Página 2 dos resultados de 666 itens digitais encontrados em 0.019 segundos

Propagação de Eucalyptus cloeziana F. Muell; Propagation of Eucalyptus cloeziana F. Muell

Oliveira, Leandro Silva de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
95.8%
O Eucalyptus cloeziana se destaca pelas propriedades tecnológicas da sua madeira, principalmente em razão da sua durabilidade, densidade e resistência. Entretanto, essa espécie apresenta limitações quanto ao enraizamento adventício de estacas, dificultando a obtenção de mudas clonais e o avanço nos programa de melhoramento da espécie. Nesta perspectiva, o presente trabalho teve por objetivo avaliar a micropropagação de E. cloeziana a partir de materiais juvenis e adultos como uma técnica para a propagação da espécie. Para tanto, o trabalho foi dividido em quatro partes. No primeiro estudo, estabeleceu-se um protocolo de organogênese indireta de E. cloeziana a partir de hipocótilos e cotilédones. No segundo estudo avaliou-se o resgate de matrizes adultas de E. cloeziana através da indução de brotações epicórmicas em megaestacas. No terceiro estudo definiu-se um protocolo de micropropagação via proliferação de gemas axilares de matrizes adultas de E. cloeziana. Por último, no quarto estudo avaliou-se o rejuvenescimento in vitro de matrizes adultas de E. cloeziana por meio da micropropagação via proliferação de gemas axilares e a microestaquia, a partir das matrizes rejuvenescidas in vitro,para comprovar a viabilidade do cultivo in vitro como alternativa de propagação da espécie. A organogênese indireta de E. cloeziana mostrou-se possível e dependente do tipo de explante...

Cobertura da pulverização e maturação de frutos do cafeeiro com ethephon em diferentes condições operacionais

Scudeler, Fábio; Raetano, Carlos G.; Araújo, Demétrius de; Bauer, Fernando C.
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 129-139
POR
Relevância na Pesquisa
95.94%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); A arquitetura trapezoidal do cafeeiro, dependendo da variedade, constitui sério entrave à aplicação de agroquímicos que precisam atingir diretamente o alvo, nesse caso, os frutos. Com o propósito de avaliar e comparar a distribuição e o depósito de uma solução traçadora, bem como a eficiência do regulador de crescimento ethephon na maturação dos frutos do cafeeiro, quando aplicados com diferentes pulverizadores e condições operacionais, foram desenvolvidos dois experimentos em plantio comercial dessa cultura. O uso de papel hidrossensível e de uma escala visual de notas para diferentes níveis de fluorescência emitida pela solução traçadora possibilitaram a avaliação da distribuição da pulverização. A avaliação quantitativa dos depósitos do traçador foi feita através de espectrofotometria e a eficiência do ethephon, pela porcentagem relativa de frutos verdes e cereja nos diferentes tratamentos. Maiores depósitos na parte inferior das plantas foram obtidos com o turboatomizador Arbus 400, equipado com as pontas HC-02 e JA-2. Melhor distribuição da pulverização foi obtida em frutos localizados na parte inferior e frontalmente ao direcionamento da pulverização. Com o equipamento Arbus 400...

Modos de parcelamento da aplicação de regulador de crescimento em função de espaçamentos e densidades populacionais em algodoeiro

Luques, Ana Paula Portugal Gouvêa
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 63 f.
POR
Relevância na Pesquisa
86.18%
Pós-graduação em Agronomia - FEIS; O presente trabalho consta da instalação de um ensaio de campo em algodoeiro com modos de aplicação de regulador de crescimento duas formas distintas: Parcelamento Simples ( aplicações parceladas aos 50 d.a.e e 70 d.a.e com 500 mL de produto comercial por aplicação) em Superparcelamento aos 20; 30; 40; 50; 60 e 70 d.a.e. Aplicando-se 50, 100, 125, 175, 225 e 325 mL. ha-1 do produto comercial, estudo de espaçamentos entre linhas (0,38; 0,45; 0,76 e 0,90 m) e densidades populacionais (6; 8; 10 e 13 pantas/m). O delineamento estatístico realizado foi o de blocos ao acaso, no esquema fatorial 4x4x2, com três repetições, sendo o cultivar utilizado o FMT 701 em um Latossolo Vermelho Distrófico Típico na Fazenda de Ensino e Pesquisa pertencente à Faculdade de Engenharia, UNESP, Campus de Ilha Solteira, localizada no município de Selvíria –MS. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a influencia do superparcelamento da aplicação de regulador de crescimento em algodoeiro diferentes configurações de semeadura nas características agronômicas e produtividade da planta em dois anos agricolas. Foram realizadas avaliações periódicas do desenvolvimento vegetativo do algodoeiro (altura...

