Página 3 dos resultados de 2551 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Total Soluble Solids from Banana: Evaluation and Optimization of Extraction Parameters

CARVALHO, Giovani B. M.; SILVA, Daniel P.; SANTOS, Julio C.; IZARIO FILHO, Helcio J.; VICENTE, Antonio A.; TEIXEIRA, Jose A.; FELIPE, Maria das Gracas A.; SILVA, Joao B. Almeida e
Fonte: HUMANA PRESS INC Publicador: HUMANA PRESS INC
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
37.2%
Banana, an important component in the diet of the global population, is one of the most consumed fruits in the world. This fruit is also very favorable to industry processes (e. g., fermented beverages) due to its rich content on soluble solids and minerals, with low acidity. The main objective of this work was to evaluate the influence of factors such as banana weight and extraction time during a hot aqueous extraction process on the total soluble solids content of banana. The extract is to be used by the food and beverage industries. The experiments were performed with 105 mL of water, considering the moisture of the ripe banana (65%). Total sugar concentrations were obtained in a beer analyzer and the result expressed in degrees Plato (degrees P, which is the weight of the extract or the sugar equivalent in 100 g solution at 20 degrees C), aiming at facilitating the use of these results by the beverage industries. After previous studies of characterization of the fruit and of ripening performance, a 2(2) full-factorial star design was carried out, and a model was developed to describe the behavior of the dependent variable (total soluble solids) as a function of the factors (banana weight and extraction time), indicating as optimum conditions for extraction 38.5 g of banana at 39.7 min.; Fundacao de Amparo a Pesquisa do Estado de Sao Paulo (Fapesp); Coordena ao para Aperfeicoamento do Ensino Superior (CAPES)...

A atividade artesanal com fibra de bananeira em Comunidades Quilombolas do Vale do Ribeira (SP).; Activities in handcraft from banana plant fibre in Quilombola communities in The Ribeira Valley (São Paulo State).

Santos, Katia Maria Pacheco dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/05/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
O presente estudo trata da descrição e análise da atividade artesanal com fibra de bananeira praticada pelas comunidades quilombolas de Ivaporunduva, André Lopes e Sapatu, município de Eldorado, região do Vale do Ribeira, tendo como referencial teórico o conceito de ecodesenvolvimento proposto por Sachs (1980). A atividade artesanal com fibra de bananeira foi iniciada no ano de 1997, através de um projeto de pesquisa executado pela Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (ESALQ) - Universidade São Paulo (USP): "Projeto de Aproveitamento de Resíduos da Agroindústria da Banana no Vale do Ribeira, SP" cujo objetivo consistia em realizar estudos que resultassem em alternativas economicamente viáveis para o aproveitamento dos resíduos da bananicultura na região. Desde de então, a atividade artesanal com fibra de bananeira vêm sendo praticada por integrantes das comunidades referidas. Para coletas de dados foram utilizadas técnicas comumente trabalhadas pelas nas ciências sociais como: observação participante, entrevistas informais não-estruturadas e semi-estruturadas com os artesãos envolvidos e com representantes de Instituições governamentais e não governamentais atuantes no processo. Verificou-se neste trabalho a contribuição da atividade artesanal na valorização da mulher...

Efeito do ácido giberélico no metabolismo amido-sacarose durante o amadurecimento da banana (Musa acuminata var. Nanicão); Effects of gibberellic acid on metabolism starch-sucrose during banana ripening (Musa acuminta var. Nanicão)

