Página 15 dos resultados de 8829 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Critérios para indicação de espécies prioritárias para a restauração da vegetação de cerrado

Lima Pilon, Natashi A.; Durigan, Giselda
Fonte: Ipef-inst Pesquisas Estudos Florestais Publicador: Ipef-inst Pesquisas Estudos Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 389-399
POR
Relevância na Pesquisa
36.78%
Knowing the attributes of the most suitable species to overcome the obstacles in different environmental conditions is an important tool for ecological restoration. To evaluate the comparative performance of native Cerrado species being cultivated at an arboretum (Assis State Forest, Assis, SP, Brazil), we categorized 106 species by the following attributes: average annual increment in height and crown diameter, survival rates, frequency of herbivory, frost susceptibility and seed dispersal syndrome. The score of each attribute may vary from 1 to 3, and the value of a species for restoration was generated from the sum of the scores for the different attributes converted to the scale of 0 to 100. Analyzing the species altogether, survival was 70%, the average annual increment was 30 cm in height and 21 cm in crown diameter. Only 8% of the species showed high susceptibility to frost and 17% high frequency of herbivory. Eighteen species had scores above 80, being the first Annona crassiflora, Cecropia pachystachya, Enterolobium gummiferum, Plathymenia reticulata e Protium heptaphyllum. In this group are the species that gather the highest number of favorable attributes for the restoration of Cerrado vegetation. We generated two separate lists of ten species of higher value...

Levantamento da mastofauna e identificação das influências antrópicas em dois fragmentos de Mata Atlântica transição com Cerrado de Rubião Junior – Botucatu - SP

Santos, Fernanda Caetano Ferreira
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
36.78%
Atlantic Forest and Cerrado are between the biological richest areas in the world, for that are considered top conservation priorities. Those ecosystems are found at Botucatu region, where it´s extremely fragmented by routes, agricultural areas and urban centres. This fragmentation causes restrictions on animals populations, in particular to medium and large mammals, that needs larger areas to live and also are often hunted. Even isolated and suffering anthropic influences the fragments are fundamental for local biodiversity conservation. We realized a mammal survey on two forest fragments of Atlantic forest transition to Cerrado of Rubião Júnior – Botucatu – SP – Brazil: Santo Antônio Church and Parque das Cascatas forests. The Santo Antônio church munt is considered a turistic point and its forest receive many visitants, Parque das Cascatas forest is inside of a residential condominium. Both areas are classify as semidecidual stational forest and are disconected by Domingos Sartori route, that connect Botucatu centre to Rubião Júnior district. Around both fragments can be found residences, plantations and pastures. The utilized method included: recognition of tracks on the forests, interviews with next residents and sand plots mounting. The interviews indicated 29 mammals species...

Fenodinamcia de lianas e forofitos em um fragmento de cerrado em Itirapina (SP); Liana and tree phenodynamic in a cerrado fragment from Itirapina (SP), Brazil

Julia Caram Sfair
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/04/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
Diferentes formas de vida de plantas, por possuírem diferentes estratégias de alocação de recursos, podem apresentar aspectos fenológicos diferentes. Além disso, interações bióticas e abióticas e perturbações antrópicas podem influenciar a fenologia. Os objetivos deste trabalho foram (a) invetigar a fenologia em árvores com (forófito) e sem (controle) liana na borda e no interior de um fragmento de cerrado denso em Itirapina, SP; e (b) investigar a sobreposição das fenofases reprodutivas e vegetativas entre lianas e forófitos para o mesmo fragmento de vegetação. Durante um ano, semanalmente foram coletados dados referentes às atividades e às intensidades de lianas e árvores com e sem lianas na borda e no interior do fragmento de cerrado. As espécies analisadas foram: Anadenanthera falcata, Dalbergia miscolobium, Miconia rubiginosa, Qualea grandiflora, Vochysia tucanorum e Xylopia aromatica. Foram usadas análises envolvendo estatística circular. A. falcata, D. miscolobium e X. Aromatica com lianas investiram mais na produção de folhas e menos na reprodução que as mesmas espécies sem lianas. M. rubiginosa, V. tucanorum, Q. grandiflora e X. Aromatica na borda alocaram mais recursos para a reprodução e menos para a troca de folhas que as mesmas espécies no interior...

