Página 5 dos resultados de 11320 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

A CUT no governo Lula: Da defesa da "liberdade e autonomia" à reforma sindical inconclusa; CUT on the Lula's government: The defense of "freedom and autonomy" to unfinished union reform

Ladosky, Mario Henrique Guedes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.59%
Esta tese trata da relação entre a CUT e a estrutura sindical corporativa no Brasil. O tema já foi amplamente estudado pela sociologia no meio acadêmico, e da mesma forma tem sido elemento de reflexão e debate entre dirigentes e militantes sindicais. Nesse sentido, a originalidade deste trabalho é revisitar o tema e analisa-lo à luz do contexto do governo Lula, eleito em 2002 para seu primeiro mandato como presidente da República com a plataforma de modernização da legislação sindical através de uma reforma sindical negociada por representantes do governo, empresariado e trabalhadores no Fórum Nacional do Trabalho (FNT). Desse ponto de vista, essa tese se apropria de um debate já estabelecido sobre o conceito de corporativismo e faz um resgate histórico da CUT, dos anos 1980 aos dias atuais, enfatizando suas vicissitudes e contradições para a superação do modelo herdado da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), nas décadas de 1930 e 1940. Dentro desse percurso, a instauração do governo Lula, apoiado pela CUT, acarretou possibilidades de avanços e conquistas sociais e em direção à liberdade e autonomia sindical, do mesmo modo que tensionou internamente as relações entre as correntes políticas da CUT ao colocar em pauta questões inéditas em sua trajetória como o ajuste entre a defesa de um governo identificado com bandeiras populares e a manutenção de uma postura autônoma e independente na defesa dos interesses dos trabalhadores. A partir da trajetória da CUT...

Bolsa família ou desempenho da economia? : determinantes da reeleição de Lula em 2006

Pinheiro, Mauricio Canêdo
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Trabalho em Andamento
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Este artigo investiga os determinantes da mudança no padrão da votação nas eleições presidenciais de 2006, em particular o papel do programa Bolsa Família e do desempenho da economia na migração da base eleitoral de Lula para as regiões menos desenvolvidas. Do ponto de vista metodológico, inovase ao considerar adequadamente o problema gerado pela agregação de decisões individuais tipicamente não-lineares. Quanto aos resultados, ao contrário de Carraro et alli (2009) e outros autores, encontra-se que o impacto do programa Bolsa Família é bastante superior ao do desempenho econômico. No entanto, nenhum dos dois fatores foi capaz de explicar satisfatoriamente toda a extensão da mudança observada em 2006. Nesse sentido, ganha grande apelo a explicação apresentada em Zucco (2008), de que Lula, ao ser o candidato do governo, naturalmente teria desempenho superior em municípios menos desenvolvidos, mais dependentes do Estado.; Instituto Brasileiro de Economia

O subimperialismo brasileiro revisitado: a política de integração regional do governo Lula (2003-2007); The Brazilian subimperialism revisited: regional integration policy under Lula’s government (2003-2007)

Luce, Mathias Seibel
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Esta dissertação resgata a tese de Ruy Mauro Marini sobre o subimperialismo brasileiro – formulada no interior da Teoria Marxista da Dependência – aplicando-a à análise da política de integração regional do governo Luiz Inácio Lula da Silva, no contexto atual das relações interamericanas. Partindo dos nexos categoriais da tese sobre o subimperialismo, busca-se examinar criticamente o papel do Estado nas iniciativas de integração econômica como a ALCSA e a IIRSA, bem como a tendência expansionista das firmas de capital brasileiro na América do Sul, a partir da hipótese de uma reconfiguração territorial e da divisão regional do trabalho que atendem a interesses da burguesia brasileira integrada ao imperialismo dominante, bem como a seus sócios locais. Simultaneamente, discute-se a dinâmica de cooperação e conflito entre Brasil e EUA pelo controle do sistema regional de poder sul-americano, na qual em que pese existirem atritos, prevalece o objetivo comum de preservar, mediante a produção de consensos e o uso da coerção, o status quo capitalista nos países onde se desenvolvem as lutas antiimperialistas mais radicalizadas. Partindo dessa dupla dimensão, e valendo-se da correspondência diplomática coletada no Arquivo Histórico do Itamaraty...

