Página 11 dos resultados de 272 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

As formas de governo da juventude na contemporaneidade: um estudo sobre a Rede Coque Vive

Augusto de Queiroz Amador, Pedro; Simão de Freitas, Alexandre (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Esta pesquisa propõe-se a estudar a dinâmica formativa da Rede Coque Vive . Trata-se de uma rede social constituída por duas organizações sociais (o NEIMFA e o MABI) e um grupo extensionista da Universidade Federal de Pernambuco. A investigação questionou de que forma os atores da Rede lidam com os desafios da formação dos jovens em um contexto de estigmatização social. O estudo insere-se, portanto, na perspectiva de trabalhos que tratam da problemática da juventude desde as formas de articulação e intervenção da sociedade civil. Mais especificamente, procuramos apreender como o tema da educação e das políticas de juventude vêm sendo apreendidos pelas redes organizativas da sociedade civil, diferentemente das pesquisas que abordam essas políticas pela ótica do Estado. A ideia mais geral consistiu em refletir sobre os desafios inerentes ao governo das juventudes desde a ótica das redes sociais, tendo em vista sua importância na criação de esferas públicas locais dotadas de autonomia política e geradora de novas formas de solidariedade. O paradigma de redes sociais foi tomado como fundamento na medida em que evidencia uma visão contextual na qual o outro é apreendido fora das cenas de violência que temos presenciado nos últimos tempos. A pesquisa considerou a experiência social dos sujeitos envolvidos na Rede Coque Vive ...

Os usos pedagógicos na noção de cuidado de si: um estudo sobre a recepção do pensamento tardio de Michel Foucault no campo educacional brasileiro

Marília Alves da Silva, Nyrluce; Simão de Freitas, Alexandre (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.47%
O presente estudo problematiza a recepção do pensamento tardio de Michel Foucault no campo educacional brasileiro, investigando especificamente os usos da noção de cuidado de si na reflexão pedagógica contemporânea. Nesse horizonte, buscamos delinear uma genealogia da recepção do pensamento de Foucault entre os educadores brasileiros, para em seguida analisar como a noção de cuidado de si tem sido retomada para repensar a ideia de formação humana. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica de caráter eminentemente teórico-documental. As análises revelaram que a recepção recente do pensamento de Foucault tem privilegiado a reflexão sobre a governamentalidade e os processos de subjetivação ética, diferenciando-se da recepção hegemônica nos anos 1980 e 1990 em que a predominava a incorporação da analítica do poder. Mais ainda, constatamos que, na ultima década, a noção de cuidado de si tornou-se uma chave analítica fundamental nos usos que se tem feitos do pensamento de Foucault, deslocando radicalmente o debate em torno da crítica ao sujeito da educação, ao mesmo tempo em que retoma aspectos antes negligenciados nos usos do seu pensamento. Em última análise, a noção de cuidado de si vem sendo conceitualizada...

A sorte dos enjeitados O combate ao infanticídio e a institucionalização da assistência às crianças abandonadas no Recife (1789-1832)

Cabral do Nascimento, Alcileide; Muniz de Albuquerque Júnior, Durval (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Essa pesquisa tem como objetivo historicizar quando, como e por que o abandono indiscriminado de crianças e as práticas infanticidas, que ocorriam costumeiramente no Recife, se tornaram um problema de ordem pública e demandaram uma intervenção do governo; e, do mesmo modo, investigar de que maneira as crianças sobreviventes se tornaram um problema social no Recife, entre os anos de 1789 e 1832. Parte-se do pressuposto de que o combate ao infanticídio e a institucionalização da assistência às crianças abandonadas não foram políticas isoladas, mas fizeram parte de um plano geral de governamentalidade , no dizer de Foucault, que enredou a cidade e a população. No Recife, essa nova forma de governar teve início na gestão de d. Tomás José de Melo (1787-1798), que institucionalizou a assistência aos enjeitados ao criar a Casa dos Expostos, dentre outras medidas direcionadas à cidade e seus habitantes. Com a virada do século, novas questões e novas percepções da cidade e de sua população emergiram para os administradores da capitania, entre elas, o problema dos expostos que sobreviviam. Para as elites, esses expostos passaram a fazer parte dos segmentos da população potencialmente perigosos, como os vadios...

