Página 13 dos resultados de 2136 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Aspectos biológicos e epidemiológicos de Musca domestica Linneus, 1758, na região de Porto Alegre

Garcia, Denise Marques; Oliveira, Carlos Marcos Barcellos de; Torres, Jacqueline Reis
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.61%

Teste de sensibilidade do Ivermectin (0,3mg/kg) sobre ovos de nematódeos gastrintestinais de caprinos

Germer, Marlise; Brilhante, Tiago Pinheiro; Castro, Eduardo Sisson de; Gomes, Mary Jane Tweedie de Mattos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.61%

Diagnóstico da deficiência de cobre em bovinos no Rio Grande do Sul

Cerva, Cristina; Vogg, Guilherme Cardoso; Dias, Marcelo M.; Gomes, Marcos; Driemeier, David
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.61%

Prevalência da fauna parasitária de Pimelodus maculatus (Pintado), Hoplias malabaricus (Traíra) e Rhamdia sapo (Jundiá) no Rio Grande do Sul

Castro, Jane B. de; Stenzel, Bárbara; Fortes, Elinor; Hoffmann, Rita Pato
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.61%

Avaliação citológica do cerúmen de cães e gatos

Mundis, Miriam; Verdum, Marli C.; Cardoso, Ana Maria; Coradini, Márcia Alves; Oliveira, Rosemari Teresinha de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.61%

A produção científica brasileira em Medicina Tropical indexada nas bases de dados Web of Science e Scopus entre os anos de 2005 a 2012

Nunez, Zizil Arledi Glienke
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.61%
Analisa a produção científica brasileira em Medicina Tropical nas bases de dados Web of Science e Scopus. Trata-se de um estudo quantitativo com abordagem bibliométrica, cuja coleta foi feita nas bases Web of Science e Scopus, no dia 31 de julho de 2013, buscando-se resultados da produção científica brasileira em Medicina Tropical. Os resultados mostram que a Scopus apresentou uma média de 12,5% de artigos e 11,2% de periódicos a mais do que a Web of Science. Cerca de 83,6% dos periódicos são os mesmos nas duas bases de dados. Grande parte da produção científica de cada uma está concentrada nesses. A Scopus obteve 27% de citações a mais do que a WoS, embora elas tenham sido superiores apenas na segunda metade do período. O idioma inglês registrou cerca 80% das ocorrências nas duas bases de dados, e os idiomas português e espanhol aparecem em percentuais muito menores, em função do multilinguismo de alguns artigos. A predominância dos periódicos de origem estadunidense (39,3%), inglesa (26,5%) e holandesa (9,1%) fica evidente na pesquisa. A Scopus contabiliza 80% de periódicos brasileiros a mais do que a WoS. Dentro do núcleo de produtividade, localizado pela aplicação da Lei de Bradford, os periódicos brasileiros são responsáveis por 62% da produção científica da área. A dispersão verificada mostrou que a dinâmica entre as duas bases é praticamente idêntica. Cerca de 64% dos periódicos são publicados por instituições públicas...

Variabilidade genética de três colônias de Triatoma rubrovaria (Blanchard, 1843), (Hemiptera, Reduviidae), oriundas do estado do Rio Grande do Sul, avaliadas por meio do seqüenciamento de genes do DNA mitocondrial e ribossomal

Rocha, Cláudia Solano
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 78 f.
POR
Relevância na Pesquisa
16.61%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Biociências e Biotecnologia Aplicadas à Farmácia - FCFAR; Atualmente são admitidas 143 espécies da subfamília Triatominae que estão agrupadas em 18 gêneros e seis tribos. Essa classificação baseia-se principalmente em características morfológicas. Dentre essas espécies temos Triatoma rubrovaria, que pode ser encontrado no Estado do Rio Grande do Sul (Brasil), Uruguai e em algumas regiões da Argentina. Algumas espécies de Triatominae apresentam coloração e características morfológicas semelhantes, o que dificulta a identificação dos exemplares. Ferramentas como a morfometria, citogenética, retrocruzamentos e técnicas de biologia molecular são metodologias importantes para a identificação dessa subfamília. Estudos morfométricos prévios realizados com três populações de T. rubrovaria mantidas no Insetário de Triatomíneos do Laboratório de Parasitologia da Faculdade de Ciências Farmacêuticas revelaram a existência de diferenças morfométricas estatisticamente significativas entre a colônia de Caçapava do Sul (CS) e as duas colônias de Quaraí (QI e QII). Diferenças no padrão de cor do pronoto entre as três populações também foram observadas. A fim de avaliar a variabilidade genética dessas populações...