Interceptação da radiação fotossinteticamente ativa na cultura do arroz de terras altas sob efeito de regulador de crescimento e densidades de semeadura

Goes, Renato Jaqueto
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 68 f.
POR
Relevância na Pesquisa
86.1%
Pós-graduação em Agronomia - FEIS; Quando o arroz é cultivado em terras altas, existem muitas limitações quanto ao seu cultivo porque a produtividade de grãos depende da interação entre o fator genético e os ambientais, como densidades de semeadura e adubação. Combinados, estes fatores proporcionam diferentes maneiras de interceptação solar devido à arquitetura foliar e uso dos recursos ambientais disponíveis como água, luz e nutrientes. Com esta pesquisa, objetivou-se verificar a interceptação da radiação fotossinteticamente ativa (RFA), características agronômicas, a qualidade industrial dos grãos e a produtividade do arroz de terras altas, cv. Primavera, sob efeito do uso ou não do regulador de crescimento etil-trinexapac em diferentes densidades de semeadura em duas safras consecutivas 2010/2011 e 2011/2012. O delineamento experimental utilizado foi blocos ao acaso, no esquema de parcelas subdivididas com quatro repetições. Os tratamentos consistiram na combinação de nove densidades de semeadura (60, 90, 120, 150, 180, 210, 240, 270 e 300 sementes viáveis m-2) com e sem a aplicação do regulador vegetal etil-trinexapac na dose de 150 g do i.a. ha-1 por ocasião da diferenciação floral. Foram realizadas as seguintes avaliações: altura de plantas...

Desenvolvimento e produção do algodoeiro em função de espaçamentos e aplicação de regulador de crescimento

Ferrari, Samuel
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 85 f.
POR
Relevância na Pesquisa
86.1%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Agronomia - FEIS; O cultivo do algodoeiro passou de uma cultura de pequenos e médios produtores para uma realidade alicerçada em um modelo de produção em escala, caracterizado por altas produtividades e intenso uso de insumos e mecanização. Essa mudança ocasionou uma série de alternativas nas técnicas de cultivo, sendo crescente a indagação sobre alternativas às recomendações tradicionais sobre os vários tratos culturais e práticas agronômicas tais como época de semeadura, espaçamentos, densidade de plantas e emprego de reguladores de crescimento. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de diferentes espaçamentos de cultivo e aplicação ou não de regulador de crescimento sobre o desenvolvimento, acúmulo de nutrientes e produtividade do algodoeiro em região de Cerrado. O delineamento experimental foi de blocos casualizados em esquema fatorial 3x3 com 9 tratamentos e 4 repetições, constituído por três espaçamentos: 0,45m, 0,70m e 0,90m entre linhas; Aplicação de cloreto de mepiquat na dose de 1,0 L ha-1 : a- aplicação parcelada em quatro etapas, b- aplicação única aos 70 dias após a emergência e c- sem a aplicação do regulador. Foi utilizada a cultivar de algodão Deltaopal. O experimento foi instalado no município de Selvíria (MS)...

Regulador de crescimento Etil-Trinexapac em diferentes densidades de semeadura na cultura do arroz de terras altas