O carnaval na cadência dos sentidos : uma história sobre as representações das folias do Recife entre 1910 e 1940

Victor Silva, Lucas; Muniz de Albuquerque Júnior, Durval (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Ao analisar o período compreendido entre a realização do Primeiro Congresso Carnavalesco em 1910 e a publicação do Anuário do Carnaval Pernambucano pela Federação Carnavalesca do Recife em 1938, esta pesquisa abordou a emergência de uma nova representação do carnaval do Recife e suas manifestações. Nesta tese, optamos por realizar um inventário sobre as imagens da folia recifense em diversos registros documentais da época: a literatura (real-naturalista, modernista e regionalista e romance de trinta), a imprensa (Diário de Pernambuco, Jornal Pequeno, Jornal do Recife, A Província, Jornal do Commércio e Diário da Manhã), o folclore (Pereira da Costa), a sociologia (Gilberto Freyre), o discurso da Federação Carnavalesca e a música carnavalesca pernambucana. A consulta a este acervo documental permitiu que investigássemos a festa urbana enquanto instrumento das tentativas de instituição de uma nova governamentalidade e de uma nova representação da nacionalidade na ordem republicana e no regime pós-trinta. Neste trabalho, sejam entendidas como folk-lore no final do século XIX, ou como cultura popular a partir da década de 1920, as manifestações populares são tomadas como invenções de eruditos, sujeitos do dispositivo da nacionalidade. Nesta época...

Os usos pedagógicos na noção de cuidado de si: um estudo sobre a recepção do pensamento tardio de Michel Foucault no campo educacional brasileiro

Silva, Nyrluce Marília Alves da; Freitas, Alexandre Simão de (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
16.47%
O presente estudo problematiza a recepção do pensamento tardio de Michel Foucault no campo educacional brasileiro, investigando especificamente os usos da noção de cuidado de si na reflexão pedagógica contemporânea. Nesse horizonte, buscamos delinear uma genealogia da recepção do pensamento de Foucault entre os educadores brasileiros, para em seguida analisar como a noção de cuidado de si tem sido retomada para repensar a ideia de formação humana. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica de caráter eminentemente teórico-documental. As análises revelaram que a recepção recente do pensamento de Foucault tem privilegiado a reflexão sobre a governamentalidade e os processos de subjetivação ética, diferenciando-se da recepção hegemônica nos anos 1980 e 1990 em que a predominava a incorporação da analítica do poder. Mais ainda, constatamos que, na ultima década, a noção de cuidado de si tornou-se uma chave analítica fundamental nos usos que se tem feitos do pensamento de Foucault, deslocando radicalmente o debate em torno da crítica ao sujeito da educação, ao mesmo tempo em que retoma aspectos antes negligenciados nos usos do seu pensamento. Em última análise, a noção de cuidado de si vem sendo conceitualizada...

Biopolítica e direito

Toedter, Rene
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
16.47%
Resumo: O presente trabalho parte das lições de Michel Foucault, Giorgio Agamben e Carl Schmitt para apresentar os contornos tomados pela biopolítica na atualidade. Esta, que surge com um discurso de preocupação sobre a vida, detém técnicas de subjetivação e de dessubjetivação, portanto de apropriação e abandono do indivíduo. A governamentalidade e estado de exceção são os institutos que unem estas tecnologias em torno do poder soberano. A decisão soberana apresenta-se, assim, como elo conectivo entre estes pólos, a princípio, antagônicos. Neste contexto, o direito torna-se refém destas tecnologias de poder, pois passa a ser utilizado como mero veiculador destas propostas. Se o direito, exatamente àquele que se atém em prol da defesa da vida, é este ente tão frágil, dominado por todos estes dispositivos e tecnologias de biopoder, como se opor a estas práticas de dominação? Esta é a inquietação que conduziu este trabalho.