Rossetto, Maria Rosecler Miranda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2001 PT
Relevância na Pesquisa
37.23%
O amadurecimento é uma etapa exclusiva do estágio de desenvolvimento dos frutos, que envolve uma série de transformações metabólicas a partir de diferentes fontes de energia. Ele é mediado por um dinâmico complexo enzimático, resultando em síntese/degradação e conversão de compostos que tornarão o fruto aceitável para o consumo. Dependendo do tipo de fruto, essa fonte de energia pode ser na forma de ácidos orgânicos, sacarose vinda da própria planta e na forma de amido. A banana (Musa acuminata) é uma fruta de comportamento climatérico que utiliza como principal fonte de carbono o amido, que é reduzido durante o climatério de teores que variam de 12 a 20% a menos de 1 %. Concomitante à esta degradação, o teor de sacarose pode atingir até 15%, dependendo da cultivar. O ácido giberélico (GA3) é um fitohormônio da família das giberelinas que tem sido muito estudado em cereais por aumentar a transcrição gênica das α-amilase. Em frutos, ele é responsável por manter a textura firme e o teor de sólidos solúveis, e atrasar o amadurecimento. Ao estudar a influência do GA3 no metabolismo amido-sacarose em fatias de banana, observou-se neste trabalho que o fitohormônio não alterou o pico respiratório nem a síntese de etileno. Entretanto...

Biossorção de urânio nas cascas de banana; BIOSORPTION OF URANIUM ON BANANA PITH

Boniolo, Milena Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
Cascas de banana foram caracterizadas por espectroscopia de infravermelho por transformada de Fourier e microscopia eletrônica de varredura, e investigadas como biossorvente de baixo custo para a remoção de íons de urânio provenientes de soluções nítricas. A influência das seguintes variáveis foi estudada: tamanho das partículas do adsorvente, tempo de contato, pH e temperatura. O percentual de remoção aumentou de 13 para 57% quando o tamanho da partícula foi reduzido de 6,000 para 0,074mm. O tempo de contato determinado foi de 40 minutos com remoção de 60% em média. A remoção aumentou de 40 para 55% quando o pH aumentou de 2 para 5. Os modelos de isotermas lineares de Langmuir e Freundlich foram aplicados para descrever o equilíbrio de adsorção. A cinética do processo foi analisada a partir dos modelos de pseudo-primeira e segunda ordens. Parâmetros termodinâmicos como variações da entalpia (H), entropia (S) e energia livre de Gibbs (G) foram calculados. No intervalo de concentração de 50 - 500mg.L-1 , o processo de adsorção foi melhor descrito pela equação de Freundlich. A capacidade de adsorção no equilíbrio foi determinada pela equação de Langmuir, e o valor encontrado foi 11,50 mg.g-1 a 25 ± 2ºC. A cinética foi melhor representada pelo modelo pseudo-segunda ordem. O processo de biossorção para a remoção de urânio das soluções foi considerado exotérmico...

Avaliação da potencialidade da farinha de banana verde como ingrediente funcional: estudo in vivo e in vitro; Evaluation of the unripe banana flour potential as a functional ingredient: In vivo and in vitro studies

Dan, Milana Cara Tanasov
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
A cada dia cresce o interesse por alimentos ricos em carboidratos não disponíveis em virtude da relação inversa entre seu consumo e o risco de doenças crônicas não transmissíveis (DCNT). No presente trabalho, foi avaliado o potencial fisiológico da farinha de banana verde (FBV) como ingrediente funcional. Em ratos adultos, foi realizado ensaio de média duração (28 dias) para avaliação do efeito trófico da FBV sobre o intestino grosso e de parâmetros relacionados à tolerância à glicose. Em humanos, foram realizados ensaios clínicos de curta e média duração para avaliação dos efeitos sobre resposta glicêmica; liberação de hormônios gastrintestinais relacionados à saciedade; status antioxidante; fome e saciedade; e funcionamento intestinal. A FBV foi produzida com banana verde, Musa acuminata, de acordo com patente depositada pelo grupo (Patente (RPI - 1941), 2008). A FBV é uma fonte concentrada de carboidratos não disponíveis, com 56% de AR e 8% de FAT na base integral. A adição de FBV nas rações provocou efeito trófico no ceco dos animais, evidenciado por aumento no índice metafásico, número de células da cripta e profundidade das criptas. Além disso, a ração com FBV proporcionou melhora nos parâmetros relacionados à tolerância à glicose. Em voluntários saudáveis...