Relações tritroficas envolvendo lonqueideos e tefritideos (Diptera: Tephritoidea) e seus parasitoides (Hymenoptera: Chalcidoidea) em Monte Alegre do Sul-SP e Campinas-SP

Pedro Carlos Strikis
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/01/2005 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
A partir de coletas de frutos de goiaba (Pidium guajava) L., nêspera (Eryobotria japonica) Lindl., pêssego (Prunus persie) Sieb.& Zuc., maracujá (Passiflora edulis) Sims.,botões florais de maracujás, coletados na Estação Experimental do IAC em Monte Alegre do Sul; e jiló (Solanum gilo) e pimenta (Capsicum sp.) coletados no Sítio Nishimura Rodovia Campinas-Mogi-Mirim durante os anos de 2002 e 2003 foram obtidos pupas e adultos de Anastrepha Schiner (Díptera: Acalyptratae: Tephriritdae), Neosilba e Dasiops (Díptera: Acalyptratae: Lonchaeidae), braconídeos (Hymenoptera: Braconidae) e Eucoilinae (Hymenoptera: Cynipoidea: Figitidae).Os frutos maduros colhidos das respectivas plantas, goiabas e nêsperas também colhidos do solo; foram levados ao Laboratório de Entomologia L2-A do Departamento de Parasitologia do Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas; onde foram individualizados, pesados e acondicionados em recipientes contendo uma camada de 5 cm de vermiculita umedecida, etiquetados e fechados com uma tela de organza a fim de impedir a saída das larvas de lonqueídeos em estágio de pré-pupa. Cada recipiente continha apenas 01 fruto; para cada espécie de fruto e botão floral coletado foram individualizados 10 exemplares. O restante foi pesado...

Epidemiologia das parasitoses intestinais e toxocariase no municipio Pedro de Toledo - SP

Artur Guido Muniz Ribeiro Junior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/11/2002 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
Apresenta-se um estudo transversal de base populacional no município de Pedro de Toledo -Vale do Ribeira - São Paulo - Brasil, que teve por objetivo estimar a prevalência de enteroparasitos, a intensidade de infecção por helmintos e a prevalência de Toxocara canis, e relacionar essas prevalências com as variáveis sexo, idade, zona de moradia, esgoto, tipo de água, bronquite, dor abdominal, diarréia, hemoglobina e eosinófilos. Em 2000, foram estudados de forma aleatória 224 pacientes e destes foram coletadas 224 amostras de fezes para exame microscópico, 177 amostras de sangue para realização do estudo sorológico de T. canis e 162 amostras de sangue para dosagem dos níveis de hemoglobina e contagem de eosinófilos. A prevalência de enteroparasitos foi de 56,7%, com 72,4% na zona rural e 33,3% na zona urbana. A prevalência de T. canis foi 39%, com 31,8% na zona rural e 50% na zona urbana. o enteroparasito mais prevalente foi Ascaris lumbricoides (36,6%), cujas prevalências foram 52,2% na zona rural e 13,3% na zona urbana; seguido pelo Trichuris trichiura (16,5%,) cujas fteqüências foram 16,4% na zona rural e 16,6% na zona urbana; Strongyloides stercoraZis(13,8%), cujas prevalências foram 16,4% na zona rural e 10% na zona urbana; ancilostomatídeos (12...