Estado e relações de poder no pensamento genealógico de Michel Foucault

Kelm, Caroline
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
16.47%
Resumo: Este trabalho tem como meta compreender por que Foucault voltou seu olhar para as relações de poder no âmbito do Estado, tema inicialmente rechaçado e relegado a segundo plano em sua obra. Procurarei explicar como esta temática ganhou relevância no decorrer das análises do autor, sobretudo a partir de suas pesquisas sobre o biopoder e sobre as práticas políticas de cunho liberal. Tais pesquisas o levaram a formular o conceito de "governamentalidade", para designar as novas estratégias políticas desenvolvidas a partir do século XVIII e seu distanciamento do tradicional poder da soberania. Tratar-se-á de examinar como este conceito, bem como a sua compreensão do biopoder, se destinaram à compreensão de diferentes lógicas de poder que atuam na sociedade e no Estado. Nosso recorte se volta sobretudo para a análise das obras e cursos do autor no período comumente designado de genealógico: da série de palestras A Verdade e As Formas Jurídicas (1973), passando por Vigiar e Punir (1975), até o curso Segurança, Território, População (1978). Partindo de uma breve explicação inicial sobre o seu conceito de poder e sobre o seu método de pesquisa, apresentarei e discutirei debates e críticas referentes às suas teorias e concepções. Em particular...

Ordenamento e desenvolvimento territoriais no Centro-Sul do Paraná

Geraldi, Juliano
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
16.47%
Resumo: O estudo tem como tema a implantação de políticas de desenvolvimento com abordagem territorial. Neste contexto, interessa-nos a delimitação da política que tem implantado no Brasil os princípios do Desenvolvimento Territorial Rural – DTR. Este paradigma de desenvolvimento teria o objetivo de reduzir a pobreza rural através da transformação produtiva e institucional de um espaço rural determinado. Estes princípios norteiam o Programa de Apoio ao Desenvolvimento Sustentável de Territórios Rurais do Ministério do Desenvolvimento Agrário – MDA. O objetivo do estudo enquadra-se na análise de como o programa ministerial se operacionalizou no país, tendo o Território Centro-Sul do Paraná como mediação empírica. Dois temas centrais servem de alicerce: ordenamento territorial e políticas de desenvolvimento. Eles se relacionam no momento em que se faz necessário intervir na distribuição dos recursos, meios de produção e indivíduos no território de forma a maximizarem produção e consumo. Da forma como ordenamento erritorial e políticas de desenvolvimento se entrelaçam surge uma estrutura de governo que necessita facilitar a territorialização do Estado através da disciplinarização do cidadão. Para compreendermos este processo...

O ensino técnico, a criação dos institutos federais de educação, ciência e tecnologia e a educação física

Silveira, Tatiana Teixeira
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
16.47%
Resumo: A presente tese construiu sua trajetória de reflexão tendo como foco geral o Ensino Técnico no Brasil, dividindo-se em duas partes principais. Na primeira parte da tese, a pesquisa concentrou-se na discussão de um importante deslocamento ocorrido a partir do final da década de 1990, o qual ensejou a constituição do ensino profissionalizante no país, tendo como culminação a criação dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs), que suplantou o antigo ensino profissional. A pergunta que orientou a pesquisa sobre a constituição do Ensino Técnico no Brasil, sobretudo nas últimas décadas, resultou em dois eixos de análise. Um primeiro, relacionado à criação e desenvolvimento do Ensino Técnico desde o período colonial até os anos de 1970. E um segundo e mais importante, a respeito das reformulações educacionais dos anos de 1990 até os dias de hoje. A problematização das políticas educacionais que reformularam o Ensino Técnico e criaram os IFs foi orientada por algumas teorizações do filósofo francês Michel Foucault, sobretudo aquelas relativas à sua análise do neoliberalismo, da governamentalidade e da biopolítica. Tratava-se nesta primeira parte da tese, de mostrar como a criação do ensino profissionalizante e dos IFs vincula-se às novas lógicas de produção de corpos e subjetividades...