Armazenamento a baixas temperaturas de diferentes cultivares de bananas: efeito nos atributos de qualidade; Storage at low temperatures of different banana cultivars: effect on quality attributes.

Facundo, Heliofabia Virginia de Vasconcelos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
A banana é altamente susceptível a injúrias causadas pelo frio, mas o efeito da refrigeração nos atributos que caracterizam a qualidade do fruto maduro é ainda pouco explorado. Neste trabalho, alguns desses atributos foram analisados em duas cultivares de banana escolhidas por sua diferença em relação à susceptibilidade ao frio: Nanicão e Prata. As duas cultivares foram armazenadas a baixas temperaturas (cv. Nanicão a 13 ºC e cv. Prata a 13 ºC e 10 ºC) por 15 dias e o efeito do frio sobre os compostos voláteis responsáveis pelo aroma e sabor, índices de cor da casca, níveis de carotenoides, açúcares e amido foram analisados comparativamente durante a maturação dos frutos e o perfil de proteínas diferentemente abundantes foi analisado na cultivar Nanicão. Com o auxílio das ferramentas da estatística multivariada, verificou-se que a produção dos compostos voláteis é altamente sensível as baixas temperaturas. A cv. Prata apresentou uma maior resistência ao efeito negativo do armazenamento, mesmo armazenada a 10 ºC. Na cv. Nanicão, as amostras maduras do grupo frio (13 ºC) foram caracterizadas pela presença dos carotenoides majoritários devido ao fato de que as vias metabólicas que utilizam carotenoides terem sido afetadas pelo armazenamento em baixas temperaturas. Para a cv. Prata teve um efeito negativo com o armazenamento...

Processo de aglomeração de farinha de banana verde com alto conteúdo de amido resistente em leito fluidizado pulsado.; Aglomeration process of green banana flour with high resistant starch content in pulsed fluidized bed.

Rayo Mendez, Lina Maria
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.23%
A aglomeração de partículas é um processo muito usado na indústria, que permite melhorar as propriedades de instantaneização de produtos em pó sem alterar suas características nutricionais e sensoriais. O objetivo deste trabalho foi realizar o processo de aglomeração de partículas de farinha de banana verde com alto conteúdo de amido resistente, usando um leito fluidizado pulsado avaliando seu efeito sobre as características finais da farinha, para ser usada como ingrediente funcional na melhora do índice glicêmico e níveis de insulina plasmática no sangue. A matéria prima usada foi farinha de banana verde com alto conteúdo de amido resistente e um leito fluidizado, constituído com um sistema de pulsação proporcionado por uma válvula de esfera, trabalhando à frequência de 600 rpm. Solução de alginato de sódio (5 g/100 g, a 35°C) foi usada como agente ligante na atomização a uma vazão de 3,0 mL/min. As condições de processamento como temperatura, pressão, vazão de ar, e tempo total de processo, foram mantidas em 95°C, 1,0 bar, 0,3 m/s, 50 min., para amostras de 400 g. Resultados após o processo de aglomeração indicam que houve uma diminuição do teor de umidade, aumento do diâmetro médio das partículas e do índice de fluidez...

O efeito da proximidade do fragmento florestal de Mata Atlântica sobre a área de cultivo no amadurecimento de bananas (Musa acuminata AAA cv. Nanicão) e nos compostos fenólicos das folhas de bananeiras; The effect of the proximity of the Atlantic Rainforest fragment over the crop area in the ripening of bananas (Musa acuminata AAA cv. Nanicão) and the phenolic compounds of banana leaves.