Avaliação de uma nova técnica (TF-Test Modified) destinada ao diagnóstico de parasitoses intestinais em amostras fecais; Evaluation of a new technique (TF-Test Modified) intended for the diagnosis of intestinal parasites in fecal samples

Juliana Barboza de Carvalho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
As parasitoses intestinais são altamente prevalentes no mundo, estando entre as maiores causadoras de doenças e óbitos em seres humanos. Atualmente, o diagnóstico laboratorial destas parasitoses é realizado por meio de procedimentos técnicos manuais, desenvolvidos na sua grande maioria há décadas, o que justifica a aplicabilidade de técnicas mais sensíveis e práticas para esta finalidade, visando obter resultados eficientes, especialmente em programas governamentais direcionados à Saúde Pública. Sendo assim, o objetivo do projeto foi de avaliar e validar uma nova técnica parasitológica, denominada TF-Test Modified, em comparação com três técnicas parasitológicas convencionais consagradas pela literatura: TF-Test Conventional; Rugai, Mattos e Brisola; e Kato-Katz/Helm-Test. As etapas do trabalho consistiram em realizar coleta de material fecal de 457 indivíduos localizados em regiões endêmicas para parasitoses no município de Campinas, SP; no processamento laboratorial de 1.828 exames; no diagnóstico de 14 espécies parasitárias; e na análise estatística qualitativa de resultados de maneira abrangente. Dentre as espécies parasitárias encontradas, helmintos e protozoários intestinais foram detectados em 42...

Mosquitos (Diptera: Culicidae) de área de Mata Atlântica em dois estádios sucessionais na Ilha de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil

Reis, Mariana
Fonte: Florianópolis, SC. Publicador: Florianópolis, SC.
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 55
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.61%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Biológicas. Biologia.; Foram feitas doze coletas de mosquitos em dois locais com diferentes graus de preservação de Floresta Ombrófila Densa (capoeirinha e capoeirão) na Unidade de Conservação Ambiental Desterro (UCAD), no período de março de 2010 a fevereiro de 2011. As coletas foram vespertinas, com início às 13h e término às 18h. Os mosquitos que pousavam na armadilha Shannon ou tentavam picar os coletores foram capturados e levados ao Laboratório de Entomologia Médica do Departamento de Microbiologia, Imunologia e Parasitologia (MIP) da UFSC para a identificação específica. Os mosquitos foram separados em lotes de 30 minutos e variáveis como temperatura, velocidade do vento e umidade relativa do ar foram medidas e anotadas para posterior análise. Foram coletados 1458 mosquitos, sendo que 600 eram da capoeirinha e 858 do capoeirão. As espécies mais abundantes da capoeirinha foram Ochlerotatus scapularis (Rondani 1848), Wyeomyia incaudata (Root 1928) e Wy. pallidoventer (Theobald 1907) enquanto que as espécies mais abundantes do capoeirão foram Sabethes purpureus (Theobald 1907), Wy. confusa (Lutz 1905) e Wy. incaudata. Quanto às variáveis ambientais...

Estudo do tipo e grau de parasitismo em caprinos das quatro raças portuguesas: Serrana, Algarvia, Serpentina e Charnequeira: análise dos resultados de um esquema de controlo integrado aplicado

Francisco, Pedro Ribeiro; Frazão, Joaquim Franco; Fazendeiro, M. I.; Jorge, Ana Teresa
Fonte: Sociedade Portuguesa de Ciências Veterinárias Publicador: Sociedade Portuguesa de Ciências Veterinárias
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1991 POR
Relevância na Pesquisa
16.61%
O presente ensaio foi realizado no período que decorreu de Abril de 1988 a Março de 1989, na Estação Zootécnica Nacional – Unidade de Parasitologia – e Escola Superior Agrária de Santarém – Herdade da Agolada de Baixo, Coruche. O principal objectivo do mesmo foi a análise e significado epidemiológico de um esquema de controlo integrado do parasitismo. Este esquema consistiu em três tratamentos anti-helminticos (antes das cobrições, parições e lactação). Utilizou-se o Febantel e Oxfendazole em dose dupla, o primeiro nas raças Serrana e Algarvia e o último nas outras duas raças. Formaram-se dois lotes (tratado e testemunho) de um total de 70 cabras adultas. Identificaram-se dois tipos de parasitismo: Estrongilose gastrintestinal e Protostrongilidose. Não se verificam diferenças significativas no que respeita a eliminação de larvas de primeiro estado de protostrongilideos (L1) entre lotes tratados e testemunhos das quatro raças. Apenas se observaram diferenças significativas para estrongilídeos gastrintestinais e num curto período após o tratamento. Os parâmetros sanguíneos, embora abaixo dos valores considerados normais para caprinos, não se alteram de modo significativo após os tratamentos...