Brazil and the economic, political, and environmental multilateralism : the Lula years (2003-2010)

Vizentini, Paulo Gilberto Fagundes; Silva, André Luiz Reis da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
36.59%
Nesse artigo, discute-se a política multilateral do Brasil no governo de Luís Inácio Lula da Silva, destacando os temas econômicos, políticos e ambientais. O argumento central é que as relações multilaterais do Brasil durante este governo alcançaram um novo significado com o reforço de coalizões internacionais e a articulação com o novo modelo de desenvolvimento econômico do país. O País tem usado fóruns multilaterais como meio de alcançar projeção internacional e apoio para seu desenvolvimento econômico, enfatizando os aspectos de barganha, coalizões de geometria variável e o fortalecimento da cooperação sul-sul.; This article discusses Brazil’s multilateral policy under Luiz Inácio Lula da Silva’s administration, highlighting economic, political and environmental themes. The main argument is that Brazil’s multilateral relations during this government reached a new significance with the reinforcement of international coalitions and the articulation with the country’s new development model. The country has been using multilateral forums as a way to achieve international projection and support for its development project, highlighting bargaining aspects, variable geometry coalitions and the strengthening of South-South cooperation.

Cineclubismo e políticas culturais : uma análise das implicações das políticas do governo Lula na configuração da rede no Rio Grande do Sul

Baldini, Juliana Previatto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no período de 2003 a 2010, foi marcado pela adoção de uma nova concepção de cultura, sustentando a necessidade de assumi-la enquanto valores, posturas e comportamentos sociais. Isso exigiu do Estado uma nova postura, sustentada pelas políticas culturais, cabendo destaque ao esforço de democratização promovido com a reestruturação do Ministério da Cultura (MinC) como tentativa de combater o problema da exclusão cultural. Em relação ao cinema, a atitude assumida foi de encontro à de mecenas praticada até então, especificamente baseada em políticas de financiamento, ilustradas pelas Leis Rouanet (1991) e do Audiovisual (1993). Voltada à questão do audiovisual, a iniciativa que se destacou foi o Cine Mais Cultura, parte do Programa Mais Cultura, que tem por objetivo a implementação e a ampliação de espaços de exibição audiovisual fora do esquema comercial, essencialmente representados pelas atividades cineclubistas – organizações formadas por cinéfilos e pessoas interessadas em cinema, que se reúnem para apreciar e refletir sobre essa arte. O alcance dessa ação acontece através da disponibilização de equipamento audiovisual para projeção digital...

A oposição nos governos FHC e Lula : um balanço da atuação parlamentar na Câmara dos Deputados

Bezerra, Gabriella Maria Lima
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Esta pesquisa compara a atuação parlamentar da oposição na Câmara dos Deputados nos Governos FHC e Lula. O objetivo é revelar padrões e diferenciações nesses governos, revelando: a) quais estratégias de sobrevivência política predominaram, b) quais foram vitoriosas, c) qual o impacto eleitoral e político para os Partidos e d) se há mudanças entre o espectro esquerda e direita. Partiu-se da hipótese que apesar de semelhanças, dado o escopo constitucional, as atuações e objetivos não são iguais nos dois períodos. Por isso, definiram-se tipos ideais de oposição esperados. Do PT esperou-se uma posição sistemática, obstrutiva, fiscalizadora, punitiva e coesa, disciplinada e não migratória. Do PSDB-DEM esperouse posições programáticas, não sistemáticas e menos coesas. Para testá-la foram utilizados os seguintes dados do comportamento parlamentar: recursos procedimentais, votações nominais, propostas de fiscalização e controle, produção legislativa, representação eleitoral e o uso de Adins. A principal contribuição deste trabalho é revelar como sobrevivem as oposições num sistema de extrema competição de escassos recursos, ampliando, o entendimento do jogo partidário brasileiro e das relações entre Executivo e Legislativo...