Castro-Alves, Victor Costa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/01/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.23%
Considerando (1) a importância da bananicultura no Vale do Ribeira, (2) o destaque da Mata Atlântica no contexto da conservação da fauna e flora mundial, (3) a necessidade da adoção de práticas agrícolas alternativas mais eficientes do ponto de vista ambiental e econômico, (4) o papel dos hormônios etileno, acido indol-3-acético (AIA) e ácido abscísico (ABA) no contexto das respostas dos vegetais a diferentes condições ambientais e nos atributos de qualidade da banana, (5) a falta de metodologias otimizadas para a extração de compostos fenólicos solúveis totais (CFST) em bananeiras e (6) a importância do estudo da relação entre os CFST e fatores de estresse, o presente trabalho teve como objetivo avaliar a influência da proximidade do fragmento florestal de Mata Atlântica com a área de cultivo da banana (Musa acuminata AAA cv. Nanicão) sobre o amadurecimento da fruta e os CFST em folhas de bananeiras, além de otimizar uma técnica para a extração destes últimos. Foi observado que bananas colhidas próxima ao fragmento florestal apresentam vida-verde (período compreendido entre a colheita do fruto e o início do seu amadurecimento) maior quando comparados a frutos com a mesma idade fisiológica, porém colhidos em áreas sem a influência da floresta nativa. Este fato pode ser explicado...

Dietary intervention with green dwarf banana flour (Musa sp AAA) prevents intestinal inflammation in a trinitrobenzenesulfonic acid model of rat colitis

Scarminio, Viviane; Fruet, Andrea C.; Witaicenis, Aline; Rall, Vera L. M.; Di Stasi, Luiz C.
Fonte: Pergamon-Elsevier B.V. Ltd Publicador: Pergamon-Elsevier B.V. Ltd
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 202-209
ENG
Relevância na Pesquisa
37.2%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Processo FAPESP: 03/09324-1; Processo FAPESP: 07/54516-7; Dietary products are among the therapeutic approaches used to modify intestinal microflora and to promote protective effects during the intestinal inflammatory process. Because the banana plant is rich in resistant starch, which is used by colonic microbiota for the anaerobic production of the short-chain fatty acids that serve as a major fuel source for colonocytes: first, green dwarf banana flour produces protective effects on the intestinal inflammation acting as a prebiotic and, second, combination of this dietary supplementation with prednisolone presents synergistic effects. For this, we used the trinitrobenzenesulphonic acid (TNBS) model of rat colitis. Our results revealed that the protective effect produced by a combination of 10% green dwarf banana flour with prednisolone was more pronounced than those promoted by a single administration of prednisolone or a diet containing 10% or 20% banana flour. This beneficial effect was associated with an improvement in the colonic oxidative status because the banana flour diet prevented the glutathione depletion and inhibited myeloperoxidase activity and lipid peroxidation. In addition...

Preparação e caracterização da casca de banana prata particulada para aplicação com reforço em compósito de matriz de PEAD

Watashi, Cíntia Yumi
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
37.2%
The waste, exaggerated and incorrect disposal of biomass are common practices in modern times where everything is disposable. However the growing concern with the nature and the environment compel man to give nobler destinations for these products through sustainability and recycling of waste. Banana peel is a residual biomass, which is not consumed. It generates tons of waste per week in São Paulo city. This trash is disposed in dumps and landfills, which could be reduced by using it as reinforcement in natural composites. The high density polyethylene (HDPE) is a polymer derived from the ethylene polymerization and is easily recycled. Which makes it a sustainable material. In the present work characteristics of the natural composite composed with banana peel and high-density polyethylene were studied. It was noted that removing the lignin present in the banana peel, the fiber introduces a significant improvement in thermal resistance. The preparation of composite was made with a ratio of 5% and 10% of reinforcement in comparison with polymeric matrix mass. Composites were thermally, mechanically and microscopically characterized. The addition of fiber in the polymer increased the mechanical strength of the composite. The fiber surface treatment with distilled water removed the amorphous material present in the fibers...