Silva, Marcelo Romero Ramos da
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 81 f. : il. fots. color.
POR
Relevância na Pesquisa
86.1%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Pós-graduação em Agronomia - FEIS; O arroz é uma das culturas que mais se destaca na produção mundial, responde ao uso de tecnologias, porém seu cultivo em terras altas apresenta problema de acamamento, dificultando ou impossibilitando a colheita mecânica. O objetivo do trabalho foi estudar o efeito do regulador de crescimento etil-trinexapac e diferentes densidades de semeadura do arroz de terras altas, cultivar BRS Primavera, nos municípios de Fernandópolis – SP e Selvíria – MS, visando reduzir a altura e diminuir o acamamento das plantas de arroz. O experimento foi conduzido no ano agrícola 2008/09, na Fazenda de Ensino e Pesquisa da Universidade Camilo Castelo Branco, Campus de Fernandópolis – SP, e na Fazenda de Ensino e Pesquisa da Faculdade de Engenharia, Campus Ilha Solteira - UNESP, localizada no município de Selvíria – MS. O delineamento experimental utilizado foi blocos ao acaso, disposto em esquema fatorial 5 x 2, com quatro repetições. Os tratamentos foram constituídos por cinco densidades de semeadura (100, 150, 200, 250 e 300 sementes viáveis por metro quadrado), com e sem aplicação de regulador de crescimento. O aumento da densidade de semeadura interferiu negativamente na produtividade de grãos de arroz apenas para a primeira semeadura em Selvíria – MS. A aplicação do etil-trinexapac resultou em plantas com menor altura e acamamento e...

Cobertura da pulverização e maturação de frutos do cafeeiro com ethephon em diferentes condições operacionais

Scudeler,Fábio; Raetano,Carlos G.; Araújo,Demétrius de; Bauer,Fernando C.
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
95.94%
A arquitetura trapezoidal do cafeeiro, dependendo da variedade, constitui sério entrave à aplicação de agroquímicos que precisam atingir diretamente o alvo, nesse caso, os frutos. Com o propósito de avaliar e comparar a distribuição e o depósito de uma solução traçadora, bem como a eficiência do regulador de crescimento ethephon na maturação dos frutos do cafeeiro, quando aplicados com diferentes pulverizadores e condições operacionais, foram desenvolvidos dois experimentos em plantio comercial dessa cultura. O uso de papel hidrossensível e de uma escala visual de notas para diferentes níveis de fluorescência emitida pela solução traçadora possibilitaram a avaliação da distribuição da pulverização. A avaliação quantitativa dos depósitos do traçador foi feita através de espectrofotometria e a eficiência do ethephon, pela porcentagem relativa de frutos verdes e cereja nos diferentes tratamentos. Maiores depósitos na parte inferior das plantas foram obtidos com o turboatomizador Arbus 400, equipado com as pontas HC-02 e JA-2. Melhor distribuição da pulverização foi obtida em frutos localizados na parte inferior e frontalmente ao direcionamento da pulverização. Com o equipamento Arbus 400, equipado com pontas HC-02...

Crescimento e produtividade de algodoeiro submetido a cloreto de mepiquat e doses de nitrogênio

Teixeira,Itamar Rosa; Kikuti,Hamilton; Borém,Aluízio
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
86.14%
Em regiões com condições climáticas favoráveis como de cerrado, tem-se verificado excessivo crescimento vegetativo do algodoeiro, principalmente quando associado à utilização de elevadas doses de N, justificando a utilização de substâncias reguladoras de crescimento para obtenção de plantas mais produtivas e com porte adequado à colheita mecanizada. Neste trabalho, objetivou-se avaliar o crescimento e a produtividade do algodoeiro cv. FMX 986, submetido às doses de N e cloreto de mepiquat, nas condições edafoclimáticas do cerrado goiano. Para tanto, o delineamento experimental utilizado foi de blocos casualizados, em esquema fatorial 4 x 2, envolvendo a combinação de quatro doses de N (0, 60, 120 e 180 kg ha-1) na presença e ausência de cloreto de mepiquat (50 g ha-1), com quatro repetições. O cloreto de mepiquat foi aplicado em três vezes, aos 40, 60 e 80 dias após a emergência das plantas, utilizando 12,5 g ha-1, 17,5 g ha-1 e 20 g ha-1 respectivamente. Conclui-se que com as doses de N aumentaram-se a massa média de capulhos, a massa média de cem sementes e a produtividade do algodoeiro. Com a aplicação do regulador de crescimento é diminuído o tamanho da planta e promovidos acréscimos de rendimento da ordem de 12%. Na dose de 131 kg ha-1 de N foi obtido maior rendimento de algodão (3.633 kg ha-1). Não houve influência do regulador de crescimento e da adubação nitrogenada no índice de produtividade e precocidade.