Descentralização e relações entre o município e a união : o caso de Esteio durante os governos FHC2 e Lula 1 (1999-2006)

Lopes, Thiago Mauer
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Este trabalho tem por objetivo entender o processo de descentralização do federalismo brasileiro após a constituição de 1988, quando os municípios foram elevados ao mesmo nível dos governos estaduais e federal, a nova relação, com a União (agora com autonomia local), o como essa levou à concentração das responsabilidades locais na área da Assistência Social, e que contornos essa passou a ter a partir da implantação da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), em 2000. Tendo em vista que as políticas tomadas pelo governo federal incidem imediatamente naquelas que serão base na esfera municipal, avaliaremos como se deram as relações entre o município e a união durante os mandatos de Fernando Henrique Cardoso (1999-2002) e Luis Inácio Lula da Silva (2003-2006) após a promulgação da nova lei. Para tal, realizaremos um estudo de caso da aplicação de políticas públicas em um município médio da Região Metropolitana de Porto Alegre, chamado Esteio, buscando avaliar qual dos dois governos (o primeiro, do PSDB e o segundo do PT) teve um enfoque mais assistencial.; This work aims to understand how the process of decentralization of the Brazilian federalism, in the period after the new national constitution from 1988...

A imagem pública do candidato Lula nas eleições presidenciais de 1989 e 2002

Zanardo, Bruna Helfenstein
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/zip; application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Esse projeto visa estabelecer uma comparação da imagem pública de Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições de 1989 – sua primeira candidatura para presidente no Brasil, quando concorreu no segundo turno com Fernando Collor (PRN) – e 2002 - a eleição em que de fato ele se elegeu, tendo concorrido no segundo turno com José Serra (PSDB). Este trabalho analisa o programa fundador do Horário Gratuito de Propaganda Eleitoral de cada uma das campanhas a partir da metodologia da Análise de Conteúdo com tabelas que relacionam itens da estrutura da campanha, entre eles: discurso, aparência, testemunhas, narrador, âncora, cenários/paisagens e jingles com itens da estrutura do projeto político, sendo eles: conceitos e ideias, projeto político, ideologia e partido, história pessoal, história política, problemas sociais, problemas econômicos e reconhecimentos do eleitor. Sendo todos em conjunto, indicadores do trabalho da assessoria de comunicação. O que se pretende investigar neste estudo são as diferenças, semelhanças e estratégias da propaganda que incidem sobre a imagem pública do candidato Lula.

O discurso jornalístico impresso na construção de um sujeito político: o candidato à presidência Luiz Inácio Lula da Silva

Castro, Adriane Belluci Belório de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 262 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Linguística e Língua Portuguesa - FCLAR; O discurso jornalístico constitui, para a sociedade contemporânea, um poderoso instrumento de construção e disseminação de valores cognitivos e passionais, de modo que, no âmbito político, esse fazer tende a ser mais intenso e, conseqüentemente, mais evidente, em períodos que envolvem campanhas eleitorais para a presidência de uma nação. Tal panorama temático sustenta a presente pesquisa que, embasada na teoria semiótica greimasiana, busca (re)construir, por meio de diferentes gêneros textuais que compõem o jornalismo impresso - representado aqui pelos periódicos Folha de S.Paulo, O Estado de S.Paulo, Istoé e Veja - a identidade do sujeito Luiz Inácio Lula da Silva no papel temático de candidato à presidência da República durante a disputa eleitoral de 2002 (especificamente no período de junho a outubro). Para tanto, recorre-se à categoria de sujeito a fim de abordá-la nas dimensões cognitiva, pragmática e passional e, a partir disso, verificar como se realiza textualmente a imagem do candidato para o (e)leitor por meio do discurso jornalístico impresso.; The journalistic discourse consists of a powerful tool in the construction and dissemination of passional and cognitive values in contemporary society...

A representação da CUT nos governos Lula (2003-2010)

Carvalho, Guilherme
Fonte: Editora Unesp Publicador: Editora Unesp
Tipo: Livro Formato: 303 p.
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Pós-graduação em Ciências Sociais - FCLAR; O livro se debruça sobre a tentativa da Central Única dos Trabalhadores (CUT) de superar a fase chamada de "defensivismo sindical", desencadeada no Brasil a partir dos anos 1990, quando uma série de transformações econômicas, políticas e legais no bojo do neoliberalismo e da globalização dificultou crescentemente a atividade sindical. Para o autor, tratou-se de uma tentativa bem sucedida, já que atuando no sentido de ampliar sua abrangência representativa para além daquela que é reconhecida pelo conceito tradicional de classe trabalhadora, a CUT conseguiu, durante os governos do petista Luis Inácio Lula da Silva (2003-2010), implantar práticas que aprofundaram as suas ações participativas em meios institucionais. Essa operação, na verdade, teria sido facilitada pelo governo Lula, caracterizado como um governo de coalizão e inspirado no princípio do "diálogo social", com a criação de espaços de intervenção na forma de arranjos institucionais que envolveram representantes das diferentes classes sociais para debater os mais diversos temas. Dessa maneira, a CUT pode participar da elaboração de políticas de governo que interessavam não apenas aos segmentos estáveis da classe trabalhadora...

