Página 11 dos resultados de 1027 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Saúde do trabalhador: novas-velhas questões

Gomez,Carlos Minayo; Lacaz,Francisco Antonio de Castro
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2005 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
Como artigo para debate, este texto apresenta três questões consideradas cruciais pelos autores: (a) ausência de uma efetiva Política Nacional de Saúde do Trabalhador que coloque um marco conceitual claro, apresente diretrizes de implementação e proponha estratégias e planos de ação e de avaliação para efetivá-la; (b) fragmentação e dispersão da produção científica da área, prejudicando a importante colaboração que a Academia poderia oferecer para fundamentar as necessidades dos agentes políticos, movimentos sociais, gestores e profissionais de saúde; (c) enfraquecimento e pouca capacidade de pressão dos movimentos sociais e dos trabalhadores, evidenciando a falta de qualificação das demandas, diante dos desafios do momento presente do mundo do trabalho no Brasil. O método deste trabalho consistiu na revisão crítica de documentos e publicações da área a fim de fundamentar o tom do debate e as questões levantadas. As bases teóricas de toda a argumentação são os textos que tratam da reestruturação produtiva no Brasil, sobretudo os que analisam os efeitos nefastos desse processo e, também, os fundamentos do chamado "campo de saúde do trabalhador".

A relação trabalho e saúde no setor calçadista de Franca, São Paulo

Lourenço,Edvânia Ângela de Souza; Bertani,Iris Fenner
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
Este texto busca evidenciar a relação trabalho e saúde em um lócus determinado: a produção calçadista em Franca, interior do estado de São Paulo. A discussão privilegia o processo sócio-histórico da referida atividade econômica em Franca, com ênfase na reestruturação produtiva que, a partir na década de 1990, disseminou parte da produção para as residências dos trabalhadores, constituindo as denominadas Bancas de Pespontos e de Corte em Calçados. Desse modo, a partir do conhecimento empírico, subsidiado pelas visitas a estes empreendimentos e de entrevistas com os trabalhadores e ainda com um relato de caso, enfatiza-se as relações sociais de trabalho que podem agredir à saúde. Todavia, diante da informalidade acabam não sendo consideradas na relação entre saúde e a atividade funcional exercida, ficando estes infortúnios distantes das negociações coletivas, fiscalizações, ou seja, de possíveis mudanças.

Sob a reestruturação produtiva, enfermeiros, professores e montadores de automóveis se encontram no sofrimento do trabalho

Kuenzer,Acacia Zeneida
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio Publicador: Fundação Oswaldo Cruz, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2004 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
Este artigo propõe-se a discutir as possibilidades e os limites da intervenção social e da satisfação no trabalho dos profissionais da saúde, buscando compreender em que, nos limites do capitalismo, eles se aproximam dos trabalhadores da educação e dos trabalhadores diretamente produtivos. Para tanto, o texto discute a dupla face do trabalho, enquanto produtor de valores de uso e de valores de troca, relação dialética que compõe uma totalidade por contradição. É essa dupla face que, ao mesmo tempo, nega o humano, ao gerar relações sociais alienantes, e o produz, ao afirmá-lo enquanto indivíduo e enquanto humanidade. No capitalismo contemporâneo, marcado pela acumulação flexível, as demandas por ampliação da qualificação dos profissionais da saúde e da educação acentuam esta contradição com base em uma característica muito peculiar do seu trabalho: a sua natureza não-material. A partir desta discussão, o artigo demonstra que, tal como ocorre na educação, a progressiva mercantilização dos serviços na área da saúde, com suas peculiares formas de organização e gestão, se por um lado acentua a dimensão do sofrimento no trabalho, por outro lado também pode potencializar, diante do caráter práxico do trabalho...

