Página 2 dos resultados de 1151 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Caracterização da suinocultura em Mossoró, Rio Grande do Norte: aspectos sanitários e riscos de zoonoses

Leite, Alexandro Iris
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xiv, 125 p. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
27.24%
Pós-graduação em Medicina Veterinária - FCAV; The study aimed to characterize the pig industry in Mossoró, Rio Grande do Norte, in its health aspects, identifying the risks of zoonoses and specifically know the reality of brucellosis and leptospirosis in the local herd. The research included a quantitative epidemiological study, with descriptive design in which a situational analysis of the top 20 commercial swine farms was conducted through visits and interviews with producers. Also comprised a cross-sectional design in which 412 blood samples from pigs were collected for the detection of antibodies anti-Brucella ssp., through the buffered acidified antigen (TAA) and the complement fixation test (RFC) tests, and detection of antibodies anti-Leptospira spp., by microscopic agglutination test (MAT). The results showed that the swine in Mossoró-RN presented a profile of subsistence, with the use of family labor, and farming system showed serious health problems, several risks have been detected for the occurrence of zoonoses. The prevalence of brucellosis in animals was 27.0% in the AAT test and 17.5% in the RFC; 55% of the surveyed properties had at least one positive animal, and these prevalence ranged from 6.7% to 80.0%; the risk factors that were influencing the occurrence of the disease were the presence of rats in the creations...

O Brasil e o mercado internacional de carne bovina no contexto de doenças infecciosas emergentes

Santos, Claudio Alberto dos
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 1 v.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
27.24%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2013.; A partir do ano 2000, o Brasil criou uma série de programas de sanidade animal com o objetivo de baixar a incidência de algumas zoonoses, concomitante com um programa de certificação e identificação do rebanho bovino. O serviço de certificação e identificação de toda a cadeia da carne bovina, além de ser uma exigência do mercado europeu, possui a finalidade de demonstrar com transparência o processo de produção de carne brasileira. Nesta tese, analisam-se os seguintes programas: Programa Nacional de Controle de Erradicação da Brucelose e da Tuberculose, Programa Nacional de Controle e Erradicação da Raiva Bovina, Programa de Prevenção e Controle da Encefalopatia Espongiforme Bovina e, o Sistema Brasileiro de Certificação e Identificação de Bovinos e Bubalinos. Todas as doenças aqui estudadas são zoonoses de responsabilidade do Estado (cujas ações devem também envolver a iniciativa privada) e seu controle faz parte das exigências de organizações internacionais que regulam o mercado internacional de carne e subprodutos de origem bovina. A brucelose é uma doença que está disseminada em todo o território brasileiro causando grandes prejuízos econômicos ao país. A tuberculose reapareceu com sintomatologia e sinais clínicos diferenciados...

A gente é um passador de informação: práticas educativas de agentes de combate a endemias no serviço de controle de zoonoses em Belo Horizonte, MG; We are information dealers: educational practices of endemic diseases’ battling agents at a service of zoonoses control in Belo Horizonte, Brazil

Fraga, Livia dos Santos; Monteiro, Simone
Fonte: Universidade de São Paulo Publicador: Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.32%
As zoonoses ocupam importante lugar entre as causas de adoecimento no Brasil. A revisão histórica das diretrizes dos programas governamentais de controle destas enfermidades revela avanços, mas a sua operacionalização no âmbito estadual e municipal depende de fatores socioambientais, institucionais e epidemiológicos. Esta pesquisa objetiva analisar as práticas educativas desenvolvidas por agentes de combate a endemias (ACEs), a partir de um estudo de caso numa região de Belo Horizonte, MG. A investigação envolveu análise documental, dois meses de observação participante da rotina de trabalho dos agentes e entrevistas com 16 ACEs e dois coordenadores do serviço. A região apresentou diversos elementos ambientais, socioeconômicos e culturais associados à ocorrência de zoonoses, mas tais fatores não foram considerados nas orientações dos ACEs aos moradores. Nas ações educativas, predomina a transmissão de informações técnico-científicas relacionadas ao controle de focos, criadouros de vetores e reservatórios de zoonoses; os saberes e a lógica popular não são valorizados. Apesar da centralidade do papel educativo dos ACEs no discurso institucional, as atividades educativas dos agentes são limitadas diante das lacunas na formação profissional...