Achados ultrassonográficos em toxocaríase ocular

Morais,Fábio Barreto; Maciel,Ana Lúcia; Arantes,Tiago Eugênio Farias e; Muccioli,Cristina; Allemann,Norma
Fonte: Conselho Brasileiro de Oftalmologia Publicador: Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
OBJETIVO: Avaliar achados ultrassonográficos nas três principais formas de apresentação da toxocaríase ocular (granulomas de periferia e polo posterior e endoftalmite crônica), em pacientes com diagnóstico confirmado de toxocaríase ocular. MÉTODOS: Foram analisados no estudo 11 pacientes (11 olhos), de forma prospectiva, com diagnóstico de toxocaríase forma ativa, com teste ELISA positivo. Os pacientes foram submetidos ao exame de ultrassonografia ocular (transdutor 10 MHz, técnica de contato). RESULTADOS: Na série de 11 pacientes, com idade média de 7,9 anos (variando de 2 a 17 anos), 73% homens, referiram contato prévio com cães (91%), e com solo (50%), sem referência à perversão do apetite. Na avaliação dos olhos comprometidos (11 olhos), o exame oftalmológico revelou a seguinte distribuição das três formas de toxocaríase ocular: 7 (63,6%), granuloma de polo posterior; 1 (9,1%), endoftalmite crônica; 2 (18,2%), granuloma periférico; e 1 (9,1%), quadro associado de granuloma de polo posterior e endoftalmite crônica. Acuidade visual comprometida: sem percepção luminosa (3 olhos, 27,3%); visão de vultos (4 olhos, 36,4%); contar dedos a 10 cm (1 olho, 9,1%); 20/200 (1 olho, 9,1%); 20/70 (1 olho, 9,1%); indeterminado (1 olho...

Comportamento de formas sangüícolas do Trypanosoma cruzi obtidas de camundongos utilizados como filtros biológicos, em cultura e em triatomíneo

Ribeiro,Rosa Domingues; Belda Neto,Francisco Miguel; Prado Junior,José Clóvis do; Albuquerque,Sérgio de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/1986 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
Camundongos normais, utilizados como filtros biológicos, foram inoculados endovenosamente, com tripomastigotas sangüícolas da derivada RCL da cepa RC do T. cruzi. Decorridas 48 horas, os animais foram submetidos ao xenodiagnóstico e à punção cardíaca para semeadura do sangue em meio de Warren. No estômago dos triatomíneos e em cultura a 28°C, os tripomastigotas diferenciaram-se em formas arredondadas (esferomastigotas e/ou amastigotas). Esse comportamento das formas sangüícolas largas tem sido observado com freqüência e nos leva a inferir que a biologia do T. cruzi não estaria apenas relacionada com a cepa, mas, eventualmente, com populações do parasita.

Moluscos aquáticos do Estado de Rondônia (Brasil), com especial referência ao gênero Biomphalaria Preston, 1910 (Pulmonata, Planorbidae)

Coimbra Júnior,Carlos E.A.; Santos,Ricardo Ventura
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/1986 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
Foi realizado no Estado de Rondônia, Brasil, levantamento malacológico com o objetivo de estabelecer a distribuição geográfica dos moluscos aquáticos, com ênfase especial no gênero Biomphalaria. Foram pesquisados 11 municípios ao longo da rodovia BR-364, totalizando 162 ecossistemas límnicos, dos quais 77 (48%) apresentaram-se positivos para, pelo menos, uma espécie de molusco. As seguintes espécies foram encotradas: Gastropoda, Planorbidae: Biomphalaria sp., B.amazônica, B.occidentalis, Drepanotrema cimex, D.anatinum, D.lucidum e D.depressissimum; Physidae: Stenophysa marmorata; Ancylidae: Gundlachia sp.; Thiaridae: Aylacostoma sp.; Ampullaridae: Pomacea sp.; Pelecypoda, Sphaeriidae: Eupera primei e Pisidium sp. São apresentados dados de distribuição geográfica e discutida a importância epidemiológica dos achados.