Articulação entre produção e logística no final do século XX e início do XXI: reflexos no estado de São Paulo

Oliveira,Cássio Antunes
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
A produção tem-se mostrado cada vez mais vinculada ao sistema logístico. Com a reestruturação produtiva é possível apontar transformações no sistema produtivo como: vinculação mais acentuada entre a produção e a distribuição, nas localizações das unidades industriais, comerciais e de serviços. Tais mudanças exigiram do Estado maiores investimentos nos sistemas de transportes e de comunicações que são imprescindíveis à logística, além de optarem pela privatização ou pelas concessões de rodovias e ferrovias. Por meio dessas afirmações o artigo tem a pretensão de mostrar como ocorreu e ocorrem estes processos utilizando-se de exemplos e manifestações desses acontecimentos no Estado de São Paulo.

Lei do valor enquanto lei geral de valorização do capital : para uma crítica à teoria do trabalho imaterial; Law of value as a general law of capital valorization : for a critique of the theory of immaterial labor

Melo, Sérgio Ricardo Gomes dos Santos
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Ciências Sociais; Programa de Pós-Graduação em Sociologia; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Ciências Sociais; Programa de Pós-Graduação em Sociologia; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; A partir da década de 80 do século passado no capitalismo se inicia um amplo processo de reorganização estrutural comumente denominado reestruturação produtiva. Desta forma imprimiu-se um conjunto de medidas no sentido de recuperar o padrão produtivo alcançado em anos anteriores assim como recrudescer o domínio político-ideológico sobre a classe trabalhadora. Podem-se realçar dois processos nesse contexto: o crescimento do setor de serviços e a maciça inserção de micro tecnologias e tecnologias de informação; a ascensão dos serviços tanto em ocupação como em importância econômica e social conduziu Antônio Negri a descartar o arcabouço teórico-metodológico marxiano, fortemente associado ao industrialismo por esse pensador, além de creditar ao desenvolvimento das forças produtivas um papel protagonista nas transformações sociais, negligenciando, por vezes, abandonado a noção de classes sociais. Analiso nessa dissertação, baseado na teoria do valor de Marx, a interpretação do capitalismo contemporâneo de Antônio Negri, que tem em seu cerne a noção de trabalho imaterial, pretendo avaliar a consistência teórica desse conceito e nesse percurso demonstrar à vitalidade da crítica marxiana a economia política.

A seguridade social no contexto de uma renda universal garantida: os fundamentos político-jurídicos para uma ética universal na governabilidade do mundo

Teixeira Esteves, Juliana; Gaspar Lopes de Andrade, Everaldo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.43%
A partir de uma pesquisa consistente e comparativa entre diversas modalidades de seguridade social - pública e privada -, o estudo procura inicialmente demonstrar, através de uma bibliografia multidisciplinar e de evidências empíricas e analíticas produzidas por cientistas sociais de vários matizes, que esses dois sistemas enfrentam uma crise estrutural e irreversível, em face do desmoronamento do Estado do Bem Estar-Social e de sua base de sustentação, o Pleno Emprego.Procura também problematizar e refutar a alternativa ultraliberal, que se tornou hegemônica a partir da era Thatcher e Reagan, prognosticou e instituiu um modelo de Estado Mínimo, promoveu privatizações e fez aparecer o desemprego estrutural. A prevalência do capital financeiro sobre o capital produtivo, além da força das corporações multinacionais, ambas transitando por cima do Estado-nação e em dimensão planetária, desencadearam a reestruturação produtiva à serviço da precarização, da desproletarização e de alternativas de trabalho e rendas jamais previstas, em que a classe que vivia do trabalho assalariado passa a ser responsável pelos custos dos seus próprios empreendimentos.Essa ruptura de paradigmas levou o estudo a identificar dois fenômenos: a retomada dos movimentos sociais contra-hegemônicos e a uma alternativa de seguridade social a ser instituída nesse mesmo espaço global. A proposta é a de uma Renda Universal Garantida...