Anatomia foliar de leguminosas arboreas de cerrado com enfase nas estruturas secretoras; Leaf anatomy of cerrado Leguminosae trees with emphasis on secretory sctructures

Glaucia Morelli Alves
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
Este trabalho aborda a anatomia foliar (limbo foliolar, peciólulo e raque) de quatro espécies arbóreas de Papilionoideae visando reinvestigar a anatomia foliolar de Acosmium subelegans, A. dasycarpum e Bowdichia virgilioides; descrever a anatomia foliar de Dalbergia miscolobium bem como do peciólulo e da raque das outras três espécies; efetuar um levantamento das estruturas secretoras foliares identificando as principais classes de substâncias presentes no exsudato por meio de testes microquímicos e histoquímicos; verificar a ocorrência de padrões anatômicos entre as leguminosas arbóreas de cerrados. Os tipos de estruturas secretoras observados nas quatro espécies estudadas foram a epiderme da face adaxial e os idioblastos no mesofilo. Hipoderme da lâmina foliolar, anel de células taníferas no peciólulo e idioblastos na raque foram estruturas encontradas apenas nas espécies de Acosmium e em B. virgilioides. O conteúdo da epiderme da face adaxial da lâmina foliolar de A. dasycarpum, A. subelegans e B. virgilioides é constituído por mucilagem; a hipoderme e os idioblastos do mesofilo e da raque de A. dasycarpum produzem compostos fenólicos. A secreção dos idioblastos (mesofilo e raque) e da hipoderme de A. subelegans e B. virgilioides é heterogênea...

Demografia de Acanthochelys spixii (Duméril e Bibron, 1835) (Testudines, Chelidae) no cerrado do Distrito Federal

Fraxe Neto, Habib Jorge
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal, 2009.; Quelônios de água doce atualmente estão sujeitos a uma crise global de sobrevivência e, ainda que seja fundamental desenvolver estudos que subsidiem estratégias de manejo e conservação, as espécies que habitam o Cerrado não têm sido objeto de investigações sobre demografia. O presente estudo estima parâmetros demográficos para Acanthochelys spixii, em uma área de Cerrado do Distrito Federal, com base em modelos de captura e recaptura ao longo de quatro anos, avaliando-se os efeitos de sexo, variação temporal e fatores climáticos sobre a dinâmica populacional. A razão sexual não diferiu significativamente de 1:1. Com base no Critério de Informação de Akaike (AIC), a seleção de modelos candidatos com restrição a partir de variáveis climáticas evidenciou que a interação entre precipitação total e temperatura média do ar no mês anterior, assim como a associação da probabilidade de recaptura (p) a uma base mensal, explicam a quase totalidade da variação nas estimativas, obtendo-se para sobrevivência anual aparente (Φ) um valor constante de 0,814. Taxas de recaptura variaram ao longo do tempo entre 0...

Interação morcego-fruto : estado da arte no Brasil e um estudo da chuva de sementes por aves e morcegos em uma área do Cerrado em Brasília

Sette, Isadora de Miranda e Souza
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.78%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2012.; A proposta da presente dissertação é contribuir para o avanço do conhecimento sobre o serviço de dispersão de sementes realizado por aves e morcegos. Por meio de uma revisão da literatura avaliei o estado da arte da interação morcego-fruto no Brasil, e por meio de uma pesquisa de campo comparei a chuva de sementes produzida por aves e morcegos em uma área do Cerrado em Brasília. Por meio da revisão da literatura obtive 64 publicações relacionadas à interação morcego-fruto no Brasil. Analisei a evolução histórica dessas pesquisas, os biomas onde já foram realizadas e os métodos nelas utilizados. Obtive uma listagem de 33 espécies de morcegos dispersores de sementes e 90 espécies de plantas dispersadas por morcegos no Brasil. Concluí que embora o número de publicações tenha aumentado a cada década, o conhecimento ainda é incipiente. Além disso, as pesquisas sobre a interação morcego-fruto estão concentradas no eixo sul-sudeste do Brasil, fornecendo poucos dados para outras regiões do país. Embora existam diferentes métodos sendo utilizados nas pesquisas, a coleta de amostras fecais e estomacais é o mais utilizado. Espero que a listagem de espécies de morcegos dispersores e plantas dispersadas por morcegos que foi aqui construída possa ser uma ferramenta útil a ser utilizada...