Quirópteros Hospedeiros de Zoonoses no Brasil

Corrêa, Margaret Maria de Oliveira; Lazar, Ana; Dias, Daniela; Bonvicino, Cibele Rodrigues
Fonte: Sociedade Brasileira de Mastozoologia Publicador: Sociedade Brasileira de Mastozoologia
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.48%
Os quirópteros apresentam características que contribuem para um eficiente papel nas diversas zoonoses. Neste trabalho é mostrado o envolvimento dos morcegos no ciclo de algumas das mais importantes zoonoses do Brasil e sua atuação como hospedeiro e/ou vetor destas doenças. Este trabalho se baseou em pesquisa via internet de bases de dados, nacionais e internacionais, utilizando as palavras-chave Chiroptera, bats e Brazil combinadas com os nomes das zoonoses e dos agentes etiológicos. Quarenta espécies de Emballonuridae, Molossidae, Mormoopidae, Noctilionidae, Phyllostomidae, Thyropteridae e Vespertilionidae estão envolvidas em zoonoses causadas por protozoários, principalmente a doença de Chagas e as leishmanioses. Nas zoonoses causadas por vírus, sendo a raiva a mais importante, 43 espécies de Phyllostomidae, Molossidae e Vespertilionidae foram reportadas. Nas zoonoses causadas por bactérias, 13 espécies de Phyllostomidae, Molossidae e Vespertilionidae estão envolvidas, sendo Rickettsia ricketsii, causadora da febre maculosa, encontrada em 10 espécies. Dez espécies de Phyllostomidae e Molossidae apresentaram registros de infecção por fungos, incluindo o Histoplasma capsulatum, causador da histoplasmose. Das nove famílias de Chiroptera encontradas no Brasil...

Rastreio sorológico de alguns agentes de zoonoses em canídeos silvestres no Norte de Portugal

Ferreira, Inês Camilo Barata Bravo
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 11/01/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; Ao longo dos tempos, a fauna silvestre tem contribuído, directa ou indirectamente, para a disseminação de doenças infecciosas transmissíveis ao Homem e aos animais domésticos. A crescente actividade humana, aliada ao aumento da densidade populacional e à facilidade de mobilidade de pessoas e animais que se observam nos dias de hoje, vieram favorecer a (re)emergência de diversas doenças um pouco por todo o mundo. Neste contexto, elaborou-se um estudo transversal de várias doenças, na maioria zoonoses transmitidas por vectores, em canídeos silvestres do norte de Portugal. Procedeu-se ao rastreio sorológico de 81 indivíduos (amostras de soro, extracto de pulmão e exsudado da cavidade torácica), efectuado pela primeira vez em Portugal no lobo ibérico (C. lupus, n=44) e na raposa vermelha (V. vulpes, n=37), para os agentes Anaplasma phagocytophilum, Borrelia burgdorferi s.l., Ehrlichia canis, Rickettsia conorii, Francisella tularensis, Dirofilaria immitis, Babesia canis, Leishmania infantum, vírus Toscana (flebovírus) e Toxoplasma gondii, introduzindo assim novos conhecimentos gerais sobre as prevalências destes agentes no território português, que até agora só se conheciam em canídeos domésticos e humanos. A prevalência de anticorpos anti-R. conorii foi a mais elevada (13...

Zoonoses parasitárias veiculadas por alimentos de origem animal: revisão sobre a situação no Brasil

Rossi,Gabriel Augusto Marques; Hoppe,Estevam Guilherme Lux; Martins,Ana Maria Centola Vidal; Prata,Luiz Francisco
Fonte: Instituto Biológico Publicador: Instituto Biológico
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.98%
O Brasil se destaca na produção mundial de alimentos de origem animal, sendo que cada vez mais os mercados consumidores buscam alimentos seguros e inócuos para a saúde. Nesse contexto, torna-se fundamental a prevenção das zoonoses, que podem ser transmitidas através dos alimentos de origem animal, que muitas vezes são consumidos sem o devido preparo ou por populações mais vulneráveis. Nesta revisão bibliográfica, serão abordadas importantes enfermidades parasitárias de caráter zoonótico que ocorrem atualmente pela via de transmissão alimentar: a toxoplasmose, o complexo teníase-cisticercose, criptosporidiose, anisacose, difilobotriose e triquinelose.

