Página 12 dos resultados de 132242 itens digitais encontrados em 0.050 segundos

Animal models of neurodegenerative diseases

Ribeiro,Fabiola Mara; Camargos,Elizabeth Ribeiro da Silva; Souza,Leonardo Cruz de; Teixeira,Antonio Lucio
Fonte: Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP Publicador: Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 EN
Relevância na Pesquisa
36.04%
The prevalence of neurodegenerative diseases, such as Alzheimer's disease (AD) and Parkinson's disease (PD), increases with age, and the number of affected patients is expected to increase worldwide in the next decades. Accurately understanding the etiopathogenic mechanisms of these diseases is a crucial step for developing disease-modifying drugs able to preclude their emergence or at least slow their progression. Animal models contribute to increase the knowledge on the pathophysiology of neurodegenerative diseases. These models reproduce different aspects of a given disease, as well as the histopathological lesions and its main symptoms. The purpose of this review is to present the main animal models for AD, PD, and Huntington's disease.

Thyroid stimulating hormone levels in cord blood are not influenced by non-thyroidal mothers' diseases

Ward,Laura Sterian; Kunii,Ilda Shizue; Maciel,Rui Monteiro de Barros
Fonte: Associação Paulista de Medicina - APM Publicador: Associação Paulista de Medicina - APM
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2000 EN
Relevância na Pesquisa
36.04%
CONTEXT: Screening programs not only offer the opportunity to trace and treat almost all cases of congenital hypothyroidism but also mean large savings to the health system. However, carefully planned strategies are necessary to extend their benefits and reduce costs. OBJECTIVE: To determine the possible influence of maternal diseases that affect maternal-fetal placenta dynamics on primary thyroid stimulating hormone (TSH) screening for congenital hypothyroidism. DESIGN: Prospective non-randomized clinical trial with at least 3 months of follow-up. SETTING: A public university referral center [CAISM/Hospital das Clínicas, Faculty of Medicine, University of Campinas, Campinas, SP]. PARTICIPANTS: 415 neonates divided into 5 groups: eighty-three infants born from cardiac mothers; 98 from mothers that had toxemia; 54 of the mothers had diabetes mellitus; 40 were HIV positive and 140 had no diseases. INTERVENTION: All newborns had cord blood samples collected on filter paper at birth. MAIN MEASUREMENTS: TSH was measured from dried blood spots using a homemade immunofluorescence assay (sensitivity in dried blood spots = 0.1 mU/L). RESULTS: There was no significant difference in the mean TSH levels among the 5 groups. Moreover, TSH levels were around 5 mU/L in 48% of the newborns...

Sexually transmitted diseases in a specialized STD healthcare center: epidemiology and demographic profile from january 1999 to december 2009

Fagundes,Luiz Jorge; Vieira Junior,Elso Elias; Moyses,Ana Carolina Marteline Cavalcante; Lima,Fernao Dias de; Morais,Fatima Regina Borges de; Vizinho,Natalina Lima
Fonte: Sociedade Brasileira de Dermatologia Publicador: Sociedade Brasileira de Dermatologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 EN
Relevância na Pesquisa
36.04%
BACKGROUND: Sexually Transmitted Diseases are still considered a serious public health problem in Brazil and worldwide. OBJECTIVE: To examine Sexually Transmitted Diseases prevalence and the sickness impact profile of STDs in a reference health center specializing in the treatment of Sexually Transmitted Diseases. METHOD: We collected epidemiological, demographic, clinical and laboratory data from the medical records and interviews of 4,128 patients who had attended the center from January 1999 to December 2009. RESULTS: Male patients outnumbered (76%) females (24%), Caucasians outnumbered (74.3%) those of mixed race (14.8%), blacks (10.8%) and Asians (0.1%). STD occurrence was higher in the 20-29 age group (46.2%) This population included 34.7% high school graduates, 8.7% college graduates and 0.8% illiterates. As for affective-sexual orientation, 86.5% were heterosexual, 7.8% homosexual and 5.5% bisexual. Regarding patients' sexual practices over the previous 30 days, 67.7% reported sexual intercourse with one person, 8.6% had had sex with two persons and 3.9%, with three or more people. The highest incidence of STD was condyloma acuminata, affecting 29.4% of all the patients, genital candidiasis 14.2%, and genital herpes 10.6%. Of the 44.3% who submitted to serologic testing for HIV detection 5% were positive...