Resposta de cultivares de arroz a doses de nitrogênio e do regulador de crescimento cloreto de clormequat

Buzetti,Salatiér; Bazanini,Graciela Cristina; Freitas,José Guilherme de; Andreotti,Marcelo; Arf,Orivaldo; Sá,Marco Eustáquio de; Meira,Flávia de Andrade
Fonte: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira Publicador: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
86.19%
O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos de doses de nitrogênio (0, 50, 100 e 150 kg ha-1) e do regulador de crescimento cloreto de clormequat (0, 1 e 2 L ha-1), em algumas características agronômicas de cultivares de arroz IAC 201 e IAC 202. O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso, com quatro repetições. O N foi aplicado em cobertura, no estádio da diferenciação floral, e o regulador de crescimento foi aplicado parceladamente, aos 20 e 30 dias após a emergência das plântulas de arroz (perfilhamento). Na safra 2001/2002, houve efeito significativo de N para altura de plantas, comprimento da panícula, espiguetas por panícula, massa de 100 grãos e produtividade de grãos. Houve efeito do regulador de crescimento sobre o comprimento da panícula e espiguetas por panícula. A maior produtividade foi a da cultivar IAC 202. Na safra 2002/2003, houve efeito de N para altura de plantas, massa de 100 grãos, fertilidade das espiguetas e produtividade de grãos. O regulador de crescimento não exerceu efeito nas características testadas, e a cultivar IAC 202 foi novamente a mais produtiva.

Enraizamento e aclimatização de plantas micropropagadas de gipsofila

Bosa,Nair; Calvete,Eunice O.; Nienow,Alexandre Augusto; Suzin,Marilei
Fonte: Associação Brasileira de Horticultura Publicador: Associação Brasileira de Horticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2003 PT
Relevância na Pesquisa
86.07%
Na última década, o cultivo de flores de corte tem sido incrementado em função da facilidade em agregar valor ao produto final e, entre as ornamentais mais cultivadas, destaca-se a Gypsophila paniculata. A técnica da micropropagação vem sendo utilizada para a produção de mudas em escala comercial. O objetivo deste experimento foi reduzir ou eliminar a fase de enraizamento in vitro. Para tanto, foi avaliada a influência do regulador de crescimento Ácido Indolbutírico (AIB) durante a aclimatização ex vitro, em diferentes datas de enraizamento in vitro. Os tratamentos foram constituídos de um fatorial com 3 doses (0; 500 e 1000 mg.L-1 de AIB) x 6 períodos (5; 10; 15; 20; 25 e 30 dias) de enraizamento in vitro. Estes foram dispostos em um delineamento experimental de blocos ao acaso com quatro repetições e doze plântulas por parcela. As variáveis analisadas foram taxa de sobrevivência, volume de raízes, massa fresca e seca da parte aérea e da raiz. Os dados foram submetidos às análises de variância e de regressão. Os resultados indicaram que, para propagar Gypsophila paniculata, cultivar Bristol Fairy, há necessidade da fase de enraizamento in vitro, sendo que o período ideal situa-se entre 25-30 dias, para posterior transplantio. Por outro lado...

Efeito do cloreto de chlormequat sobre quatro cultivares de trigo em duas épocas de semeadura

Lima,Maria do Rocío Santos da Silveira; Lovato,Cláudio
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1995 PT
Relevância na Pesquisa
86.07%
Dois experimentos foram conduzidos visando avaliar o efeito do Cloreto de chlormequat (CCC), aplicado em duas épocas de semeadura, sobre o rendimento de grãos e outras características de quatro cultivares de trigo. Os tratamentos foram as cultivares CEP 19, BR 14, BR 15 e BR 23. As doses de CCC foram de 400g ia/ha em 1989 e 1000g ia/ha em 1990 e as datas de semeadura foram em junho e julho. A característica afetada pelo CCC foi altura de plantas, sendo que o regulador de crescimento não afetou o rendimento de grãos. Conclui-se que outros estudos devem ser feitos para verificar quais os fatores que determinam respostas positivas à aplicação deste regulador de crescimento.