Análise da gestão da dívida pública nos governos FHC (1995-2002) e Lula (2003-2010)

Constantino, Melina
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Principalmente a partir do final da década de 1990, com as crises internacionais que afetaram especialmente os países em desenvolvimento, passou-se a designar maior importância a temas como dívida pública, sua gestão e o desenvolvimento do mercado de títulos públicos. Nos últimos dezesseis anos da economia brasileira observamos diferentes momentos da situação do endividamento público. O crescimento da relação dívida pública/PIB e a piora da sua composição (em relação aos indexadores) são características do período de governo de Fernando Henrique Cardoso (1995-2002), enquanto o decréscimo da dívida pública em relação ao PIB, assim como a melhora de seu perfil, foram características presentes durante o governo de Luis Inácio “Lula” da Silva (2003-2010). É importante destacar que o cenário da economia mundial, em cada um dos períodos citados, influenciou diretamente na execução da política econômica, e, portanto, na gestão da dívida pública

Historiografia da inserção do Brasil no regime internacional de acumulação nas eras FHC e Lula: do regional ao multilateral

Tanaka, Juliana Emy Carvalho
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 362 f. : gráfs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Geografia - IGCE; This thesis starts from the premiss a greater universalism of the Brazilian participation in the international regime in the Nova República and maintains that from 1995 to 2010 the Brazilian international politics, while maintaining its goal of development and growth of the country, changed his manner of engaging the autonomy the integration (terms of President Fernando Henrique Cardoso), to the position of autonomy through diversification (terms of President Luiz Inácio Lula da Silva), which reconfigured the foreign form of international insertion both in relation to other economic blocs, countries and institutions multilateral trade, as in the very productive internal structure in order in imports and exports of federal entities, and the development of the country; Esta tese se pauta na premissa de maior universalismo na inserção brasileira no regime internacional na Nova República e sustenta que no período de 1995 a 2010 a política internacional brasileira, embora mantendo seu objetivo de desenvolvimento e crescimento do país, mudou sua forma de inserção da autonomia pela integração (mandatos do presidente Fernando Henrique Cardoso)...

A Expansão do Ensino Superior nos Governos Lula (2003-2010): Caracterização e Análise de suas Estratégias.

Ramos, Daniel Silveira
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 110 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.59%
TCC (graduação)- Universidade Federal de Santa Catarina,Centro Sócio-Econômico, Curso de Ciências Econômicas.; O objetivo deste trabalho foi analisar a expansão do ensino superior brasileiro durante os Governos Lula a partir do seu processo de gênese e estrutura identificando as origens históricas da expansão do ensino superior no Brasil e suas possíveis fases de desenvolvimento. O trabalho se caracteriza como uma pesquisa bibliográfica e documental apoiada em clássicos do pensamento social, produções atuais sobre as políticas educacionais, economia e política no Brasil, dados governamentais ou de instituições que possuem estudos referenciados no tema educacional brasileiro, além de matérias da grande mídia e portais/sítios da internet sobre os recentes acontecimentos envolvendo a educação superior. A pesquisa apontou que a expansão do ensino superior sob os governos Lula (2003-2010) representou também um processo de reestruturação deste nível de ensino. Impulsionou-se o setor privado e se diversificou os cursos (presenciais e à distância; graduação, bacharelado interdisciplinar e tecnológico) e as instituições (públicas e privadas; voltadas ao ensino e voltadas à pesquisa). No entanto...