Occurrence and impact of zoonoses in pet dogs and cats at US Air Force bases.

Warner, R D
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/1984 EN
Relevância na Pesquisa
27.42%
A descriptive epidemiologic study was conducted to quantitate the occurrence of zoonoses in pet animals (almost exclusively dogs and cats) at 30 Air Force bases in nine regions of the United States during 1980 and 1981. Reviews of reported cases of pet-associated zoonoses in humans at these bases were included. Occurrence of a zoonotic disease in dogs and cats was expressed as a ratio of reported cases per 100 rabies vaccinations (cs/Crv). Overall, the four zoonoses reported most frequently from these pets were hookworms, roundworms, tapeworms, and fleas. Annual ratios revealed geographic variations: for example, hookworms in dogs and cats in the southeast ranged from 12.3 to 9.4 cs/Crv; in the northern Great Plains, hookworms ranged from 0.9 to 0.4 cs/Crv. Dermatomycoses in the southeast ranged from 1.3 to 1.1 cs/Crv, and in Alaska from 0.3 to 0.2 cs/Crv. Quarterly zoonoses occurrence revealed seasonal variations in several regions. Reports of zoonoses in people from these bases indicated that five less frequent zoonoses in dogs and cats (Microsporum canis dermatomycosis, fleas, Sarcoptes scabiei var canis, Gram-positive bacterial infections, and rabies) presented greater acute threats to humans than did the four most frequent zoonoses reported from their pets.

Neglected and endemic zoonoses

Maudlin, Ian; Eisler, Mark Charles; Welburn, Susan Christina
Fonte: The Royal Society Publicador: The Royal Society
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 27/09/2009 EN
Relevância na Pesquisa
27.37%
Endemic zoonoses are found throughout the developing world, wherever people live in close proximity to their animals, affecting not only the health of poor people but often also their livelihoods through the health of their livestock. Unlike newly emerging zoonoses that attract the attention of the developed world, these endemic zoonoses are by comparison neglected. This is, in part, a consequence of under-reporting, resulting in underestimation of their global burden, which in turn artificially downgrades their importance in the eyes of administrators and funding agencies. The development of cheap and effective vaccines is no guarantee that these endemic diseases will be eliminated in the near future. However, simply increasing awareness about their causes and how they may be prevented—often with very simple technologies—could reduce the incidence of many endemic zoonoses. Sustainable control of zoonoses is reliant on surveillance, but, as with other public-sector animal health services, this is rarely implemented in the developing world, not least because of the lack of sufficiently cheap diagnostics. Public–private partnerships have already provided advocacy for human disease control and could be equally effective in addressing endemic zoonoses.

One health national programme across species on zoonoses: a call to the developing world

Asokan, G. V.; Asokan, Vanitha; Tharyan, Prathap
Fonte: Co-Action Publishing Publicador: Co-Action Publishing
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 24/10/2011 EN
Relevância na Pesquisa
27.37%
Zoonoses constitute 868 (61%) of all known infectious diseases, 75% of the infections considered ‘emerging’ are zoonoses. Developed nations have national programmes, adjoining “One Health” concept to combat zoonoses, whereas inadequacies exist in developing nations. As a case study, role of national programmes in India, a developing nation with a large human and animal population, was explored, as we did have acquaintance of it. Data from PubMed was extracted using keywords “Zoonoses AND Prevalence/Incidence AND India AND Human OR Animal” till 2009. Additionally, some individual disease keywords were used for extraction, which were missed by the above comprehensive search terms. On appraisal, the health sector in India has only a few national programme on zoonoses where as none exists in animal husbandry sector. In the struggle against zoonoses -a major constituent of emerging infections, a system approach based, one national programme is urgently required for the developing world.