DOENÇAS INTERSTICIAIS PULMONARES; INTERSTITIAL LUNG DISEASES

Martinez, José Antônio Baddini
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/1998 POR
Relevância na Pesquisa
36.04%
As doenças intersticiais pulmonares são um grupo heterogêneo de patologias, cujas maiores anormalidades ocorrem distalmente aos bronquíolos terminais. Tais doenças costumam ser estudadas conjuntamente, porque compartilham características clínicas, radiológicas, e funcionais comuns. No presente artigo, é discutido o diagnóstico diferencial desse conjunto numeroso de doenças, e, em maior detalhe, algumas das enfermidades mais importantes na prática clínica diária.; The interstitial lung diseases are a non homogeneous group of disorders, which anatomical abnormalities occur within the regions of the lung distal to the terminal bronchioles. These diseases are generally studied all together, because they share common clinical, radiological, and physiological features. In this article we discuss the differential diagnosis of these complex processes. We also discuss in greater detail some of the most important interstitial lung diseases in the daily clinical practice.

Glucocorticoid-induced osteoporosis in rheumatic diseases

Pereira, Rosa Maria Rodrigues; Carvalho, Jozélio Freire de; Canalis, Ernesto
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2010 ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
The aim of this article is to review rheumatological diseases that are associated with glucocorticoid-induced osteoporosis or fractures and to perform a critical analysis of the current guidelines and treatment regimens. The electronic database MEDLINE was searched using the date range of July 1986 to June 2009 and the following search terms: osteoporosis, bone mineral density, fractures, systemic lupus erythematosus, rheumatoid arthritis, systemic sclerosis, vasculitis, juvenile rheumatoid arthritis, juvenile idiopathic arthritis and juvenile dermatomyositis. Osteopenia and osteoporosis respectively account for 1.4 to 68.7% and 5.0 to 61.9% of adult rheumatological diseases. Among juvenile rheumatological disorders, the frequency of low bone mass ranges from 38.7 to 70%. In general, fracture rates vary from 0 to 25%. Although glucocorticoid-induced osteoporosis has a high rate of prevalence among rheumatic diseases, a relatively low number of patients on continuous glucocorticoid treatment receive adequate diagnostic evaluation or preventive therapy. This deficit in patient care may result from a lack of clear understanding of the attributed risks by the patients and physicians, the high complexity of the treatment guidelines and poor patient compliance.

Targeting T Cells for the Immune-Modulation of Human Diseases

Lin, Regina
Fonte: Universidade Duke Publicador: Universidade Duke
Tipo: Dissertação
Publicado em //2015
Relevância na Pesquisa
36.04%

Dysregulated inflammation underlies the pathogenesis of a myriad of human diseases ranging from cancer to autoimmunity. As coordinators, executers and sentinels of host immunity, T cells represent a compelling target population for immune-modulation. In fact, the antigen-specificity, cytotoxicity and promise of long-lived of immune-protection make T cells ideal vehicles for cancer immunotherapy. Interventions for autoimmune disorders, on the other hand, aim to dampen T cell-mediated inflammation and promote their regulatory functions. Although significant strides have been made in targeting T cells for immune-modulation, current approaches remain less than ideal and leave room for improvement. In this dissertation, I seek to improve on current T cell-targeted immunotherapies, by identifying and preclinically characterizing their mechanisms of action and in vivo therapeutic efficacy.

CD8+ cytotoxic T cells have potent antitumor activity and therefore are leading candidates for use in cancer immunotherapy. The application of CD8+ T cells for clinical use has been limited by the susceptibility of ex vivo-expanded CD8+ T cells to become dysfunctional in response to immunosuppressive microenvironments. To enhance the efficacy of adoptive cell transfer therapy (ACT)...