Divida Pública Brasileira nos governos FHC e Lula

Gonçalves, Marcelo Manoel
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 96 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.59%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Economia.; Este trabalho de conclusão de curso teve por objetivo analisar a Evolução do Endividamento Público Brasileiro nos dois governos FHC (1995 — 2002) e nos três anos do governo Lula (2003 — 2005). No primeiro governo FHC havia a preocupação em solidificar a nova ordem implantada a partir de 1994, a palavra chave na ocasião era estabilidade, mesmo corn as evidências gritantes da necessidade de um ajuste fiscal completo. A combinação da política monetária restritiva e da política fiscal expansionista e também da conseqüente redução das receitas obtidas via imposto inflacionário (devido a queda da inflação) resultaram no salto do endividamento público de 29% do PIB em 1994 para 42% do PIB em 1998, as medidas de ajuste fiscal implantadas no período foram apenas de contenção de despesas, objetivando impedir que o aumento da divida fosse ainda maior (a base de corte de gastos e aumento de impostos). 0 segundo governo FHC foi caracterizado por uma nova visão das Contas Públicas, com a crise de 1999, o governo foi obrigado a adquirir uma nova percepção dos gastos públicos. 0 acordo com o FMI, a queda da ancora cambial e a adoção do sistema de metas para a inflação no inicio de 1999...

Política macroeconômica do governo Lula: uma crítica pós-Keynesiana

Araújo, Assilio Luiz Zanella de
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 101 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.59%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Economia.; O presente trabalho tem como tema central a política macroeconômica do governo Lula, a qual foi fundamentada nos pilares teóricos daquilo que tradicionalmente é classificada como teoria macroeconômica ortodoxa. A citada teoria tem como premissa básica uma forte relação entre estabilidade de preços e crescimento econômico, ou seja, a estabilidade dos fundamentos macroeconômicos criaria um ambiente propício para o aumento do nível de investimentos e para a aceleração do crescimento econômico. Entretanto, apesar de o governo Lula ter conseguido concretizar o objetivo da estabilidade de preços, esta não veio acompanhada de um crescimento econômico sustentado no longo prazo. A partir desta constatação, pretende-se formular uma crítica ao modelo macroeconômico atual, que será fundamentada no referencial pós-keynesiano e terá como alvo central o regime de metas de inflação. Uma vez que, o sistema de metas foi, por um lado, o principal instrumento para a viabilização do controle da inflação, mas, por outro lado, pode ser considerado um dos principais fatores explicativos do baixo nível de investimentos e do crescimento econômico modesto comparativamente aos outros países em desenvolvimento.

Del “líder pragmático” al “populismo chavista”: Lula en los editoriales de O Estado de S. Paulo durante su primer gobierno.; Del “líder pragmático” al “populismo chavista”: Lula en los editoriales de O Estado de S. Paulo durante su primer gobierno.

Goldstein, Ariel Alejandro
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa empírica Formato: application/pdf
Publicado em 15/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
nulo; O trabalho tem o propósito de compreender as variações ideológicas do jornal O Estado de S. Paulo relativas a sua percepção da liderança presidencial de Lula da Silva durante seu primeiro governo (2003-2006). Partindo da análise de seus editoriais durante três períodos críticos: a Reforma da Providencia, o mensalão e as eleições de 2006, procuramos identificar a mudança na percepção do jornal, de uma inicial legitimação da “liderança pragmática” que encarnaria o Lula, para a desqualificação do “populismo chavista” que o presidente representaria a partir do escândalo do “mensalão" começado no maio de 2005. Como marco teórico para a realização da análise sobre os editoriais será aplicado tanto a teoria dos enquadramentos como distintas concepções sobre as ideologias políticas e a análise do discurso. A identificação das variações ideológicas do jornal, que permitam reconhecer suas mutações como ator político frente a esta liderança presidencial, constitui um importante objetivo de este trabalho.

Lula’s Era and its Main Economic Question Growth, Domestic Market and Income Distribution; A Era Lula e sua questão econômica principal crescimento, mercado interno e distribuição de renda

Biancarelli, André M.
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Brasileiros Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Estudos Brasileiros
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 26/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
The goal of this paper is to discuss the distinctive aspect of Lula’s Era in economic issues: the positive interactions between social and economic dimensions. The central hypothesis is that the social side of recent development strategy is defensible not only in moral grounds, but also is the best option in the difficult current context. The sections of the text are dedicated to discuss: the historical background; the transformations and the positive numbers during Lula’s mandate (2003-2010); the worse performance and major challenges faced by Dilma’s government (since 2011) and, finally, some ideas and priorities to renew and deepen this “social-developmentalism”.; O presente texto procura jogar luz sobre o que se julga ser a característica distintiva da Era Lula em termos econômicos: uma maior sintonia entre objetivos econômicos e sociais. A hipótese com a qual se trabalha é a de que o conteúdo social do desenvolvimento brasileiro, ensaiado na Era Lula, é não apenas defensável do ponto de vista moral, como também se mostra a melhor alternativa econômica diante das dificuldades e limitações enfrentadas pelo Brasil atualmente. As seções do texto tratam, na sequencia, do contexto histórico a envolver essas questões; dos bons resultados do governo Lula (2003- 2010); das dificuldades e reações no mandato de Dilma (pós-2011) e...