A Construção/reconstrução das competências profissionais do assistente social diante da gestão do serviço social da indústria SESI a partir dos anos 90

Araújo, Maria Figuerêdo de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
L´étude du processus de construction / reconstruction des compétences de l´assistant social sous la gestion du SESI (Service Social de l´ Industrie), Natal/RN, dès la moitié des années 90 a réaffirmer la perspective que ce processus est le résultat de déterminations macrosociétaires qui sont présents, particulièrement au Brésil, aussi que, la façon par laquelle l´assistant social, le professionnel inscrit dans la division sociale et technique du travail, fait développer son perfectionement technique et intelectuel dans un milieu de nouvelles structures productives qui éxigent un nouveau profil du professionnel face à la crise du capital et de l´État. Cette recherche, de nature qualitative et quantitative, a eu lieu par de combinaisons de recherche bibliographique et empirique. Les sujets ont été huit assistants sociaux et six travailleurs administratifs du SESI, Natal/RN. Les donnés ont été obtenus par des interviews semi-structrées. On a analisé les changements qui sont arrivés dans les gestions du SESI et les compétences qui sont éxigées de l´assistant social ; l´influence du milieu socio-occupationel sur l´action professionnelle et sur le processus de construction/reconstruction de compétences; l´agrandissement de demandes institutionnelles pour l´assistant social par rapport à la prestation de services ; aussi que la constatation de l´importance de ce professionnel...

A reestruturação produtiva no mundo do trabalho e o impacto nas políticas da educação superior no Brasil: o ensino superior a serviço do mercado de trabalho

Nascimento, Laisa Mirele Soares
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Este estudo foi desenvolvido no âmbito da Linha de Pesquisa de Política e Gestão da Educação do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Uberlândia – UFU, que busca discutir questões relacionadas à Educação e Trabalho a partir da problematização da relação entre a formação profissional em nível superior e o mercado de trabalho no contexto da reestruturação produtiva no mundo do trabalho. Como fontes de pesquisa utilizam-se documentos, leis e projetos. Considera-se que toda a conjuntura da construção do sentido do trabalho e da educação atualmente articula inovações tecnológicas com novas formas de organização e gestão da produção, apesar do trabalhador continuar indispensável para a realização do trabalho. Entende-se que a função do trabalho na sociedade está sendo revista, pois a sociedade convive com altas taxas de desemprego. O atual sistema brutaliza enorme contingente de homens e mulheres que vendem sua força de trabalho, vive-se em uma sociedade de consumo rápida com o objetivo de agilizar o ciclo reprodutivo do capital. A pesquisa indica que o discurso oficial associa a idéia da escolaridade com a aquisição de um posto de trabalho, sendo assim, o ensino superior privado ganha força. Essas mudanças que não conseguem garantir um melhor padrão de vida para os trabalhadores...

O ensino superior e a reestruturação produtiva do mundo do trabalho: o impacto da precarização nas relações de trabalho dos docentes no ensino superior em Uberlândia-MG

França, Polyana Imolesi Silveira de
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Este estudo foi desenvolvido no âmbito da Linha de Pesquisa de Política e Gestão da Educação do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Uberlândia – UFU. Ele se encontra dentro do debate histórico-político brasileiro, no período de 1995 a 2005, partindo da discussão da precarização do trabalho do docente no ensino superior a partir da reestruturação produtiva no mundo do trabalho. Utiliza-se da pesquisa bibliográfica e documental para a conceituação de trabalho e educação, com base na construção do materialismo histórico dialético. Verificou-se como são estabelecidas as bases das relações de trabalho no ensino superior no que se refere aos aspectos de perfil profissional, a escolarização, a representação sobre a função docente e a percepção dos profissionais sobre as condições de trabalho. Considera-se também a mudança nas relações de trabalho e papéis exercidos no contexto educacional que se caracteriza pela subordinação ao mercado segundo as reorientações e políticas educacionais implementadas. As condições de trabalho do professor têm piorado sistematicamente em razão desse profissional aceitar a situação precária em que se encontra o sistema educacional. Essa observação parte das seguintes perspectivas: desarticulação da categoria trabalho; ausência do apoio do sindicato; redução dos postos de trabalho; compartimentalização das funções educacionais; dicotomização do pensar e do fazer; redução do poder de compra; excesso de força de trabalho no mercado. Vale salientar que no contexto atual...