Priorities for research and control of cestode zoonoses in Asia

Xiao, Ning; Yao, Jia-Wen; Ding, Wei; Giraudoux, Patrick; Craig, Philip S; Ito, Akira
Fonte: BioMed Central Publicador: BioMed Central
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 01/08/2013 EN
Relevância na Pesquisa
27.37%
Globally, cestode zoonoses cause serious public health problems, particularly in Asia. Among all neglected zoonotic diseases, cestode zoonoses account for over 75% of global disability adjusted life years (DALYs) lost. An international symposium on cestode zoonoses research and control was held in Shanghai, China between 28th and 30th October 2012 in order to establish joint efforts to study and research effective approaches to control these zoonoses. It brought together 96 scientists from the Asian region and beyond to exchange ideas, report on progress, make a gap analysis, and distill prioritizing settings with a focus on the Asian region. Key objectives of this international symposium were to agree on solutions to accelerate progress towards decreasing transmission, and human mortality and morbidity caused by the three major cestode zoonoses (cystic echinococcosis, alveolar echinococcosis, and cysticercosis); to critically assess the potential to control these diseases; to establish a research and validation agenda on existing and new approaches; and to report on novel tools for the study and control of cestode zoonoses.

Surveillance, response systems, and evidence updates on emerging zoonoses: the role of one health

Asokan, G. V.; Kasimanickam, Ramanathan K.; Asokan, Vanitha
Fonte: Co-Action Publishing Publicador: Co-Action Publishing
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 13/12/2013 EN
Relevância na Pesquisa
27.32%
Globally, emerging zoonotic diseases are increasing. Existing surveillance systems for zoonoses have substantial gaps, especially in developing countries, and the systems in place in the developed world require improvements. Resources and updates on evidence-based practice (EBP) for zoonoses are sparser in the veterinary literature as compared to the medical literature. Evidence updates for emerging zoonoses are either absent or rudimentary in both human and veterinary medicine. A ‘one-health’ concept, including a global signaling surveillance system for emerging zoonoses, will be essential for correct diagnoses, interventions, and public health strategies. An open access EBP platform supported by builders of EBP resources is urgently needed to counter emerging zoonoses.

Review of Parasitic Zoonoses in Egypt

Youssef, Ahmed I.; Uga, Shoji
Fonte: The Japanese Society of Tropical Medicine Publicador: The Japanese Society of Tropical Medicine
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
27.42%
This review presents a comprehensive picture of the zoonotic parasitic diseases in Egypt, with particular reference to their relative prevalence among humans, animal reservoirs of infection, and sources of human infection. A review of the available literature indicates that many parasitic zoonoses are endemic in Egypt. Intestinal infections of parasitic zoonoses are widespread and are the leading cause of diarrhea, particularly among children and residents of rural areas. Some parasitic zoonoses are confined to specific geographic areas in Egypt, such as cutaneous leishmaniasis and zoonotic babesiosis in the Sinai. Other areas have a past history of a certain parasitic zoonoses, such as visceral leishmaniasis in the El-Agamy area in Alexandria. As a result of the implementation of control programs, a marked decrease in the prevalence of other zoonoses, such as schistosomiasis and fascioliasis has been observed. Animal reservoirs of parasitic zoonoses have been identified in Egypt, especially in rodents, stray dogs and cats, as well as vectors, typically mosquitoes and ticks, which constitute potential risks for disease transmission. Prevention and control programs against sources and reservoirs of zoonoses should be planned by public health and veterinary officers based on reliable information from systematic surveillance.