UTILIZAÇÃO DE ELETROFORESE (SDS-PAGE) PARA ESTUDO DE PROTEÍNAS DE TECIDO MUSCULAR DE LULA “IN NATURA” E PROCESSADA

FRAZÃO, ALESSANDRO DOS SANTOS; STEPHAN, MARILIA PENTEADO; FURTADO, ANGELA APARECIDA LEMOS
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 09/02/2006 POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
No presente trabalho foram estudadas as modificações das proteínas no tecido muscular de manto de lula (Doryteuthis plei - BLAINVILLE, 1823), “in natura”, préprocessado (95ºC/5min, NaCl 2%) e processado (120ºC/ 7min, NaCl 2%). Também foram analisadas as proteínas solubilizadas naturalmente na salmoura do préprocessamento e do processamento. As amostras foram avaliadas durante período de armazenamento de 90 dias. As proteínas do manto foram extraídas com tampão fosfato (15,6 mM K2HPO4; 4,3 mM KH2PO4; pH 7,5) e tampão fosfato salino (15,6 mM K2HPO4; 4,3 mM KH2PO4; 0,45 M KCl; pH 7,5). As proteínas solúveis obtidas foram avaliadas quantitativamente por método colorimétrico. A análise em gel de poliacrilamida contendo dodecil sulfato de sódio (SDS) foi utilizada para caracterizar as cadeias polipeptídicas das proteínas solúveis estudadas. Obtevese padrão de identidade pelo perfil em gel de eletroforese (SDS-PAGE) da lula “in natura”, cuja faixa de cadeias polipeptídicas variou de 8 kDa a 222 kDa. O padrão de identidade obtido para o manto de lula processada apresentou perfil de cadeias polipeptídicas com 43, 80 e 83 kDa. Esse perfil polipeptídico permaneceu estável durante 90 dias, o que evidenciou boa preservação do produto armazenado na forma de conserva.

To" zero the number of brazilian municipal districts without Library" - analisys of President Lula's Discourse; Zerar o número de municípios brasileiros sem Bibliotecas - análise do discurso do Presidente Lula 10.5007/1518-2924.2008v13n26p229

Almeida, Ludmila; USP; Bastos, Gustavo Grandini; USP; Romão, Lucilia Maria de Sousa; USP
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
In that work we looked for to analyze, to the light of the Analysis of the Discourse of French filiation, statements picked in broadcastings in electronic format (Gate of Notícias G1, O Globo). We investigated the way as the libraries are spoken in president's Lula official depositions and the way as they are designated the official programs of distribution of books that, in national extent, they repeat senses had as having legitimated for the dominant ideology. Among them, we detached the reduction effect of the library concept to the collection existence, the one that does look for us support in some notions of the Librarianship. We observed that the discourse on the library, in the official extent, turns off and it silences other possible senses to mean the reading, especially marking a deletion of the pleasure and of a professional's presence in that unit informacional. Our interest leans over on the gesture of interpreting that process, not of the point of view of the analysis of the contents of the declarations of the largest agent of the country, but of observing how they are put in movement the imaginary and discursive formations (Pêcheux, 1969) on the library, that they appeared in the chosen statements for the constitution of our corpus.; Neste trabalho buscamos analisar...

“Quebra de Protocolo”: uma leitura da política externa do governo Lula

Gusmão Pinheiro Duarte, João Paulo
Fonte: Meridiano 47; Meridiano 47 Publicador: Meridiano 47; Meridiano 47
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
“Quebra de Protocolo” é uma leitura breve e precisa da política externa compreendida nos dois mandatos do ex-presidente Lula. O livro resgata os primeiros movimentos de mudança em relação à política externa praticada nos anos anteriores, e apresenta as principais diretrizes e iniciativas adotadas no período. “Breach of Protocol” is a brief and accurate reading of Brazilian foreign policy understood in two governments of President Lula. The book highlights the main changes in relation to foreign policy practiced in previous years, and presents the main guidelines and initiatives adopted in the period.