Página 4 dos resultados de 950 itens digitais encontrados em 0.016 segundos

Análise tecnológica e geográfica dos transbordamentos de P&D na indústria paulista

Silva, Alexandre Messa Peixoto da
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Relevância na Pesquisa
75.95%
Esta dissertação tem como foco a identificação dos transbordamentos de investimentos em P&D na indústria de transformação do Estado de São Paulo, fazendo-se uso da Pesquisa da Atividade Econômica Paulista (PAEP) da Fundação Seade. Dessa forma, pretendemos caracterizar este transbordamento por meio de duas dimensões: a geográfica e tecnológica. Em outras palavras, pretendemos verificar se a distância geográfica entre duas empresas é um fator de influência para o transbordamento de P&D entre elas, o mesmo sendo feito quanto à relação tecnológica entre elas. Além disso, pretendemos realizar uma análise combinada essas duas dimensões, com vistas a identificarmos se a distância geográfica (tecnológica) é um fator de influência sobre os transbordamentos considerando-se isoladamente as firmas próximas (ou distantes) tecnologicamente)(geograficamente).

O papel da função produção nas definições estratégicas adotadas pelas empresas da indústria de molas do Rio Grande do Sul

Costa, Augusto Aiquel Vaz
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.87%
Tendo como escopo de pesquisa as empresas da indústria de molas localizada no Rio Grande do Sul, realizamos um estudo no sentido de classificar as empresas do setor conforme critérios de um esquema referencial que operacionalizou o conceito de quatro estágios de competitividade da manufatura (WHEELWRIGHT & HAYES, 1985), buscando uma adequada compreensão do setor no que tange aos diferentes graus de entendimento e uso da produção como elemento de competitividade. Inicialmente realizamos uma revisão teórica contemplando conceitos de gestão estratégica da função manufatura, prioridades competitivas, categorias estratégicas de produção e, principalmente, o conceito de quatro estágios de competitividade na manufatura (WHEELWRIGHT & HAYES, 1985). Neste, o pensamento estratégico e as práticas das operações na manufatura apresentam posicionamentos que são caracterizados em uma faixa que vai desde uma orientação internamente neutra frente à manufatura até o estágio onde a produção assume o papel de sustentação externa. Com base no conceito dos quatro estágios, desenvolvemos um esquema referencial visando sua operacionalização. O esquema seria testado como ferramenta de diagnóstico na indústria de molas. Escolhemos elementos de gestão que assumem condições distintas nos quatro estágios...

Especialização produtiva e aglomeração industrial: uma análise da indústria de confecções de Ibitinga - SP

Matushima, Marcos Kazuo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: vii, 183 f. : il., mapas, gráfs., fots.
POR
Relevância na Pesquisa
75.87%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Geografia - IGCE; Este trabalho estuda o desenvolvimento da aglomeração industrial de Ibitinga-SP, a partir do processo de reestruturação produtiva que atinge a indústria brasileira na última década. A origem da indústria de Ibitinga está relacionada a uma combinação de fatores eminentemente endógenos, que possibilitaram o surgimento e a evolução do ramo de confecção, constituindo um cluster industrial. A indústria de confecções local se torna, já nos anos 1970, a principal atividade econômica do município de Ibitinga, e teve como principal característica a produção de artigos de cama, mesa e banho bordados à máquina. A partir da crise dos anos 1980 e do processo de abertura econômica dos anos 1990, a indústria local passa por um processo de reestruturação para se adaptar à nova realidade nacional e mundial, com a ampliação do espectro produtivo, através da introdução de maquinário moderno e novos produtos. Soma-se a isso a importância do conhecimento tácito difundido na aglomeração industrial, o qual assume um papel relevante no processo de estruturação do ramo de confecções como principal atividade industrial em Ibitinga. Concluiu-se que o relativo sucesso no surgimento e na consolidação desta aglomeração industrial está ligado a uma combinação de fatores e processos endógenos...