Analise teorico-experimental do encolhimento : estudo da secagem de banana; Theoretical-experimental analysis of shrinkage : study of driyng of bananas

Marcel Eiki Katekawa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/07/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.23%
O processo de secagem de sólidos induz efeitos colaterais no material seco, sendo que a redução de volume é um destes efeitos. O objetivo deste estudo é investigar as características do processo de encolhimento e propor uma estratégia para inclusão destes efeitos na simulação da secagem. Escolheu-se a banana como objeto de estudo devido a sua importância para o Brasil e à existência de alguns estudos sobre o encolhimento desta fruta. Estudou-se inicialmente o processo de encolhimento durante a secagem e os efeitos das condições de processo sobre o comportamento dimensional do material. Fatias de banana encolhem linearmente no início da secagem, mas esse comportamento não é observado para baixos teores de umidade. Como a banana possui uma estrutura potencialmente anisotrópica, o efeito do comportamento dos diferentes tecidos da fruta teve que ser levado em consideração através do estudo da transição vítrea de cada fase durante a secagem. Um dos tecidos, o mesocarpo, possui temperatura de transição vítrea de 46ºC quando seco e pode sofrer transição durante a secagem convectiva e afetar o volume final da amostra seca. Além disso, estudou-se como a umidade é compartimentalizada no interior de cada tecido pela técnica de RMN e a influência sobre o encolhimento da amostra. O mesocarpo é seco mais rapidamente...

Propriedades fisicas e transições de fase da banana nanica submetida a secagem com pulso HTST (inicial).; Physical properties and fase transitions of banana nanica on applying an initial HTST drying pulse.

Kelly Hofsetz
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.23%
Neste trabalho estudou-se a secagem de banana utilizando um pulso inicial a alta temperatura e curto tempo, combinado com uma etapa de secagem convencional a ar quente a 70°C. Numa primeira etapa, foram analisadas as mudanças de encolhimento, porosidade e estrutura ao longo da secagem com bananas de origem portuguesa e brasileira. Esses resultados foram comparados com os de uma secagem convencional feita somente a 70°C. Na segunda etapa, estudaram-se as isotermas de sorção e as transições de fase nas amostras das duas origens (Portugal e Brasil) através de Calorimetria Diferencial de Varredura. Os resultados da primeira parte mostraram que o grau de encolhimento da banana foi maior para a secagem convencional a 70°C, na qual o volume apresentou um decréscimo linear com o conteúdo de umidade, chegando a 30%, enquanto que a porosidade aumentou progressivamente até 32%. A secagem combinada resultou na formação de um produto com uma estrutura altamente porosa (45,5% a 57,5%) e menor grau de encolhimento (42% a 68,5%), quando comparada com a secagem convencional a 70°C. As observações estruturais nas amostras de banana ajudaram a explicar as mudanças na porosidade e encolhimento. Os resultados das isotermas de sorção tiveram um bom ajuste para o modelo de BET e de GAB para as amostras frescas de origem portuguesa e...

Avaliação do processo de concentração osmotica para obtenção de banana passa.; Evaluation of the osmotic concentration process to obtain dried banana sticks.

Alessandra Mara Locatelli de Aguiar
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/04/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
O Brasil é um país com característica agrícola e o desenvolvimento dos setores agroindustriais é de grande importância sócio-econômica e que devem ser explorados a fim de evitar o desperdício de alimentos, agregar valor aos produtos agrícolas e aumentar a renda dos produtores. A transformação industrial, à experiência de regiões e países bem sucedidos, mostra que pelo menos a transformação primária das frutas deve ser pensada pelos produtores. Isto porque é um prolongamento das atividades agrícolas, que objetiva transformar produtos perecíveis em produtos estáveis. A bananicultura é uma atividade de importância econômica e social, sendo cultivada na maioria dos países tropicais. O Brasil é o terceiro maior produtor e representa cerca de 9,0% da produção mundial, com uma área de 495 mil ha, superado apenas pela Índia e pelo Equador. O presente trabalho estudou o processo de concentração osmótica em banana nanica (Musa cavendishi) através de planejamento experimental completo com 3 variáveis independentes (tempo, espessura e concentração de ácido cítrico), utilizando soluções de açúcar invertido, à pressão atmosférica e temperatura constante de 45°C. As variáveis dependentes para os 17 experimentos realizados foram: perda de peso...