Characteristics of a population of sex workers and their association with the presence of sexually transmitted diseases; Características de población de profesionales del sexo y su asociación con presencia de enfermedades de transmisión sexual; Características de população de profissionais do sexo e sua associação com presença de doença sexualmente transmissível

Dal Pogetto, Maíra Rodrigues Baldin; Marcelino, Larissa Doddi; Carvalhaes, Maria Antonieta de Barros Leite; Rall, Vera Lúcia Mores; Silva, Márcia Guimarães da; Parada, Cristina Maria Garcia de Lima
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/08/2012 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
The objectives of this study were to describe a population of sex workers considering their sociodemographic characteristics, gyneco-obstetric history and behavioral factors, and to verify the association of these characteristics with the presence of sexually transmitted diseases. This epidemiological cross-sectional study was performed with 102 female sex workers. Data were collected using structured interviews and gold-standard exams for diagnosis of the diseases of interest. The women's mean age was 26.1 years. Most of them had attended school for nine years or more, were single and reported becoming sexually active before 15 years of age. Performing oral sex on partners was cited by 90.2% of women, and 99% reported the use of condoms at work; only 26.3% used condoms with permanent partners, and 42.2% used illicit drugs. No association was observed between sociodemographic factors, gyneco-obstetric history or behavioral factors and sexually transmitted diseases, which may have been due to their educational status and the fact that the population had very similar characteristics, thus making it difficult to determine such associations.; Se objetivó describir la población de profesionales del sexo, considerándose características sociodemográficas...

Uso da Classificação Internacional de Doenças na análise do absenteísmo odontológico; Uso de la Clasificación Internacional de Enfermedades en el análisis del absentismo odontológico; Use of the International Classification of Diseases in the analysis of dental absenteeism

Togna, Gisele dos Reis Della; Crosato, Edgard; Melani, Rodolfo Francisco Haltenhoff; Michel-Crosato, Edgard; Biazevic, Maria Gabriela Haye
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/06/2011 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
OBJETIVO: Comparar o uso das codificações da classificação de doenças e agravos em solicitações de afastamento do trabalho por motivo odontológico. MÉTODOS: Foram analisadas 240 solicitações emitidas em um serviço público federal entre janeiro de 2008 e dezembro de 2009. O uso da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde - Décima Revisão (CID-10) foi comparado ao sistema de Classificação Internacional de Doenças em Odontologia e Estomatologia (CID-OE). Foi determinada a especificidade da codificação nas solicitações de afastamento, bem como da codificação atribuída por peritos oficiais em inspeções indiretas, perícias e juntas odontológicas. RESULTADOS: Do total de atestados, 22,9% não apresentaram a CID, 7,1% apresentaram a CID-9, 3,3% a CID-OE e 66,7% a CID-10. A maioria das codificações foi concordante (55,1%), com maior especificidade nas codificações atribuídas após avaliação dos cirurgiões-dentistas peritos oficiais. CONCLUSÕES: É necessário aperfeiçoar a utilização da CID-10 entre os profissionais de Odontologia e perícia odontológica no trabalho. Sugere-se a incorporação do uso da CID-OE e da Classificação Internacional de Funcionamento...

Efeitos da poluição do ar nas doenças cardiovasculares: estruturas de defasagem; The effects of air pollution on cardiovascular diseases: lag structures

Martins, Lourdes Conceição; Pereira, Luiz A A; Lin, Chin A; Santos, Ubiratan P; Prioli, Gildeoni; Luiz, Olinda do Carmo; Saldiva, Paulo H N; Braga, Alfésio Luís Ferreira
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2006 ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
OBJETIVO: Investigar a estrutura de defasagem entre exposição à poluição do ar e internações hospitalares por doenças cardiovasculares em idosos, separada por gênero. MÉTODOS: Os dados de saúde de pessoas com mais de 64 anos de idade foram estratificados por gênero, na cidade de São Paulo, entre 1996 e 2001. Os níveis diários de poluentes do ar (CO, PM10, O3, NO2, SO2) e os dados de temperatura mínima e umidade relativa do ar foram também foram analisados. Foram utilizados modelos restritos de distribuição polinomial em modelos aditivos generalizados de regressão de Poisson para estimar os efeitos dos poluentes no dia da exposição e até 20 dias após, controlando-se para sazonalidades de longa e curta durações, feriados e fatores meteorológicos. RESULTADOS: Variações interquartis de PM10 (26,21 mig/m³) e SO2 (10,73 mig/m³) foram associados com aumentos de 3,17% (IC 95%: 2,09-4,25) nas admissões por insuficiência cardíaca congestiva e de 0,89% (IC 95%: 0,18-1,61) para admissões por todas as doenças cardiovasculares no dia da exposição, respectivamente. Os efeitos foram predominantemente agudos e maiores para o gênero feminino. Além disso, foi observado efeito colheita. CONCLUSÕES: Os achados mostraram que as doenças cardiovasculares em São Paulo são fortemente afetadas pela poluição do ar.; OBJECTIVE: To assess the lag structure between air pollution exposure and elderly cardiovascular diseases hospital admissions...