Pausa!: Clínica. Clínica política. Clínica ampliada : a produção do sujeito autônomo

Dhein, Gisele
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
16.47%
Esta dissertação busca problematizar a clínica ampliada, indagando como se constituem as práticas da clínica ampliada e qual é o sujeito produzido pela clínica ampliada. Nesse sentido, quais as condições de possibilidade para o aparecimento da clínica ampliada enquanto tecnologia de atenção à saúde. O ponto de partida para a análise são os documentos Clínica ampliada (Brasil, 2004) e Clínica Ampliada e Compartilhada (Brasil, 2009). Foi a partir desses documentos que foi possível direcionar a compreensão para os processos pelos quais o Sistema Único de Saúde (SUS) produz o sujeito da saúde, mais especificamente o sujeito da clínica ampliada. Trata-se de compreender quais são os efeitos da articulação entre SUS, políticas públicas e clínica ampliada, procurando distanciar-se da busca pelas verdades sobre as tecnologias de atenção à saúde. Para tanto, as ferramentas foucaultianas de governamentalidade e biopolítica nos ajudaram a realizar esta análise. Três momentos tornaram possível tal propósito: o momento em que se problematizou o modo como se tornou viável tornar a saúde alvo de preocupação do Estado a partir de estratégias biopolíticas. Em seguida foi realizada uma análise do nascimento da clínica e...

A genealogia dos regimentos internos do Colégio da Polícia Militar de Goiânia; La genealogía del reglamento interno del Colégio de la Policia Militar de Goiás

SANTOS, Raimunda Delfino dos
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Esta investigación tiene el objetivo de analizar las relaciones de saber y poder en las normas elucidadas en los textos del Regimiento Interno del Colegio de la Policía Militar de Goiás, incluyendo los Reglamentos de Disciplina, de Continencias y de Uniformes. Se trata de un estudio bibliográfico, que sigue el enfoque interpretativista de la metodología cualitativa. El presente estudio se justifica porque investiga la normatividad escolar a partir de una perspectiva innovadora y, al mismo tiempo, intenta comprender por qué los alumnos de las escuelas militares presentan un comportamiento y un aprovechamiento escolar sobresaliente en relación a las demás escuelas públicas. Por otro lado, este trabajo también investiga la relación entre el corpus analizado, las formaciones discursivas y los efectos de sentido a partir de las concepciones teóricas de Pêcheux (1990 e 2006). No obstante, el foco central del análisis recae sobre los conceptos de Foucault (1987, 2003, 2005 e 2006) acerca del saber y del poder. A partir de la metodología genealógica de Foucault son investigadas las concepciones de poder, poder pastoral, poder disciplinar y biopoder, buscando una interrelación epistemológica y pretendiendo percibir como la pormenorización de las normas del Regimiento es construida para llevar al alumno a la conducta prevista. Ya el cotejamiento de datos y de la teoría permite conferir las formas discursivas que promueven una objetivación con el sujeto y una subjetivación cuando ese sujeto pasa a considerar que debe cuidar de si para ser un espejo de la institución que frecuenta. Se observó que el control disciplinar alcanza también a los profesores...

Arqueogenealogia da orquestra Viver Bem!

Serra, Arthur Galvão
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
16.47%
O Ponto de Cultura Viver Bem! é um projeto social em Campo Grande (MS) que oferece, entre outras atividades, aula de música clássica aos jovens do bairro Nova Lima. A proposta foi investigar, nesse lócus, os processos de subjetivação e a governamentalidade, considerando os jovens como sujeitos atores da resistência nas relações de poder que o envolvem. Como procedimentos, realizamos análise foucaultiana de práticas e discursos (arqueogenealogia) a partir do arquivo da instituição e de entrevistas gravadas com os jovens. A seleção de enunciados para a análise foi orientada, conforme propõe o autor, pela problematização sobre o objeto de pesquisa (a instituição), considerado como performado por sujeitos, não como um objeto dado e definido, mas cujas definições podem ser investigadas em sua proveniência de acontecimentos, como resultado provisório e não definitivo das relações de poder. Foi possível concluir que o envolvimento dos sujeitos no projeto social pode ser explicado pelo recurso que eles podem fazer a um repertório de discursos conforme os movimentos de resistência produzirem suas condutas; que as próprias práticas dos sujeitos compõem a situação social de forma materialmente verificável; discursos governamentais se utilizam das dispersões e disposições dos enunciados produzindo a norma que não incidirá definitivamente sobre os sujeitos...