Efeito de paclobutrazol como regulador de crescimento e produção de flores de girassol em cultivo hidropônico

Wanderley,Christina da Silva; Rezende,Roberto; Andrade,Carlos Alberto Bastos
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
86.13%
Objetivou-se neste trabalho estudar os efeitos de um regulador de crescimento (paclobutrazol) sobre o crescimento e a produção de flores de girassol em vasos, crescidos sob sistema hidropônico. Foram utilizados dois genótipos de girassol (BRS Oásis e Helio 358), combinados com seis doses de paclobutrazol (0;0,5;1;2;4 e 6 mg.L-1) e substrato inerte de sílica moída. A solução nutritiva foi a de Hoagland modificada (EPSTEIN & BLOOM, 2004) e as plantas foram mantidas sob aeração constante. Para avaliar os efeitos do paclobutrazol sobre o crescimento das plantas (altura final e diâmetro de capítulo), as variáveis foram submetidas à análise de variação (teste F), utilizando-se rotinas do sistema SAS/STAT , aplicando-se, para os valores significativos a 5% de probabilidade e a regressão linear e não linear para a análise dos parâmetros aferidos, em função das doses do regulador de crescimento. A análise dos dados permitiu concluir que há efeito do paclobutrazol sobre o crescimento e sobre a produção de flores de girassol, reduzindo a altura final das plantas e o diâmetro dos capítulos, sendo que doses elevadas causaram deformações nas plantas e má formação nas flores. Helio 358 apresentou-se mais adequado para a produção ornamental...

Produção do algodoeiro em função da salinidade e tratamento de sementes com regulador de crescimento

Oliveira,Francisco de Assis de; Medeiros,José Francismar de; Oliveira,Francisco Ronaldo Alves de; Freire,Alcione Guimarães; Soares,Leonardo Cirilo da Silva
Fonte: Universidade Federal do Ceará Publicador: Universidade Federal do Ceará
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
86.23%
Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes níveis de salinidade da água de irrigação e sementes tratadas com regulador de crescimento na produção do algodoeiro. O delineamento experimental adotado foi inteiramente ao acaso, arranjados em esquema fatorial 5 x 2 com quatro repetições. Os tratamentos resultaram da combinação de cinco níveis de condutividade elétrica da água de irrigação (S1-0,5; S2-2,0; S3-3,5; S4-5,0 e S5-6,5 dS m-1) em sementes tratadas e não tratadas com regulador de crescimento. As variáveis avaliadas foram: produção de algodão em caroço, produção de sementes e de fibra, peso de 100 sementes e porcentagem de fibra. Não houve interação entre os níveis de salinidades e as sementes tratadas com regulador de crescimento. Os parâmetros produtivos do algodoeiro são reduzidos com uso de água de salinidade a partir de 3,5 dS m-1, independente das sementes serem tratadas com regulador de crescimento. As características agronômicas: peso de 100 sementes, porcentagem de fibra e produção de algodão em caroço não são influenciadas pelo cloreto de mepiquat. O tratamento das sementes com regulador de crescimento não afeta o efeito adverso da salinidade.

Desenvolvimento e produtividade do algodoeiro em função de espaçamentos e aplicação de regulador de crescimento

Ferrari,Samuel; Furlani Júnior,Enes; Ferrari,João Vitor; Santos,Marcio Lustosa; Santos,Danilo Marcelo Aires dos
Fonte: Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM Publicador: Editora da Universidade Estadual de Maringá - EDUEM
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2008 PT
Relevância na Pesquisa
86.2%
Atualmente, o cultivo do algodoeiro está alicerçado em um modelo de produção em escala, caracterizado por altas produtividades e intenso uso de insumos e mecanização. Objetivou-se, com este trabalho, avaliar a influência de diferentes espaçamentos de cultivo, submetidos ou não à aplicação de regulador de crescimento, no desenvolvimento e na produtividade do algodoeiro. O delineamento experimental foi de blocos casualizados, em esquema fatorial 3x3, com nove tratamentos e quatro repetições, constituído por três espaçamentos: 0,45, 0,70 e 0,90 m entre linhas; regulador de crescimento: a) aplicação parcelada em quatro etapas; b) aplicação única aos 70 d.a.e.; e c) sem a aplicação do regulador. O projeto foi instalado no município de Selvíria, estado do Mato Grosso do Sul, em novembro de 2005. De posse dos resultados, verificou-se que a aplicação de regulador vegetal é eficiente em termos de limitação do crescimento em altura. A maior produtividade aliada a maior massa de capulhos foram encontradas em aplicação do regulador de forma parcelada em comparação à não-utilização do produto, para a cv. Deltaopal. O número de capulhos e de ramos reprodutivos, por planta, foi maior nos maiores espaçamentos.