Os fluxos de investimentos industriais na produção do território do Estado de São Paulo

Moreira, Adriano
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 178 f. : il., mapas, grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
75.93%
Pós-graduação em Geografia - FCT; The current context of called capitalist accumulation, engendered by the necessity of the capital in general of growing and expand yourself continuously in search for higher rates for profit, has deepened, redefined and made more complex the territorial division of labour in multiple geographic scales. With this starting point, the present dissertation seeks to contribute to the theoretical debate, but with strong empirical evidence, about the relationship between industry, investments and their spatial resulting on the state of São Paulo territorial dynamics, in particular from the permanent processes that shape and constrain the territorial labour division in the regional and urban network São Paulo scales. Central element of this discussion are the resulting movements from processes called devolution of productive capital in the State Assembly and centralization command of these capitals and their territorial flows in the metropolis, which would create, accordingly, a new São Paulo industry map of the early this XXI century. The interpretation of such cases concern the search of space resultings revealed by the decisions of investments of manufacturing industry, considering as the main source data PIESP - Pesquisa de Investimentos Anunciados no Estado de São Paulo...

Desigualdade salarial na decada de 90 : uma avaliação sobre a industria de transformação

Claudio Roberto Amitrano
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2002 PT
Relevância na Pesquisa
75.96%
A economia brasileira passou por profundas transformações ao longo dos anos 90. Um dos traços característicos dessas transformações foi a reestruturação da indústria que parece ter sofrido um processo de especialização industrial regressiva, no qual verificouse um aumento do coeficiente de importações, bem como uma perda de elos da cadeia produtiva. Esta reestruturação não repercutiu de forma homogênea sobre todos os ramos industriais, sendo o processo de ajustamento bastante diferenciado entre setores e firmas. No mercado de trabalho, foi empreendida uma profunda transformação na estrutura do emprego. Por um lado, ocorreu uma diminuição do emprego em termos absolutos. Por outro, houve uma mudança na composição das ocupações. O processo de reestruturação das empresas foi centrado na redução das hierarquias ocupacionais. Ademais houve um movimento de desverticalização e subcontratação que implicou um crescimento da parcela das pequenas empresas na composição do emprego total. Estas alterações na estrutura do emprego e os movimentos diferenciados entre setores e empresas, assim como a redução da inflação a partir de 1994, parecem ter impactado a evolução dos salários industriais ao longo da década. Neste sentido...

A reestruturação recente da industria brasileira e seus efeitos sobre a contratação de engenheiros; Recent industry restructuring in Brazil and its effects on employment of engineering

Marcela de Oliveira Mazzoni
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
76.03%
O presente trabalho tem por objetivo investigar se a participação dos engenheiros no emprego formal da indústria de transformação brasileira cresceu após as mudanças no ambiente econômico e a reestruturação industrial a partir do Plano Real, em 1994. Para isto, o trabalho se desenvolve em torno de duas perguntas. A primeira busca averiguar se estas mudanças na economia e na indústria teriam alterado as estruturas do emprego de tal forma que a retomada da aceleração econômica, como vem acontecendo a partir de 2003, estaria provocando uma elevação na demanda por profissionais em ritmo maior do que sua oferta no mercado de trabalho. A segunda pergunta analisa se a nova estrutura do emprego esteve ligada ao maior envolvimento destes profissionais com as atividades inovativas por parte da indústria de transformação brasileira. Para a investigação das mudanças na estrutura do emprego de engenheiros foram coletadas informações na base de dados do Ministério do Trabalho e Emprego, a RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), no período 1994/2006. Para o estudo do componente tecnológico do mercado de trabalho para a engenharia tem-se como fonte de dados as três edições da Pintec (Pesquisa Industrial de Inovação Tecnológica)...