Tendência da mortalidade por doenças respiratórias em idosos do Estado de São Paulo, 1980 a 1998; Trends in mortality due to respiratory diseases in elderly, Brazil, 1980 to 1998

Francisco, Priscila Maria Stolses Bergamo; Donalisio, Maria Rita de Camargo; Lattorre, Maria do Rosário Dias de Oliveira
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2003 POR
Relevância na Pesquisa
36.04%
INTRODUÇÃO: A maior expectativa de vida no País e a queda da mortalidade trazem desafios aos programas sociais de atenção ao idoso, em especial na área na saúde. O objetivo do estudo foi analisar a tendência da mortalidade por doenças do trato respiratório em idosos. MÉTODOS: O estudo foi realizado com dados de mortalidade em idosos no Estado de São Paulo, no período de 1980 a 1998. Os dados foram obtidos do Sistema de Informações de Mortalidade do Ministério da Saúde (SIM/MS/DATASUS). Trata-se de um estudo ecológico de séries temporais onde foram analisadas as tendências das taxas padronizadas de mortalidade por doenças do aparelho respiratório, segundo faixas etárias (60 a 69, 70 a 79 e 80 ou mais anos), utilizando modelos de regressão linear. Descreve-se a mortalidade proporcional das doenças respiratórias frente às demais causas. RESULTADOS: Observou-se, no período, tendência crescente das taxas de mortalidade para ambos os sexos, principalmente a partir da faixa etária de 80 anos ou mais, havendo aumento na proporção de óbitos por doenças respiratórias em relação às demais causas. CONCLUSÕES: As doenças respiratórias são causas preocupantes de hospitalização e morte, particularmente na população idosa. As ações de prevenção e assistência a estas causas...

Doenças respiratórias como causa de morte no município de São Paulo, SP (Brasil); Respiratory diseases as cause of death in the city of S. Paulo (Brazil)

Laurenti, Ruy
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/1981 POR
Relevância na Pesquisa
36.04%
É apresentada a mortalidade por doenças respiratórias no município de São Paulo (Brasil), destacando-se as infecções respiratórias agudas (IRA) e o que elas representam em relação às doenças respiratórias crônicas (DRC). Os dados de mortalidade foram corrigidos por pesquisa com procura de informações adicionais, o que permitiu comparar os dados oficiais de mortalidade e os dados corrigidos. Concluiu-se que as estatísticas oficiais baseadas nos atestados de óbito não espelham a realidade quanto à magnitude das diferentes doenças respiratórias, superestimando as IRA e subestimando as DRC. Se a mesma distorção estiver ocorrendo em outras áreas do mundo, a importância relativa das IRA na mortalidade por doenças respiratórias não apresenta a magnitude apontada por outros autores.; Mortality caused by respiratory diseases in the city of S. Paulo (Brazil) was studied. Emphasis is given to the acute respiratory infections and their relative importance as compared to chronic respiratory disease. Mortality data were corrected through research by which additional information was obtained; this correction led to a comparison between the official mortality data and the corrected data. This comparison showed that official statistics...

Fatores de risco comportamentais acumulados para doenças cardiovasculares no sul do Brasil; Factores de riesgo conductuales acumulados en enfermedades cardiovasculares en el sur de Brasil; Accumulated behavioral risk factors for cardiovascular diseases in Southern Brazil