Reestruturação produtiva, subjetividade e sentidos do desemprego no contexto industrial de Lavras-MG: uma abordagem construcionista; Productive reestructuration, subjectivity and sense of the unemployment in the industrial context in Lavras-MG: a constructionist perspective

Fonte: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAE - Programa de Pós-graduação; UFLA; BRASIL Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAE - Programa de Pós-graduação; UFLA; BRASIL
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.43%

Subjetividade, ética e produtividade em saúde pós-reestruturação produtiva

Gomes,Doris; Ramos,Flávia Regina Souza
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2015 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
ResumoO objetivo deste artigo é analisar os problemas éticos gerados pelo padrão moderno-estressor de produtividade pós-transformações da reestruturação produtiva em saúde. Pesquisa qualitativa do tipo exploratório descritivo, em que foram entrevistados 30 profissionais [enfermeiros, médicos e cirurgiões-dentistas] de uma região metropolitana do sul do Brasil, com experiência de trabalho na área pública e privada. Os resultados seguiram a Análise Textual Discursiva. A capitalização é desvelada como importante problema ético na cadeia de novas questões advindas do imperativo produtividade-lucratividade em saúde, pela incorporação acrítica de uma ética restrita aos interesses da empresa ou corporativo-individuais. O problema ético do baixo comprometimento profissional às necessidades do paciente e coletivo social indica a necessidade de construção de uma nova solidariedade engajada para aumento da qualidade no atendimento público. Uma produtividade voltada ao cuidado às necessidades/interesses individuais e sociais em saúde solicita um novo engajamento autogestor e coletivo dos sujeitos, apoiado num esforço institucional e ético-político de grupalidade, cooperação e solidariedade.

Reencontrando Sísifo: tecnologia e reificação

Lima, Cristhian Dany de
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Partimos da concepção de que se a hegemonia nasce na fábrica, ela absolutamente não se esgota nela. Para tornar-se hegemonia, os valores e ideais que emergem da produção precisam articular-se sob a forma de um discurso coerente acerca do mundo, precisam dar origem a uma teoria total acerca das relações humanas. Imbricar-se no cotidiano dos trabalhadores. Universalizar uma visão de mundo, um projeto de classe (ou de frações de uma classe social). É por isso que, a reestruturação produtiva sem uma forma de gestão que estimule – coercitivamente ou não – o envolvimento e a participação dos assalariados acaba por tornar-se um mecanismo estéril do ponto de vista da reprodução ampliada do capital. Podemos, portanto, vislumbrar que o capital não prescinde da força de trabalho, tendo ao contrário que envolvê-la, capturando-a e subalternizando-a. Assim, no interior das relações sociais de produção de serviços em centrais de teleatividades, em particular na ALGAR Tecnologia, uma gama de estratagemas e instrumentos são utilizados para assegurar a indispensável, para o capital, subsunção formal e material do trabalho. Entendemos que papel de destaque deve ser imputado às TICs (Tecnologias da Informação e Comunicação)...

A Reestruturação produtiva e o processo de trabalho em Catalão (Goiás): uma abordagem sobre o modo de vida da classe trabalhadora; The restructuring of production and work processes in Catalao (Goiás): an approach to the way of life of the working class

PEREIRA, Leonardo Cesar
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Sociologia; Ciências Humanas Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Sociologia; Ciências Humanas
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
This study seeks to understand how the process of industrialization in Catalão (Goiás), represented by the installation of automakers, affects the way of life and the daily lives of workers at Mitsubishi Motors Corporation. The choice of our study subject is based on the perceptions of profound changes that the work process has brought about in the urban sociability, as a result of restructuring of productive capital, from 1970s. Making necessary to analyze the meanings of these changes to this region. This prerogative is grounded in theoretical knowledge produced by the historical-dialectical materialism and by documentary evidences about incentives and strategies for the implantation of industrial capital in the city of Catalão. From the perspective outlined above, we intend to develop the analysis about the labor as fundamental activity in mediating the metabolism of man with nature and its historical development, through the organization of work process and the impact of this process in the workers' way of life. The empirical analysis is substantiated by the study of the capitalist expansion process in the Catalão region, and by the consequent urbanization expansion and intensified industrialization in the recent years. From this context...