Cultural drivers and health-seeking behaviours that impact on the transmission of pig-associated zoonoses in Lao People’s Democratic Republic

Burniston, Stephanie; Okello, Anna L; Khamlome, Boualam; Inthavong, Phouth; Gilbert, Jeffrey; Blacksell, Stuart D; Allen, John; Welburn, Susan C
Fonte: BioMed Central Publicador: BioMed Central
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 02/03/2015 EN
Relevância na Pesquisa
27.42%
Pig rearing is an important income source in the Lao People’s Democratic Republic (PDR), with many smallholder farmers using traditional free-range pig production systems. Despite the potentially significant health risks posed by pig production regarding pig-associated zoonoses, information on the sociocultural drivers of these zoonoses is significantly lacking. This review summarises the existing sociocultural knowledge on eight pig-associated zoonoses suspected to be endemic in Southeast Asia: brucellosis, Q fever (Coxiella burnetii), trichinellosis, hepatitis E virus, leptospirosis, Japanese encephalitis, Streptococcus suis and Taenia solium taeniasis-cysticercosis. It summarises current knowledge on these diseases grouped according to their clinical manifestations in humans to highlight the propensity for underreporting. A literature search was conducted across multiple databases for publications from 1990 to the present day related to the eight pig-associated zoonoses and the risk and impact connected with them, with Lao PDR as a case study. Many of these pig-associated zoonoses have similar presentations and are often diagnosed as clinical syndromes. Misdiagnosis and underreporting are, therefore, substantial and emphasise the need for more robust diagnostics and appropriate surveillance systems. While some reports exist in other countries in the region...

Occurrence of zoonoses and infectious diseases in barbary sheep (Ammotragus lervia) from the Curitiba zoo

Morikawa, Vivien Midori
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 100f. : il. algumas color.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
27.45%
Orientador : Prof. Dr. Ivan Roque de Barros Filho; Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias. Defesa: Curitiba, 12/12/2014; Inclui referências; Área de concentração: Sanidade animal; Resumo: Doenças infecciosas, particularmente as zoonoses, tem impactos significativos na saúde humana e animal, e a sua fonte de infecção está cada vez mais relacionada aos animais selvagens. O desenvolvimento de programas aplicáveis de vigilância das doenças em seus reservatórios selvagens é essencial. Em zoológicos, a grande concentração de animais proporciona um ambiente ideal para a transmissão de doenças infecciosas entre as espécies animais. O risco de transmissão de zoonoses para funcionários e visitantes também existe, de modo que é extremamente necessário o monitoramento de potenciais reservatórios ou hospedeiros nestes locais. O objetivo deste estudo foi avaliar a ocorrência de algumas doenças infecciosas importantes em aoudads (Ammotragus lervia) do zoológico de Curitiba. Esta tese está dividida em sete capítulos. O capítulo inicial apresenta uma introdução do assunto, enfatizando a relevância e a finalidade da pesquisa. O segundo capítulo apresenta uma revisão...

Environmental change and enteric zoonoses in New Zealand: a systematic review of the evidence

Lal, Aparna; Lill, Adrian W.T.; Mcintyre, Mary; Hales, Simon; Baker, Michael G.; French, Nigel P.
Fonte: Wiley Publicador: Wiley
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 63 pages
Relevância na Pesquisa
36.98%
OBJECTIVE To review the available evidence that examines the association between climatic and agricultural land use factors and the risks of enteric zoonoses in humans and consider information needs and possible pathways of intervention. METHODS The electronic databases PubMed, Web of Science and Embase and government websites were searched systematically for published literature that investigated the association of climatic and/or agricultural exposures with the incidence of the four most common enteric zoonotic diseases in New Zealand (campylobacteriosis, salmonellosis, cryptosporidiosis and giardiasis). Results The 16 studies in the review demonstrated significant associations between climate, agricultural land use and enteric disease occurrence. The evidence suggests that enteric disease risk from environmental reservoirs is pathogen specific. In some rural regions, environmental pathogen load is considerable, with multiple opportunities for zoonotic transmission. CONCLUSIONS Enteric disease occurrence in NZ is associated with climate variability and agricultural land use. However, these relationships interact with demographic factors to influence disease patterns. IMPLICATIONS Improved understanding of how environmental and social factors interact can inform effective public health interventions under scenarios of projected environmental change.