Muniz, Ludmila Correa; Schneider, Bruna Celestino; Silva, Inácio Crochemore Mohnsam da; Matijasevich, Alicia; Santos, Iná Silva
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/06/2012 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
OBJETIVO: Estimar a prevalência e identificar fatores associados ao acúmulo de comportamentos de risco para doenças cardiovasculares entre adultos. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra representativa de 2.732 adultos de ambos os sexos de Pelotas, RS, em 2010. Os fatores de risco comportamentais investigados foram: tabagismo; inatividade física no lazer; consumo habitual de gordura aparente da carne; e consumo diário de embutidos, carne vermelha e leite integral. O desfecho do estudo foi o escore de aglomeração de fatores de risco comportamentais, variando de zero a três: nenhum fator de risco comportamental para doenças cardiovasculares ou exposição a 1, 2 ou >; 3 fatores de risco comportamentais. Realizou-se regressão logística multinomial para avaliar o efeito ajustado das características individuais sobre o acúmulo de fatores de risco comportamentais, tendo como categoria de referência indivíduos sem qualquer dos fatores. RESULTADOS: A inatividade física foi o fator de risco mais prevalente (75,6%), seguido do consumo habitual de gordura aparente da carne (52,3%). Dois terços da população apresentaram dois ou mais fatores de risco comportamentais. A combinação de inatividade física e consumo habitual de gordura aparente da carne ocorreu em 17...

Desenvolvimento agrícola e doenças veiculadas por artrópodes: revisão; Agricultural development and arthropod-borne diseases: a review

Service, M.W.
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/1991 ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
Apresenta-se revisão do inter-relacionamento entre artrópodes vetores, as doenças por eles transmitidas e o desenvolvimento agrícola. Dá-se atenção especial aos efeitos decorrentes do desmatamento, do desenvolvimento pecuário e da irrigação artificial, sobre a abundância de vetores e mudanças de quadros epidemiológicos de doenças, como a malária, tripanossomíases, leishmanioses, doença de Chagas e algumas arboviroses. Discute-se a questão de se a presença de gado pode desviar, da população humana, as picadas dos vetores e assim, como zooprofilaxia, propiciar a redução de doenças como a malária, ou se, pelo contrário, a presença do gado, na atualidade se constitui em fator propiciador do incremento da população hematófaga.; A review is presented of the interrelationships between arthropod vectors, the diseases they transmit and agricultural development. Particular attention is given to the effects of deforestation, livestock development and irrigation on the abundance of vectors and changing patterns of diseases such as malaria, trypanosomiases, leishmaniasis, Chagas' and some arboviral infections. The question as whether keeping livestock diverts biting away from people and reduces diseases such as malaria - that is zooprophylaxis...

Tendência secular das parasitoses intestinais na infância na cidade de São Paulo (1984-1996); Secular trends in child intestinal parasitic diseases in S. Paulo city, Brazil (1984-1996)

Ferreira, Marcelo Urbano; Ferreira, Claudio dos Santos; Monteiro, Carlos Augusto
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2000 POR
Relevância na Pesquisa
36.04%
OBJETIVO: Estimar a prevalência e a distribuição social das parasitoses intestinais na infância, estabelecer a tendência secular dessas enfermidades e analisar sua determinação, com base em dois inquéritos domiciliares, realizados na cidade de São Paulo, SP, em 1984/85 e 1995/96. MÉTODOS: Os inquéritos estudaram amostras probabilísticas da população residente na cidade com idades entre zero e 59 meses (1.016 em 1984/85 e 1.280 em 1995/96). Amostras de fezes foram coletadas nos dois inquéritos e submetidas a exame parasitológico pela técnica de sedimentação, realizando-se leituras de preparações simples e de preparações coradas com lugol para exame de cistos de protozoários. O estudo da distribuição social das parasitoses levou em conta tercis da renda familiar per capita em cada um dos inquéritos. A estratégia analítica para estudar os determinantes da evolução da prevalência das parasitoses na população empregou modelos hierárquicos de causalidade, análises multivariadas de regressão e procedimentos análogos aos utilizados para calcular riscos atribuíveis populacionais. RESULTADOS/CONCLUSÕES: Houve entre os inquéritos reduções expressivas na prevalência das parasitoses em geral (de 30,9% para 10...