Caracterização quimica, perfil sensorial e aceitabilidade de novos varietais de banana (Musa ssp) resistentes a Sigatoka-Negra; Characterization chemistry, sensory profile and acceptante the news varietais banana (Musa ssp) resistents Sigatoka Negra

Bruna Saleh de Angelis
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.2%
O presente estudo teve por objetivo determinar o perfil sensorial, o perfil físico-químico e a aceitação de consumidores paulistas a varietais de banana tradicionalmente consumidos no Brasil, e varietais alternativos resistentes à Sigatoka-Negra. Oito varietais foram estudados: quatro resistentes à Sigatoka-Negra, Pacovan Ken, Preciosa, Thap Maeo e Caipira e quatro susceptíveis à Sigatoka-Negra - Prata, Prata Anã, Pacovan e Grande Naine. O perfil sensorial dos oito varietais foi desenvolvido, através de análise descritiva quantitativa, por uma equipe sensorial composta por dez julgadores. Os dados descritivos foram analisados por Análise de Variância (ANOVA), teste de médias Tukey (p= 5%) e Análise de Componentes Principais (ACP). Os oitos varietais foram também analisados por 120 consumidores que julgaram os atributos de aparência, aroma, sabor, textura e aceitação global utilizando uma escala hedônica híbrida de 9 cm, ancorada nos extremos esquerdo e direito nos termos ¿desgostei muitíssimo¿ e ¿gostei muitíssimo¿. Os dados afetivos foram analisados através de Mapa Interno de Preferência (MDPREF), ANOVA e teste de Tukey para comparação das médias. As bananas foram também caracterizadas quanto ao teor de açúcares redutores e totais...

A new strategy for using banana as an ingredient in the brewing process

Carvalho, Giovani B. M.; Silva, Daniel Pereira da; Vicente, A. A.; Felipe, Maria das Graças A.; Teixeira, J. A.; Silva, João B. Almeida e
Fonte: Universidade do Minho. Departamento de Engenharia Biológica Publicador: Universidade do Minho. Departamento de Engenharia Biológica
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /09/2008 ENG
Relevância na Pesquisa
37.23%
Beer is a traditionally fermented beverage made from malted grains of barley, hops, yeast, and water, while banana is an important food crop cultivated widely in tropical and subtropical areas and is one of the major fruits in Brazil. Besides, the banana is also very favorable to food industry (e.g. fermented beverages) due to its rich content on soluble solids, presence of minerals, and providing low acidity. In this context, the objective of this work was to evaluate a new strategy for using banana as adjunct to increase the fermentable sugars and to supply a specific aroma in pilot-plant brewing experiments. For this, static fermentations were conducted in a 180 L cylindrical-conical reactor using 140 L as working volume. Addition of banana was evaluated when changing the concentration of the wort from 10 to 12 ºP and from 10 to 13.5 ºP (ºP is the weight of the extract or the sugar equivalent in 100 g solution, at 20 ºC) and fermented under a constant temperature of 10 and 12.5 ºC, respectively. The results showed that the increment in the initial sugar concentration (12 to 13.5 ºP, due to the use of banana juice as adjunct), and in the temperature (10 to 12.5 ºC), increased approximately 17% the ethanol productivity. Thus...

Mild chilling injury of banana (Cavendish cv. Williams) and its control in the field.