Indústria metalúrgica básica brasileira : perfil setorial, inovatividade e interatividade; Basic metals Brazilian industry : sector profile, innovativeness and interactivity

Conceição de Fátima Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
75.88%
A Indústria de Metalurgia Básica - IMB (Produção de ferro-gusa e ferro liga, Siderurgia,Produção de tubos de aço exceto tubos sem costura, Metalurgia de metais não ferrosos e Fundição) brasileira é internacionalmente competitiva e detém a posição de segundo maior exportador da indústria de transformação nacional. Ao mesmo tempo, apesar de ser uma indústria de baixa densidade tecnológica, destaca-se como uma indústria de elevada interatividade com a infraestrutura científica e tecnológica, segundo dados do Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq. Segundo os dados da PINTEC, no entanto, a IMB é uma das indústrias de mais baixa inovatividade da economia nacional, o que é incompatível com o seu desempenho econômico e competitividade internacional. Tendo em vista estas considerações, o presente trabalho tem como tema a conduta inovativa da IMB e foi norteado por três problemas interdependentes de pesquisa, quais sejam, investigar as motivações para a elevada interatividade desta indústria com a infraestrutura científica e tecnológica, avaliar as razões pelas quais as suas elevadas interatividade e competitividade não resultam em um perfil inovativo positivamente diferenciado na PINTEC e, finalmente...

Modelo de referência para o processo de desenvolvimento de produtos na indústria de alimentos

Penso, Cíntia Carla
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiii, 182 p.| il., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
75.9%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica.; O presente trabalho de pesquisa trata-se de um estudo realizado sobre o emprego de metodologias de projeto de produtos industriais no Processo de Desenvolvimento de Produtos (PDP) na indústria de alimentos. O PDP é o processo no qual as oportunidades de mercado e possibilidades técnicas são transformadas em informações para a fabricação de produtos comerciais pela empresa. Atualmente, o PDP tem sofrido modificações e investimentos, com a finalidade de tornar-se mais competitivo e estratégico para atender as necessidades do mercado e da indústria. A indústria de alimentos representa 35% da indústria de transformação, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e está inserida num ambiente competitivo, no qual as empresas precisam sobreviver num mercado dinâmico, instável e com o ciclo de vida dos produtos cada vez mais curto. Desta forma, a indústria de alimentos vem reestruturando-se gradualmente com vistas ao desenvolvimento produtivo, comercial e tecnológico e, tem investido mais intensamente no PDP pois o mesmo tornou-se um aspecto chave para a obtenção de vantagem competitiva. Este cenário apontou novas perspectivas nas pesquisas sobre o PDP na indústria de alimentos e sobre as metodologias de projeto empregadas...

A exportação e o desempenho das PME na indústria transformadora do bacalhau em Portugal

Sousa, Pedro Jorge Faustino Gonçalves de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
75.97%
Este trabalho tem como primeira razão a realização de um estágio curricular na Bemseca, uma empresa da indústria transformadora de bacalhau, na Parte I, Capítulo 1, deste relatório faz-se a apresentação da empresa e a descrição das actividades realizadas no âmbito do estágio. As características da empresa, de pequena dimensão e inserida no sector da Indústria de Transformação do Bacalhau (ITB), justificam que no capítulo 2 se forneça um panorama das Pequenas e Médias Empresas (PME) e a caracterização histórica da indústria do bacalhau como elemento fundamental para a compreensão da situação actual da mesma. Na Parte II, Capítulo 3, aborda-se a questão da relação entre o desempenho e o sucesso da exportação das PME deste sector da indústria que é suscitada neste relatório. Apresenta-se uma revisão literária dos trabalhos que abordam as determinantes da exportação das PME e, em mais detalhe, a referida relação entre a exportação e o desempenho das empresas. No mesmo capítulo, descreve-se a metodologia adoptada para o estudo em causa, apresenta-se os dados recolhidos e a forma de constituição da amostra de empresas do sector da transformação do bacalhau que serão analisadas. No capítulo 4 parte-se para o uso de técnicas de análise descritiva...