Equivalência entre revisões da Classificação Internacional de Doenças: causas de morte;;; Bridge-coding between revisions of the International Classification of Diseases: causes of death

Santo, Augusto H
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2000 POR
Relevância na Pesquisa
36.04%
OBJETIVO: Avaliar a comparabilidade entre a causa básica e as causas múltiplas de morte codificadas segundo as regras e disposições correlatas da nona e da décima revisões da Classificação Internacional de Doenças. MÉTODOS: Os dados provieram de uma amostra sistemática de 3.313 declarações de óbito de falecidos residentes no Estado de São Paulo, no ano de 1992 (1,6% do total dos óbitos naquele ano). Os dados foram processados pelo sistema "Automated Classification of Medical Entities", incluindo códigos para todas as afecções mencionadas nos atestados médicos e a causa básica que havia sido avaliada e revista segundo as disposições da nona revisão. Todas as afecções foram recodificadas segundo as disposições da décima revisão e os códigos resultantes introduzidos no banco de dados original para seleção da causa básica pelo sistema de declarações de óbito de São Paulo. As tabulações das causas múltiplas de morte codificadas pela nona e pela décima revisões foram obtidas pelas versões respectivas do programa "Tabulador de Causas Múltiplas". A comparação das causas de morte foi realizada a partir dos capítulos de ambas as revisões da Classificação Internacional de Doenças. RESULTADOS/CONCLUSÕES: As mudanças mais importantes para as causas básicas...

Doenças tropicais negligenciadas no Brasil; Neglected tropical diseases in Brazil

Lindoso, José Angelo L.; Lindoso, Ana Angélica B.P.
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Medicina Tropical de São Paulo Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Medicina Tropical de São Paulo
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2009 ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
A pobreza está intrinsicamente relacionada com a ocorrência de doenças tropicais negligenciadas (DTNs). Os principais países com os menores índices de desenvolvimento humano (IDH) e a maior carga de DTNs estão nas regiões tropicais e subtropicais do globo terrestre. O Brasil é o 70º país no ranking do IDH e concentra nove das 10 principais doenças tropicais consideradas negligenciadas pela OMS. Leishmanioses, tuberculose, dengue e hanseníase ocorrem em quase todo o território do Brasil. Mais de 90% dos casos de malária ocorrem na região norte e há surtos de filariose linfática e oncocercose. As regiões norte e nordeste apresentam o menor IDH e concentram o maior número das DTNs. Essas doenças são consideradas negligenciadas devido à falta de investimento no desenvolvimento de novas drogas e vacinas e também pela pouca eficácia dos programas de controle. Um problema preocupante em relação às DTNs é a co-infecção com HIV, que favorece manifestações clínicas graves e falência terapêutica. Neste artigo, a situação das principais DTNs no Brasil é descrita e correlacionada com o IDH e a pobreza.; Poverty is intrinsically related to the incidence of Neglected Tropical Diseases (NTDs). The main countries that have the lowest human development indices (HDI) and the highest burdens of NTDs are located in tropical and subtropical regions of the world. Among these countries is Brazil...

GERBERA DISEASES IN THE STATE OF PARANÁ, BRAZIL; DOENÇAS EM CULTIVOS DE GÉRBERA NO ESTADO DO PARANÁ

FERRONATO, Marlene de Lurdes; UTFPR; LIMA NETO, Vismar da Costa; UFPR; TOMAZ, Roberto; SEAB
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 22/10/2008 ENG
Relevância na Pesquisa
36.04%
In surveys carried out in nine regions of Paraná State between the 1st semester of 2004 and the 2nd semester of 2006, comprising 15 properties growing cut and potted gerbera (Gerbera jamesonii), nine plant pathogenic agents were identified: eight of fungal and one of bacterial nature (Erysiphe cichoracearum, Pythium sp., Phytophthora sp., Fusarium oxysporum, Cercospora gerberae, Botrytis cinerea, Albugo tragopogonis, Capnodium sp. and Pseudomonas cichorii). The identification of these pathogens, descriptions of symptoms and period of occurrence provides some basic information for future researches on epidemiology and control of gerbera diseases in the Paraná State, Brazil.; Em inspeções realizadas em 15 propriedades produtoras de gérbera (Gerbera jamesonii H. Bolus ex Hook. f.) de corte e de vaso, no período compreendido entre o 1º semestre de 2004 e 2º semestre de 2006, abrangendo nove regiões do Estado do Paraná, foram identificados nove agentes causais de doenças: oito de natureza fúngica e uma bacteriana: Erysiphe cichoracearum, Pythium sp., Phytophthora sp., Fusarium oxysporum, Cercospora gerberae, Botrytis cinerea, Albugo tragopogonis, Capnodium sp. e Pseudomonas cichorii.  A identificação dos agentes causais das doenças...