Primeiro caso autóctone de tripanossomíase americana no Estado do Acre (Brasil) e sua correlação com as cepas isoladas do caso humano e de triatomíneos silvestres da área

Barata,José Maria Soares; Rocha,Roraima Moreira; Rodrigues,Vera Lúcia C.C.; Ferraz Filho,Antenor Nascimento
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/1988 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
São apresentados os resultados obtidos na investigação entorno-epidemiológica realizada no estudo do primeiro caso humano autóctone de tripanossomíase americana no Estado do Acre (Brasil). A investigação demonstrou ausência de domiciliação triatomínea, ficando descartada totalmente a possibilidade de transmissão congênita ou transfusional. Não foi possível verificar se a transmissão foi metaxênica através da invasão domiciliar de barbeiro silvestre, ou se por via digestiva através de alimentos contaminados. Foram isoladas duas cepas de Trypanosoma cruzi, uma do caso humano chamada Acre-Humana (AH) e outra de Rhodnius robustus coletados em palmeiras uricuri (Attalea sp) nas proximidades da casa, chamada Acre-Silvestre (AS). Ficou comprovada a existência de correlação entre os caracteres morfobiológicos e patogênicos das duas amostras estudadas: mostraram-se patogênicas para camundongos, infectando 100% dos animais, quer com formas metacíclicas de triatomíneos, quer com formas sanguícolas de doadores em fase aguda. A infecção dos camundongos nas duas amostras é grave com curto período pré-patente, parasitemia elevada e taxa de letalidade alta. Em ambas as cepas, em fase aguda, são abundantes ninhos de amastigotas...

Viabilidade de miracídios de Schistosoma mansoni, obtidos de fezes e de granulomas hepáticos de camundongos experimentalmente infectados com a linhagem BH

Zanotti-Magalhães,Eliana Maria; Paiva,Sônia Minervino de; Magalhães,Luiz Augusto; Carvalho,José Ferreira de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/1988 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
Estudou-se comparativamente a viabilidade, em moluscos hospedeiros, de miracídios de Schistosoma mansoni de duas origens: de ovos eliminados com as fezes e de granulomas hepáticos. Procurou-se saber se havia efeito da origem sobre o número total de cercárias obtidas e sobre o período de eliminação de cercárias. Foram também verificados o período pré-patente da infecção dos moluscos, a sobrevivência do caramujo após a infecção e o sexo das cercárias eliminadas. Concluiu-se que: a) o período pré-patente foi maior nos moluscos infectados por miracídios provenientes de granulomas hepáticos; b) a sobrevivência dos moluscos após a infecção foi maior naqueles infectados por miracídios provenientes de granulomas hepáticos; c) o número de cercadas eliminadas por molusco infectado com miracídios provenientes de granulomas hepáticos foi três vezes maior que o número de cercárias eliminadas por moluscos infectados com miracídios provenientes de ovos eliminados com as fezes.

Relação entre a patogenicidade do Schistoma mansoni em camundongos e a susceptibilidade do molusco vetor: II. Número de ovos nas fezes e número e tamanho dos granulomas nas vísceras

Zanotti-Magalhães,Eliana Maria; Magalhães,Luiz Augusto; Carvalho,José Ferreira de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/1993 PT
Relevância na Pesquisa
16.61%
Estudou-se a influência da susceptibilidade de moluscos vetores do S. mansoni no desenvolvimento da patogenicidade do trematódeo no hospedeiro definitivo. Foram utilizadas progênies de moluscos Biomphalaria tenagophila e Biomphalaria glabrata selecionadas para o caráter susceptibilidade ao S. mansoni das linhagens SJ e BH, respectivamente. Cercárias oriundas das gerações P, F1 F2, F3 e F4 foram usadas para a infecção de camundongos Swiss, que foram sacrificados oito semanas após a exposição às larvas. Por esta ocasião verificou-se o número de ovos nas fezes e o número de granulomas no fígado, baço e intestino. Avaliou-se também o tamanho das reações granulomatosas nestas vísceras. Concluiu-se que a maior susceptibilidade de B. tenagophila induziu a uma maior eliminação de ovos do parasita nas fezes. Verificou-se maior número de granulomas por área de tecido hepático em roedores infectados com cercárias oriundas de moluscos mais susceptíveis. Nos mesmos roedores, constatou-se relação inversa entre a área dos granulomas esplênicos, hepáticos e intestinais e a taxa de infecção dos moluscos que forneceram as cercárias para a infecção dos camundongos.