Tratamento de efluentes da indústria de processamento de castanha pela combinação de processos biológicos e químicos

Ferreira, Tânia Isabel Mendes
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
75.97%
Dissertação de Mestrado em Segurança Alimentar; As empresas de transformação de castanha geram grandes quantidades de sub-produtos. Estes são essencialmente compostos por águas usadas na lavagem e no processamento do fruto, águas residuais e diferentes tipos de resíduos sólidos. As águas residuais devem ser geridas de um modo adequado para evitar impactos ambientais negativos: desde a sua separação, passando pelo tratamento adequado e finalmente poderem ser eliminados sem causar danos ao ambiente nem à saúde pública. Para serem lançados em águas superficiais, os efluentes tem de respeitar certos limites paramétricos exigidos legalmente. Este trabalho teve como objetivos tratar um efluente resultante de uma indústria de transformação de castanha, otimizar alguns aspetos no seu tratamento e avaliar quais os melhores coagulantes/floculantes na ótica dum tratamento complementar biológico/químico. De início o efluente foi submetido a um tratamento biológico aeróbio. Numa segunda etapa o efluente foi submetido a um tratamento químico complementar de coagulação/floculação. Durante o tratamento biológico, o efluente, foi sujeito a diversos ensaios de biodegradabilidade aeróbia. Estes ensaios basearam-se na utilização de reatores descontínuos aeróbios aos quais foram adicionadas diferentes quantidades pré determinadas de lamas ativadas...

Esforço tecnológico da indústria de transformação brasileira: uma comparação com países selecionados

Zucoloto,Graziela Ferrero; Toneto Júnior,Rudinei
Fonte: Instituto de Economa da Universidade Federal do Rio de Janeiro Publicador: Instituto de Economa da Universidade Federal do Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
75.95%
O artigo analisa o esforço tecnológico da indústria de transformação brasileira, em comparação a um grupo de países da OECD. As principais conclusões são: (a) o esforço tecnológico industrial nacional é limitado em comparação ao realizado pelos países selecionados; (b) essa performance é válida para a maior parte dos setores nacionais; (c) essa diferença é mais significativa entre setores intensivos em tecnologia: produtos químicos, eletrônicos e informática; (d) a diferença entre a estrutura produtiva brasileira e das nações da OCDE também é responsável pelo baixo esforço tecnológico realizado pela indústria de transformação, porém com menor intensidade; (e) foi identificada uma correlação positiva entre esforço tecnológico relativo e desempenho comercial, e uma correlação negativa entre esforço tecnológico relativo e contROLe estrangeiro na receita operacional líquida.

Trabalhadores da indústria de transformação do município de Caxias do Sul (RS): trajetórias pós-desligamento em um contexto de reestruturação industrial

Parenza,Cidriana Teresa; Lápis,Naira Lima
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Sociologia - UFRGS Publicador: Programa de Pós-Graduação em Sociologia - UFRGS
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
75.9%
Este artigo analisa a relação entre trajetórias profissionais pós-deligamento e atributos profissionais acumulados pelo exercício profissional. Trata-se de uma pesquisa realizada em 2003, com 20 trabalhadores desligados dos ramos industriais mecânico e material de transporte do Município de Caxias do Sul (RS). Parte-se da hipótese de que a introdução de inovações tecnológicas nos processos de trabalho da indústria coloca novas exigências em termos de atributos profissionais dos trabalhadores, expressas na contratação, repercutindo, portanto, nas possibilidades de reinserção profissional. Ao mesmo tempo, dadas as especificidades da reestruturação industrial em curso no Brasil, supõe-se que as novas demandas não se estendam a todos os postos de trabalho, atenuando as dificuldades de reinserção profissional. Com a reconstituição das trajetórias dos trabalhadores investigados, verificou-se que, em sua maioria, estes retornaram à indústria de transformação, o que foi constatado, igualmente, entre aqueles que não apresentavam atributos referentes ao trabalho com equipamentos de base microeletrônica ou, ainda, níveis de escolaridade requeridos pelo mercado de trabalho. As informações coletadas revelaram também que outros elementos interferiram na reinserção profissional...