Fetal and neonatal mortality in patients with isolated congenital heart diseases and heart conditions associated with extracardiac abnormalities

Marantz,Pablo; Sáenz Tejeira,M. Mercedes; Peña,Gabriela; Segovia,Alejandra; Fustiñana,Carlos
Fonte: Archivos argentinos de pediatría Publicador: Archivos argentinos de pediatría
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2013 EN
Relevância na Pesquisa
36.04%
Congenital malformations are a known cause of intrauterine death; of them, congenital heart diseases (CHDs) are accountable for the highest fetal and neonatal mortality rates. They are strongly associated with other extracardiac malformations and an early fetal mortality. Two hundred and twenty fves cases of CHDs are presented. Of them, 155 were isolated CHDs (group A) and 70 were associated with extracardiac malformations, chromosomal disorders, or genetic syndromes (group B). The overall mortality in group B was higher than that observed in group A (p <0.01). Prenatal mortality was similar in both groups: A: 8.4% (13 out of 155); B: 15.7% (11 out of 70). Postnatal mortality was A: 16.8% (26 out of 155) (p <0.01), OR: 0.52 (95% CI: 0.16-1.7); B: 32.9% (23 out of 70) (p <0.01), OR: 0.41 (95% CI: 0.20-0.83). Heart diseases associated with extracardiac abnormalities had a higher mortality rate than isolated congenital heart diseases in the period up to 60 weeks of postmenstrual age (140 days post-term). No differences were observed between both groups of patients in terms of prenatal mortality.

Justice delayed is justice denied: protecting miners against occupational injuries and diseases: comments on Mankayi v AngloGold Ashanti Ltd 2011 32 ILJ 545 (CC)

Tshoose,CI
Fonte: PER: Potchefstroomse Elektroniese Regsblad Publicador: PER: Potchefstroomse Elektroniese Regsblad
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 EN
Relevância na Pesquisa
36.04%
In the Mankayai v Anglogold Ashant Ltd 2011 32 ILJ 545 (CC) the Constitutional Court was called upon to give meaning and content by interpreting the provision of section 35 of Compensation for Occupational Injuries and Diseases Act 130 of 1993 (COIDA) and section 100(2) of the Occupational Diseases in Mines and Works Act 78 of 1973. The Court had to determine if the employee common-law right of recourse against his employer in cases where he sustained occupational diseases is extinguished by virtue of section 35(1) of COIDA. The purpose of this case note is twofold: firstly, it analyses the decision of the Constitutional Court in the Mankayi case; secondly, the case note looks at the significance of the Mankayi case for the system of occupational health and safety in South Africa. In conclusion, the contribution explores the need for the introduction of a unified system which will address issues of occupational health and safety in a coordinated and unified manner.

Satisfaction with pharmacy services and its relationships with the control of selected chronic diseases

Smith,D; Maharaj,S; James,K
Fonte: West Indian Medical Journal Publicador: West Indian Medical Journal
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 EN
Relevância na Pesquisa
36.04%
OBJECTIVE: To assess the level of satisfaction with pharmacy services and whether satisfaction/dissatisfaction had any effect on two common chronic diseases. Proper control of chronic diseases requires a management regime which includes promotive, preventive, curative and rehabilitative services through primary, secondary and tertiary preventive intervention measures and a wide range of support services. METHODS: A cross-sectional descriptive study with both quantitative and qualitative components was designed to collect data from among all diabetic and hypertensive patients (n = 150) attending 3 health centres in the parish of St Thomas on the days that data were being collected. The questionnaires were interviewer administered. Qualitative data were obtained from focus group discussions which explored themes related to the objectives. RESULTS: Though there was overall satisfaction with the pharmacy services studied, the level of control ofthe two diseases was unsatisfactory. There was no relationship between hypertension control and satisfaction with pharmacy services while the relationship with diabetes mellitus control was limited to a very weak negative association with the rating of the pharmacists' instructions on how to take the prescribed medications. CONCLUSION: "Satisfactory Pharmacy Services " could be improved by the employment of additional staff...