Zoonoses provocadas pelo parasita canino ancylostoma caninum

Variza, Paula Fassicolo
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Monografia de Curso de Pós-graduação Lato Sensu
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Monografia apresentada ao Setor de Pós-graduação da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC, para obtenção do título de especialista em Ecologia e Manejo de Recursos Naturais.; As zoonoses são doenças transmitidas pelos animais para os seres humanos e são muito comuns em cães, principalmente nos que vivem nas ruas. Um dos parasitas mais conhecidos desse animal é o Ancylostoma caninum que atinge o ser humano, geralmente por via cutânea, causando a parasitose conhecida como Bicho-geográfico. A metodologia utilizada foi a pesquisa bibliográfica em livros e artigos científicos devidamente publicados. A realização dessa pesquisa possibilita identificarmos que os métodos de prevenção e as medidas de controle são precários e dependem de iniciativas públicas, privadas e de aspectos de conscientização da população. Além disso, na maioria das vezes as doenças são subdiagnosticadas, sem que se tenha um banco de dados sobre sua incidência, essa falta de monitoramento pode ser apontada como um agravante da situação. É essencial que os profissionais da área tenham a sua disposição mais informações sobre a ocorrência das doenças, sobre os pacientes e sobre os locais mais propícios de contágio. A sugestão proposta a partir desta pesquisa é a utilização de uma tabela de controle parasitológico como recurso para que os profissionais da saúde possam registrar a ocorrência das enfermidades...

Reações sorológicas para Brucella canis em cães errantes capturados na proximidade dos parques públicos, reservas florestais e em áreas periféricas do municipio de São Paulo - Brasil; A serologic survey of B. canis infection in stray dogs captured in the vicinity of public parks and outskirt districts of São Paulo City, Brazil

Cortes, Valdson de Angelis; Oliveira, Maria Cecília Gibrail de; Ito, Fumio Honma; Vasconcellos, Silvio Arruda
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 15/03/1988 POR
Relevância na Pesquisa
27.32%
De 3386 cães errantes capturados pelo programa de controle de reservatórios de zoonoses do Centro de Controle de Zoonoses da Secretaria de Higiene e Saúde do município de São Paulo, durante o período de 1981 a 1985, em 14 localidades, distribuídas pelas quatro divisões regionais da cidade. (Norte, Sul, Leste e Oeste), 254 foram reagentes positivos na prova de difusão em gel de ágar para a demonstração de anticorpos precipitantes para Brucella canis. Ao nível de significância de 0,05 não houve diferença estatística entre as taxas de animais reagentes, encontradas nas diversas localidades estudadas. A existência de reservatórios de B. canis, nas quatro grandes divisões do município de São Paulo, ressalta a importância, em saúde pública, dos serviços de controle de zoonoses urbanas nesta extensa área metropolitana.; A total of 254 (7.5%) sera from 3386 stray dogs captured between the period of 1981 and 1985, through the reservoir control programme established by the Centro de Controle de Zoonoses, Secretaria de Higiene e Saúde do Municipio de São Paulo - SP, Brazil, coming from 14 localities of Northern, Southern, Eastern, and Western areas of the city were found to be positive for Brucella canis antibodies by means of agar-gel precipitation test. Statistically significant differences were rot found among the number of reactors captured at different localities included in this survey. In view of the reactant animals for B. canis shown to be present among the stray dogs coming from four large divisions of the city...

Investigação epidemiológica sobre as zoonoses de maior constatação em matadouros. I. Suínos; Epidemiologic survey of zoonoses of major confirmation at slaughter houses. I. Swines