The role of gallery forests in the distribution of cerrado mammals

JOHNSON,M. A.; SARAIVA,P. M.; COELHO,D.
Fonte: Instituto Internacional de Ecologia Publicador: Instituto Internacional de Ecologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/1999 EN
Relevância na Pesquisa
36.78%
The Cerrado biome contains a rich mammal community, with an influence from the Amazonian and Atlantic rainforests, principally observed in the gallery forests. In this paper, through literature review, it is shown that the non-volant mammal community of the gallery forests is distinct from the mammal communities of any other physionomy of the Cerrado. Additionally, the gallery forests contain twice as many species common to the rainforests when compared to all the other physiognomies of the Cerrado combined. The gallery forests appear to provide habitat within the Cerrado for rainforest mammals, increasing the biodiversity of this biome. As such, gallery forests may function as dispersion corridors for these species.

Geoecological drivers of cerrado heterogeneity and 13C natural abundance in oxisols after land-use change

Neufeldt,Henry
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2006 EN
Relevância na Pesquisa
36.78%
The 13C natural abundance technique was applied to study C dynamics after land-use change from native savanna to Brachiaria, Pinus, and Eucalyptus in differently textured Cerrado Oxisols. But due to differences in the d13C signatures of subsoils under native savanna and under introduced species, C substitution could only be calculated based on results of cultivated soils nearby. It was estimated that after 20 years, Pinus C had replaced only 5 % of the native C in the 0-1.2 m layer, in which substitution was restricted to the top 0.4 m. Conversely, after 12 years, Brachiaria had replaced 21 % of Cerrado C to a depth of 1.2 m, where substitution decreased only slightly throughout the entire profile. The high d13C values in the subsoils of the cultivated sites led to the hypothesis that the natural vegetation there had been grassland rather than Cerrado sensu stricto, in spite of the comparable soil and site characteristics and the proximity of the studied sites. The hypothesis was tested using aerial photographs of 1964, which showed that the cultivated sites were located on a desiccated runoff head. The vegetation shift to a grass-dominated savanna formation might therefore have occurred in response to waterlogging and reduced soil aeration. A simple model was developed thereof...

Desenvolvimento inicial de mudas de jatobazeiro do cerrado em Aquidauana-MS

Costa,Edilson; Leal,Paulo Ademar Martins; Rego,Norton Hayd; Benatti,Jarbas
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
A busca por uma alimentação saudável tem aumentado o consumo de frutas e hortaliças, proporcionando maior aceitação das fruteiras do cerrado no mercado. Visando à obtenção de mudas de qualidade, este trabalho avaliou a formação de mudas do jatobazeiro-do-cerrado em diferentes ambientes protegidos e substratos, na UEMS, Aquidauana, no período de novembro de 2008 a março de 2009. Foram utilizados três ambientes protegidos: estufa plástica de polietileno transparente, viveiro de tela de sombreamento e viveiro telado com malha termorrefletora; e seis substratos: solo, Plantmax®, fibra de coco fina, fibra de coco chips, vermiculita e composto orgânico. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com esquema de parcelas subdivididas (split-plot) e dez repetições. Houve interação entre ambiente de cultivo e substrato na formação de mudas de jatobá-do-cerrado. Na estufa agrícola, indica-se a utilização do Plantmax® e, nos telados, recomenda-se a vermiculita. O Plantimax® promoveu crescimento uniforme das mudas, em todos ambientes, especialmente na estufa agrícola. O substrato com 100% de composto orgânico não é indicado na formação de mudas de jatobá-do-cerrado. O Índice de Qualidade de Dickson é um bom indicador do padrão de qualidade das mudas.