Exportações e processo de aprendizado: uma análise microeconômica da indústria de transformação brasileira

Ramos Filho, Hélio Sousa; Hidalgo, Álvaro Barrantes (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
75.9%
Esta tese buscou analisar os ganhos de produtividade gerados pela inserção das firmas brasileiras no comércio internacional, isto é, verificou-se a existência do efeito aprendizado através das exportações. Usando o estimador Propensity Score Matching com Diferença em Diferença, foi possível avaliar as diferenças de produtividade entre firmas exportadoras estreantes e não exportadoras em diferentes momentos do tempo. Os resultados encontrados apontam para evidências favoráveis ao efeito aprendizado. As empresas exportadoras estreantes tornam-se em média 20,6% mais produtivas quando comparada as não exportadoras no conceito de produtividade total dos fatores e 29,1% mais produtivas no conceito de produtividade do trabalho. Observou-se ainda que os ganhos de produtividade podem depender da distribuição espacial das firmas. O efeito aprendizado pela exportação estaria presente nas regiões Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste do país. Este efeito não foi observado para as regiões Norte e Sul. Foi verificado ainda se o efeito aprendizado através das exportações depende do tipo de indústria, os resultados apontam que existem impactos da exportação sobre a produtividade imediatamente e em um período (um ano) posterior à entrada nos seguintes setores: têxtil...

Avaliaçao de impactos da Indústria de Base Florestal sobre a ocupaçao e renda do Paraná-1998

Kureski, Ricardo
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf text/plain
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
76.01%
Esta tese tem por objetivo principal estabelecer, numa primeira aproximação, utilizando a Matriz de Contabilidade Social do Paraná de 1998, a importância da indústria de base florestal nos impactos totais (direto, indireto e induzido) sobre a ocupação e a renda da economia do Paraná, em decorrência da variação da demanda final. Para atingir esse objetivo, foi necessária a construção primeiramente da Matriz de Relações Intersetoriais por meio da regionalização da matriz brasileira. Com a Matriz de Relações Intersetoriais paranaense e dados referentes a pagamento de impostos e transferências do governo federal e estadual acrescidos de informações de renda e pessoal ocupado da Pesquisa Nacional de Amostra Domiciliar, constituiu-se a Matriz de Contabilidade Social do Paraná. Foram calculados três tipos de multiplicadores para ocupação e renda. O primeiro, do tipo I, demonstra os efeitos diretos e indiretos do aumento da demanda final. O segundo, do tipo II, apresenta os efeitos direto e indireto, bem como o efeito multiplicador induzido pela renda. Neste caso o consumo das famílias é tratado como variável endógena. Finalmente, o terceiro apresenta somente o efeito renda, resultante do aumento da demanda final. Os resultados demonstram os efeitos de uma injeção nas variáveis exógenas dos demais setores sobre a indústria da Madeira e Mobiliário e a de Papel e Papelão. Em ambas as atividades o choque mais intenso ocorreu dentro do próprio setor. O multiplicador de emprego para a indústria de Papel é Gráfica ficou na décima posição...

Análise da inovação sustentável da indústria de alimentos no Brasil de 2007 a 2012 : aplicação do Método DEA-Malmquist