Harvey, Bradley Voules
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2006
Relevância na Pesquisa
37.23%
Chilling injury in banana fruit is caused by prolonged exposure to temperatures less than 13°C. This can occur during bunch development in the field or postharvest handling and storage. Mild symptoms of chilling injury are localised to peel tissue and reduce visual quality of fruit. Light microscopy was used in the present study to analyse symptoms of mild chilling injury in Cavendish cv. Williams banana. Following storage at 5°C for 24hours, symptoms of chilling injury in the form of brown discolouration was observed within laticifers in sub-epidermal peel tissue. Browning was not observed in other vascular tissues as previous research has suggested. Causal mechanisms associated with browning of latex within laticifers were investigated. Polyphenol oxidase (PPO) activity in fractions of banana peel latex was measured and found to be highest in the lutoid fraction. PPO activity also provided indirect evidence that phenolics were present in peel latex. Literature suggests possible compartmentalisation of PPO and phenolics in banana lutoids. In this study it is suggested that PPO and phenolics associated with lutoids in banana peel latex may be involved in browning due to chilling stress. The lipid content of lutoids from banana latex was also investigated using FTIR spectroscopy...

Estudo econômico de sistemas fertirrigados na cultura da bananeira (Musa sp.), cultivar Willians; Economic study of fertirrigation system in banana crop (Musa sp.), 'Willians' cultivar

MARTINS, Adriana Novais; FURLANETO, Fernanda de Paiva Badiz; DIAS, Naíssa Maria Silvestre; SUGUINO, Eduardo
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.23%
O Brasil ocupa a quarta posição no ranking dos países produtores de banana. O Estado de São Paulo é responsável por aproximadamente 17% da produção nacional. As áreas de produção de banana, antes restritas à faixa litorânea do Estado, estão expandindo-se e ocupando regiões do planalto paulista. Para atingir altas produtividades, com frutas de qualidade, os bananicultores estão adotando novas tecnologias, sendo que a fertirrigação vem ocupando lugar de destaque nos novos sistemas produtivos. Com o objetivo de avaliar a economicidade do uso do nutriente potássio em diferentes doses (0; 300; 600 e 900 kg K2O.ha-1.ano-1) em plantio experimental, na região do Médio Paranapanema, Estado de São Paulo, foram estimados os valores do custo de produção e de indicadores econômicos, como o Custo Operacional Total (COT), a Receita Líquida e o Índice de Rentabilidade, de sistemas fertirrigados na cultura da bananeira. De acordo com a metodologia adotada, o uso do potássio, na dose de 900 kg de K2O.ha-1.ano-1, aplicado através de sistema de fertirrigação, pode ser recomendado para o plantio de bananeira, cultivar Willians, na região do Médio Paranapanema, Estado de São Paulo.; Brazil is in the fourth ranking position in the banana producing countries. The state of Sao Paulo accounts for approximately 17% of the national production. The areas of banana production...

Alergia ao látex e à banana em crianças com mielomeningocele na cidade do Rio de Janeiro

Machado,Marta; Sant'Anna,Clemax; Aires,Vera; Rodrigues,Pedro Paulo; Pinheiro,Maria Fernanda; Teixeira,Marisa
Fonte: Associação Médica Brasileira Publicador: Associação Médica Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
37.23%
Recentemente, reações de hipersensibilidade do tipo I ao látex foram relatadas com freqüência, principalmente nos indivíduos cujo contato com produtos de látex é íntimo e freqüente. Crianças com mielomeningocele (MMC) são as que mais se sensibilizam ao látex, pelo contato freqüente e precoce com este material. Reações alérgicas cruzadas entre alimentos são conhecidas há anos. Atualmente, a alergia ao látex é freqüentemente associada à alergia a frutas como abacate, banana, kiwi, grapefruit, pêssego, papaia e castanha. OBJETIVOS: O objetivo deste trabalho consistiu em identificar o número de pacientes com MMC e sensibilização clínico-laboratorial à banana e ao látex. MÉTODOS: Questionários foram aplicados a 33 crianças com MMC, e sangue foi colhido de 30 para ser efetuada a dosagem de imunoglobulina E (IgE) específica (RAST Pharmacia) para látex, e de 29 para banana. Foi considerada positiva a IgE específica igual ou superior à classe I. RESULTADOS: Quatro crianças relataram histórias de urticária com látex, e uma criança descreveu urticária e diarréia com banana. 14/30 (46,6%) apresentavam IgE específica para látex positiva, e 4/29 (13,7%) para banana. Nenhum cruzamento de variáveis foi estatisticamente significativo com a sensibilização clínico laboratorial ao látex e à banana. CONCLUSÕES: Identificou-se elevada prevalência de alergia ao látex e à banana no grupo de pacientes com MMC. No Brasil necessitamos de mais estudos para analisar a prevalência de reações alérgicas cruzadas entre alimentos e látex em crianças com MMC.