Comunidades de insetos galhadores (Insecta) em diferentes fisionomias do cerrado em Minas Gerais, Brasil

Gonçalves-Alvim,Silmary J.; Fernandes,Geraldo Wilson
Fonte: Sociedade Brasileira de Zoologia Publicador: Sociedade Brasileira de Zoologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2001 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
Studies on the communities of galling insects and their host plants were performed in three "cerrado" physiognomies that occur in Minas Gerais: "campo sujo", "cerrado" sensu strictu, and "cerradão". Galls and host plants were collected along transects in a total of 3,000 herbs, 300 shrubs and 135 trees in each physiognomy. Ninety two species of galling insects (morphotypes) on 62 host plant species of 28 families were found. The highest galling insect richness was observed in the "cerrado". Approximately 75.0% of galling insects belonged to the Cecidomyiidae (Diptera). The highest gall frequency was found on leaves (58.70%) of the host plants, and was glabrous (83.70%). Most gall shape were elliptic (30.43%). A low similarity in galling insect species was observed among the three sampled physiognomies - the highest similarity index was observed between "cerrado" and "campo sujo" (SΦrensen index = 0.20), indicating that the presence of rare species of galling insects might be common in these environments.

Composição de espécie de Arctiidae (Insecta, Lepidoptera) em áreas de Cerrado

Ferro,Viviane G.; Diniz,Ivone R.
Fonte: Sociedade Brasileira de Zoologia Publicador: Sociedade Brasileira de Zoologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
O bioma Cerrado ocupa 23% do território brasileiro e abriga aproximadamente um terço da biota estimada para o país. O objetivo deste trabalho é conhecer a composição de espécies de Arctiidae noturnos e descrever os padrões de diversidade beta entre 14 áreas de Cerrado. Foram coletados 1.016 indivíduos, representando 197 morfo-espécies. Estimativas de riqueza utilizando Jackknife 2 e Chao 2 indicaram que a região deve conter, respectivamente, 375,7 e 383,8 espécies. A regressão entre a riqueza de espécies observada e o número de fitofisionomias existente nas áreas amostradas não foi significativa. A diversidade beta (distância de Sorensen) entre as localidades estudadas foi positivamente relacionada com as distâncias geográficas. A análise multivariada indicou que, com exceção de Pedregulho, as áreas do estado de São Paulo foram distintas daquelas dos estados de Goiás e Tocantins. Agrupando os sítios por fitofisionomia, foi verificado que a fauna das matas de galeria e dos cerradões foram similares e formaram um grupo distinto daquele composto por formações abertas (campo sujo e cerrado sentido restrito). Sugere-se que os tipos de vegetação e as distâncias geográficas são fatores importantes na determinação das assembléias de Arctiidae no Cerrado brasileiro.

Ceras foliares epicuticulares de espécies congêneres da mata e do cerrado

Varanda,Elenice Mouro; Santos,Déborah Yara Alves Cursino dos
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/1996 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
Espécies de cerrado e mata foram analisadas quanto à sua composição em ceras foliares epicuticulares e de seus componentes hidrocarbonetos. Observou-se nas espécies de cerrado uma tendência a teores de ceras pouco maiores que os de espécies de mata estacionai semidecídua. A porcentagem de hidrocarbonetos nas ceras foi maior na maioria das espécies de mata que nas espécies congêneres de cerrado. Pela análise em CG, os hidrocarbonetos mostraram predominância de C29 e C31 apresentando um comprimento médio da cadeia de carbono dos homólogos menos variável em espécies de mata, em torno de 30,5, que de cerrado nas quais este valor variou de 28,5 a 31,3. Os resultados são discutidos em relação ao provável papel ecológico das ceras e sua aplicação como marcadores taxônomicos.