Chagas congénito en Bolivia: estúdio comparativo de la eficacia y el costo de los métodos de diagnostico

Azogue,Esperanza; Darras,Christian
Fonte: Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT Publicador: Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/1995 ES
Relevância na Pesquisa
16.61%
Ochocientos veinte reden nacidosfRN) de ≤2500g de la Matemidad Percy Bolandfueron examinados entre 1988 y 1989por los diferentes métodos de diagnóstico de la enfermedad de Chagas (Patologia de placenta, serologia, parasitologia y clínica) con el propósito de determinar su eflcacia y costo. El examen histopatologico permitió detectar 87 casos de infección placentaria. De este total, se observaron 43 (49%) casos RN positivos al examen parasitologico de la sangre del cordon. Este número aumento con la repetición de la prueba durante el primer mes de vida del nino, alcanzando el mismo nivel que la histopatologia. Con el examen serológico se detectaron 2 casos positivos. El signo clínico de alia especificidad de la enfermedad de Chagas en RN es la hepato-esplecnomegalia. Se discuten ventajas y desventajas en cuanto a costo y factibilidad de dos estrategias de detección de la enfermedad de Chagas congénito, la primera basada en la histopatologia y la otra en la parasitologia. Se concluye que los programas de detección de la enfermedad de Chagas no pueden ser uniformes, yaquese deben tomar en cuenta aspectos deprevalencia de la enfermedad, existencia del vector y disponibilidad de técnicas de laboratorio.

Expressão do gene para conglutinina em tecido abomasal de caprinos com infecção por nematódeos gastrintestinais.

SOUZA, B. M. P. S.; ALMEIDA, M. A. O; VIEIRA, L. da S.; NISHI, S. M.; MADRUGA, C. R.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE PARASITOLOGIA VETERINÁRIA, 16., 2010, Campo Grande, MS. [Anais...] Campo Grande, MS: Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária, 2010. 1 f. 1 CD-ROM. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE PARASITOLOGIA VETERINÁRIA, 16., 2010, Campo Grande, MS. [Anais...] Campo Grande, MS: Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária, 2010. 1 f. 1 CD-ROM.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.61%
O parasitismo por nematódeos gastrintestinais (NGIs) não ocorre de maneira uniforme dentro dos rebanhos caprinos. Diferentes níveis de infecção e gravidade de sintomas são observados dentro da mesma faixa etária, padrão racial e condições de criação dos animais. A variabilidade a esta resposta individual está associada a fatores hereditários e a mecanismos imunes. As conglutininas são proteínas pertencentes ao grupo das colectinas que participam na defesa não específica contra as infecções, agindo na ativação do sistema complemento e estimulação do processo de fagocitose através do reconhecimento de padrões moleculares de carboidratos associados a patógenos. Para investigar a participação das conglutininas na resistência às infecções por NGIs, avaliou-se a expressão gênica em tecido abomasal de caprinos com potencial para resistência (R) e suscetibilidade (S) aos NGIs. Caprinos F2 gerados por cruzamento das raças Anglo-nubiana x Saanen, com aproximadamente quatro meses idade foram submetidos a tratamento anti-helmíntico, colocados em pastagem contaminada e monitorados semanalmente por meio de exames coproparasitológicos (contagem de ovos por grama de fezes (OPG) e identificação de larvas). Os animais foram submetidos a novo tratamento ao atingir OPG superiores a 800. Ao final do período de desafio a campo e dois tratamentos...