Efeitos de doses e formas de aplicação de reguladores de crescimento em uvas sem sementes, cv. BRS Clara, em região tropical.

SOUZA, R. T. de; NACHTIGAL, J. C.; MORANTE, J. P.; SANTANA, A. P. dos S.
Fonte: Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v. 32, n. 3, p. 763-768, set. 2010. Publicador: Revista Brasileira de Fruticultura, Jaboticabal, v. 32, n. 3, p. 763-768, set. 2010.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
95.85%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do uso dos reguladores vegetais, ácido giberélico e tidiazuron, no tamanho de bagas da cultivar BRS Clara em Região Tropical. Os experimentos foram conduzidos em 2006 e 2007, na Estação Experimental de Viticultura Tropical, em Jales-SP, região noroeste do Estado de São Paulo, em plantas da cv. BRS Clara. Foram testadas diferentes concentrações de GA3 aplicadas isoladamente, combinadas com Crop Set ou tidiazuron, em aplicações únicas ou sequênciais (2 e 4 vezes). As avaliações foram feitas por ocasião da maturação das uvas, considerando-se a massa fresca dos cachos, dos engaços e das bagas, determinadas por meio de balança analítica; o comprimento e o diâmetro médio das bagas, utilizando-se de paquímetro; e o teor de sólidos solúveis (SS), por meio de refratômetro manual. Os experimentos foram conduzidos em delineamento experimental de blocos casualizados, representados por uma planta, com 15 repetições, no ano de 2006, e 10 repetições, no ano de 2007. Os dados foram submetidos à análise de variância e, para a comparação das médias dos tratamentos, foi utilizado o teste Skott Nott, ao nível de 5% de probabilidade. Observou-se que o uso dos reguladores promoveu o crescimento das bagas na cultivar BRS Clara em todos os tratamentos...

Efeito do uso de subdoses de gliphosato como regulador de crescimento na produtividade de algodoeiro cultivado no Cerrado.

LUQUES, A. P. P. G.; FURLANI JUNIOR, E.; SANTOS, D. M. A. dos; ROSA, C. E.; FERRARI, S.; SARDELLI, J. A. P.; QUEIROZ, A. C. P. de; ROSSETTO, J. E.; SILVA, I. C. dA
Fonte: CONGRESSO BRASILEIRO DE ALGODÃO, 8.; COTTON EXPO, 1., 2011, São Paulo. Evolução da cadeia para construção de um setor forte: Anais. Campina Grande, PB: Embrapa Algodão, 2011. Publicador: CONGRESSO BRASILEIRO DE ALGODÃO, 8.; COTTON EXPO, 1., 2011, São Paulo. Evolução da cadeia para construção de um setor forte: Anais. Campina Grande, PB: Embrapa Algodão, 2011.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: p.965-970
PT_BR
Relevância na Pesquisa
95.94%
2011

Bioestimulante no feijoeiro cultivado em sucessão à diferentes culturas de cobertura.

BERNARDES, T. G.; SILVEIRA, P. M. da; MESQUITA, M. A. M.
Fonte: In: CONGRESSO NACIONAL DE PESQUISA DE FEIJÃO, 9., 2008, Campinas. Ciência e tecnologia na cadeia produtiva do feijão. Campinas: Instituto Agronômico, 2008. Publicador: In: CONGRESSO NACIONAL DE PESQUISA DE FEIJÃO, 9., 2008, Campinas. Ciência e tecnologia na cadeia produtiva do feijão. Campinas: Instituto Agronômico, 2008.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
95.94%
Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de regulador de crescimento visando maior produtividade do feijoeiro irrigado em sucessão à diferentes culturas de cobertura.; 2008

Influência do etil-trinexapac no acúmulo, na distribuição de nitrogênio (15N) e na massa de grãos de arroz de terras altas