Diversidade alfa e beta no cerrado sensu strictu da Chapada Pratinha, Brasil

Felfili,Maria Cristina; Felfili,Jeanine Maria
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2001 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
O bioma cerrado possui uma das mais ricas floras dentre as savanas mundiais com mais de 6000 espécies, abrange uma vasta extensão territorial, contém as três maiores bacias hidrográficas sul americanas, e se destaca pela elevada biodiversidade. O objetivo deste trabalho, que faz parte do Projeto Biogeografia do Bioma Cerrado, foi analisar as diversidades alfa e beta em comunidades de cerrado sensu stricto. Foram amostrados o Parque Nacional de Brasília, a Estação Ecológica de Águas Emendadas, a Area de Proteção Ambiental (APA) Gama-Cabeça de Veado, Silvânia-GO, Paracatu-MG e Patrocínio-MG. A amostragem foi aleatória com 10 parcelas de 20x50m em cada área de estudo. Foram incluídas plantas lenhosas, exceto lianas, que tivessem no mínimo 5cm de diâmetro. Foi calculada a diversidade alfa pelo teste de Shannon & Wienner e o de Simpson. A diversidade beta foi calculada pelo índice de Whittaker que mede a mudança ou taxa de substituição na composição de espécies de um local para outro. Foi efetuada a curva espécie-área para as 60 parcelas amostradas e efetuada a classificação por TWINSPAN. O cerrado sensu stricto da Chapada Pratinha pode ser diferenciado em duas zonas fitogeográficas: Distrito Federal-Silvânia e Paracatu-Patrocínio. Estas coincidem com um zoneamento por sistemas de terra que classifica a primeira zona como terras altas em contraposição à segunda.

Estrutura de um cerrado strico sensu na Gleba Cerrado Pé-de-Gigante, Santa Rita do Passa Quatro, SP

Fidelis,Alessandra Tomaselli; Godoy,Silvana Aparecida Pires de
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
O Cerrado ocupa aproximadamente 23% do território brasileiro e 70% do bioma correspondem a cerrado stricto sensu (s.s.), sendo relevantes os estudos que buscam o entendimento da estrutura da vegetação nessas áreas. Com esse objetivo, foram estudadas cinco parcelas (10×25m) em um hectare de cerrado s.s., amostrando-se todos os indivíduos com perímetro no nível do solo igual ou acima de 3cm (exceto lianas e indivíduos mortos). Alguns parâmetros fitossociológicos foram analisados, assim como a distribuição de classes de diâmetro dos indivíduos amostrados e a estrutura vertical. Foram amostradas 1.747 indivíduos, distribuídos em 75 espécies, pertencentes a 31 famílias. A densidade total absoluta encontrada foi de 13.976 ind.ha-1 e a área basal total, de 4,902m². Leguminosae foi a família com o maior número de espécies (16). As espécies que apresentaram os maiores valores de Índice do Valor de Importância (IVI) foram Anadenanthera falcata (Benth.) Altschul, Myrcia guianensis (Aubl.) DC., Xylopia aromatica (Lm.) Mart., Ouratea spectabilis (Mart.) Engl. e Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk. O Índice de Shannon encontrado foi de 3,623. A distribuição de classes de diâmetro apresentou curva na forma de "J" invertido...

Relação do padrão sazonal da vegetação com a precipitação na região de cerrado da Amazônia Legal, usando índices espectrais de vegetação

Becerra,Jorge Alberto Bustamante; Shimabukuro,Yosio Edemar; Alvalá,Regina Célia dos Santos
Fonte: Sociedade Brasileira de Meteorologia Publicador: Sociedade Brasileira de Meteorologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
A precipitação é um dos principais fatores que determina a dinâmica sazonal da vegetação na região de savanas tropicais, como é o caso do cerrado brasileiro. Neste trabalho foram analisadas as relações da precipitação sazonal, com o comportamento sazonal das classes de uso e cobertura da terra (UCT), principalmente as fisionomias de cerrado do Estado de Tocantins. Foi analisada a dinâmica sazonal do cerrado, incluindo áreas florestadas e não florestadas, a partir da análise de imagens do MODIS/TERRA IV (Índices de Vegetação) de janeiro a dezembro de 2004, bem como dados diários de precipitação de 2004 e uma série de precipitação diária do período de 1969 a 2005. Os resultados da análise de precipitação mostram que a área de estudo apresentou uma alta sazonalidade, com estação seca de maio a setembro. As análises dos IV mostram que a dinâmica sazonal das formações de cerrado é similar àquela das áreas convertidas para outros usos. O padrão sazonal das classes de UCT segue os padrões da precipitação, cujos menores valores foram registrados no mês de agosto de 2004, mês este que apresentou os menores valores dos IV. Diferentemente das demais classes de UCT, a formação florestal não se ajustou ao padrão de precipitação...