A reestruturação produtiva e as novas formas de organização do trabalho: a experiência do transporte alternativo no município de Belém/PA; The productive restructure and the new forms of work organization: the experience of the altemative transportation

Vasconcelos, Eliza Maria Almeida
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
The study made in this thesis analyzes the new form of work organization at the urban collective transportation sector, so called Altemative Transportation which is a new form of public transportation that appears in the Brazilian urban context by the mid ninety' s, this work is made by independent or sub-contracted workers, usually organized in cooperatives . It reflects the investigation of new forms of precarious work, unformal which has been expanding in the urban transportation sector. Thus, discusses non regulation of the services sector problem the ways of survival of exc1uded workers from the formal work market mainly afier the capital productive restructure. It has as privileged area of investigation, the sector policy of urban transportation that make field of the main nets of political articulations that define the dynamic of the urban space. It is known that the urban collective transportation allows the access to the production, circulation and general consumption being necessary to the mobility of the resident population, mainly to those with low purchasing capacity. It becomes a field of empirical investigation at the Belem municipal, located at the Amazonic region - north Brazil. The main points dealed on this research start from concrete relations from the daily life of workers that deve1op their activity on the altemative transport mediated with theoretical references needed for understanding and interpretation of the studied reality. The investigation strategies were built from the abstract (theorical knowledge produced for the reality analyze) in concrete by the investigation quantitative-qualitative from this area of urban policy...

Reestruturação produtiva e organização do trabalho na industria de autopeças do Brasil

Geraldo Augusto Pinto
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/10/2003 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
A posição ocupada pelo Brasil na divisão internacional do trabalho, há muito lhe reservou condições diferenciadas de desenvolvimento econômico e social, com relação aos países capitalistas centrais. A constituição da indústria automobilística brasileira, a partir dos anos 50, expressa claramente tais diferenciações, entre cujas causas está a atuação dos governos e da classe trabalhadora nacional frente ao empresariado nacional e internacional Nesta perspectiva, esta dissertação propõe-se a explorar as características dos sistemas de organização do trabalho das empresas do setor de autopeças brasileiro, adotando-se a hipótese de que os dois principais sistemas de organização utilizados pela indústria automobilística nas economias centrais, o sistema tayloristalfordista e o sistema toyotista, sofreram significativas transformações ao serem implementados no Brasil. Baseando-se numa revisão bibliográfica, apresentam-se os elementos principais destes sistemas de organização, através de uma contextualização histórica que permita identificar os objetivos que nortearam as experiências de sua criação e desenvolvimento, bem como salientar as necessidades que estiveram na base de sua posterior difusão internacional...

Sindicatos : espaços para a atuação das mulheres? : um estudo sobre a participação das mulheres em sindicatos filiados a Central Unica dos Trabalhadores num cenario de reestruturação produtiva (1986-1999)

Veronica Clemente Ferreira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/06/2005 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
Este estudo analisa a militância feminina, o debate sobre as relações dc gênero e a incorporação de demandas especificas relacionadas à condição feminina na agenda de três sindicatos do Estado de São Paulo: o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC o Sindicato dos Quimicos e Plásticos de São Paulo e o Sindicato dos Empregados em Estabelecimcntos Bancários de São Paulo, ao longo dos anos 90. Nesse período, reestruturação produtiva e financeira resultou num conjunto de transformações no mundo do trabalho cujo impacto foi diferente para homens e mulheres das três categorias profissionais. Esse processo de mudanças produziu efeitos que se mostraram comuns para as mulheres das três categorias: a intensificação do ritmo do trabalho, o aumento da pressão psicológico e, conseqüentemente, o aumento de doenças profissionais, como a LER. Nesse contexto o movimento sindical, que se defrontava com uma situação de enfraquecimento, necessitava de uma estratégia de ação para recuperar sua capacidade de mobilização ce alicerçar seu poder de barganha, o que demandava cada vez mais um olhar atento para as necessidades e anseios diferenciados de mulheres e homens. No entanto, nos sindicatos pesquisados, as respostas às adversidades do cenário dos anos 90 foram bastante variadas. Entre os químicos houve um refluxo do debate sobre relações de gênero e da sensibilidade da militância quanto as necessidades das mulheres...Observação: O resumo na integra...