Passos, Estevão de Camargo; Ito, Fumio Honma; Vasconcellos, Silvio Arruda; Riccetti, Raphael Valentino; Cortes, José de Angelis
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 15/03/1989 POR
Relevância na Pesquisa
27.32%
O exame post-mortem realizado, ao nível de matadouro, em 194.361 carcaças de suínos procedentes de 306 municípios pertencentes a oito estados brasileiros, revelou o seguinte: 1. As patologias de maior ocorrência registradas foram representadas pela tuberculose, cisticercose e hidatidose. 2. A despeito da ampla dispersão destas zoonoses nos territórios considerados, revelada pela presença da cisticercose em todos os oito estados trabalhados; da tuberculose em sete e da hidatidose em cinco deles, a distribuição das mesmas, nos 306 municípios que concorreram para o presente estudo, mostrou um quadro deveras interessante do ponto de vista da vigilância epidemiológica: a tuberculose foi registrada em 128 municípios, a cisticercose em 62 e a hidatidose em 45 deles, mostrando, ainda, que 129 dos municípios não revelaram presença das três doenças em seus rebanhos suínos; 132 acusaram apenas uma das patologias consideradas; 32 revelaram duas delas e em apenas 13 foram encontradas as três doenças. 3. As informações registradas pelo Serviço de Inspeção Federal, relativas às lesões das doenças dos animais e, em particular, das zoonoses, podem oferecer valiosos subsídios para a orientação da escolha de prioridades para a adoção de medidas sanitárias por parte dos organismos responsáveis pela Saúde Animal e Saúde Pública.; The analysis of post-mortem examination data of 194.361 swine carcasses...

A gente é um passador de informação: práticas educativas de agentes de combate a endemias no serviço de controle de zoonoses em Belo Horizonte, MG; We are information dealers: educational practices of endemic diseases’ battling agents at a service of zoonoses control in Belo Horizonte, Brazil

Fraga, Lívia dos Santos; Monteiro, Simone
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2014 POR
Relevância na Pesquisa
27.45%
Zoonoses have an important place among illnesses’ causes in Brazil. A historical review of governmental programs guidelines to control such diseases reveals advances, but their implementation at the municipal and state level depends on socio-environmental factors and on institutional and epidemiological characteristics. This research aims to analyze the educational practices developed by agents that fight endemic diseases (ACE) through a case study in one of Belo Horizonte’s burroughs, MG. The research involved documental analysis, two months of observation of ACE work and interviews with 16 ACE and two coordinators of the service. The region presented several environmental, socioeconomics and cultural elements associated with the occurrence of zoonoses, but these factors were not considered by ACE. The educational activities’ developed by them were based on the transmission of technical-scientific information related to the control of zoonoses’ vectors and reservoirs ; the knowledge of the population was not valued. In spite of the central place attributed to ACE’s educational activities in the institutional discourse, those actions are limited by gaps in their training process and by the organizational structure of the service and management model...

ANTICORPOS CONTRA Toxoplasma gondii EM GATOS APREENDIDOS PELO CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES DE LAGES, SC.

Moura, Anderson Barbosa de; Centro de Ciências AgroveterináriaS (CAV) /Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC); Trevisani, Natascha; CAV/UDESC; de Quadros, Rosiléia Marinho; CAV/UDESC; Ledo, Geanice; Centro de Controle de Zoonoses de Lages; So
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2015 POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
A toxoplasmose é uma zoonose de distribuição mundial. O gato doméstico tem papel importante na epidemiologia da doença por atuar como hospedeiro definitivo, eliminando oocistos que contaminam o ambiente. A sorologia em gatos pode ser considerada um reflexo da contaminação ambiental. Com os objetivos de determinar a ocorrência de anticorpos contra Toxoplasma gondii e identificar possíveis fatores de risco para a infecção em gatos apreendidos pelo Centro de Controle de Zoonoses de Lages, SC, 107 amostras de sangue foram colhidas e remetidas ao Laboratório de Parasitologia e Doenças Parasitárias do CAV/UDESC. A pesquisa de anticorpos foi realizada por meio da Reação de Imunofluorescência Indireta (RIFI) utilizando como antígeno taquizoítos da cepa RH do protozoário. Foram consideradas positivas amostras reagentes na diluição ≥1:64. Os dados foram analisados pelos testes exato de Fisher e χ2 (P<0,05) para verificar correlação entre soropositividade e o sexo e a idade dos animais. Do total de amostras, 38 (35,5%) foram positivos para T. gondii. Houve correlação estatística significativa (P<0,05) entre idade e soropositividade com 79% (30/38) dos positivos apresentando idade ≥13 meses.