Instâncias midiáticas: sujeitos discursivos no discurso político

Zanchini, Camila Fernandes Braga
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Pretendemos, com este trabalho, analisar como as instituições midiáticas Veja e Época constroem sentidos para e no discurso político acerca de candidatos à presidência da República. Faremos essa análise a partir de noções teóricas subjacentes à Análise do Discurso, doravante AD, de linha francesa, tomando como base teórica os pressupostos teóricos de Michel Pêcheux, como a noção de sujeito e sentido, e como base referencial alguns conceitos de Michel Foucault, como a problematização da noção de Governamentalidade e a instauração da ordem do discurso. Temos como objetivo geral examinar a amplitude dos sentidos produzidos por uma instância enunciativa sujeitudinal midiática sobre uma instância enunciativa sentidural candidato à presidência da República e, como objetivo específico, descrever como as instituições midiáticas Veja e Época produzem sentidos ao construir discursividades sobre as candidaturas à presidência da República, tomando como referência o pleito eleitoral de 2010. Demarcando esses objetivos, pretendemos responder à seguinte questão: “Considerando-se o acontecimento discursivo Campanha à Presidência da República, como ocorre a produção de sentidos acerca das candidaturas pelas instâncias enunciativas sujeitudinais Veja e Época?” Partiremos da hipótese de que existe uma parcialidade explícita por parte dessas instituições midiáticas que direciona suas posições a favor dos candidatos do PSDB...

Processos de subjetiva??o, poder disciplinar e trabalho docente no Grupo Escolar Professor Manoel Antonio de Castro (1940 ? 1970)

PIMENTEL, Glaybe Antonio Sousa
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Este trabalho tem por finalidade discutir os Grupos Escolares como espa?o de subjetiva??o e cultivo do poder disciplinar; analisar os aspectos caracter?sticos expressos na biopol?tica instaurada pelo Estado a partir do curr?culo proposto pelas reformas educacionais contidas na Constitui??o Federal de 1946, nos Decretos-Lei n? 8529 e 8530 de janeiro de 1946, na Constitui??o Federal de 1967 e na Lei de Diretrizes e Bases da Educa??o brasileira (LDB) Lei n? 4024/61; identificar os dispositivos pedag?gicos conformadores do processo de subjetiva??o docente. As quest?es mobilizadoras desta caminhada foram as seguintes: Como os Grupos Escolares cultivaram em seus espa?os o processo de subjetiva??o e o poder disciplinar? Como a biopol?tica curricular conformou o processo de subjetiva??o do trabalho docente? Que dispositivos pedag?gicos influenciaram no processo de subjetiva??o do trabalho docente no Grupo Escolar Professor Manoel Antonio de Castro (GEPMAC)? Trata-se de um estudo de car?ter bibliogr?fico e documental. Com suporte na an?lise de documentos oficiais dos arquivos p?blicos de institui??es como: C?mara Municipal, Arquivo P?blico Municipal e Estadual, Sindicato dos Profissionais de Educa??o do Munic?pio e os Arquivos da Secretaria do GEPMAC. A pesquisa incidiu no per?odo hist?rico de 1940 a 1970...