Processamento de banana-passa utilizando frutos de diferentes genótipos de bananeira.

Jesus, Sandra Cerqueira de
Fonte: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia Publicador: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Relevância na Pesquisa
37.23%
Apesar da diversidade de variedades existentes no Brasil, poucas apresentam potencial para exploração comercial. Além das características agronômicas, a qualidade química dos frutos são parâmetros para seleção de variedades. Frutos de diferentes variedades de bananeira, obtidas em programas de melhoramento genético, podem apresentar características diferenciadas no que se refere à adequação à determinada forma de processamento. O presente trabalho teve como objetivos: avaliar as características físicas, físico-químicas e químicas de frutos de dez genótipos de bananeira do Banco Ativo de Germoplasma da Embrapa Mandioca e Fruticultura; e avaliar o produto bananapassa obtido a partir dos frutos destes diferentes genótipos de bananeira. Os frutos in natura e os produtos finais foram submetidos a análises físicas, físicoquímicas e químicas. As bananas-passa foram também avaliadas sensorialmente. Os resultados das análises dos frutos in natura mostraram serem a cultivar Pacovan, seus híbridos, PV03-44 e PV03-76, e a Prata Anã os genótipos com maiores teores de sólidos solúveis totais, açúcares totais e redutores, características relacionadas com a qualidade sensorial do produto desidratado, enquanto a maior relação sólidos solúveis totais/acidez total titulável foi observada na cultivar Caipira. Já a cultivar Thap Maeo apresentou o maior rendimento de polpa. As bananas-passa obtidas apresentaram coloração clara e obtiveram boa aceitação sensorial; os resultados médios para a aceitação global e para os atributos aparência...

CURVAS DE SECAGEM E AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE DE ÁGUA DA BANANA PASSA

CANO-CHAUCA, MILTON; RAMOS, AFONSO M.; STRINGHETA, PAULO C.; MARQUES, JOSÉ ANTONIO; SILVA, POLLYANNA IBRAHIM
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 23/02/2005 POR
Relevância na Pesquisa
37.23%
Curvas de secagem de banana passa foram determinadas, utilizando-se três temperaturas do ar de secagem. Os resultados indicaram que para reduzir o teor de umidade do produto até 23,5% foram necessários tempos de secagem de 51, 36 e 30 horas paras as temperaturas de 50, 60 e 70ºC, respectivamente. O modelo exponencial U/Uo = exp(-kt) foi ajustado para os dados experimentais mediante análise de regressão não-linear, encontrandose alto coeficiente de regressão linear. Determinou-se a atividade de água do produto ao longo do processo de secagem para as três temperaturas testadas. Estudou-se a correlação entre a atividade de água e o teor de umidade do produto, determinando-se as isotermas de dessorção da banana passa a 25ºC. Observou-se que a atividade de água diminuiu em função do tempo de secagem e do teor de umidade para as três temperaturas de secagem. Os dados experimentais foram ajustados mediante regressão não-linear ao modelo polinomial e a seguinte equação foi obtida: U = -1844,93 + 7293,53Aa – 9515,52Aa2 + 4157,196Aa3. O ajuste mostrou-se satisfatório (R2 > 0,90). DRYING CURVES AND WATER ACTIVITY EVALUATION OF THE BANANA-PASSES Abstract Banana drying curves were determined by utilizing three drying air temperatures. The results indicated that to reduce the moisture content of the product until 23.5% it were necessary drying times of 51...