Raimundo, Cristiano Moreira
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
75.98%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, Programa de Pós-Graduação em Agronegócios, 2015.; A indústria de alimentos é uma das principais e proeminentes indústrias de transformação presentes no Brasil. Com a emersão de necessidades e exigências socioambientais, urge a necessidade de que a inovação sendo um fator de competitividade considere seus efeitos sobre a sociedade e o meio ambiente, de modo a abranger esses aspectos do ambiente organizacional. Nesse contexto, este estudo buscou analisar quantitativamente a inovação sustentável da indústria de alimentos em relação às demais indústrias de transformação no País, nos anos de 2007 a 2012. As medidas de inovação relacionadas às dimensões econômica, social e ambiental foram extraídas com apoio do método DEA-Malmquist. A análise comparada das medidas de inovação extraídas foi realizada pelo Teste de Wilcoxon (5% de probabilidade) e as suas classificações, conforme grau de desempenho individual, foram realizadas pelo método de agrupamento k-médias (5% de probabilidade). Construíram-se, através da padronização dos dados em distâncias percentuais, o Índice de Inovação Sustentável (IIS) e o Índice de Ajuste à Inovação Sustentável (IAIS). Por último...

Um metodo multicriterial de avaliacao e gestao de processos produtivos da industria de propriedade continua

Hansen, Peter Bent
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.89%
As últimas décadas têm apresentado significativas mudanças no cenário intercapitalista mundial. Especialmente após a popularização internacional das filosofias e técnicas japonesas de gestão, partindo do Sistema Toyota de Produção, muitos estudos e metodologias têm sido desenvolvidos na busca da racionalização dos processos produtivos. Basicamente estes estudos foram centrados nas características da indústria de forma, vale dizer, bens de capital e bens duráveis de consumo. Neste sentido, surge um natural questionamento sobre a aplicabilidade destes conceitos e técnicas a outros tipos de processos produtivos, especialmente no caso da indústria de propriedade contínua, muitas vezes identifica da como indústria de transformação (incluindo refino de petróleo, petroquímica, papel e celulose, energia elétrica e outras), pelas características específicas apresentadas pela mesma. Assim, a presente dissertação analisa diferentes metodologias desenvolvidas para a indústria de forma, avaliando a possibilidade de aplicação de seus conceitos à indústria de propriedade contínua. Posteriormente, desenvolve um modelo analítico mais apropriado à realidade e característica deste tipo de indústria. A seguir, baseado nas conclusões do modelo analítico desenvolvido...

Evolução da produtividade industrial brasileira e abertura comercial; Texto para Discussão (TD) 651: Evolução da produtividade industrial brasileira e abertura comercial

Rossi Júnior, José Luiz; Ferreira, Pedro Cavalcanti
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
75.95%
Este trabalho avalia a evolução da produtividade industrial brasileira — utilizando um painel de 16 setores da indústria de transformação no período 1985/97 — e o papel da abertura econômica neste processo. Os resultados mostram que a produtividade da indústria brasileira, seja ela medida pelo conceito de produtividade total dos fatores (PTF) ou de produtividade do trabalho, passou por duas fases distintas: de 1985 a 1990, há um processo de estagnação e de 1990 a 1997, a indústria passa a apresentar significativas taxas de crescimento. A abertura comercial, caracterizada por menores tarifas nominais e menores taxas de proteção efetiva, exerce um efeito positivo sobre o aumento da produtividade. Em todas as regressões do modelo — em que se utilizam técnicas de estimação em painéis — não se pode rejeitar a hipótese de que aumentos nas barreiras comerciais implicam menores taxas de crescimento da produtividade do trabalho e da PTF. Este resultado confirma a evidência internacional de que países mais abertos crescem mais rápido e desestimularia a adoção de políticas de restrição comercial como estratégia de desenvolvimento e de proteção à indústria nacional.; 31 p. : il.