Em tempos globais, um "novo" local: a Ford na Bahia

Franco,Angela
Fonte: Universidade Federal da Bahia - Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas - Centro de Recursos Humanos Publicador: Universidade Federal da Bahia - Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas - Centro de Recursos Humanos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
46.43%
O artigo analisa a dinâmica da Região Metropolitana de Salvador (RMS) a partir da implantação da Ford, discutindo a perspectiva do 'lugar' (a periferia metropolitana), dentro de uma relação assimétrica com os negócios globais na era da flexibilidade. O texto caracteriza o complexo Ford de Camaçari a partir da reestruturação produtiva e das mudanças na organização e funcionamento dos territórios e, na segunda parte, seus impactos sobre a periferia metropolitana de Salvador. Na conclusão demonstra que as mesmas circunstâncias que permitiram a vinda da montadora para Camaçari constrangem as ambições originais de melhor equacionamento entre crescimento econômico e progresso social: a flexibilidade dos novos arranjos, que tornam os espaços periféricos estratégicos, compromete o "enraizamento" do investimento; a "produção enxuta", exígua de emprego e diligente na sua precarização, inibe os benefícios sociais.

Transformações no mundo do trabalho e economia solidária

Verardo, Luigi
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Mercado de trabalho: conjuntura e análise - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Aborda as mudanças do denominado “mundo do trabalho” exige que se considere o processo de reestruturação produtiva antes de se ater a particularidades de ordem social, política e cultural. As relações de trabalho e as formas de organização dos trabalhadores estão profundamente relacionadas com as transformações da produção e do mercado.; p. 9-11

As migrações na perspectiva do trabalho : fluxos e temporalidades do capitalismo cambiante; The migration from the perspective of labor: flows and shifting temporalities of capitalism

Lisboa, Wellington Teixeira
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
A presente reflexão centra-se na análise das configurações de um dosmais expressivos fluxos migratórios contemporâneos de brasileiros para o exterior,a saber, a emigração brasileira para a Espanha. Como um dos posicionamentosteóricos que possibilitam a compreensão da dinâmica dos deslocamentospopulacionais elegeu-se, prioritariamente, a categoria analítica focada no trabalho.Fundamentando-se nessa perspectiva, problematizar-se-ão, no presenteestudo, os impactos da reestruturação produtiva vigente desde as últimas décadasdo século 20, como uma resposta do sistema de produção dominante à crise daetapa fordista de acumulação capitalista, nos deslocamentos humanos processadosem virtude da busca pelo trabalho, tal como se processa com o coletivo deimigrantes brasileiros na Espanha.; This discussion focuses on the analysis of the recent and importantBrazilian emigration to Spain. Among the theoretical positions that allow tounderstanding dynamic of populational shifts, it was elected the analyticalcategory of work. Based on this perspective, we question, in the present study,the impact of the restructuring of work since the last decades of the twentiethcentury as an answer of the dominant production system to the crises of theFordist stage of capitalistic accumulation. It is due to job search...

A relação entre “dom/dívida” e direitos trabalhistas

Ferreira, Laura Senna
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Originais" Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Este artigo pretende analisar a interface entre direitos trabalhistas e a lógica do “dom” e da “dívida”, nas relações de trabalho, em um grupo de oficinas mecânicas da cidade de Pelotas-RS. Nessa perspectiva, o estudo procura reconstruir a história da legislação trabalhista, vinculada à luta dos trabalhadores, e articula a presença de tais direitos com a permanência de determinadas lógicas tradicionais, com base em laços de pessoalidade entre empregados e patrões. Tendo como referência o grupo investigado, analisa, a partir dos anos 1990, de que maneira as transformações advindas da “reestruturação produtiva” impactaram sobre essas relações e, de que forma, sob o ponto de vista dos “direitos”, tornou-se cada vez mais insuficiente a dicotomia formalinformal como representação dos arranjos contratuais e das relações de trabalho.