Alvarez, Rita de Cássia Félix; Crusciol, Carlos Alexandre Costa; Trivelin, Paulo Cesar Ocheuze; Rodrigues, João Domingos; Alvarez, Angela Cristina Camarim
Fonte: Revista Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Revista Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
86.2%
A garantia de alta produtividade de grãos de arroz no sistema de cultivo irrigado por aspersão tem estimulado a utilização de maiores doses de fertilizantes, principalmente os nitrogenados. Contudo, o manejo inadequado da adubação nitrogenada pode resultar em acamamento das plantas. A aplicação de reguladores vegetais pode carrear fotoassimilados para produção de grãos em detrimento do crescimento vegetativo excessivo. Este trabalho teve por objetivos: avaliar a influência do regulador de crescimento etil-trinexapac nas características de crescimento da planta e no acúmulo e distribuição de N (15N) nas partes e na planta inteira de arroz; e verificar a contribuição do N absorvido em diferentes estádios de desenvolvimento na formação da panícula, nos componentes do rendimento e na massa de grãos de arroz. O experimento foi realizado em casa de vegetação, sob condições controladas. Os tratamentos foram constituídos de não-aplicação ou aplicação de regulador de crescimento vegetal (0 e 200 g ha-1 i.a. de etil-trinexapac) em quatro estádios de desenvolvimento das plantas (1 - início ao final do perfilhamento, 2 - final do perfilhamento à diferenciação do primórdio da panícula, 3 - diferenciação do primórdio da panícula ao florescimento e 4 - florescimento à maturação fisiológica). Foi utilizado o delineamento experimental de blocos ao acaso...

Efeito de paclobutrazol como regulador de crescimento e produção de flores de girassol em cultivo hidropônico

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
PT
Relevância na Pesquisa
86.13%
Objetivou-se neste trabalho estudar os efeitos de um regulador de crescimento (paclobutrazol) sobre o crescimento e a produção de flores de girassol em vasos, crescidos sob sistema hidropônico. Foram utilizados dois genótipos de girassol (BRS Oásis e Helio 358), combinados com seis doses de paclobutrazol (0;0,5;1;2;4 e 6 mg.L-1) e substrato inerte de sílica moída. A solução nutritiva foi a de Hoagland modificada (EPSTEIN & BLOOM, 2004) e as plantas foram mantidas sob aeração constante. Para avaliar os efeitos do paclobutrazol sobre o crescimento das plantas (altura final e diâmetro de capítulo), as variáveis foram submetidas à análise de variação (teste F), utilizando-se rotinas do sistema SAS/STAT , aplicando-se, para os valores significativos a 5% de probabilidade e a regressão linear e não linear para a análise dos parâmetros aferidos, em função das doses do regulador de crescimento. A análise dos dados permitiu concluir que há efeito do paclobutrazol sobre o crescimento e sobre a produção de flores de girassol, reduzindo a altura final das plantas e o diâmetro dos capítulos, sendo que doses elevadas causaram deformações nas plantas e má formação nas flores. Helio 358 apresentou-se mais adequado para a produção ornamental...

Influência de retardantes de crescimento no desenvolvimento de plantas de gladíolo (Gladiolus communis L. spp., Iridaceae)

de Campos, Marcelo Ferraz; Centro de Cana do Instituto Agronômico de Campinas (IAC); Backes, Clarice; Universidade Estadual Paulista; Roters, Jéssica Maria Coutinho; Ono, Elizabeth Orika; Universidade estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho; Rodrigue
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2010 POR
Relevância na Pesquisa
95.85%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2010v23n3p31Tratamentos com retardantes de crescimento vegetal foram estudados em plantas de Palma de Santa Rita (Gladiolus communis L. spp., Iridaceae) para avaliar a altura da planta, o número de folhas e botões florais, diâmetro do caule e comprimento da haste floral. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, com quatro repetições e sete tratamentos (testemunha; aplicações de cloreto de mepiquat na concentração de 200mg.L-1, 3 e 6 vezes; cloreto de chlormequat na concentração de 200mg.L-1, 3 e 6 vezes e ethephon na concentração de 200mg.L-1, 3 e 6 vezes). Foram realizadas sete avaliações não destrutivas a cada sete dias e uma coleta final. Os tratamentos com ethephon proporcionaram redução da altura das plantas e do comprimento.