Produtividade no Brasil: uma análise do período recente; Texto para Discussão (TD) 1955: Produtividade no Brasil: uma análise do período recente; Productivity in Brazil: an analysis of the recent period

Cavalcante, Luiz Ricardo; De Negri, Fernanda
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
75.93%
O objetivo deste trabalho é analisar a evolução recente dos indicadores de produtividade no Brasil por meio da sistematização dos resultados obtidos em análises precedentes e da coleta de dados complementares sobre o tema. Discute-se, inicialmente, a relação entre crescimento econômico e produtividade nas abordagens que usam medidas totais e parciais dessa variável, e demonstra-se que algo entre 30% e 50% do crescimento do produto interno bruto (PIB) per capita do país na última década pode ser creditado ao aumento das taxas de ocupação e de participação no mercado de trabalho. Isso explica por que o PIB per capita descola-se da produtividade do trabalho quando suas trajetórias são mostradas graficamente. Portanto, a preservação das maiores taxas de crescimento do PIB per capita somente pode ser alcançada se houver um crescimento representativo da produtividade do trabalho ao longo dos próximos anos, uma vez que, de acordo com as projeções demográficas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), não se espera uma elevação das taxas de participação e ocupação no futuro próximo. Discutem-se também os resultados obtidos nas análises sobre a trajetória recente da produtividade total dos fatores (PTF) no Brasil...

Indicadores de consumo aparente de bens industriais : metodologia e resultados; Texto para Discussão (TD) 2101 : Indicadores de consumo aparente de bens industriais : metodologia e resultados

Carvalho, Leonardo Mello de; Ribeiro, Fernando José da S. P.
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
75.98%
O objetivo deste trabalho é detalhar a metodologia da construção de indicadores de consumo aparente (CA) de bens da indústria brasileira – que corresponde à produção industrial doméstica acrescida das importações e diminuída das exportações – e apresentar os resultados, com periodicidade mensal. Esse indicador é importante tendo em vista a dificuldade de construir medidas tempestivas da demanda de bens industriais, ao passo que os dados de oferta são abrangentes e diversificados. Assim, partindo-se da ideia de equilíbrio entre oferta e demanda, o CA constitui-se em uma boa proxy do comportamento da demanda de bens industriais. Os índices são calculados, a partir de janeiro de 1998, para diferentes níveis de agregação da indústria: indústria geral; indústria de transformação; bens classificados segundo categorias de uso (bens de capital, bens intermediários, bens de consumo duráveis, semiduráveis e não duráveis); e setores de atividade da indústria de transformação brasileira, conforme a Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE), desenvolvida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Apresenta-se também o cálculo do indicador de formação bruta de capital fixo (FBCF)...

ANÁLISE DO COMPONENTE TECNOLÓGICO NA DEMANDA DETRABALHO: INDÚSTRIA DE TRANSFORMACÃO 1985-1999; ANÁLISE DO COMPONENTE TECNOLÓGICO NA DEMANDA DETRABALHO: INDÚSTRIA DE TRANSFORMACÃO 1985-1999

Batista, Natalia N. F.; de Araújo, Jorge Paulo; Pontual Ribeiro, Eduardo
Fonte: Revista da ABET Publicador: Revista da ABET
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 10/03/2013 POR
Relevância na Pesquisa
75.96%
The aim of this work is to to measure the impact of technological changes on labor demand in 14 sectorsof Brazilian industry (1985-99). It shows how the technological component appears in the firm's cost minimization problem, by linking two different literatures: technological progress and labor demando We isolare in the srochasric trend the technical factors, whose behavior indicares whcther the technological change is neutral or labor/capiral saving. The choice of Kalman Filter as instrument to estimate a strucrural time series model, makes it possible to capture (with the stochastic trend) the non neutral technological progress effects on labor demand. The results suggest that the change in production technique had a negative influence on manufacturing labor demand. However the signs found on the post-Real period indicare thar this siruarion is being inverted in some segments of industry.; Este trabalho dimensiona o impacto das mudanças tecnológicas sob a demanda de mão-de-obra em 14 setores da indústria de transformação no Brasil para o período 1985-99. Mostramos como O componente recnológico apresenta-se no problema de minimização dos CUStosda firma, mediante ligação entre a literatura econômica referente a mensuração da mudança recnológica e aquela voltada à demanda de trabalho. Esra ligação é quase inexplorada na lirerarura. O resultado é um modelo empírico que permite isolar na tendência temporal os fatores récnicos...