Insect folivory in Didymopanax vinosum (Apiaceae) in a vegetation mosaic of Brazilian cerrado

Varanda,E. M.; Pais,M. P.
Fonte: Instituto Internacional de Ecologia Publicador: Instituto Internacional de Ecologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2006 EN
Relevância na Pesquisa
36.78%
Susceptibility of Didymopanax vinosum (Apiaceae) to insect herbivores was investigated in three sites of a cerrado mosaic - composed of campo cerrado (a grassland with scattered trees and shrubs), cerradão (a tall woodland) and cerrado sensu stricto (intermediate between the two) - situated in Cerrado Pé-de-Gigante, Santa Rita do Passa Quatro, SP, Brazil. We also examined the relationship of folivory with the composition and abundance of the insect herbivore fauna, and with several nutritional and defensive plant characteristics (water, nitrogen, cellulose, lignin, tannin leaf contents, and leaf toughness). We collected insects associated with D. vinosum every month, and we measured leaf damage every three months. In general, the annual folivory differed among sites. It reached the highest rates in site 1 and site 3: 7.33 and 8.5 percent, respectively. Only 1.32 percent of annual folivory was observed in site 2. These levels resulted from the higher abundance, in sites 1 and 3, of the thrips Liothrips didymopanacis (Phlaeothripidae), the most abundant herbivore sampled, responsible for more than 90 percent of the observed damage. However, no significant relationship was found between insect activity and the chemical and physical composition of the leaves. Our findings suggest that...

Use of habitats by non-volant small mammals in Cerrado in Central Brazil

Santos-Filho,M.; Frieiro-Costa,F.; Ignácio,ÁRA.; Silva,MNF.
Fonte: Instituto Internacional de Ecologia Publicador: Instituto Internacional de Ecologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2012 EN
Relevância na Pesquisa
36.78%
Non-volant small mammals are organisms capable of yielding precise information on richness, abundance and species composition variations related to the use of habitats. The aim of this research was to compare these variations in Cerrado sensu stricto, Palm Forest, Gallery Forest and Rocky Field. From May 1999 to February 2000, we surveyed non-volant small mammals (hence small mammals) in Serra das Araras Ecological Station. We captured 218 individuals and recaptured 62 individuals, belonging to 21 taxa, 13 rodents and eight marsupials, in a total of 13200 trap-nights. Capture success was 1.7%. We observed higher richness of small mammals in forested areas (Gallery Forest and Palm Forest) than in open areas (Rocky Field and Cerrado sensu stricto). The Palm Forest had the highest richness of marsupials, possibly due to the quality of a specific niche. The Rocky Field had the smallest richness, but with very high abundance of few species, mainly Thrichomys pachyurus and Monodelphis domestica. Forest habitats had similar species composition. The open habitats, Cerrado sensu stricto and Rocky Field, had a distinct species composition between them, and also when compared to forested areas. Different species are exclusive or showed preference for specific habitats. The protection of horizontally heterogeneous biomes...

