s?smica, com qualidade e aceitabilidade dos resultados. As redes neurais artificiais s?o uma implementa??o da tecnologia neurocomputacional e foram, inicialmente, desenvolvidas por neurobiologistas como modelos computacionais do sistema nervoso humano. Elas diferem das t?cnicas computacionais convencionais pela sua habilidade em adaptar-se ou aprender atrav?s de uma repetitiva exposi??o a exemplos...

Perfil de abdome agudo cir?rgico em pacientes com HIV/AIDS em um hospital de refer?ncia no estado do Par?

PASCOAL, Giselly de F?tima Mendes
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.72%
A S?ndrome da Imunodefici?ncia Adquirida (Aids) ? uma doen?a do sistema imunol?gico humano causada pelo v?rus da imunodefici?ncia humana (HIV). O HIV ataca c?lulas humanas respons?veis por defender o organismo de doen?as, sendo os linf?citos T CD4+ os mais atingidos. A dor abdominal em paciente imunodeprimido evolui com dif?cil manejo diagn?stico, sendo mandat?rio ao cirurgi?o estar familiarizado com os diversos diagn?sticos diferenciais e complica??es secund?rias da Aids. O presente trabalho teve como objetivo descrever os aspectos cl?nico-epidemiol?gicos de pacientes com Aids que evolu?ram com abdome agudo e receberam tratamento cir?rgico no per?odo de janeiro de 2001 a janeiro de 2011 no Hospital Universit?rio Jo?o de Barros Barreto. Foi um estudo observacional, retrospectivo, do tipo caso-controle, onde o grupo de casos foi constitu?do por pacientes com Aids que evolu?ram com abdome agudo e o grupo controle, por pacientes que tamb?m evolu?ram com abdome agudo, por?m sem condi??o imunossupressora associada. Houve predomin?ncia do sexo masculino na propor??o 4,5 homens para cada mulher no grupo com aids, por?m com propor??o similar nos controles. A maioria dos pacientes (87%) do grupo controle apresentou alguma altera??o laboratorial...

Aspectos sem?nticos, morfol?gicos e morfossint?ticos das palavras descritivas Apurin?

CHAGAS, Angela Fab?ola Alves
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.87%
Apresenta aspectos sem?nticos, morfossint?ticos e morfol?gicos das palavras descritivas da l?ngua Apurin? (Aru?k), isto ?, palavras que comumente s?o traduzidas como adjetivos nas l?nguas europ?ias. Algumas dessas palavras recebem a marca de sujeito pronominal (ex. unatxitapeka 'ela est? com fome'); outras recebem a marca de objeto (ex. ere-ru 'ela ? bonita'); e outras podem receber tanto uma como a outra (ex. ny-p?kareta eu estou com medo vs. pap?kare-nu eu sou medroso). A primeira quest?o aqui tratada foi quanto ao lugar das palavras descritivas nas partes do discurso Apurin? (s?o nomes, s?o verbos ou formam uma classe independente?). Utilizando evid?ncias internas da l?ngua, inicialmente estabelecemos uma classifica??o gramatical para essas palavras a partir de suas propriedades morfol?gicas em compara??o aos nomes e verbos na l?ngua, de modo a nos permitir responder a essa quest?o. A segunda quest?o foi sobre os correlatos sem?nticos das palavras descritivas. Considerando a divis?o interna das palavras descritivas em Apurin? (subjetivas vs. objetivas), apresentamos as propriedades sem?nticas associadas a cada grupo e, a partir disso, apresentamos uma tentativa de motivar o subagrupamento de conceitos descritivos na l?ngua com base nas no??es aspectuais de transitoriedade e perman?ncia. Finalmente...