An?lise de documentos que comp?em as no??es acerca das pr?ticas de "explora??o de trabalhadores rurais": um estudo geneal?gico

GOMES, Geise do Socorro Lima
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Este trabalho apresenta uma an?lise geneal?gica foucaultiana das pr?ticas discursivas e de poder dirigidas a trabalhadores, sobretudo, rurais, que constituir?o o objeto ?trabalho escravo?. Partimos das diferentes nomenclaturas que s?o utilizadas para descrever as pr?ticas de explora??o dos trabalhadores, no Brasil, para darmos visibilidade aos diferentes campos de luta que se materializam na objetiva??o e subsequente subjetiva??o desses trabalhadores. Trabalhamos com a hip?tese de que existe nesse jogo de poder-saber disputas que implicam em pr?ticas de governamentaliza??o e de mecanismos biopol?ticos disparados por diversos segmentos que s?o convidados a arbitrar sobre a vida das pessoas, por meio do ?mbito do trabalho. Cada nomenclatura assim, ocuparia uma posi??o estrat?gica, afim de ?defender?, ?representar?, o lugar de saber do qual fala. Essas disputas culminam na produ??o de documentos, dentre os quais alguns foram escolhidos para serem analisados nesse trabalho dissertativo. S?o documentos de ?mbito internacional e nacional, a fim de que fosse problematizada essas pr?ticas em dois n?veis, j? que percebe-se que ambos se interpolam e por vezes se completam na cria??o de estrat?gias e t?ticas agenciadas para o cuidado e gest?o dos trabalhadores. Assim...

Cultura de paz e UNESCO: uma anal?tica documental da gest?o de corpos no Brasil

CRUZ, Franco Farias da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
16.47%
Este estudo objetivou realizar uma anal?tica do poder no documento ?Declara??o e Programa de A??o sobre uma Cultura de Paz?, documento este legitimado, em 1999, por uma Assembleia Geral das Na??es Unidas, fixando-se assim como norte priorit?rio das pr?ticas da ag?ncia intitulada Organiza??o das Na??es Unidas para a Educa??o, a Ci?ncia e a Cultura (UNESCO). Foram utilizados como instrumentos de an?lise norteadores metodol?gicos vinculados a muitos operadores retirados do aporte te?rico-metodol?gico produzido por Michel Foucault. Caminhou-se na dire??o de pensar, problematizar e produzir saber a partir deste movimento de desmontagem de documentos monumentos, tendo como eixo principal o conceito de ?Cultura de Paz?. Este mote de cultura de paz possui sua exist?ncia atrelada ? hist?ria das Na??es Unidas e ?s suas ag?ncias, sendo produzido e sistematizado a partir de um conjunto de cren?as, pr?ticas e associa??es, que lhe possibilitaram ganhar visibilidade e poder, popularizando-o e tornando-o uma das produ??es discursivas mais significativas da contemporaneidade. Percorrendo necessariamente por diagonais entre as tem?ticas UNESCO, governamentalidade e produ??o de subjetividade, finalizamos esta disserta??o com a apresenta??o do debate a respeito das pr?ticas denominadas cultura de paz e seus efeitos no cotidiano em termos de saber e poder.; ABSTRACT: This study aimed to perform an analyses of the power in the document "Declaration and Program of Action on a Culture of Peace"...

Educaçâo e democracia: a sociedade civil na resposta a desafios emergentes

Gonçalves Barbosa, Manuel
Fonte: Universidade da Coruña Publicador: Universidade da Coruña
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
16.47%
[Resumen] O presente artigo faz uma revisitação ao tema já clássico da relação entre a educação e a democracia partindo da hipótese de trabalho segundo a qual se verifica, nos países mais severamente colonizados pela governamentalidade neoliberal, uma desdemocratização das finalidades da educação e que esse fenómeno é tanto mais funesto quanto compromete a resposta a desafios que hoje assolam a democracia, como é o caso da sua reconstrução como projeto de vida em comum numa era de dissensões étnicas, culturais e religiosas, e, ainda, a questão da sustentabilidade ambiental do seu padrão de vida. O artigo analisa criticamente essa situação e sustenta a necessidade de rearticular mais intensamente a educação com a democracia ao nível das finalidades do ato educativo, não só na escola e nas instituições de ensino, mas também no próprio âmbito da sociedade civil, aí onde ocorre uma grande parte da nossa formação em atitudes, valores e comportamentos. A esta luz, procura-se mostrar que é legítimo esperar da sociedade civil um contributo na formação de cidadãos aptos a corresponderem aos desafios atuais da democracia, seja em termos de interculturalidade, seja em termos de sustentabilidade, e que essa ação ganha pertinência e relevância percorrendo determinados caminhos pedagógicos.; [Abstract]This article is a revisitation to the already classic theme of the relationship between education and democracy based on the hypothesis of work according to which there is...

DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: POLÍTICAS CONTEMPORÂNEAS DE FORMAÇÃO NO BRASIL

BOLDA, BRUNA DOS SANTOS; BIAVATTI, VANIA TANIRA
Fonte: INPEAU/UFSC Publicador: INPEAU/UFSC
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
16.47%
A pesquisa propõe compreender a educação como uma política pública e, na perspectiva de construção da governamentalidade de Estado, inquirir as políticas nacionais de formação docente para o Ensino Superior. O objetivo, por sua vez, consiste em investigar as diferentes configurações para a formação docente adotadas nos programas stricto sensu das Universidades do Sistema Associação Catarinense das Fundações Educacionais - ACAFE. Na fase inicial, a pesquisa foi documental na medida em que recorreu aos documentos (MEC-CAPES) e aos sites dos Programas de Pós-Graduação investigados. No entanto, apesar de configurar-se menos como um modo de tratamento dos dados e mais como uma análise, o método de pesquisa é genealógico na medida em que constitui-se como um modo de interpretação assentado nas contribuições teóricas de Michel Foucault. Considera-se que as políticas públicas educacionais brasileiras vieram numa linha de continuidade e descontinuidades, e que a formação docente foi governamentalizada pela ação de biopolíticas que orientaram políticas públicas específicas. No caso da ACAFE, as disparidades estão presentes no que tange ao oferecimento de disciplinas e estágios docentes, quando não ausente a formação docente.

Sobre a analítica do poder de Foucault

MAIA,ANTÔNIO C.
Fonte: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo Publicador: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/1995 PT
Relevância na Pesquisa
16.47%
Compreender a forma pela qual se estruturam as relações sociais, em especial as relações desiguais de obediência e dominação que justificam a autoridade e a natureza das obrigações políticas, tem sido uma tarefa constante do pensamento humano. Neste texto sustentamos que Michel Foucault deu uma contribuição inegável a uma compreensão melhor desta ordem de fenômenos. Na primeira parte examinamos algumas das características do seu conceito de poder. Na segunda, privilegiamos um outro eixo de análise, acompanhando as transformações que este conceito sofreu ao longo dos anos 70 em sua obra.

Foucault e o ponto cego na análise da guinada punitiva contemporânea

Minhoto,Laurindo Dias
Fonte: CEDEC Publicador: CEDEC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2015 PT
Relevância na Pesquisa
16.47%
A presença de Michel Foucault é hoje avassaladora no campo da sociologia da punição. Mais do que obra fundadora, ao lado de outras abordagens clássicas, seus escritos têm contribuído de modo decisivo para renovar a agenda de pesquisa sobre os nexos que articulam punição e sociedade. Entre outras razões, isso se deve à passagem, no itinerário da produção do filósofo francês, dos estudos sobre o poder como tecnologia disciplinar para a analítica de governo e os estudos sobre a governamentalidade. No interior desse deslocamento epistemológico, a ênfase na análise do poder desliza da pesquisa diacrônica da substituição de uma tecnologia de poder por outra: para a pesquisa sincrônica das distintas possibilidades de sua combinação. Com base na apresentação de quatro das mais conhecidas teses sobre a guinada punitiva contemporânea, argumento que os modos como elas operam a incorporação de aspectos da obra foucaultiana, em especial da analítica de governo, permitem identificar ao mesmo tempo alguns de seus limites e possibilidades. Especialmente, procuro chamar a atenção para uma espécie de ponto cego subjacente a essas abordagens: a ausência do conceito de neoliberalismo como arte de governar voltada à difusão da forma empresa pelo corpo social e o modo como se imbricam cada vez mais a gestão das cidades...