Amphibians of an open cerrado fragment in southeastern Brazil

Brasileiro,Cínthia Aguirre; Sawaya,Ricardo J.; Kiefer,Mara C.; Martins,Marcio
Fonte: Instituto Virtual da Biodiversidade | BIOTA - FAPESP Publicador: Instituto Virtual da Biodiversidade | BIOTA - FAPESP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2005 EN
Relevância na Pesquisa
36.78%
The Cerrado encompasses ca. 2 million km² in Brazil. Most Cerrado areas have been greatly disturbed in the past decades. Only 20% of this biome remain undisturbed, and only 1.2% is protected. Knowledge on the biology and diversity of Cerrado amphibian assemblages is still incipient. Here we present natural history information (habitat use and reproductive activity) of 28 species of frogs from the Estação Ecológica de Itirapina (EEI), and compare the composition of this assemblage with those of other Cerrado areas, other open areas, and a few forest areas throughout Brazil. We demonstrate that the Itirapina assemblage is more similar to those of other open areas than to those of forests, even when the latter are geographically closer. Six species occurred in the gallery forest at varying levels of dependence (three independent, two semi-dependent, and one totally dependent) while all other species occurred exclusively in open areas. For most species at EEI, reproduction was strongly synchronized with the onset of the rainy season, with the exception of Hypsiboas lundii, which called throughout the year, and Proceratophrys sp. which started calling prior to the beginning of the rainy season. The spatial and temporal patterns observed in this assemblage seem to reflect both ecological (e. g. hydroperiod of water bodies) and historical factors (e. g. early breeding in leptodactylids...

Caracterização da flora e estrutura do estrato arbustivo-arbóreo de um cerrado no Pantanal de Poconé, MT

Costa,Cândida Pereira da; Cunha,Cátia Nunes da; Costa,Silmara Cardoso
Fonte: Instituto Virtual da Biodiversidade | BIOTA - FAPESP Publicador: Instituto Virtual da Biodiversidade | BIOTA - FAPESP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.78%
Em áreas úmidas, como o Pantanal, a composição florística e estrutura comunitária respondem principalmente ao pulso de inundação. E para o entendimento das espécies que adentram esse bioma, essas comunidades de plantas precisam ser descritas florística e estruturalmente. O presente estudo teve como objetivos: caracterizar a composição florística e a estrutura da vegetação sobre uma cordilheira na região do Pirizal, Município de Nossa Senhora do Livramento ,MT; definir o tipo de vegetação e determinar se há maior grau de semelhança florística entre a vegetação estudada com outras áreas de cerrado s s. ou de cerradão do Centro-Oeste brasileiro. Foram alocadas 102 parcelas contíguas 20 x 5 m distribuídas sistematicamente em seis transecções dispostas no sentido borda-centro-borda da cordilheira, totalizando 1,02 ha de área amostrada. Mediram-se os indivíduos com DAP >3 cm, incluindo mortos e palmeiras. Foram identificadas 82 espécies arbustivo-arbóreas, distribuídas em 63 gêneros, 32 famílias e uma espécie indeterminada. Sendo 3 espécies características de áreas com cerradão; 19 do cerrado s.s., nove distribuídas tanto em áreas de cerradão quanto em cerrado s.s., e 10% que pertencem a ambientes inundáveis no Pantanal. Comparando a área de estudada com outras comunidades através da DCA...

Species composition and temporal activity of Arctiinae (Lepidoptera: Erebidae) in two cerrado vegetation types

Scherrer,Scheila; Ferro,Viviane G.; Ramos,Marina N.; Diniz,Ivone R.
Fonte: Sociedade Brasileira de Zoologia Publicador: Sociedade Brasileira de Zoologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2013 EN
Relevância na Pesquisa
36.78%
Arctiinae moths include nearly 11,000 species worldwide, of which approximately 700 species occur in the Brazilian Cerrado. The aim of this study was to describe the species composition of Arctiinae, as well as the variation in annual and nightly moth activity, in two Cerrado vegetation types. We sampled moths one night per month from September 2008 to June 2009, in the gallery forest and in the cerrado sensu stricto in the Jardim Botânico de Brasília. We collected 395 tiger moths belonging to 65 morphospecies; 74% of the species belonged to the tribe Arctiini and 26% to Lithosiini. Thirty-one species (47.7%) occurred only in the gallery forest, 13 (20%) occurred only in the cerrado sensu stricto, and 21 (32.3%) occurred in both vegetation types. Additionally, we found the greatest species richness between 7:00 p.m. and 8:00 p.m., and these hours were associated with 21 and 22 species, respectively. Most species (51.8%) were active for up to three hours during the night. In general, the species composition differed between the dry and rainy seasons, and the similarity of the fauna also varied hourly. Based on our results, we suggest that rapid inventories of Arctiinae be performed in both rainy and dry seasons, and sampling should be carried out the entire night.